História Decisions - Capítulo 1


Escrita por: +

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Colegial, Drama, Neptunia, Original, Romance
Visualizações 21
Palavras 1.477
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), FemmeSlash, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oláár, gente! Tudo bem com vocês? >u<
Pois é, eu sei, fazem ANOS que não posto nada por aqui. Essa é uma fanfic que está comigo fazem dias e finalmente tomei vergonha na cara pra postar essa belezinha.

Bem, enfim! Espero que gostem e que tenham uma ótima leitura. \Õ\

Capítulo 1 - Talvez devesse me preocupar?


O modo em que ele havia adormecido abaixo daquela árvore me fazia questionar o que poderia estar passando em sua cabeça, talvez nunca soubesse. Observava de modo atento, seu peito subir e descer sem pressa alguma, enquanto me agachava próxima a ele.

Cabelo loiro, um rosto bastante atraente, acompanhado de uma pele bem clara; Corpo esguio, em forma, sendo apenas alguns centímetros mais alto que eu. Permiti que meus olhos vagassem mais uma vez por sua figura adormecida e com convicção, pude concluir que era, de fato, muito atraente, contudo ele jamais iria saber de tal conclusão; o pouco orgulho que ainda me restava não me permitiria fazer tal coisa. Usei minhas mãos como suporte para o meu queixo, ao mesmo tempo em que apoiava os cotovelos em minhas coxas.

Estava em um dilema, deveria ou não acordá-lo?

Kotone, é melhor voltar o quanto antes para a sala, imagino que não queira arranjar problemas com o professor.

Não pude conter um suspiro cansado ao ouvir uma voz bastante familiar. Um pouco relutante, me levantei e levei meu olhar até a figura que me aguardava não muito longe, era Naru, um amigo de classe. Enquanto caminhava em sua direção, dei uma última olhada para o loiro adormecido, conversaria com ele mais tarde.

Não consigo acreditar que Kyo está matando aula. Me pergunto como diabos ele nunca é pego. – comentei com Naru quando estava próxima o bastante.

Kyo era uma amizade de longa data, o conhecia há um bom tempo, o que consequentemente me fazia se preocupar com ele. Nos conhecemos por acaso, numa circunstância não muito boa. Ele me ajudou e me ajuda até hoje, sou eternamente grata por toda a sua iniciativa, afinal de contas, não teríamos nos conhecido se não fosse por sua decisão.

Você realmente se preocupa com ele, não? – Naru parecia pensativo sobre o assunto. – Eu não o conheço, mas acredito que tenha um bom motivo para estar fazendo isto.

A resposta estava na ponta da língua, mas era apenas pura especulação. No instante em que pretendia respondê-lo já estávamos em frente à porta da sala, suspirei perante o ocorrido e por fim, decidi deixar o assunto de lado e focar no que realmente importava na ocasião.

Ao adentrar a sala, todos os olhares recaíram sobre nós, era mais que perceptível que alguns tinham sorrisos suspeitos estampados em seus rostos, contudo decidi não me importar, não gostaria de me encrencar logo no começo do ano, não me daria aquele "luxo". Já estando de volta ao meu lugar, Chie me estudava com afinco, deixando-me confusa sobre seu comportamento.

Já estava me perguntando por que diabos você estava demorando tanto para voltar do banheiro. Parece que não fui a única a ficar preocupada... – Chie olhou em direção a Naru, o qual se sentava um pouco distante da fileira onde minha carteira se localizava. Resolvi observá-la por alguns instantes e não me surpreendi ao ver sua típica expressão divertida estampada em seu rosto. – Bem, enfim. O que te fez sumir por tanto tempo? Digo, eu duvido que tenha se atrasado por conta de problemas intestinais.

Mordi o lábio inferior para reprimir uma série de risadas que estavam por vir, mas ainda não fôra o bastante.

Acredito que tenha algo a compartilhar com a sala, senhorita Kotone.

Não fui capaz de segurar um suspiro ao perceber que mais uma vez havia me tornado o centro das atenções. Levei meu olhar para Naru, em busca de ajuda, mesmo sabendo que ele não poderia fazer muito por mim na ocasião... Pelo menos era naquilo em que acreditava até então.

Professor Mamoru, Kotone tem se preocupado com os exames que virão daqui alguns meses, tendo isso mente, imagino que ela e Kazumi estejam planejando encontros focados no estudo. – a voz de Naru estava carregada de convicção, o que me deixou totalmente perplexa.

Mamoru pareceu engolir a desculpa esfarrapada, a qual fora muito bem improvisada por Naru, e retomou com sua aula de química, que por sinal estava sendo nada interessante.

Que bonito, seu herói de armadura dourada te salvou mais uma vez, Harumi. – desta vez, Chie usava um tom de voz mais baixo, porém, ainda carregado de puro divertimento.

Naru é um ótimo amigo, eu realmente devo muito a ele. – sorri minimamente, enquanto olhava mais uma vez para o rapaz. – Ah, voltando ao assunto... Encontrei Kyo no meio do caminho.

Hmm? Se encontrou com aquele bosta problemático? Céus, Harumi você não tem jeito.

Por algum motivo, ainda desconhecido, Chie não suportava o fato de que minha amizade com Kyo era algo bem longo e, segundo ela, não estava me fazendo nem um pouco bem. Era compreensível sua preocupação, o rapaz não era lá muito atencioso comigo quando se encontrava submerso em seus próprios problemas, mas caramba... Queria ajudar de alguma forma.

Ele estava dormindo, provavelmente acabou fazendo hora extra em seu trabalho de meio período e acabou se perdendo nos horários. – suspirei. – Não o acordei, mas confesso que fiquei tentada.

Eu o teria acordado, sem sombras de dúvidas. – Chie arrumou seu rabo de cavalo, de modo que ficasse ainda mais bonito.

Deixei com que meus olhos percorressem o rosto da minha amiga e sorri, coisa a qual se tornou inevitável, enquanto reparava o quão bonita ela era. Com um contorno facial semelhante ao meu, diferente dos olhos verdes em tom oliva que eu possuía, os seus eram de um verde esmeralda, seu rosto também apresentava um nariz fino e para completar, seu longo cabelo castanho finalizava tudo com chave de ouro. Não me surpreendia nem um pouco ao acompanhá-la até seu armário e nos deparar com alguns bilhetes de admiradores.

Pare de nos comparar, Harumi. Eu sei que você está fazendo isso.

Minha expressão havia voltado a ficar neutra quando notei que tinha sido pega, ela me conhecia bem, muito bem.

Cerrrrrrto, desculpe. – resolvi focar no restante da aula de química. Mantive meus olhos na lousa, enquanto ponderava a ideia de conversar ou não com Chie mais uma vez. Por fim decidi o fazer. – Precisamos marcar um dia só nosso na sua casa.

É, precisamos sim. Pretende ficar produzida para alguém? – olhei-a de relance e fiquei contente por ver que ela estava sorrindo. – Se for para o cavaleiro de armadura reluzente Naru, estou totalmente de acordo.

Não, não. Só quero me sentir bem comigo mesma, sabe?

Sei sim. Bem, só marcarmos o dia.

Fechado.

Sorrindo de canto por conta do combinado, optei por me focar completamente na aula, estando sempre atenta a questões as quais pudessem me dar problemas nos exames que estariam por vir. Pouco tempo depois o sinal para o fim das aulas havia soado, indicando que já poderia voltar para casa.

[...]

Morar um pouco distante da escola dificilmente trazia consigo alguns pontos positivos, por conta disso, sempre tínhamos que pegar um metrô rumo a um ponto bem perto de casa e Kyo, sempre que podia me acompanhava até lá. A caminhada até a estação fora silenciosa, o que me deixava inquieta. Enquanto minhas mãos percorriam a alça da minha bolsa, meus olhos estudaram a figura do rapaz que andava ao meu lado.

O habitual metrô havia chegado um pouco mais cedo do que o normal, portanto, não perdemos tempo em pegá-lo.

O que houve contigo, Kyo? Anda, me diz. – perguntei quando já havia me sentado num banco qualquer, o loiro decidiu ficar em pé.

É, parece que você não vai me deixar em paz... – ele suspirou, mas ainda mantinha seu costumeiro sorriso por entre os lábios – Uma garota, Harumi. Uma garota tem me tirado algumas boas horas de sono.

Uma garota...? Uau, aquilo era novidade.

Que incomum você esquentar tanto a cabeça por conta de uma garota, Kyo. Pensei que você já soubesse lidar com esse tipo de situação. – olhei-o de relance apenas para observar suas reações.

Você não entenderia, digamos que é uma paixão de longa data.

Olhei Kyo com um grande pesar, enquanto ele me retribuía com mais um dos seus sorrisos, obviamente nem imaginava o quão pesadas foram suas palavras.

Aquilo foi cruel, muito cruel. Se ele ao menos soubesse como me sentia, não diria aquela frase... Não daquele jeito.

Idiota, espero que você caia em um buraco.

O que?? O que fiz de errado, Harumi?

Só caia e não volte tão cedo.

Kyo continuou falando, querendo saber o motivo do meu silêncio. Enquanto observava as paisagens mudarem constantemente diante dos meus olhos, acabei suspirando, permitindo que as palavras do rapaz entrassem mais uma vez em minha cabeça e eu, por fim, pudesse ao menos tentar deduzir quem seria a suposta garota.

Estava um pouco incomodada, mas não o bastante para me irritar com tudo e, principalmente, com ele. Porém, seria mentira se dissesse que não estava curiosa referente ao ocorrido. No fim das contas, decidi que comentaria com Chie sobre o caso assim que chegasse em casa, talvez ela soubesse de alguma coisa.


Notas Finais


E chegamos ao fim do primeiro capítulo! <3
Para esclarecer as coisas, estou usando o típico ambiente de colégio japonês, portanto alguns não se chamarão pelo primeiro nome, apenas os mais íntimos e tudo mais, igual aos animes.

Segue abaixo as imagens bases dos personagens:
Kotone Harumi; https://i.imgur.com/3Wm2V2i.jpg
Chie Kazumi; https://i.imgur.com/4ngIrO0.jpg
Kyo Hiroshi; https://i.imgur.com/6KvzNUg.jpg
Naru Yoshikazu; https://i.imgur.com/j7UP39n.jpg


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...