História Dê-me amor querido leitor - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 7
Palavras 894
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Fluffy, Slash
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Opa, opa... Antes de dizer que estou plagiando a @_Kim_Duda, quero dizer que; eu sou ela ksks. Sim, eu criei esse perfil apenas para postar minhas drabble e estorinhas curtas de 1 capítulo.
Então, eu espero que vocês gostem e favoritem e comentem❤️

Capítulo 1 - Capítulo único


Fanfic / Fanfiction Dê-me amor querido leitor - Capítulo 1 - Capítulo único



JungKook sentou-se em frente a escrivaninha pela décima vez ao dia.  O garoto tomou um gole de seu Caffè macchiato, ligou o notebook e abriu o capítulo que escrevia. O único problema era, não havia inspiração. Sua Fanfic não era das mais famosas, mas pra ele, era um grupo muito grande de pessoas que adicionaram aos favoritos a sua estória.

                                    

O garoto resolveu escutar uma música, vai que lhe dava inspiração para escrever. Mas não foi isso que aconteceu, o garoto ficou tão concentrado no que acontecia no M/V que acabou esquecendo o real motivo de estar escutando aquela música.

Mais uma vez, desligou seu computador.



Ele queria escrever um final romântico, mas não tinha ideias; Pois, nunca havia se relacionado com alguém para saber o que deveria escrever.  Ele tinha o rascunho de uma comédia romântica, tinha a sinopse e a capa estava sendo feita, mas ele não sabia como deveria começar a estória. Em qual pessoa ele iria escrever e se as pessoas iriam gostar da ideia. O moreno queria escrever também uma estória triste, mas única tristeza  no momento era de como não tinha inspiração.



O garoto saiu de casa com sua câmera, tentando se livrar um pouco de todos os pensamentos. Foi até o parque, tirando fotos da grama verdinha. Tirava foto das crianças, das flores e do céu.  Mas o que chamou sua atenção foi o garoto ruivo que o observava. Seu olhar era de admirar, Jeon sentiu suas bochechas ferverem e o coração acelerar, mas não como se tivesse apaixonado, e sim como sentisse ideias novas surgindo.



O menino voltou a fotografar, mas logo sentiu pequenas mãos tocarem seu braço.

—V-você é o... B-bunny? O escritor de fanfics? — O garoto que o observava a minutos atrás, estava em sua frente.



—S-sim, sou eu sim. —O mais baixo sorriu.



—Eu sou seu grande fã. Eu sou o Miniemochi. Eu acompanho todas as suas estórias —O acastanhado sorriu, mas tentando recordar daquele user nos comentários. —Você não deve se lembrar do meu user...e-eu tenho vergonha de comentar...eu acho que você não vai me responder ou ao menos ler o meu comentário.



—Eu sempre leio todos os comentários, por mais que as vezes não responda todos, eu sempre os leio e fico muito feliz quando as pessoas comentam.



O Park corou de imediato, talvez estivesse com vergonha de estar de frente com seu escritor favorito.



—Prometo que irei comentar. — O Park respondeu sorrindo.



—E eu prometo que irei responder. — O moreno riu, sentindo as bochechas queimarem.



—Quando irá postar capítulo novo? —O Mochi perguntou curioso.



—Quando chegar em casa, estava buscando inspiração para escrever... e acho que eu encontrei.



O baixinho corou mais ainda —se isso era possível.



—Depois de ler eu irei comentar. — JungKook sorriu com as palavras do menor.



—Obrigado, pequena inspiração.



Depois da pequena conversa, Jeon voltou para casa, sentou-se em frente em sua escrivaninha, ligou seu notebook e abriu novamente o romance que escrevia. Ele começou a digitar, mas agora pensava  no garoto que acabará de encontrar.



Capítulo escrito, revisado e postado. O Jeon desligou seu computador e foi tomar seu banho orgulhoso. Orgulhoso de ter achado sua inspiração e de ter escrito algo realmente bom. Depois pegou seu celular e entrou no site e olhou suas notificações.



Comentários - MinieMochi

História: Me ame de novo – No final você me amou de novo.



O moreno não conteve o enorme sorriso ao ver a notificação.

E sorriu mais ainda ao ler no final do comentário.

“[...] vamos nos encontrar de novo. Quero ser sua inspiração novamente.”





....

Uma semana depois, mais um capítulo postado.  Seu romance estava indo muito bem e aquela falta de inspiração não se encontrava mais com ele, graças a Miniemochi.

O acastanhado pegou sua carteira e o celular, pegou mais um casaco por conta do frio que fazia, por mais que fosse o início de outono. Saiu de casa e foi até o café que tanto gostava. Entrou no local e pediu o seu tão famoso  Caffè macchiato.



Quando foi escolher sua mesa, seus olhos pousaram no garoto de cabelos alaranjados . O mesmo estava mexendo em seu celular, e algumas vezes arregalava os pequenos olhos, como se estivesse surpreso no que via ou lia. O  moreno tomou coragem e foi até lá, ficou em pé ao lado do garoto, que logo que o viu abriu um enorme sorriso.



—Posso me sentar com você? —O  Park concordou enquanto tomava um gole do seu  cappuccino.



O garoto voltou a atenção ao seu celular, enquanto o outro recebia seu café.



—Você não podia ter feito isso! —O mais baixo exclamou largando o celular.



—O que eu fiz? —O moreno riu, já sabendo do que se tratava.



—Você não podia ter feito isso com ela. — O garoto fez expressão de choro. —Eu quero bater no seu personagem idiota. Ele não podia ter ferido os sentimentos dela.



—Talvez em uma segunda temporada você descubra o por que dele ter ferido os sentimentos dela. — O garoto rio.



—Ashi... fiquei chateado. —O pequeno cruzou os braços. —Mas você melhorou muito seus romances.



—Talvez por que eu tenha achado uma inspiração para escrever romances. — O garoto sorriu.



—Você não viveu algum romance para que precise ter inspirações?



— O menino rio.

—Não. Mas talvez eu esteja prestes a viver um. Quem saiba eu não faça uma estória desse romance. —Ele sorriu apaixonado.


Notas Finais


Gostaram? Espero que sim. Deem muito amor ao seus escritores💖
Até mais tarde 💞


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...