1. Spirit Fanfics >
  2. Dear, patient. >
  3. Os planos da primeira ordem.

História Dear, patient. - Capítulo 15


Escrita por:


Capítulo 15 - Os planos da primeira ordem.



    O dia estava cinzento e macabro semelhante àquele lugar, o grande depósito da máfia que ficava escondido. Era a segunda Área 51, restrito e apenas os importantes podiam entrar ali. Palpatine estava tragando seu cigarro enquanto se acomodava na grande poltrona rústica e confortável. Snoke, por sua vez, estava sentado em outra poltrona ao lado de seu grande aliado, Palpatine. 
    A reunião estava apenas começando, Hux estava de pé enquanto observava os dois traficantes. O silêncio ainda se ponderava no local e ambos estavam bem tranquilos. Os planos já estavam começando a dar certo e a nova mudança no sistema seria feita. Não seria mais “A nova ordem mundial" , e sim “ A primeira ordem".
    No mundo havia dois sistemas sendo elaborados: A nova ordem mundial planejava espalhar doenças pelo mundo e achar formas para dizimar a população pobre. Já a primeira ordem, seu objetivo era controlar as pessoas através do seu mental com medicamentos ou drogas. Existia uma competição indireta entre os organizadores da nova ordem mundial e da primeira ordem.
    Quem conseguir ficar no poder, será o imperador mundial. Não haveria mais um sistema internacional anárquico, o sistema seria soberano e não haveria o equilíbrio de poder. O poder ficará centralizado nos organizadores do sistema vencedores. Todos, sem exceção, teriam que servir ao vencedor. 
    Só de imaginar a sua vitória,  Palpatine dá um leve sorriso de satisfação enquanto encara seus dois grandes aliados. Na hora certa, o mundo será deles.
    — Você sabe que precisamos de herdeiros, Palpatine. — Disse Snoke, aflito. 
    Palpatine respira fundo.
    — Vejamos: você não tem mais família. Então, só resta a mim — Palpatine disse pausadamente — Tenho uma neta, podemos usá-la.
    — Mas a sua neta é diferente de você e nem inteligência ela teve para entrar numa universidade. Pelo que eu sei, ela trabalha como garçonete. — Snoke riu. 
    Hux observou atento os dois enquanto conversavam. 
    — Ela é paciente de Kylo Ren. — Disse Hux, cortando os dois traficantes.
    O silêncio ponderou sobre o local novamente. Snoke estava em choque ao ouvir aquele nome novamente. Uma das suas grandes experiências estava sendo um psicólogo? Que irônico.
    — Minha neta está com aquele homem perigoso? Ele pode matá-la se ele perder o controle — Palpatine disse num tom bravo — Como você deixou isso acontecer, Snoke? Ela é a nossa única opção para herdar isso aqui. 
    — Calma, meu grande amigo. Não sei como eles se encontraram, mas seria ótimo. Kylo poderá voltar para nós. Você sabe o quanto ele é habilidoso. Um dos melhores que já tivemos. — Snoke disse alegremente. 
    — Estou de olho em Kylo e agora estarei de olho nela também. Podemos trazer ambos para a nossa máfia. — Disse Hux.
    — Será por bem ou por mal. — Snoke disse num tom ameaçador.
    — Vou dar uma oferta em primeiro lugar: irei oferecer uma bolsa para ela se ela aceitar cooperar conosco. — Disse Palpatine.
    — Você nunca tentou ajudar sua neta, ela vai desconfiar. — Murmurou Snoke.
    — Daremos um jeito nisso. Você vai ver.
    Os planos já estavam começando, fariam de tudo para trazer Kylo Ren de volta junto com Rey, a neta de Palpatine. Ambos trabalhariam com eles e, talvez, seriam os herdeiros. Iriam controlar o mundo de qualquer forma. Se os medicamentos não funcionassem, iriam colocar algum tipo de chip para controlar todos e seriam imbatíveis. 
    — Pode deixar comigo. Tenho um plano e sei que dará certo. — Hux sorriu maliciosamente. 
    — Contanto que você não mate os dois. — Snoke sorriu.
    — Pode deixar, talvez um arranhão terá que ser feito. — Hux riu.
    
    A história só está começando.
    
 


Notas Finais


eita rapaz é agora que começa a treta


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...