História Dear Kris - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO, Kris Wu
Personagens Personagens Originais, Wu Yifan (Kris Wu)
Visualizações 2
Palavras 943
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Magia, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


História também postada no Wattpad.

Capítulo 1 - Capítulo Único- Dear Kris


Fanfic / Fanfiction Dear Kris - Capítulo 1 - Capítulo Único- Dear Kris

Era uma chuvosa tarde de quinta feira, Wu Yifan estava procurando um livro para ler, aproveitando o raro momento em que os outros membros da alcateia estavam quietos e que não estavam dando problemas.
-Finalmente.- O alfa murmurou ao encontrar seu título favorito,Frankenstein de Mary Shelley,pegando-o e vendo um envelope cair no chão assim que começou a folhar o livro.
-O que é isso?- Se perguntou sentando-se em uma cadeira e abrindo o envelope branco com detalhes cor de vinho selado com cera dourada, tirando de lá dentro um papel mais escuro que os detalhes que o envelope possuia com algumas pétalas da rara rosa azul,trazendo-lhe uma fragrância que ele conhecia muito bem,sua esposa cheirava como a peculiar flor.
Deixando a curiosidade vence-lo o Wu começou a ler as palavras escritas com a caprichosa e delicada caligrafia da esposa .


Querido Kris,
Nesse momento está chovendo muito, trovões e raios estão do lado de fora da casa e eu sinto como se o mundo todo estivesse desabando ao meu redor, nesse momento eu queria que você estivesse aqui, para me abraçar e falar palavras doces enquanto me mantém aquecida como naqueles romances bonitos com os quais você gosta de presentear-me nos aniversários , mas você não vai virá não é ? Você nunca vem .


Porque diferentemente daquelas histórias de romance você não me ama não é querido?. Isso eu já entendi, mas eu sou uma desgraçada masoquista que te ama demais pra te deixar ir.


Eu sou apenas um estorvo não é? Apenas mais um peso morto que você carrega por obrigação.


Saber disso me mágoa profundamente mas eu sempre estou aqui, para te dar todo o carinho e prazer como a linda bonequinha de porcelana que você usa e abandona, a sua linda esposa troféu .


As sensações são boas , eu me sinto bem quando você me toca,mesmo que com a brutalidade característica dos cios,é quase como se você me amasse ... É prazeroso mas é vazio,nunca significa nada, eu cansei disso Yifan.


Eu cansei de sofrer por um amor unilateral, eu sei que você não me queria, mas quem disse que eu queria você? Nós dois fomos acorrentados um ao outro, sem opção a não ser aceitar.
Eu só queria ser verdadeiramente amada, e nós dois sabemos que você só precisava de uma boa cadela pra parir os seus filhotes. Já cansei de você ir embora no meio da noite como se a casa não fosse sua,como se eu fosse apenas uma prostituta e não sua esposa, cansei de juras falsas, e eu cansei das malditas rosas .


Pois é Wu, rosas,grandes, lindas e cheias de espinhos .


Eu te amo, tanto que rosas começaram a nascer dentro de mim e eu estou morrendo por conta disso, provavelmente quando você retornar da missão eu não estarei mais entre os vivos para ser seu troféu, mas você nem percebeu não é? Por que você nunca ligou o suficiente pra perceber .


Acho que você sequer sabia que era casado com uma híbrida de faerie e lican sabia?


Faeris e suas crias só amam uma vez e se não são correspondidos nesse amor eles morrem da doença de hanahaki , ela não deveria me afetar graças a loba que carrego,mas a idiota fez o favor de se apaixonar pelo seu alfa e me transformar nesse trapo desprezível e doente que sou agora .


Talvez você ainda encontre essa carta a tempo de ver-me viva,mas se for o caso não tente me manter presa a vida, apenas uma vez fique ao meu lado e me abrace,torne tudo mais fácil.


Não fique triste por mim,eu sei que você não era obrigado a me amar e sei também que ferir-me nunca foi sua intenção,seja feliz alfa, encontre uma boa ômega marque-a e a ame,tenha filhotes, netos e tudo de bom,afinal ,você merece.


Adeus meu grande amor, seja feliz, nunca esqueça-se de amar,viva bem, talvez algum dia nós nos encontremos outra vez.


Com amor,


Nicole Carosseli.


26/08/2019.


Ao final da leitura um lobo negro saltou em direção a floresta, ele precisava chegar em casa o mais rápido possível.
Durante o percurso tentava assimilar o que havia lido,ele não queria acreditar que ela estava morta,ela não podia estar,ele não suportaria se estivesse.
Pela primeira vez em muito tempo Wu Yifan estava totalmente em pânico.
Sequer abriu a porta passou pela mesma arrebentando- a com sua força lupina.
Encontrando a sala bem organizada como em todas as vezes que visitara a própria casa.
Voltou a forma humana e pouco se importava com a nudez, subiu para o quarto que supostamente também pertencia a ele e encontrou a mulher sobre a cama,tentou ouvir as batidas do coração dela , só encontrou o silêncio, era muito tarde,aproximou-se da cama com as lágrimas banhando a face e contemplou a mulher.
Ela estava estava linda como sempre esteve em vida, seus cabelos escuros em contraste com o travesseiro alvo, a pele macia e maldita a rosa azul salpicada com sangue despontava orgulhosamente dos lábios que um dia foram vermelhos,o peito rasgado, cheio de rosas sujas de sangue sobre ele,o lindo e delicado pescoço tinha uma fissura e dela saiam mais botões assim como do canto olhos rasgados por mais espinhos ,sua linda menina se tornou um vaso daquelas malditas rosas azuis que ela tanto gostava.
Kris abraçou o corpo pequeno e gélido chorando abundantemente sem se importar com os espinhos que arranhavam sua pele clara arrancando sangue, chorava de raiva, de si mesmo, da sua covardia, da doença maldita que lhe tirara a esposa e do seu jeito orgulhoso que o colocou naquela situação.
Afinal de contas, no final de tudo Yifan amava a esposa,só nunca soube demonstrar .


Notas Finais


Eu realmente não sei o que se passou na minha cabeça pra conseguir escrever isso, talvez eu tenha gostado demais da lenda,talvez o Kris fosse perfeito pra isso,talvez seja culpa da minha filhotinha que adora um final triste.
Sei lá....
Beijos,até a próxima história.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...