História De repente Jauregui 2 temporada - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Demi Lovato, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dallas Lovato, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Drama, Filhos, Romance, Sexo
Visualizações 19
Palavras 1.624
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Jantar


P.o.v Demi

Depois que Lotie me convence a deixar aquela garota vir jantar Aqui,eu saio do quarto dela e quando estou descendo as escadas,sinto um pequeno ser,se apertar contra as minhas pernas.

Demi:hey príncipe Ben,como foi na escolinha?

Benjamim:foi legal papa,olha eu fiz.-ele fala e me entrega um papel,que quando eu vejo,percebo que era um desenho de 5 pessoas,e em casa desenho tinha o nome "Mama,Papa,Eu,Lotie,Charlie".

Demi:oh meu anjinho,é lindo.-falo e pego ele no colo,o enchendo de beijos e ando com ele até o meu "pequeno" escritório que eu faço músicas.

Demi:que tal eu colocar,o desenho do meu príncipe Aqui?.

Charlie:SIMMM.-Ele grita e eu rio,e coloco o desenho em um porta retrato que estava vazio,e quando olho para a porta vejo S/n entrar.

S/n:acredita que eu tive que obrigar ele a tirar a farda da escola?porque segundo ele,tinha que mostrar o desenho a você.-ela fala e se debruça na mesa.

Demi:claro,o meu garotão me ama.-falo e abraço ele mais forte.

S/n:fiquei sabendo do Jantar de hoje,estou orgulhosa de você Dems.-ela fala e eu reviro os olhos.

Demi:só fiz isso pela minha filha claro,e também porque fui uma idiota com ela.

S/n:a amorzinho,sei que está ansiosa para hoje a noite.

Benjamin:tem comida?.-meu filho pergunta e eu rio assentindo.

S/n:falando nisso,Demi quero que você vá ao mercado comprar umas coisinhas.

Demi:eu mereço Deus,vamos comigo pequeno?.-pergunto a Ben,que sorri e se agarra mais a mim.

S/n:a lista tá na cozinha.-ela fala quando eu me levanto,indo direto para a cozinha e vendo uma pequena listinha em baixo de um vaso.

Quando chegamos no mercado....

Benjamin:papa,oque vamos compla?

Demi:coisas desnecessárias meu anjo,como sua mãe não está Aqui,vai lá e pegue três chocolates para você.-falo e me viro para pegar um pote de palmito,e quando volto vejo meu filho com os braços cheio de chocolate.

Demi:Ben,eu não falei que era apenas três.

Benjamin:eu sei,mas é tlês pra mim,tlês pro Charlie e tlês para a Lotie.-ele fala como se fosse óbvio e eu sorrio pegando os chocolates e colocando no carrinho.Era sempre assim tudo que eu ou a S/n falava para ele pegar pra ele,sempre ele pegava o dos irmãos.

Benjamin:ecaa.-ele fala quando eu pego um pote de maionese.

Demi:arte de sua mãe.-falo e ele faz uma careta.

Demi:cá entre nós,eu também não sou muito fã de maionese, pequeno.-falo e ele ri.

Benjamin:papa,papa,pode compla,aquela bola pra mim pufavo?.-ele pede apontando para uma bola que era do estilo daqueles de jogadores mesmo,só que na bola tinha o desenho dos vingadores.

Demi:okay meu príncipe,pegue lá.-falo e ele vai todo saltitante pegar a bola.

Quando chegamos em casa...

Demi:querida cheguei.-brinco e logo S/n aparece no meu campo de visão,só com uma calcinha e moletom.

S/n:me de as sacolas,chocolate sério Demétria?

Demi:é do Ben,Charlie é Lotie.-falo e ela suspira negando e vai para a cozinha.

Benjamin:aonde vamos brincar papa?.-ele pergunta me estendendo uma sacola,onde se encontrava a bola.

Demi:aqui dentro mesmo filho.

Benjamin:mama S/n vai bigar.

Demi:que nada príncipe,é só não quebrarmos nada.

(Cinco minutos depois)


S/n:DEMÉTRIA DEVONNE LOVATO JAUREGUI E BENJAMIN JAUREGUI LOVATO.

P.o.v S/n

Eu tava na cozinha,quando ouço um estrondo na sala.
E quando chego na sala,vejo Demi e Ben me olhando com os olhos arregalados,e quando eu olho para o chão, vejo meu vaso Italiano bem caro,em cacos,com uma maldita bola dos vingadores ao lado.

S/n:DEMÉTRIA DEVONNE LOVATO JAUREGUI E BENJAMIN JAUREGUI LOVATO.

Demi:a-amor c-calma.-ela fala e eu respiro fundo e falo.

S/n:Benjamin vai para seu quarto,faça o seu dever de casa e só volte aqui,quando eu ou a Demétria for te tirar de lá.-falo e ele sobe as escadas,indo para seu quarto.

S/n:e você Demétria,tem até mais culpa que o Ben.

Demi:eu e o pequeno só estávamos brincando.-ela fala e eu rio ironicamente e pego ela pela mão,a jogando em cima do sofá.

S/n:temos a porra de um jardim enorme,que vocês podem correr e brincarem a vontade,mais nãooooo,vamos jogar bola dentro de casa e quebrar o vaso favorito da S/n.

Demi:na minha defesa,não foi minha intenção quebrar nada.-ela fala e eu fico indignada com a sua cara de pau,e seguro em seu colarinho e ela como é mais forte,me puxa,me fazendo sentar em seu colo.

S/n:se você está pensando que vai me foder,depois de ter quebrado o meu querido vaso,está muito enganada.

Demi:a meu bem,eu vou sim,porque você não resiste ao meu pau grande e grosso.

S/n:eu consigo resistir sim,e saiba você que é greve de sexo.-falo e ela ri,colando meu corpo no dela.

Demi:eu duvido que você consiga aguentar uma semana comigo dentro de casa sem implorar para transar.

S/n:é uma aposta querida?

Demi:sim,se você perder,quero sexo anal com bastante violência durante 3 dias.

S/n:agora se eu ganhar,quero sexo com menage,eu você e uma pessoinha aí.

Demi:só vou concordar,pois sei que você irá ceder.

S/n:é oque veremos meu anjo.-falo e dou um selinho nela.

Charlotte: parece até adolescentes.-ela fala e eu rapidamente saio do colo de Demi.

Demi:ouviu toda a conversa?.-Demi pergunta e Charlotte assente,fazendo cara de nojo.

S/n:espero que nada saia daqui,ouviu Charlotte?,ah e vê se arruma toda essa bagunça Demétria.- eu falo olhando seriamente para minha filha,que assente rapidamente,e Demi assente mesmo a contra gosto,com isso eu saio sorrindo vitoriosa.

P.o.v Charlotte.

Demi:que horas a garota chega?.-papa me pergunta,pegando os pedaços maiores de vaso.

Charlotte:acho que umas 6, e papa por favor não vá fazer nada estúpido.

Demi:não garanto nada princesa,e vê se avisa a ela para não se atrasar um mísero minuto.-ela fala e vai para a cozinha.

Charlotte:isso não vai acabar bem.-com esse pensamento,volto para meu quarto e começo a assistir um filme,até que escuto algumas batidas na porta.

Charlotte:quem é?

Charles:sou eu ,Charlie.

Charlotte:pode entrar.-falo e quando ele entra,vejo suas bochechas levemente coradas.

Charlotte:oque aconteceu?

Charles:acabei de voltar da faculdade e quando vou direto pra cozinha,tenho a visão da mama rebolando contra o pau da papa.-ele fala e eu arregalo os olhos,e quando eu já ia falar,ele me interrompe.

Charles:espera que tem mais,aí quando eu já ia saindo sem que elas percebessem,papa fala assim "eu não vou ceder gostosa,se prepare que eu não vou ter pena de foder seu cuzinho com força,durante 3 dias".

Charlotte:puta que pariu,eu acho que já estou ficando acostumada com as safadezas daquelas duas.-falo e ele sorri sem graça.

Charlotte:espera,você não vinha até o meu quarto,só para isso.-falo e ele sorri sem graça.

Charles:eu acho que estou gostando da Heloísa.-ele fala e eu prendo a risada e falo.

Charlotte:você pode pegar quantas garotas da faculdade,e você quer logo a Helô?

Charles:eu não sou popular como nossa família pensa,na faculdade eu só sou um garoto normal e bv.-ele fala a última parte baixinho,e eu arregalo os olhos.

Charlotte:mas você sempre saia com seus amigos.

Charles:aceite que eu sou anti-social Lotie,eu saia com eles,só porque não tinha nada para fazer,mais eai vai me ajudar com a Heloísa sim ou não?

Charlotte: eu vou pensar no que fazer no seu caso,mas sério Charlie,você antes tem que perder o Bv.

Charles:é mais difícil do que parece Lotie,mais acho que papa pode me ajudar com isso.

Quando chega a noite...

P.o.v Demi

Eu e S/n já tínhamos arrumado a mesa,quando ouvimos a campanhia tocar.

Demi:deixa que eu abro.-eu falo quando vejo Charlotte se levantar,e quando eu abro,dou de cara com Katherine com dois buquês de flores.

Katherine:b-boa no-noite senhora Lovato.

Demi:já perdeu um ponto comigo garota.-eu falo e dou um sorriso  vitorioso quando vejo ela engolir seco,e logo dou espaço para ela entrar. 

Katherine:Boa noite.-ela deseja novamente e entrega um buquê a S/n e outro a Charlotte.

S/n:as minhas favoritas.-minha esposa fala e pega o outro buquê das mãos de Lotie e coloca em dois vasos.

S/n:nós ainda não nos apresentamos,meio que formalmente,eu sou a S/n,essa é a Demi e esses são os nossos filhos Charles e Benjamin.

Demi:não sei porque toda essa baboseira,ela já conhece todos.

Charlotte:papa por favor menos,que tal irmos jantar logo.-minha filha sugere e pega na mão de Katherine indo até a sala de jantar,E quando eu já ia passar pelo meio das duas,S/n me puxa pela mão.

S/n:Demétria hoje é uma noite especial para nossa filha,por favor não estrague.

Demi:eu tento tá Caralho.-falo e saio em disparada na sua frente.

S/n:então Katherine oque pretende para o futuro?.-S/n pergunta quando nós nos sentamos.

Katherine:eu aprecio muito a medicina e queria ser cirurgiã,mais sei que seguindo essa  profissão,não daria muito atenção a minha família,então oque me sobra é ser advogada ou seguir o Conselho da minha família e ser modelo.

Charlotte:sabiam que a Kath vai posar  para a Calvin Klein?.-minha filha fala e vejo a garota ficar corada.

Demi:da para irmos comer logo,o meu filho já está ali quase voando no purê de batata.-falo e todos riem,menos eu que continuo com a cara fechada.

Quando terminamos de comer...

Demi:quais são suas intenções com a minha filha,Delevingne?.-pergunto,parando ela no meio do caminho,já que já estávamos indo para a sala de estar.

Charlotte:papa,isso já está ultrapassado sabia?

Katherine:deixa amor,bom Senhora Lovato eu amo a sua filha com todo o coração e quero dar o melhor para ela,e para os nossos futuros filhos,não que eu esteja pensando em ter filhos agora,mas eu só quero que a senhora saiba que apesar da rivalidade entre minha mãe e a senhora,eu quero que nós duas,sejamos amigas ou então ter um relacionamento mais favorável,porque a Lotie merece e saiba que a sua filha senhora Lovato,ela é encantadora,esperta, fofa,inteligente,o sonho de qualquer pessoa e eu sei que sou muito sortuda em ter ela em minha vida,nunca,eu repito,nunca,irei magoa-la ou fazer qualquer tipo de coisa que a prejudique,porque eu amo a Charlotte.-ela termina e vejo que a minha filha estava chorando.

Charlotte:eu te amo Kath.-ela fala e a garota a puxa para um abraço.

S/n:está vendo amor,a Katherine é perfeita para a nossa filha.-minha esposa fala me abraçando de lado.

Demi:ainda continuo não gostando dela.-falo e quando já ia me sentar no sofá,vejo meu filho me chamar baixinho.

Charles:papa,poderia ir comigo lá fora?.-ele pergunta e eu assinto e fomos.

Charles:bom é que,eu queria que a senhora me ajudasse com uma coisa.-ele e eu faço um movimento para que ele continuasse.

Charles:eu vou diretamente ao ponto,eu queria que a senhora fosse comigo em alguma festa ou boate.-ele fala e eu fico confusa.

Demi:mais porque não vai com seus amigos,Charlie?

Charles:eles não podem saber que eu sou Bv.

Demi:okay Charlie,amanhã às 5 horas vamos para um lugarzinho especial.-eu falo dando um pequeno sorrisso safado.

Hey☻



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...