1. Spirit Fanfics >
  2. De repente crianças >
  3. Te amo mil milhões

História De repente crianças - Capítulo 14


Escrita por:


Notas do Autor


Volteiiiiiiiii. A imagem de capa é Ártemis

Capítulo 14 - Te amo mil milhões


Fanfic / Fanfiction De repente crianças - Capítulo 14 - Te amo mil milhões

*duas semanas depois*

Os olimpianos estavam sentados em seus tronos. Ainda precisavam resolver a travessura de Eris porém estavam desfalcados 

- Quero uma clava de espinhos que caiba na minha mão- Disse Ares para Zeus que cobriu o rosto com a mão logo em seguida voltando seu olhar para o garoto.

- Te dou de natal- O rei dos deuses disse por fim

- Mas vai demorar- o pequeno reclamou bufando e fazendo beiço.

- Papai - Atena chamou e Zeus olhou para ela cansado nem se preocupando em sorrir.- Tô com sede; posso ir beber água? 

- Vai logo- Ele disse chegando ao ponto de chorar.

-você é uma perdição como pai - disse Poseidon para o irmão pondo a mão na frente da boca para não mostrar que estava rindo.

- Muito engraçado Poseidon- Zeus reclamou cruzando os braços 

- Quem quer cereal?- perguntou Deméter chegando na sala dos tronos com mais um pote de cereal.

- Eca- disse Apolo e ela enfiou uma colher cheia de cereal na boca dele.

- Seu cereal é muito gostoso mas eu não consigo comer nada no momento- disse Atena piscando os olhinhos.

- Quero não tia- disse Ártemis saindo de seu trono e se agarrando aos pés de Zeus.

- Deméter- Zeus repreendeu-a.

- Não se pode nem mais obrigar as pessoas a comerem cereal. Que mundo injusto é esse?- Ela disse fazendo drama e se sentando emburrada.

- Te amo mil milhões-  disse Ártemis para Zeus sorrindo.

- Também te amo mil milhões-  ele disse e se virou para Poseidon assustado 

- É uma criança.-Poseidon disse e revirou os olhos- Não tente entender porque crianças não seguem lógica 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...