1. Spirit Fanfics >
  2. De repente te achei. >
  3. Capítulo 3 (povs Anne)

História De repente te achei. - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Gente então espero que gostem desse cap! Eu demorei um pouco para escreve- lo mas è isso. Lembrando que não sei escrever tão bem então relevem os erros e tals.

Capítulo 4 - Capítulo 3 (povs Anne)


Olhei atrás do Billy e vi um menino! Ele era bem bonito. Alto, cabelos castanhos ondulados e nossa seus olhos eram lindos. Acho que talvez uma mistura de verde e castanho. De olhos cor de avelã.

Billy- Não, não precisamos de ajuda!

Anne- é mas muito obrigada.

Tentei novamente sair mas O Billy não deixou ,de novo. Nessa hora fiquei com muita raiva então simplesmente chutei bem forte a canela dele. O que fez com que ele deita-se de dor.
 
Billy- Idiota! Não sabe nem receber um elogio.
 
Anne- Não. Eu sei receber elogio- falei andando de costas- o que eu não sei é suportar meninos babacas, escrotos e com masculinidade frágil. Agora se me da licença tenho que ir.- falei com um sorriso vitorioso e entrando na escola.
 
Já estava quase no meio do corredor escolar quando sinto alguém me seguindo. Paro de andar e vejo o menino novo vindo em minha direção.
 
XXXX- Nossa você anda muito rápido - ele falou um pouquinho ofegante.
 
Anne- Ah desculpa! Precisa de algo?
 
XXXX- Na verdade não. Só queria me apresentar. Sou Gilbert , Gilbert Blythe.- ele falou estendendo a mão.
 
Anne- Então Gilbert Eu sou Anne, Anne com e!-TAmbem estendi a mão. 
 
Gilbert- Então Anne com e achei bem impressionate o que você fez lá!- ele pareceia sincero.
 
anne- Ah obrigada. 
 
Nos ficamos um tempo nos encarando até que descido cortar o climas.
 
Anne- aula. Nos temos aula.
 
Gil- sim verdade faltam 15 minutos.
 
Anne- se quiser te mostro onde é a diretoria.
 
Ele assentiu e fomos andando.
 
Anne- É aqui! Bom tchau agora.
 
Gilbert- Tchau Anne!
 
Depois disso lembrei que eu , e os, meus amigos Marcamos de nos encontrar no pátio. Fui correndo. Chegando lá eles vieram me abraçar.
 
Diana- aí que saudade!!
 
Anne- Também senti saudades de vocês gente.
 
Nos abraçamos.
 
Cole- Anne babado o Billy entrou todo mancando na escola hoje- ri um pouco.
 
Anne- então sobre isso, meio que fui eu !
 
Jerry- Ox como assim?!
 
Anne- O garoto não me deixava passar! 
 
Jane- certíssima amiga! Meu irmão é um babaca.
 
rimos.
 
Ruby- Vocês ficaram sabendo que vai entrar um menino novo?!
 
assentimos.
 
Anne- Bom sobre isso eu já conheci ele.
 
me olharam surpresos.
 
Cole- safada - falou cole batendo no meu braço.
 
Anne- tem nada haver com isso não meu filho! Ele chegou na escola aí viu eu , e o , billy lá. Aí ele perguntou se a gente precisava de ajuda aí eu disse que não . Só que o billy não me deixava passar de novo. Aí aconteceu o que aconteceu!- falei me referindo ao chute na canela- depois esse garoto me seguiu e me perguntou meu nome , disse o dele etc. e foi por isso que demorei .
 
Diana- E ele é gato?
 
Anne- Diana - Bati no braço dela- mas respondendo sua pergunta, sim ele é .
 
Cole, Diana e ruby bateram palmilhas.
 
Anne- que foi?!
 
Cole- Você admitiu que ele é bonito! Já shippamos. Qual nome dele?!
 
Anne- qual o problema de eu achar o menino bonito?!
 
Diana- desculpa amiga mas você geralmente nunca comenta esse tipo de coisa. Agora qual o nome do Bendito?
 
Anne- Gilbert!
 
Ela , cole e ruby ficaram cochichando algo.
 
Ruby - shibert!
 
Jerry- o que é isso?!
 
Diana- a junção dos nomes em um ship.
 
Anne- mas não tem nada para shippar aqui não. E porque shi?
 
Cole- o meu Deus mais lerdo que o jerry so você mesmo! Seu sobrenome é Shirley minha filha.
 
Anne- Ah é verdade! Ei e sobre esse sobrenome e tals eu trouxe a minha carta pra a gente ler no recreio.
 
Jane- ok to animada.
 
Ruby- gente super novidade!- ela fala meio alto nos assustando.
 
Cole- o que?!- falou cole super curioso.
 
Ruby- eu e o Moddy estamos ficando!
 
eu , cole,Diana e até Jane batemos palmilhas.
 
Anne- Aí que bom!! Agora só falta o jerry e a diana.- eles me olharam sérios enquanto os outros riam.
jerry- até parece!
 
Diana- É Anne até parece.- ri mais ainda porque os dois já haviam me contado que gostavam um do outro.
 
Ruby- voltando ao meu assunto! Desculpa Anne mas eu não vou poder sentar hoje com você. Ele me pediu para sentar no lado dele.
 
Anne- tudo bem!- falei um pouco desanimada.
 
Jane- galera a aula.- faltavam só 5 minutos. Então fomos correndo.
 
Chegando na sala ela ainda não estava cheia. Fomos nós sentando e ficou assim.
 
Diana e jerry na minha frente
cole e Jane do meu lado 
e ruby e moody atrás de mim.
 
E eu estava sozinha. Fiquei meio desconfortável então peguei meu livro e comecei a ler meu livro novo. Ouvi a porta se abrindo e provavelmente era professora entrando. Mas estava com tão concentrada no livro que nem olhei para ela.
 
Sra. Stacy- Bom dia alunos. Hoje nos temos um novo aluno. Pode se apresentar.
 
Gilbert - Eu sou Gilbert Blythe , tenho 17 anos e me mudei para aqui tá pouco tempo. 
 
No momento em que ele começou a falar parei de ler e o olhei. O mesmo estava me encarando e acabei corando. Depois olhei para cole que sorria maliciosamente e depois para a Diana que fazia o mesmo sorriso.
 
Sra. Stacy- Bom Gilbert você vai ter que se sentar ao lado de Anne. Espero que não seja problema.
 
Gilbert- Tudo bem! Não será problema .
continuei lendo o livro, ou  fingindo, pois estava com vergonha.
 
Gilbert- oi de novo ruivinha!-  ele sussurrou no meu ouvido.
 
Anne - sério ruivinha?! Não tem nenhum outro nome melhor não?!
 
Gilbert- não mesmo!- ele falou sorrindo.
 
Anne- que seja mas eu também vou inventar um apelido para você! - falei o encarando.
 
Gilbert - fico feliz de saber isso, ruivinha 
 
Revirei os olhos e comecei a prestar atenção na aula. 
 
Depois de um tempo o sinal bateu. Ou seja intervalo. Me lembrei da minha carta então fiquei super animada.
 
Gilbert- Anne Eu posso me sentar com vocês!
 
eu parei e pensei um pouco.
 
Anne- olha gilbert tudo bem mas tudo que eu falar naquela mesa não pode sair de lá ok?!
 
ele me olhou confuso mas assentiu. 
Quando chegamos na mesa meus amigos me olharam confusos.
 
Anne- não me perguntem- falei me sentando.
 
Gilbert- prazer eu sou Gilbert.
 
Cole- prazer sou cole, essa è Diana esse è o jerry, essa è a ruby e essa a Jane.
 
Gilbert- prazer.
 
Anne- Bom Eu vou direto ao ponto! Eu tenho uma carta que pode ,ou não me dizer todo o meu passado- novamente  ele me olhou confuso- eu sou órfã. Eu não sei nada sobre meu passado. Talvez isso pode ser a resposta.
 
Gilbert- ok...
 
Anne- tá bom eu vou ler.- respirei fundo- Sr. E Sra. Cuthbert sinto muito informa-lês que não tenho muitas informações sobre a Anne. A  única coisa que sabemos è que ela foi deixada aqui com 3 meses. Não sei nem se os pais dela realmente faleceram- naquele momento algumas lágrimas caíram- e não sei também se eles a amavam . Sinto muito desaponta- lós e não nos mandem mais cartas . 
 
Nequele momento já deveria estar toda vermelha de chorar. Cole veio me abraçar.
 
Cole-calma Anne.- ele falou fazendo carinho nas minhas costas.
 
Anne- eu não entendo - falei limpando lágrimas que ainda faziam questão de cair.- então tudo que eu sempre acreditei foi da minha imaginação?- quando ele foi me responder sinto alguém pegando minha carta. Era billy.
 
Billy- vejamos o que temos aqui!- ele falou alto para que todo mundo ouvisse .
 
Anne- Billy Andrews me devolve isso! È algo particular.
 
Jane- devolve billy.
 
Billy- Não! Eu vou ler. - nisso ele já havia levantado muito a carta e eu não conseguia pegar. 
 
Então ele leu .
 
Billy - meu Deus além de órfã nem era amada- ele começou a rir. E eu já estava chorando muito.
 
Chutei sua canela de novo e ainda a mais forte do que antes. È peguei minha carta.
 
anne- Você è um babaca. Sério! Você não sabe diferenciar quando è só uma provocação e quando começa a virar algo que realmente machuca a pessoa?! Você è muito idiota.
 
sai de lá correndo. Fui para o térreo do colégio. Sempre ia para lá quando ficava triste. Peguei meus fones e comecei a ouvir música . Eu não parava de chorar. Por que ? Por que ,que eu não posso ser normal? Por que eu não tenho nenhuma  resposta?
 
 Meus amigos não paravam de me ligar. E eu já estava em cinco minutos de choro constante, até que escuto alguém vindo em minha direção......
 

 


Notas Finais


Gente então foi esse o cap! Eu não sei se ficou realmente bom mas è isso. Fui!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...