1. Spirit Fanfics >
  2. Dead or Alive NCT (Johnny)(Taeyong) >
  3. Capítulo XVII

História Dead or Alive NCT (Johnny)(Taeyong) - Capítulo 18


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura!

Capítulo 18 - Capítulo XVII


Fanfic / Fanfiction Dead or Alive NCT (Johnny)(Taeyong) - Capítulo 18 - Capítulo XVII

[Seul, 16 de maio, 7:00 AM, Esconderijo da Máfia NCT]


Eu acordo com uma enorme dor em minha cabeça, olho ao redor e não vejo nada familiar. Começo a tentar descobrir onde eu estou, mas sem nenhuma pista. Percebo que estava amarrando, tento me soltar, mas não tenho nenhum sucesso em tentar. 

Um porta se abre vindo uma luz forte em meus olhos, depois de me acostumar com a luz olho para a pessoa que estava em minha frente.

— Taeyong? - Pergunto para a pessoa a minha frente. — Você fez alguma coisa com a S/n? - Pergunto cheio de raiva.

—  Nada mais do que você já tenha visto querido detetive. - Fala debochado. 

— SEU DESGRAÇADO! - Grito para o mesmo. 

— Só para você saber, suas palavras não me afetam. Pode me xingar à vontade. - Fala ele saindo. — Mais uma coisa é melhor você ficar quieto, senão vou ter que sumir com você. - Sai da sala me deixando sozinho de novo.

Será que a S/n e os outros estão bem? 


[...]


— Ele acordou? - Pergunta Yuta para mim.

— Acordou sim, mas só foi me ver que ficou irritado. - Falo me lembrando da cena. — Ele estava todo preocupado com a S/n. A partir de amanhã eu quero ver todos vocês atras do Mark, não podemos deixar ele andando por aí, eu avisei as consequências que seriam se ele saísse da Máfia, eu só deixei ele fugir ontem para dar um gostinho de liberdade para o mesmo. Mas depois eu quero ver ele na minha frente arrependido por ter saído da minha Máfia.   



[Seul, 16 de maio, 10:00 AM, Delegacia]


Estava preocupado com Johnny, faz seis anos que trabalhamos juntos o considero como meu irmão, eu e  Kun estávamos tentando de algum jeito de descobrir onde o mesmo estava.

Estávamos tentando rastrear o celular o do Johnny, mas até agora nada. Quando eu vejo um rosto familiar chegando na delegacia, começo a olhar melhor e pude perceber que era Mark. O que ele veio fazer aqui? Não vou deixar barato pelo o que fez. Além de ter sequestrado o Johnny, ele usou o Donghyuck e ainda machucou os seus sentimentos como se fosse nada. 

Vou em direção a Mark e acerto um soco na sua cara.

— Isso é pelo Hyuck. Ele está super abalado. – Falo para o mesmo. — E isso é pelo Johnny. – Falo dando outro soco na sua cara.

O seu nariz já estava sangrando e sua boca inchada.

— Se acalme Jaehyun. – Fala Kun nos separando.

— Eu não vou me acalmar. – Falo irritado. — Ele sequestrou o meu melhor amigo e ainda usou o Hyuck. Ele merece isso e mais ainda. – Falo encarando Kun e depois Mark.

— O que você veio fazer aqui? – Pergunta Kun calmo, mas do jeito que eu conheço ele se o Mark falar algo que não o agrade ele vai levar um soco, e ainda por cima pior que o meu.

— Eu vim conversar. – Mark diz calmo.

— Não tem nada para conversar aqui. A sua conversa é com a cadeia. – Fala Kun já se alterando.

— Eu os abandonei. – Fala Mark. — Eu abandonei a Máfia, por isso que vim aqui, eu juro.

— Como podemos ter certeza que está falando a verdade, e se não é um plano da Máfia de vocês? – Pergunto bravo encarando os seus olhos.

— Eu estou falando a verdade, eu vim aqui para falar onde está o Johnny. Eu aceito até fazer o teste do polígrafo para vocês verem que eu realmente falo a verdade. – Mark fala, parecia que estava sendo sincero.

— Me acompanhe. – Fala Kun. — Vou providenciar o teste  para fazer agora e depois vamos decidir se devemos ou não confiar em você. – Diz Kun. — Mas não pense que só porque está fazendo uma boa ação que vai escapar da cadeia. O máximo que pode acontecer é reduzirem a sua pena.

— Não espero mais que isso. – Diz Mark.

— Bom mesmo. – Falo.

 Kun e Mark vão para uma sala para fazerem o teste. Fiquei do lado de fora esperando, estava impaciente, queria saber o que estava acontecendo naquela sala.

Depois de um tempo Kun sai da sala e vem até a mim.

— Terminamos o teste. – Diz ele. — Ele está dizendo a verdade. Ele realmente largou a Máfia, pedi para ele as informações do local e ele passou tudo para nós. – Kun Continua. — Nós vamos salvar o Johnny. – Kun dá um sorriso após dizer tudo.

— Pelo menos ele fez a coisa certa no final. – Falo sorrindo por que vou encontrar meu melhor amigo.

— Avise Lucas e Donghyuck, vamos precisar da ajuda deles.

— Aviso sim! – Digo animado.

Estava muito feliz com essa notícia, tomara que Johnny esteja bem. 

Se cuida Johnny nós não vamos demorar, vamos salvar você.

 Pego meu celular e ligo para Lucas para dizer a grande notícia.


[Seul, 16 de maio, 11:00 AM, Casa do Lucas]


Meu celular começa a tocar vejo que era Jaehyun me ligando.

— Alô? Jaehyun?

— Lucas? Eu tenho uma ótima notícia. Você não vai acreditar.

— Qual é a boa notícia?

— Achamos a localização do Johnny.

— O que? Mais como?

— Mark nos contou.

— Jaehyun não confie em nada que ele fala. Ele é traiçoeiro, ele magoou o Hyuck.

— Relaxa Lucas, ele largou a Máfia, e está do nosso lado, ele parece estar arrependido.

— Mas mesmo assim não podemos confiar nele. 

— Ele pediu para fazermos nele o teste do polígrafo. Kun fez o teste com ele, Mark não mentiu nenhuma vez. Ele ainda falou umas informações muito importantes para a gente.

— Só peço que tomem cuidado com ele. Por favor.

— Vamos tomar cuidado Lucas. Pode ficar tranquilo.

— Que bom, assim fico mais tranquilo.

— Kun me mandou avisar você e o Hyuck que era para vocês dois se prepararem porque vocês vão nos ajudar no resgate do Johnny.

— Eu aviso o Hyuck sim. Fale para o Capitão Kun que estamos preparados.

— Bom, era só isso. Tchau Yukhei!

— Tchau Jaehyun! Boa sorte!

Desligo o telefone.

— Pessoal acharam o Johnny. – Grito para todos ouvirem. 

— Como eles acharam ele? – Pergunta Hyuck.

— Sério! Quando vão o resgatá-lo? – Pergunta S/n toda animada e preocupada preocupada.

Explico para Hyuck tudo que Jaehyun me falou até a parte do Mark na qual o deixou meio receoso.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...