1. Spirit Fanfics >
  2. De repente trisal >
  3. Cap 5

História De repente trisal - Capítulo 5


Escrita por: ackerman24

Notas do Autor


.....

Capítulo 5 - Cap 5


Depois do que aconteceu entre nós cada um foi para sua no casa, no caso eu fui para minha e o Jean para dele, ainda não consigo acreditar em tudo que aconteceu, muita coisa em um dia só, vou enlouquecer.

enfim tenho que ir à escola, então tomo meu café da manhã bem cedo pois não consegui dormi pensando em tantas coisas, logo depois pego as chaves do meu carro e vou até ele, chego na escola mas minha cabeça está tão longe, não sei se vou conseguir prestar atenção na aula. Sinto alguém puxando meu braço 


Annie: Meu Deus Mikasa tá viajando 


Mikasa: que?


Annie: eu to gritando seu nome feito louca e você nem olhou 


Mikasa: ah desculpa, to meio distraída 


Annie: percebi, aconteceu alguma coisa?


Mikasa: que? Não, porque tá perguntado isso?


Annie: porque eu te conheço e sei quando alguma coisa tá errada


Mikasa: não aconteceu nada, você tá ficando maluca 


Annie: tá bom então, quando estiver pronta para falar vem falar comigo tá


Logo, chega o Armin, ainda bem não aguentava mais esse papo Mais um pouco e eu contaria tudo para ela, não consigo esconder nada dela, mas será que temos que manter isso em segredo? Não falamos nada sobre isso, será que o Eren vai fingir como se nada tivesse acontecido? Eu não quero esquecer muito menos que ele finja que nada aconteceu, acho que vou falar com o Jean, nós três temos que conversar sobre isso


Armin: bom dia meninas


Annie: bom dia amor, amanhã você vai na praia surfar?


Armin: vou sim, ah Mikasa você vai querer vim? Vou chamar o Eren também 


Mikasa: sim, não perco você surfando Armin, você é tão bom um dia tem que me ensinar 


Armin: claro, certeza que você vai aprender rápido


Sinal toca*


Annie: então, mais um dia de luta 


Mikasa: pois é, não dormi nada 


Enquanto andamos pelos corredores até a nossa sala meus olhos encontram o do Jean, depois de ontem nunca tinha olhando tão profundamente para ele, eu só tinha olhos para o Eren mas agora também enxergo outra pessoa além dele, mas ainda não é tão forte quanto o que sinto pelo Eren. 

nesse momento minhas pernas tremem e pela primeira vez não sei o que fazer ou como reagir, será que falo “oi”ou simplesmente passo e não falo nada? Não, não posso ignorar o que aconteceu, e ainda quero conversar com eles então, tenho que falar com ele de qualquer jeito 


Jean: oi


Mikasa: oi


Nós falamos “oi” ao mesmo tempo, foi meio constrangedor e suas bochechas estão avermelhadas, e as minhas também.


Jean: eai você tá bem?


Mikasa: é to sim, e você chegou bem em casa?


Aí meu Deus como sou idiota porque eu fui perguntar isso?? Será que a Annie e o Armin vai perceber algo?


Jean:é.... cheguei sim 


Mikasa: que bom.... então, vamos entrar 

 

Annie sussurrando no meu ouvido: Mikasa o que foi isso??? É por isso que você está desse jeito, rolou alguma coisa entre vocês??


Mikasa:claro que não, você tá maluca 


Falei um pouco alto demais, mas ainda bem que não foi nada demais 


Annie: não mente pra mim Mikasa, você vai me contar tudo 


Mikasa: Annie, não tem nada pra contar, agora vou sentar na minha cadeira e você vai deixar essas suas paranóias de lado 


Sento na minha cadeira e Annie se aproxima de mim provavelmente para tentar arrancar alguma coisa sobre ontem, eu confio nela mas não sei se devo contar, mas quando ela ia começar a falar o professor entra na sala 


Professor: bom dia turma, desculpa o atraso


Ele olha em nossa direção vendo que Annie é a única em pé 


Professor: Annie por favor, sente-se


Annie: claro professor, desculpa


Poucos minutos depois Eren entra pela porta, ele está tão lindo, na verdade todos os dias, com o seu cabelo longo preso e seus varios piercing que o deixa mais atraente ainda 


Professor: bom dia Eren, como sempre atrasado 


Eren: desculpa professor, é que eu to sem carro aí né é complicado 


Professor: uhum sei, vai sentar 


Depois de horas finalmente a aula acaba, sinceramente não prestei atenção em nada, minha cabeça estava pensando em ontem e não consegui dormi nada então, foi mais difícil ainda


Annie: Mikasa você não vai fugi de mim


Mikasa: Annie por favor, não to com cabeça para isso agora, não dormi nada 


Annie: tá bom, mas depois conversamos, vou na sua casa ou você vai na minha, é sério você precisa me contar o que houve


Mikasa: ok Annie, até outra hora 


Então, arrumo minhas coisas e pego minha mochila e quando olho ao redor da sala vejo que Eren e Jean não estamos mais lá, será que eles já foram embora? Vou andando até a saída e vejo o Eren vindo até mim


Eren: eai, parece até que estava me evitando hoje


Mikasa: eu te evitando? Claro que não, você que parecia estar me evitando 


Eren: achei que depois de ontem o clima ficaria meio estranho, mas não sinto isso 


Aí meu Deus ele falou mesmo sobre ontem, não sei o que falar travei totalmente, será que iremos continuar com isso ou ele só disse isso porque achou que nossa amizade ficaria estranha depois disso? Jean passa do nosso lado de fone de ouvido, acho que ele nem percebeu a gente 


Eren: ou Jean


Jean tira os fones de ouvido e arregala os olhos quando percebe que somos nós, ele se aproxima de nós 


Jean: eai, estava procurando vocês 


Eren: bom, vocês querem vim comigo?


Mikasa: tá bom, vamos no meu carro 


Nós três andamos em direção ao meu carro e Eren vai na frente e Jean atrás, não falamos muito durante o caminho até a casa dele.

Finalmente chegamos e todos saem do carro, caminhamos até a porta e esperamos até Eren abrir, não consigo me conter, logo depois que ele fecha a porta vou até ele e beijo ele, nunca pensei que fosse ter essa atitude mas estava com tanta saudade do seu beijo, apesar de que nos beijamos ontem mas parecia uma eternidade sem fim. 


enquanto estou beijando Eren sinto Jean atrás de mim, fico no meio e meu corpo se entrelaça com o deles, era como se fosse uma dança de casal, mas a três. De repente Eren se afasta e para de me beijar, viro para trás e começo a beija-ló profundamente o beijo do Jean é totalmente diferente do Eren é mais fofo e lento mas é ótimo é como se ele quisesse aproveitar cada segundo daquele momento. 


Quando paro de beija-lo Agarro no cabelo do Eren e do Jean junto devagar seus rostos, eles começam a se beijar e sinto arrepios por todo meu corpo ver meus dois homens que são só meus se beijando é muito excitante, até que fui puxada por eles e nós três nos envolvemos nesse beijo, nosso beijo é perfeito é como se nossas bocas fossem feitas umas para as outras,parece que tudo a três é mais intenso em todos os sentidos o beijo, o sexo, tudo.

Nossa respiração estava cada vez mais intensa e queríamos mais além dos beijos.


Eren: vamos pro quarto 


Eren me pega em seu colo e me coloca por cima do seu ombro me levando até o seu quarto, todo o caminho estávamos rindo, não sei o que achamos tão engraçado mas não parávamos de ri até chegar no quarto.


Eren me coloca na coma e fica em cima de mim enquanto Jean está ao meu lado, estou sentada na cama e Eren começa a tirar minha blusa estou com um sutiã vermelho e ele é meio apertado mas sei que é a cor preferida do Eren, só ainda não sei a do Jean se não, teria usado algo que ele goste.


Eren coloca suas mãos sobre minhas costas e está tentando tirar meu sutiã 


Eren: puta que pariu esse negócio parece que é um cofre 


Mikasa: você é idiota demais, deixa que eu tiro 


Coloco minhas mãos por trás das minhas costas e em um segundo consigo tirar e balanço meu sutiã na cara dele


Mikasa: viu, fácil 


Jean: porra Mikasa assim você me deixa de pau duro


Eren: viu o que você faz com a gente, agora vamos ter que te foder toda


Eren me beija com muito mais paixão e é um pouco agressivo e desesperado, acho que ele estava com tanta vontade quanto eu.


Eren vai descendo sua boca até os meus seios e chupa eles devagar, porra isso me deixa totalmente excitada, é incrível como o Eren me deixa excitada tão fácil, agarro o Jean e o beijo intensamente e Eren enfia sua mão dentro das minhas calças.


Eren: já tá toda molhada pra mim, agora quero te ouvi gemer


Ele enfia dois dedos dentro de mim e soltos uns gemidos enquanto Beijo Jean 


Eren:isso, geme pra mim vai 


Eren tira minha calça com pressa e depois minha calcinha, me inclino um pouco para trás enquanto ainda beijo Jean.


Jean: agora vamos trocar, quero ouvi você gemer pra mim 


Eren fica onde o Jean estava e Jean está entre as minhas pernas, Ele vai até o meu ponto sensível e enfia sua língua fazendo movimentos lentos, e ao mesmo tempo enfiando os seus dedos, soltos uns gemidos ainda mais alto


Jean: isso vai Mikasa, goza pra mim 


Eren olha fixamente entre as minhas pernas e percebo um volume em sua calça, então coloco a mão sobre sua calça e ele me olha mordendo os lábios, ele coloca minha mão dentro de sua calça e seguro o seu membro nas minhas mãos e faço movimentos que o deixa louco 


Eren: porra isso, continua


Eu e Eren estamos gemendo ao mesmo tempo, escutar ele dessa forma me deixa ainda mais louca.


Mikasa: agora eu quero ver vocês, tirem a roupa bem devagar pra mim, anda 


Eren e Jean sem questionar atendem o meu pedido e tiram toda a sua roupa, um com a ajuda do outro, eles sentam na cama e se olham e seus lábios se encontram, eles estão totalmente nus e se pegando, ver eles assim é maravilhoso.


Jean me olha nos olhos e vai até mim 


Jean: eu posso?


Mikasa: pode sim 


Jean está colocando a camisinha, até que foi bem rápido, ele coloca bem devagar dentro de mim, ele faz isso com todo cuidado ele é sempre tão cuidadoso quando está comigo.

Ele faz movimentos para trás e para frente e cada vez que faz isso ele aumenta um pouco a velocidade, isso me faz gemer tão alto que até sinto vergonha por isso, minhas unhas estão arranhando forte suas costas e cada vez que ele vai mais rápido eu o arranho ainda mais forte, Eren fica sentando ao lado olhando para a gente.


Jean: eu to quase lá 


Mikasa: eu também, mais rápido 



Jean vai um pouco mais rápido e faz com que nós dois gozássemos ao mesmo tempo, me sinto cansada e parece que eles também, então me deito no travesseiro.


Mikasa: venham deitar comigo 


Eren fica de um lado e Jean do outro, e estou no meio, nos abraçamos e fico pensando se devo ou não perguntar o que somos, mas não sei se eles pensam o mesmo.


Jean: então, o que realmente somos?


Nossa, parece que que ele leu minha mente, pelo menos ele falou acho que eu não conseguiria falar sobre isso 


Eren: podemos ser o que quisermos 


Mikasa: e o que seria o que quisermos?


Jean: o que vocês acham de namorados?


Eren: é acho que podemos ser 


Mikasa: mas vamos contar pra todos?


Eren: claro que não


Jean: porque não?


Eren: o que ninguém sabe ninguém estraga, algumas pessoas não ver isso como uma coisa normal e vão acabar estragando o que temos, não preciso de gente idiota e preconceituosa falando da gente 


Jean: é, acho que você está certo


De repente escuto passos de alguém subindo as escadas, será o sr yeager?


Grisha: Eren você está aqui?


Eren: puta merda, vão pra debaixo da cama


Não deu tempo nem de colocarmos as roupas, eu e Jean vamos para debaixo da cama quase rindo mas tentando segurar para não fazer barulho, Eren veste o short bem rápido e o Sr Yeager abre a porta


Grisha: não ouviu eu te chamar?


Eren: não, estava dormindo 


Grisha: a essa hora? Você precisa fazer alguma coisa, arrumar um emprego não só ficar dentro de casa fazendo nada


Eren: quem você acha que é pra querer me dar um sermão? Porque puta que pariu você é o puta pai ano 


Grisha: olha como você fala comigo Eren


Eren: eu sei o porque você passa horas no trabalho, o porque de não conseguir nem olhar na merda da minha cara, é porque eu te lembro a mamãe não é?


Ele dar um soco na cara do Eren que o faz cair no chão 


Grisha: desculpa filho, eu não queria te machucar 


Eren: sai daqui porra, sai do meu quarto 


Eren se levanta e empurra seu pai até a saída, e tranca a porta, ele se desliza até chegar ao chão e vejo lágrimas escorrem pelo seu rosto, não sabia que ele passava por isso com o seu pai, ele nunca me disse ou sequer disse ao Armin.

Na mesma hora eu e o jean saímos de baixo da cama e caminhamos até Eren e nos aproximamos devagar e nos dois abraçamos ele 


Mikasa: vai ficar tudo bem


Jean: estamos com você


Eren se levanta e está com a bochecha vermelha por causa do soco que ele levou, e seus olhos estão cheios de lágrimas, nunca vi ele chorar desse jeito acho que quase nunca vi ele chorar 


Eren: saiam daqui, agora 


Mikasa: mas Eren...


Eren: vão embora porra 


Eu e Jean vestimos nossas roupas e vamos em direção a porta


Mikasa: estamos do seu lado sempre Eren, quando precisar da gente estaremos aqui


Jean: sim, não precisa ficar assim perto da gente nós somos um casal agora, não precisamos esconder nada um do outro. E principalmente estamos aqui nos piores momentos 


Eren parece não querer ouvi nada agora, então abrimos a porta e vamos em direção a saída, parece que o Sr Yeager saiu, não queria deixar o Eren sozinho principalmente nesse estado mas acho que ele precisa de um tempo sozinho 


Jean: não queria deixá-lo sozinho 


Mikasa: eu também não, mas ele precisa ficar sozinho e amanhã tenta não falar sobre isso vamos tentar animar ele e se ele quiser conversar ele vai falar 


Jean: é você tem razão, então vou indo nessa 


Mikasa: você não quer uma carona?


Jean: ah eu tenho que ir na escola deixei minha moto lá 


Mikasa: vamos, eu te dou uma carona até lá 


Jean: ok


Então, entramos no carro e vou em direção a escola, em poucos minutos chego lá 


Jean: valeu pela carona, tchau amor


Jean se aproxima e me dar um beijo e fico totalmente vermelha, não espera por isso muito menos que ele me chamasse de amor 


Mikasa: ah tchau.... até mais 












Notas Finais


.....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...