1. Spirit Fanfics >
  2. De clichê eu passo longe, min yoongi >
  3. Cap 2

História De clichê eu passo longe, min yoongi - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura.
Pode conter erros de ortografia
Me desculpem qualquer coisa
🥰🤗🍪

Capítulo 2 - Cap 2


Fanfic / Fanfiction De clichê eu passo longe, min yoongi - Capítulo 2 - Cap 2

A jovem estava confusa sobre o motivo do ato surpreendente, até porque ele estava num nível de proximidade bem maior do que o habitual.

Ele havia feito só pra irritar ou era sério?

_O que foi? 

_O que?

_Você está quieta demais, e isso me dá medo.

_Nada não. E por que o medo?

Ele apenas riu sarcástico

_Do que está rindo?

_Do seu silêncio, você faz bico quando está confusa, e o medo,, é você fica quieta quando vai fazer alguma palhaçada comigo, da última vez, fiquei com o cabelo rosa.

_Não faço bico, e bem feito, você tinha colocado areia no meu cabelo, e não foi pouca

_Faz sim, e agora que eu terminei o seu cabelo, vamos voltar para o filme.

Ele fingiu demência? É sério?

E lá estavam eles, jogados no sofá, Yoongi com a cabeça no colo de Lua, e ela com a cabeça encostada no braço do sofá.

_Eu    Estou   Entediada.

_Eu também, estamos aqui faz  'mó' tempão.

_Levanta, nós vamos tomar sorvete.

_Mas eu quero dormir!

_Não, você quer tomar sorvete.

Eles ficaram se encarando com um olhar mortal, até desabarem a rir.

_Você venceu, mas não inventa de correr, eu sou sedentário.

_Tá legal, seu preguiçoso.

Ele só revirou os olhos.

_Pra onde está indo?

_Pra casa me arrumar, eu estou com blusa de pijama.

_Seu lerdo, tem roupa sua aqui.

_Desde quando?

Ele parou na porta, com a mão na cintura.

_ Daquela vez que você e eu saímos correndo na chuva e nos molhamos todo, por isso você dormiu aqui semana passada, e esqueceu elas aqui ,  você tomou banho aqui, e eu te emprestei a roupa do Jin, vai dizer que não lembra?

_Lembro sim, demente, e ele veio pra cá quando?

_Mês passado.

_Ah, então eu vou tomar banho.

_Eu vou pro outro banheiro, suas roupas estão na segunda porta a direita do meu guarda-roupa.

_E vou pegar o moletom que você surrupiou de mim.

_Não, você me emprestou, e eu disse que não iria devolver.

_Nossa, quer tanto sentir meu cheiro pra matar a saudade?

_Vai se ferrar!

Ele riu e foi tomar banho, ele no meu quarto, e eu no quarto de visitas, que só era usado quando o Jin ou a Ayla vinham pra cá,  Yoongi dormia na minha cama.

Longe de mim seus mente poluída!

Depois do banho, optei por calça camuflada, e cropped da Adidas, nos pés, um tênis vans preto.

Assim que Yoongi saiu, ele estava lindo, calça preta rasgada no joelho, moletom preto, tênis preto, os cabelos azul marinho.

_Vai assaltar um banco ninja?

_Vai pra guerra amiga?

_Se usa adidas numa guerra?

Ele riu e saímos, tranquei a porta e fomos.

_Vamos pra outra sorveteria.

Yoongi havia ficado sério do nada.

No início eu não entendi, mas assim que olhei pra entrada, estava o inimigo mortal do Yoongi.

Jaebum, o irmão do Yoongi, os dois nunca se deram bem, o principal motivo, é que Yoongi queria seguir a carreira da música, mas seus pais tinham outros planos pra ele, queriam que ele fosse empresário, mas ele recusou, e JB aceitou o futuro que os pais queriam pra ele, começaram a deixar Yoongi de lado, e despreza-lo, ele não aguentou mais e se mudou, foi aí que eu apareci, e não vi ele deprimido nunca mais.

Apenas assenti com a cabeça, ele sorriu ao ver que eu entendia a situação e segurou minha mão, nós fomos andando, até sentir uma mão puxando meu pulso.

_Oi gatinha

Suspirei fundo.

_O que você quer Jaebum?

Respondi áspera.

_Você  e o rejeitado estão namorando? Porque ficar com esse perdedor, se você pode ficar com isso tudo?

_Não, nós não estamos namorando, e não seria da sua conta se acontecesse.

_O que você vê nesse renegado?

Yoongi estava com os punhos cerrados, e um olhar mortal, ele ia abrir a boca, mas olhei pra ele e franzi o cenho, ele entendeu que dessa vez quem resolve sou eu.

_Deixa eu ver, ele não segue ordens, batalha pelo que quer, não é abusado e sem respeito, além de ter um talento natural, um ótimo amigo, lindo, modesto, e muito mais, você não chega nem aos pés dele, não vejo nem metade do que ele tem em você, e se me der licença, vou curtir esse dia lindo, com o cara mais legal do universo e admirável, que pode ter certeza, é o seu irmão

Yoongi riu de deboche, eu segurei sua mão e saí andando, ignorando totalmente o ser humano atrás de mim.

_Huum, lindo, modesto, talentoso, o que mais pensa sobre mim?

_Fica quieto, e vamos tomar sorvete ou não?

_Vamos.

Ele disse entre risos.

Depois de muitas risadas, fotos, e palhaçadas, voltas e voltas pela cidade, estávamos voltando pra casa.

_Lembra do dia em que você quase se afogou quando desafiei você ir até o fundo do lago blaker?

_Lembro, aquele lago era realmente fundo.

_E eu, principe Min Yoongi primeiro, salvei a sua vida.

_Tá legal, um principe com estilo bad boy, cabelo colorido, que gosta de hip hop, rap, que foi o motivo da minha alma quase ter saído do corpo.

_Um principe moderno, qual o problema?

Rimos mais um pouco.

_Está entregue, nos vemos amanhã.

Ele deu um beijo na minha bochecha, não foi muito incomum, afinal, ele prefere, beijos na bochecha a abraços.

_Tchau, e vê se acorda cedo, bicho-preguiça.

_Nem vou tentar, sei que não consigo.

Eu entrei, e fechei a porta.

Fui direto pro banho, deitei me na banheira, pensando no ser humano maravilhoso que tinha como amigo, talvez, as vezes, quisesse ter ele mais do que um simples amigo.

Não, Lua sua doida!, ele não vai te corresponder, esquece isso, vai, evapora sentimento idiota, ou talvez, apenas aceite que sente que você não quer ele apenas como amigo, e sim, namorado.

Aish, o que tem esse cara? Meu Deus!

Yoongi ON

Fui  direto para o banho, é quando coloco a cabeça no lugar, penso nos meus dias, nos meus problemas, na Lua, acho que nela, é basicamente o tempo todo, ela é minha razão de viver, meus pais são uns idiotas, meu irmão, mais idiota ainda, e ela, ela é tão perfeita.

Pensar na Lua me deixa sorrindo bobo, nas palavras dela de hoje, ela me admira, e pensa isso tudo de mim, eu tenho uma quedinha por ela, faz um tempo já, mas pensava até então que era apenas amizade, ou será coisa da minha cabeça?

Não queria continuar escondendo, mas e se isso foi só uma admiração entre amigos?

Aish, odeio ficar em dúvida, mas fazer o que? Não dá pra ir lá do nada, e perguntar?

_Oi Lua, tudo bem? Gostaria de saber, se pra você sou só um amigo bobão iludido, ou o amor da sua vida?

Ri sozinho a imaginar essa cena, seria ridículo, vamos esperar mais, preciso de mais tempo pra analisar esse sentimento, eu nunca vi ela apaixonada, então, fica dificil descobrir o que se passa naquela mente, os olhinhos brilhantes, que me enlouqueciam.

 


Notas Finais


Bye bye!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...