1. Spirit Fanfics >
  2. De repente pais! >
  3. Dia da festa!

História De repente pais! - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


espero que gostem!

Capítulo 1 - Dia da festa!


p.o.v Jeongin

Sou acordado por alguém  batendo loucamente  em minha porta,fico um pouco deitado tentando discimir tudo mas a tal pessoa não  parava de bater na porta,penso até  que estava atrasado pra faculdade mas hoje era sábado, decido me levantar e ir ver quem estava  batendo.Ao abrir a porta vejo Lee Felix meu melhor amigo me olhando  mortalmente. 

-Achei que tivesse morrido,peste.-diz ele entrando em minha casa.

-O que esta fazendo aqui?Segundo meus calculos hoje  é  sabado e eu devia dormir ate as 18:00 da tarde.-digo fechando  a porta.

-Não  me diz que esqueceu...

-Da sua enorme festa que vai durar 2 dias?-reviro os olhos rindo.-Não  esqueci,acalma-se.Mas porque tão  cedo?

-Cedo Yang Jeongin?!São  quase 15:00!-ele grita e eu acabo rindo.-Voce vai me ajudar arrumar a casa querido.-ele me olha  sorridente.

-Posso ao menos tomar banho?-cruzo os braços 

-Não, Binnie esta esperando,vamos!

Então  assim sou arrastado pra fora da minha própria  casa,nunca o vi tão  animado com algo,desde que pensou em dar essa festa para comemorar seu aniversário  de 18 anos,ele não  parava de falar naquilo.Entramos no carro de ChangBin e cruzo meus braços  porque ainda estava com bastante sono.

-Eu tentei fazer ele te deixar em paz,eu juro!-se defende Binnie,dou uma risada e reviro os olhos .

Durante o caminho ficamos  conversando sobre assuntos aleatórios porque Felix não parava de falar um minuto sequer. Após 20 minutos chegamos a tal casa,era enorme e logo de entrada tinha uma enorme piscina,a casa era de dois andares,o de cima devia ser os quartos e o de baixo a sala e cozinha.Estava animado para ver com era por dentro da casa.

-Você tem que ver isso aqui a noite,é lindo!-Felix comenta antes de sairmos do carro.

Entramos na casa e minha boca praticamente vai ao chão, era lindo.Tinha um paredão de som enorme que se ligasse podia ouvir  na rua de trás,um TV enorme onde podia se passar os clipes das músicas,na cozinha havia frizers de todos os tamanhos e já haviam bebidas:Askov,Vodka,energéticos, whisky, caipirinha,batidas,espanholas  e tudo que tínhamos direito.De fato seria uma festa de arrasar, Lee  sabia dar uma festa.

-Vou ligar o som para que possamos arrumar aqui enquanto o Binnie vai pegar as coisas que faltam.-diz Felix olhando em volta,apenas concordamos e Binnie sai.

Felix pega seu celular e liga no Bluetooth  da "caixinha",colocando uma música da Ariana Grande,pego um pano e uma Caixa vazia para que pudesse guardar tudo que pudesse quebrar e Felix varria,não estávamos conversando apenas ouvindo a música que tocava,estava focado no que fazia até que Felix decide quebrar o "silêncio".

-Sabe quem vai vir hoje?- ele pergunta 

-Quem?-dou de ombros.

-Hwang Hyujin,seu supremo crush! -ele sorri abertamente e de instantâneo um sorriso se forma em meu rosto.-Ele é da minha sala,conversamos e vi uma ótima oportunidade de vocês se falarem.-ele diz sorridente.

-Hyung sabe que isso é impossível.Eu nunca teria coragem de chamar ele pra conversar e nem ele chegaria pra conversar comigo.As coisas não funcionam como nos filmes.- reviro  os olhos rindo.

-Pare de ser tão persmista, não é algo impossível vocês conversar,se aproximar,se apaixonar e viver felizes.-ele diz rindo.

-Na minha concepção é impossível sim.-digo rindo.-Só porque você  e o Binnie são apaixonados desde novos e vivem uma história de amor linda que pros  outros vai dar certo.

-Nunca perde a esperança,pare de ser tão tímido que tenho certeza que essa noite sera toda sua!-ele me abraça  fortemente.-Hoje sera bem divertido!

-Espero..-digo meio nervoso.

-Eu nao vou sair do seu lado tá bom?-ele da um beijinho na minha bochecha me deixando seguro.

~quebra de tempo~

Havia chego em casa a mais ou menos 15 minutos e estava sentado no sofa pensando no que seria hoje. Sempre fui muito tímido e em 17 anos de idade essa seria a minha primeira festa,ainda bem que é do meu melhor amigo assim podia me sentir mais a vontade,talvez se eu chegasse bebendo a vergonha diminuiria,decido parar de pensar um pouco e ir tomar um banho porque ja ja a festa começaria.Pego minha toalha e vou ao banheiro, tiro minhas roupas e ligo o chuveiro no quente,ao entrar deixo as gotas quentes relaxar meus músculos que estavam tensos.Suspiro querendo desistir de ir a festa,não tenho certeza de que vou me divertir e tenho muito medo de arruinar a festa do Felix...eu jamais me perdoaria.

Saio do banho e com a toalha enrolada  a cintura e vou ate meu guarda roupa escolhendo a roupa.Opto por uma blusa preta transparente que havia ganho de Felix no Natal do ano passado,uma bermuda de cor branca com rasgos nas  coxas e uma jaqueta preta com tênis da mesma cor.Arrumo meus cabelos e passo meu perfume,pego minhas Chaves,celular e carteira a colocando no bolso e saindo de casa.Vou ate uma lojinha de conveniência,ao entrar vou direto ao frizers pegando uma Askov de cor azul,vou a caixa pagar,a menina que me atendeu tinha os cabelos tingidos de rosa pastel,usava um mini moletom preto e shorts da mesma cor,ao me olhar sorri fraquinho e suas bochechas coram.

-Só isso? -ela pergunta timida.

-Sim,obrigado.-digo com um sorriso gentil no rosto,dando o dinheiro  a menina,pego a garrafa e começo  a beber ali mesmo.Aceno para a garota saindo da loja.

Depois de 20 minutos andando finalmente chego na casa,ja tinha pessoas espalhadas pelo jardim,em volta da piscina,ate mesmo dentro da mesma,ja estavam todos animados,logo vejo Binnie e vou ate ele,sorrio me aproximando.

-Hyung,oi!-o cumprimento.

-Innie,oi!-ele sorri-Deixa eu apresentar  voces!-ele passa seu braço  por meu pescoço  me trazendo  mais perto do grupo de amigos que ele estava.-Este é Kai.-um jovem alto de cabelos  loiros, pele um pouco  mais escura,o mesmo vestia  uma bermuda jeans preta e um blusa  colorida.-E este é  San.-um menino um pouco mais alto que Kai de madeixas escuras e do sorriso facil,vestia uma calça de couro um pouco  apertada.-Este é  Jeongin,melhor amigo do meu namorado e praticamente meu cunhadinho.-ele sorri.

-Eai.-Kai sorri fraco.-Quer?-ele me oferece do seu copo,mesmo timido aceito,fazendo uma careta quando o líquido  desce rasgando minha garganta.

-Não  vai na onda  dele não  baixinho,ele vai te embebedar.-brinca San me tirando sorrisos.Vejo Felix se aproximando com um copo de bebida em mãos. 

Ele estava lindo,com os cabelos loiros arrumados,vestia uma blusa branca  e azul com um pequeno decote na parte da frente,uma calça branca com rasgos apenas nos joelhos e calçava um tenis de cor branca tambem.Assim que o maior me vê  sorri.

-Innie!-ele grita-Estou louco pra te apresentar algumas amigas.-ele me arrasta de onde estava.

Esbarramos em algumas pessoas e chegamos ao grupinho de meninas que Felix estava,composto por três  meninas.Uma de cabelos  longos e pretos,outra de cabelos loiros que iam ate metade de suas costas e uma de cabelos vermelhos curto.Sorrio fraco ao me aproximar.

-Meninas,este é  Yang Jeongin de quem eu tava falando!-Felix diz um pouco alto,elas sorriem.-Rose.-de cabelos loiros- Joy.-cabelos pretos longos.-Kim.-de cabelos  vermelhos.

-Eai Yang,voce é bem mais bonito que Felix contou.-diz embolado Kim,fico  vermelho de vergonha  e sorrio.

-Se controla kenga,ele é  nenem.-brinca Rose.

Damos risadas e começamos  a conversar,ficamos  alguns minutos ali mas todos levantamos quando começa  a tocar Nicki Minaj,fomos para a "pista de dança" rebolar  nossas  bundas.

Obviamente Binnie foi de encontro a Felix para dançar juntos.Eu e as meninas estavamos dançando ate que sinto que tem alguem me observando,olho  na direção da pessoa e vejo que era  ninguem mais,ninguem menos que Hwang Hyujin...ele estava lindo  como de costume.Vestia sua típica  regata preta mostrando bem seus braços definidos,uma calça jeans com rasgos por suas coxas e seu velho allstar preto tambem,sorrio fraco quando meu olhar se encontra no dele.Sinto alguem tocando minha cintura  e quando olho pra tras vejo San dançando atras de mim.

-Espero que nao tenha problema.-ele diz meio alto.

-Nenhum, vamos dançar!-digo ja meio alegre. 

~quebra de tempo~

Ja eram 4:55 da eu estava indo embora da festa quando ouço alguem me chamar,olho  pra tras e quase tenho um treco,era ele.

-Jeongin,onde vai?-Hyujin pergunta ao se aproximar.

-Embora.-respondos simples. -Esta tarde,preciso descansar.-coço minha  nuca.

-Te acompanho,muito perigoso ir sozinho.-ele ajeito sua jaqueta.

-Não quero atrapalhar sua festa,fique se divirta com seus amigos,vou ficar bem.-digo sincero,vendo que ele me ignorou completamente. 

-Qual direção  é  sua casa?-ele sorri,reviro os olhos sorrindo também. 

Juntos caminhamos em direção a minha casa,não conversamos,talvez ele não  quisesse e só tenha se oferecido pra me acompanhar por  pura gentileza,talvez eu seja inseguro o bastante pra não  conseguir  puxar assunto com o maior.

-Voce..-ele diz mas logo é  cortado por um choro. -Ou eu bebi e fumei muita maconha ou acabamos de ouvir o choro de um nenem.-ele me olha preocupado.

Sem pensar duas vezes eu entro no beco o qual passavamos,sou guiado pelo choro que conforme eu ia me aproximando de una caixa com panos velhos por cima,apenas ficava   mais alto.Decido tirar os tecidos de cima da caixa me deparando com um recém nascido sem nenuma vestimenta,seus lábios  estavam roxos,de fato era uma noite muito fria.Tiro minha jaqueta e enrolo na criança,mesmo relutante Hyujin  havia vindo atras de mim.

-Esta ficando louco?!Coloque ai,ja ja a mãe  vem buscar.-ele diz,o olho bravo.

-Ta besta?É óbvio que abandonaram ele aqui para morrer!Não vou deixar ele aqui,eu vou cuidar dele.

-Voce não  sabe nem cuidar de si,tem só 17 anos!Uma criança cuidando  de outra?-ele pergunta ironico.

-Não me importa se voce apoia ou não, eu vou levar e cuidar, se nao quiser me ajudar  de pouco  me importa.-digo bravo virando as costas para o maior.

Caminho em passos rapidos quando começa a cair gotas de chuva,agradeço aos céus  por ele ter se acalmado e parado de chorar.O fato de eu ter gritado com Hyujin não  me importa, o fato dele saber minha idade e meu nome sem nunca termos nos falado tambem nao me importa,nao me interessa o que ele iria falar antes disso acontecer...o que realmente importa é esta criança, ela precisa de mim.Sinto algo ser posto sobre meus ombros, quando olho vejo Hyujin se abraçando ao meu corpo,protegendo a mim e a criança  da chuva.

-Acho que voce vai precisar de ajuda...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...