História Dear Milky; - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Hong Jisoo "Joshua", Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Soonyoung "Hoshi"
Tags Hozi, Soonhoon
Visualizações 31
Palavras 500
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Fluffy, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


boa leituura

Capítulo 3 - Dm - 24.12.O8


Fanfic / Fanfiction Dear Milky; - Capítulo 3 - Dm - 24.12.O8

2008 - Dezembro, 23

 

Minha querida Milky:

Amanhã será véspera de natal, e eu estou bastante animado! Eu e meus amigos vamos passar o natal na casa de Jun. Acho que esqueci de dizer quem são meus amigos, desculpe, milky. Vamos começar por Yoon Jeonghan, ele tem 14 anos e um cabelo que as vezes dá vontade de passar a mão o dia inteiro, mas não se pode nem tentar fazer isso com ele. Depois tem Wen Junhui, um chinês que se mudou para Busan à pouco menos de quatro anos, ele é bem bonito e tem a mesma idade que eu. E por último (e menos importante) o Mingyu. Ele é o mais novo entre nós, o segundo mais alto (perdendo apenas para Jun, e por pouco), o mais "bonito", o mais popular, e o mais burro. Eu acredito de coração que ele é inteligente, e só se faz por falta de interesse. Mas vai saber, né? Minnie ficará com seus amigos (Seungcheol e Vernon) e Dino com Jisoo e Seungkwan. Mamãe e vovó vão ficar com a família.

 

Seu para sempre, Jihoon.

 

 

 

 

 

 

2008 - Dezembro, 25

 

Minha querida Milky:

Nada saiu como planejado. Ontem foi uma véspera estranha, mas não ao ponto de ser ruim (quer dizer, já teve piores) . Mamãe chegou a conclusão de que natal é em família, e de que deveríamos ficar em casa, nem que seja apenas nós cinco. Eu concordei, porque ela tinha razão, afinal. Natal é em família mesmo.

As coisas estavam bem, eu joguei video game com meus irmãos, joguei jogos de tabuleiro, brincamos no quintal, fizemos muitas coisas naquela noite. Mas, como tudo tem que complicar, na hora da ceia, eu e Minnie brigamos. Motivo besta, Chan sem querer soltou que Seokmin havia rasgado meu suéter que vovó tinha feito para mim de tarde, para usar de noite. Eu fui procurar, e não achei, vovó disse que poderia estar em qualquer lugar, e que só teria a gente em casa, roupa não faria diferença. Mas agora sei que Seokmin rasgou e escondeu ela. Eu o repreendi com coisas como:

"Como isso aconteceu? Por que não me disse a verdade? Eu já disse para pedir antes de pegar algo meu."

Seokmin forçou uma cara de choro, e advinha? Exatamente, mamãe brigou comigo. Fiquei furioso aquela hora, Milky! Eu deveria estar acostumado, mas a verdade é que parece impossível se acostumar. Fui para o quintal de trás, me acalmar e ficar um pouco sozinho (antes de correr para minha avó) e vi um menino na janela da casa vizinha. Ele estava na varanda, olhando para as estrelas, ele parecia estar sorrindo (?).

Quando ele se virou, eu disfarcei o olhar, não queria parecer estranho. Quando eu olhei de volta, achando que ele tinha ido, eu vi seus olhos em contado com os meus. Os olhos dele, por mais que fechados, eram bonitos.

E eu podia vê-las, ver as estrelas neles. E isso fez eu me sentir bem.

 

Seu para sempre, Jihoon.


Notas Finais


runaway tururururu run into the fire

mais drogad que eu, só o woozi

até logo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...