História De Dallas a Los Angeles - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Folk, Indie
Visualizações 2
Palavras 383
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Drogas
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa leitura, espero que goste ♡

Capítulo 1 - Capitulo 1


Flashback onn- 07/09/2015

  Mãe: "você tem certeza que quer isso?, você não precisa ir se tiver mudado de ideia...-disse enquanto segurava meu rosto, com as duas mãos."
 Pai: "América, nosso menino é um homem; deixe ele ir-disse meu pai, com um tom de vóz firme, e seguro."
  Eu: "Mãe, escute o pai. Eu já sou crescido, e tenho certeza doque eu vou fazer; dona América, eu não tenho mais motivos pra ficar aqui."
 Mãe: "Sua família não é um bom motivo?."
 Eu: "Eu não posso viver de baixo das suas asas pra sempre mãe; e eu sempre vou vir ver vocês."
 Mãe: "Você ao menos conseguiu um lugar pra ficar?..."
  Eu: "Eu vou ficar em algum hotel de beira de estrada, enquanto não encontro um quarto barato pra ficar, e já achei uns bicos, pra conseguir me manter."
  Pai: "Agora tenho que concordar com ela, você está indo; sem nem ter um teto, filho?."
  Eu: "Eu já disse pai, eu vou ficar num hotel, e além do mais, tenho ele; nunca vou ficar sem ter onde dormir, tendo ele- disse enquanto apontava para um opala vermelho, estacionado na calçada, pronto pra sair."
 Pai: "Nós te amamos filho, e quando você quiser voltar; seu quarto vai estar aqui- disse meu pai, enquanto colocava sua mão pesada, no meu ombro esquerdo."
 Mãe: "Não se preocupe, não vou arrumar sua bagunça...-disse minha mãe, rindo, com os olhos marejados."
 Eu: "Eu amo vocês, muito; e sempre vou voltar- falei, enquanto puxava os dois, a um abraço coletivo."
 Mãe: "Também amamos você Miguel- falou minha mãe, me deixando um beijo molhado, na bochecha."
Pai: "Se cuida filhão, você é um homem agora."
Eu: "Bom, vou indo nessa- falei, enquanto me afastava, e entrava no carro."
-Entrei no carro; apertei o botão do som, e uma música que tinha sido parada pela metade, voltou a tocar. Era Home, do Edward Sharpe & The Magnetic Zeros .
-Joguei um beijo para eles, como despedida, e olhei pra frente, e ví a estrada que eu ia seguir- e com o peito cheio de ansiedade, e alegria, segui caminho ao meu desconhecido,  acompanhado apenas de minhas roupas, histórias em quadrinhos; e um pouco de dinheiro que consegui, do tempo que trabalhei num mercadinho da cidade. Eu estava indo rumo a minha felicidade.


Notas Finais


Obrigada por lerem ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...