1. Spirit Fanfics >
  2. Debaixo do Kotatsu >
  3. Trauma

História Debaixo do Kotatsu - Capítulo 1


Escrita por: hekagi

Notas do Autor


Yo!!

Precisei escrever essa história duas vezes, mas acho que essa aqui tá melhor (◍•ᴗ•◍)
Eu tentei colocar uma comédiazinha, mas talvez não esteja tão engraçadojkkkkk

Kotatsu: são mesas baixas, projetadas para serem posicionadas em pisos como o tradicional tatami. Eles são cobertos com uma colcha espessa e possuem um aquecedor embaixo.

É isso, boa leitura ❤️

Capítulo 1 - Trauma




Estava frio. Muito frio! Talvez um dos dias mais frios do ano, senão o mais frio.

E Roronoa Zoro, o homem de cabelos verdes e musculoso, só queria uma coisa. Se aquecer dentro de seu namorado!

Sim, já faziam uns dias desde que não tinham relações sexuais, pois o emprego de ambos não colaboravam nenhum pouco com isso, afinal ser policial e chefe de cozinha não é nada fácil.

Zoro sentia saudade, não apenas do sexo, e sim do seu namorado! Ele precisava dele!

E foi neste exato dia frio que ambos conseguiram tirar uma folga.

Sanji estava sentado no chão, coberto pelo Kotatsu que haviam comprado há alguns dias, bebendo um chá qualquer enquanto assistia à televisão, onde passava as notícias do dia e comentando que em algumas partes do país estava até nevando!

E foi quando Zoro praticamente se jogou no outro, abraçando-o com força e quase derrubando o chá.

— Aí, idiota! Não faz isso! — Brigou o Vinsmoke dando um soquinho na cabeça alheia.

— Cala a boca! Eu quero aproveitar o tempo com o meu namorado! — Zoro retrucou o abraçando ainda mais forte.

Sanji suspirou e colocou o copinho de chá sobre a mesa em sua frente.

Retribuiu o abraço, apertando o mais forte que conseguia e sorrindo gentilmente.

Roronoa encarou o rosto coberto pela franja loiro e o beijou, entrando com tudo na boca alheia e usando a língua para passear por ali. Ahh~ há quantos dias eles não se beijavam assim?

Enquanto aproveitavam os lábios um do outro, Sanji usou uma das mãos para entrar por baixo do moletom cinza que Zoro usava, fazendo sua mão fria entrar em contato com a pele quente.

O esverdeado sorriu entre o beijo, pois Sanji nunca o tocava primeiro. Isso era sinal de que estava com tanta saudade quanto ele!

Não demorou muito para que Sanji subisse no colo de Zoro, encaixando ambas cinturas e fazendo com que seus membros roçassem um no outro.

Já estavam tão excitados que simplesmente esqueceram que estavam com frio, pois poderiam tirar suas roupas ali mesmo sem se importar com nada.

Estava frio lá fora, mas eles estavam com fogo no rabo!

Zoro já havia colocado sua mão dentro da calça alheia, arrastando a mesma sobre o pênis do namorado e o provocando.

Ding Dong~

A campainha do apartamento tocou e o casal se assustou um pouco.

Sanji saiu do colo de Roronoa e foi até a porta, enquanto o outro bufava com raiva.

— Oe, Sanji! — Pronunciou a voz extremamente familiar e animada. — Fui comprar um negócio e resolvi dar uma passada aqui! — Explicou o menino do chapéu de palha deixando seu chinelo no genkan e correndo até a sala alegre.

Sanji nem teve tempo de impedir sua entrada e apenas suspirou enquanto fechava a porta.

— E aí, Zoro! — Luffy comprimentou, sorrindo e Zoro lhe deu um sorriso bastante forçado. — Sugee! Vocês compraram um kotatsu! — Disse o menino sentando-se ali e colocando o cobertor sobre seu corpo. — Aa~ que quentinho~

Zoro fez um bico e colocou suas pernas ali por baixo também, jogando a cara na mesa e bufando mais irritado ainda.

Sanji fez o mesmo, colocando os braços por cima da mesa e voltando a beber seu chá.

— Como soube que estávamos em casa? — Sanji comentou bebericando seu líquido quente em seguida.

— Ah, sim! Zoro disse que estariam de folga no mesmo dia e faz tempo que a gente não se vê, então resolvi vir aqui! — Respondeu ainda sorrindo.

Zoro amaldiçoou a si mesmo por ter comentado isso com Luffy.

Ele tinha um bom ponto até, pois não se viam há um bom tempo mesmo, maaasss…. Zoro queria transar!

O Monkey pegou o controle da televisão e mudou de canal sem permissão alguma, colocando em um desenho aleatório.

Zoro se jogou para trás e colocou as mãos na nuca, fechando os olhos logo depois. Se não podia transar, ele ia dormir!

Bom, ele iria realmente dormir se algo não tocasse e roçasse em seu membro ainda duro, fazendo-o arregalar os olhos e olhar para Sanji.

O loiro nem sequer olhou em sua cara, apenas sorriu de canto e deu mais uma roçada no pênis alheio com o próprio pé.

Zoro tentou chamar sua atenção para que ele parasse, mas Sanji não estava nem aí para suas reclamações.

Continuou passando o pé por ali, vendo Roronoa tapar a boca para conter certos gemidos.

E Luffy continuava prestando atenção no desenho.

Sanji usou o dedão para puxar a calça de moletom preta, sentindo o membro rígido e molhado na ponta dos dedos. Mordeu o lábio inferior enquanto fazia seu pé punhetar Zoro  o deixando completamente louco!

O esverdeado não estava aguentando aquela provocação, seu rosto já estava vermelho como um tomate e segurava os próprios gemidos. O que Sanji tinha na cabeça para fazer aquilo com Luffy ali??!!

— Ah, eu já vi esse episódio! É muito bom! — Comentou o Mugiwara olhando para o casal, recebendo reações nada normais deles, porém ignorou aquilo e voltou sua atenção ao desenho do gato azul e do peixe laranja.

Sanji olhou para Zoro fechando um pouco os olhos e sorrindo diabólico, sinal de que algo pior estava para acontecer.

Zoro mordeu completamente o lábio ao sentir a velocidade da punheta aumentar, estava tão bom e ele sentia vontade de pular em Sanji e o foder sem piedade alguma como punição!

Mas, infelizmente, um idiota inocente estava bem ali, ao lado deles, assistindo desenho animado enquanto ria como um imbecil!

— Zoro, você não disse que esse era o seu personagem favorito? — Indagou Luffy encarando Zoro com uma expressão divertida.

E Zoro, por sua vez, estava completamente em êxtase, os olhos quase fechando, seu rosto um pouco suado e todo avermelhado.

Luffy olhou para Sanji que também parecia um pouco envergonhado e desfez o seu sorriso, sentindo toda sua animação ir embora de vez.

— Vocês estão…?! — Se levantou rapidamente e encarou os dois. — Credo!! — Colocou a língua para fora. — Dá próxima vez, só avisem que querem transar, beleza?! — Falou ao se dirigir para a porta e colocar seu chinelo, saindo do apartamento e fechando a porta com força. — Nunca mais eu chego perto de um kotatsu!!

O casal ouviu um último “que nojo!” abafado vindo do corredor e se encararam por alguns segundos, caindo na risada logo depois.

Bom, pelo menos agora eles tinham toda a privacidade que queriam, isso só custou um pequeno trauma em Luffy.





Notas Finais


Genkan: lugar onde os japoneses deixam seus sapatos antes de entrar em casa.

JKKKJKKJKK tadinho do Luffy


Obrigada por ler!💖💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...