História Darkhold (Interativa) - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 10
Palavras 2.174
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Ficção, LGBT, Luta, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Pansexualidade, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Esse é o último capítulo bônus, até realmente começar a história

Capítulo 6 - Danny Rand e Antoni Johnson


~ Crystal Tear, anos atrás ~

Quando ainda era adolescente, Danny já era famoso por conta dos seus pais, que estavam em viagem então Danny ficava sozinho em casa, mas não naquele dia, ele tinha sido convidado para uma festa. Na festa estavam basicamente todas as pessoas da escola que estudava, mas Danny realmente só se interessava em sair de casa para alguma coisa

–Danny, não esperava que viesse-Diz um garoto se aproximando dele

–Eu fui convidado, não ia fazer desfeita-Diz Danny

–Ainda bem que veio, não ia ser a mesma coisa sem você, aliás, sabia que aqui tá as mais gostosas?-Pergunta o garoto

–Peter, você sabe que eu não gosto de garotas-Danny diz se sentando

–Não seja por isso, olha o Daimon, você não quer aquele corpo de atleta?-Pergunta Peter

–Ele tem namorado, só me deixa aqui segurando vela-Logo depois de Danny falar isso Peter deixa ele, que apenas ficou sentado mexendo no celular

–Acho que você não sabe muito como funciona uma festa-Um garoto senta ao lado dele

–Só não quero entrar no embalo de todo mundo-Danny ainda estava concentrado no celular, até olhar para a pessoa e ver que era Daimon, que estava sem camisa

–Então vamos entrar no nosso próprio embalo-Daimon se aproxima mais de Danny

–Não, eu estou bem sem estragar um relacionamento-Danny diz se levantando

–Aquilo você chama de relacionamento, eu só chamo de objeto-Daimon também se levanta e começa a tentar beijar Danny

–Sabe eu achava que você era um otário antes de te conhecer, mas agora eu tenho certeza-Danny empurra ele no sofá e vai até uma parte mais afastada do lugar, onde não tinha ninguém e não tinha música alta, Danny deita na grama e começa a olhar as estrelas

–Noite ruim?-Pergunta Antoni entregando um copo para Danny

–Sim, só espero que não esteja tentando me dopar com isso-Diz Danny

–Vai por mim, isso é o que normalmente fazem, mas esse tá limpo-Diz Antoni se sentando na grama

–E você? Tá aqui por qual motivo?-Pergunta Danny também se sentando

–Por nada, só vi você sozinho e vim falar com você-Antoni dá um sorriso

–Já pensou sobre o que pode ter além daqui? No espaço?-Pergunta Danny olhando para o céu

–Não, você tomou alguma coisa que te fez mal?-Pergunta Antoni

–Deve ter sido o que você me deu-Diz Danny rindo e voltando a deitar na grama

–Antoni Johnson-Antoni diz também se deitando na grama

–Daniel Rand, mas pode me chamar de Danny-Danny se levanta–Eu já vou embora, espero que possamos conversar mais vezes-Danny sorri e começa a caminhar enquanto Antoni ainda fica olhando para o céu

~ Dias depois, escola de Crystal Tear ~

Na sala de aula, o professor estava ensinando sobre história, Antoni era um novo aluno da sala, estava junto com Danny, porém, Danny sentava do lado esquerdo da sala e Antoni do direito então ficavam bem longe

–Alguém pode me responder qual foi um dos povos da Mesopotâmia?-Pergunta o professor e Danny levanta a mão porém o professor continua esperando, Antoni olha para Danny que estava ainda com a mão levantada–John, pode responder essa pergunta?-Pergunta o professor para um garoto atrás de Danny

–Eu não levantei a mão-Diz John, o professor apenas concorda e continua procurando alguém

–O Danny sabe-Antoni diz alto e todos olham para ele

–Você é novo aqui? Se é, deve saber que espero que outros alunos também se voluntariam-Diz ele, Antoni então levanta a mão–Sabe a resposta?-Pergunta o professor

–Sei, um dos povos da Mesopotâmia foram os idiotas, deveria saber disso já que é daquela época-Antoni diz seriamente

–No primeiro dia de aula já vai sair da sala? Quero você na diretoria agora-O professor diz autoritário, Antoni se levanta e passa por Danny que fica olhando para ele, Antoni vai para a diretoria e ouve o que precisava e logo depois sai da sala da diretora

–Antoni, queria falar com você-Danny vai até ele–Queria agradecer o que fez na sala-Danny diz sorrindo

–Não fiz aquilo por você, foi para aquele professor ficar quieto-Antoni pega sua bolsa e deixa Danny sozinho

~ Sala de aula ~

Antoni estava sozinho na sala na hora do intervalo, Danny entra para pegar uma coisa na sua bolsa quando o professor entra

–Outra vez comendo pão de canela? Não fazem outra coisa na sua casa Antoni?-Pergunta ele olhando para Antoni

–Algum problema com isso? Eu gosto de pão de canela-Antoni diz ainda comendo

–Seja como o Daniel, pelo menos na alimentação ele é prestativo-O professor olha para Danny que estava com uma maçã e um sanduíche–Deveria saber Johnson, você é o que você come-O professor diz voltando a olhar para Antoni, que levanta e vai para frente do homem

–Então eu sou um pão de canela-Antoni morde mais um pedaço antes de sair da sala

~ Acampamento Red Ruby, passeio escolar ~

Alguns alunos seguiam o professor que explicava sobre algumas coisas enquanto os alunos apenas seguiam

–Agora quero propor uma coisa, as meninas, Rand e Johnson vão coletar qualquer flor, planta ou folha que acharem, os garotos vão coletar seres como rãs, insetos e animais-O professor diz olhando para os alunos

–Uma dúvida? Por qual motivo eu e o Danny vamos ficar pegando flor?-Pergunta Antoni

–É o que bichinhas fazem–Um garoto começa a rir, Antoni dá um chute nele fazendo ele cair na lama

–Isso uma bichinha também pode fazer-Antoni começa a ir para onde as meninas estavam indo para pegar as coisas, depois de pegarem tudo os grupos se reuniram

–Como foi ficar com as meninas Rand?-Pergunta um garoto que estava com duas meninas

–Foi horrível ficar com ele e o troglodita do Antoni, ele acabou de chegar e é daquele jeito-Uma das meninas diz enquanto encostava em um tronco, Antoni vai até eles e fica do lado de Danny

–Então, como foi ter que pegar uma rã? Ficou com medinho dela pular em você?-Pergunta Antoni e o garoto nega, então Antoni pega um dos recipientes que tinha uma rã e abre, ficando com o animal na mão e chegando perto deles que vão para trás

–Se você é tão corajoso Johnson, quero ver comer ela-O garoto diz olhando para Antoni. Antoni olha para Danny que estava negando com a cabeça, Antoni volta a olhar para o trio e engole a rã

–Você é louco garoto, vamos sair daqui-Uma das garotas grita pegando suas coisas e saindo com os outros, logo depois Antoni vai para perto de uma árvore e começa a vomitar

–Você é louco? Comer uma rã?-Pergunta Danny

–Comi, mas agora quero ver eles falarem alguma bosta-Antoni ainda estava vomitando um pouco, Danny oferece um pano para ele, que limpa sua cara e joga no chão

–Não devia ter feito isso-Danny diz ainda surpreso pela atitude do garoto, Antoni apenas começa a fazer barulho de sapo–Você é o que você come?-Pergunta Danny e Antoni continua fazendo o barulho, Danny também começa a fazer

~ Intervalo ~

Antoni estava junto com Danny em uma mesa, Danny não parava de olhar para um garoto, então Antoni também olha para ele

–Ele não é lindo?-Pergunta Danny

–Não, mas você gosta dele?-Pergunta Antoni

–Gosto-Responde Danny

–Já falou isso para ele?-Pergunta Antoni

–Não? Você acha que assim tão fácil?-Pergunta Danny

–É, você só chega, leva ele para um banheiro e tudo acontece-Responde Antoni sorrindo, Danny então começa a olhar para Antoni

–Você ficou com ele?-Pergunta Danny

–Fiquei, mas foi antes de saber que você gosta dele-Antoni diz

–Quando vocês ficaram?-Pergunta Danny

–Semana passada-Responde Antoni, fazendo Danny levantar e ir embora

~ Sala de aula ~

No dia seguinte, o professor colocou uma cortina separando o lado direito do esquerdo, para representar o socialismo e o comunismo

–Essa vai ser uma atividade participativa, nela vão representar como era viver naquela época, depois da finalização dessa atividade teremos uma festa hoje a noite-O professor diz indo para a frente do lado socialismo, onde Danny estava–Vocês eram o que não pensavam apenas no dinheiro e dividiam suas coisas, por isso a comida de vocês vão para o outro lado-Logo depois de terminar as pessoas começaram a juntar seus potes e dar para o professor

–Não, não vou entregar minha comida para ninguém, é minha comida-Danny se levanta

–Isso não é o que você pensa é como o socialismo pensa, só por questionar o lado socialismo não vai participar da festa a noite-O professor coloca todos os potes na sua mesa, enquanto ele estava fazendo algumas anotações, Antoni vai para o fundo da sala e começa a chamar Danny que também estava no fundo

–Danny, eu dou um pouco da minha comida para você-Antoni diz pegando seu pote

–Johnson, comunistas não simpatizam com socialistas-O professor diz da sua mesa

–Não simpatizam mesmo-Danny diz saindo e indo para perto dos que estavam do seu lado

~ Noite da festa ~

Antoni estava olhando a festa pela janela, ainda sem entrar no lugar, ele observa onde estava o professor e vai até onde tinha uma escada, colocando ela na janela da sala onde os outros estavam

–Quem quer participar da festa?-Pergunta Antoni abrindo a janela, todos começam a se animar e a descer a escada–Cadê o Danny?-Pergunta Antoni subindo e entrando na sala

–Eu não vou ir-Diz Danny

–Olha, eu roubei uma escada só para te resgatar da prisão, realmente se eu soubesse que você gosta daquele cara eu não ia ficar com ele-Antoni diz se sentando na mesa

–Mesmo assim, eu não estou vestido para uma festa-Danny diz apontando para sua roupa

–Isso é fácil, nada que eu emprestar alguma coisa não resolva, vamos?-Pergunta Antoni e Danny dá um sorriso, depois eles descem e vão para o salão da festa, o professor vai direto até eles

–Estão de castigo, voltem para a sala-Ele diz olhando para eles

–Isso faz parte do trabalho, mostrando como depois da guerra todos vivem no mesmo terreno-Antoni diz dando um sorriso e passando pelo professor, na festa Danny fica com o garoto que ele queria enquanto Antoni apenas ficou olhando

~ Dias depois ~

Antoni estava sozinho em casa, quando a mãe de Rand liga para ele, convidando ele para um almoço com os pais do garoto que Danny estava saindo, já que Danny e o garoto estavam fora

–Oi, deve ser Antoni, eu sou Anne, mãe do Danny-Ela diz dando um sorriso e deixando ele entrar, o pai de Danny estava na cozinha terminando de arrumar a mesa

–Não vamos esperar?-Pergunta Antoni se sentando

–Esse é só uma entradinha, deve estar com fome-O pai de Danny também se senta, eles são tirados da conversa quando alguém liga para o telefone fixo e Anne atende, confirmando que é Danny

–Danny, aconteceu alguma coisa?-Pergunta Antoni pegando o telefone da mulher–Sim, já estou indo aí-Antoni desliga o telefone e pega sua jaqueta. Antoni chega no lugar, onde o garoto estava do lado de fora batendo na porta

–Deixa eu entrar, aqui está frio-Ele gritava

–Sai da frente, Danny pode abrir, é o Antoni-Logo depois Danny abre e puxa Antoni para dentro–Aconteceu alguma coisa? Ele te machucou?-Pergunta Antoni

–Não, estava acontecendo mas então eu acabei fazendo isso-Danny diz se referindo ao garoto do lado de fora

–Então você não quer mais?-Pergunta Antoni e Danny confirma–Vou abrir para ele-Antoni abre e ele entra rapidamente

–Você é maluco, eu estava congelando lá fora-Ele diz indo para perto da lareira

–É o seguinte, o Danny não quer mais trepar com você-Antoni diz olhando para ele

–Eu vim até aqui, então se ele não vai, você vai?-Pergunta ele

–Me dá um tempinho aqui com Danny-Antoni vai para um lugar mais afastado com Danny–Se veste, vamos sair daqui-Antoni diz entregando a camisa de Danny

–Vai rolar?-Pergunta o garoto ainda perto da lareira

–Vai, já volto-Antoni diz indo com Danny até a porta, logo depois o garoto ouve o som da moto dele e sai correndo

–Voltem aqui com minha moto-Grita ele correndo atrás da moto apenas de cueca

–Aproveita o frio otário-Grita Antoni rindo, Danny também começa a rir e segura em Antoni enquanto se afastavam do lugar, quando já estavam bem longe eles descem da moto e sentam na grama

–Obrigado por vir-Danny diz olhando para Antoni, ele abre a bolsa e entrega uma bebida para Danny

–Vou estar sempre quando você precisar-Antoni diz olhando para uma estátua de um parque um pouco longe

–Me promete que se você for embora, não vai me deixar nesse fim de mundo-Danny diz também olhando para a estátua

–Eu prometo, nunca vamos se separar-Antoni diz dando um sorriso, os dois se olham, começam a se aproximar até selar um beijo calmo

~ Dias atuais ~

Antoni estava andando sozinho depois de ir ver sua antiga casa, que estava à venda, ele para de andar quando começa a lembrar onde estava, ele se senta na grama e começa a olhar para um monte de destroços, que anos atrás era a estátua que tinha no parque, ele continua olhando para a estátua quando pega seu celular e começa a olhar seus contatos, parando em Danny, mas depois de um tempo bloqueia o celular e guarda ele, voltando com sua caminhada



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...