História Deixa A Vida Me Levar - Capítulo 31


Escrita por:

Visualizações 48
Palavras 538
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 31 - Vá Vê-los


Fanfic / Fanfiction Deixa A Vida Me Levar - Capítulo 31 - Vá Vê-los

Depois de um tempão André chegou, Chris e Pedro conversava na cozinha. Helô e Sam assistia filme. 

André: Me disseram que o Pedroca está aqui. 

Pedro apareceu

Pedro: Iae Pivete. 

Eles se abraçaram. 

Eu estava limpando as fotos e colocando na estante da sala. 

André: Está na hora de cortar esse cabelo. 

Pedro: A última vez que cortei foi quando você estava aqui. 

Eles conversaram. Eu fui pro quarto e fiz alguns telefonemas pra equipe eu trabalho. Depois fiquei lendo um livro.

Depois de um tempo Chris chegou no quarto. Eu fechei o livro e fiquei olhando ele deitar no meu lado na cama. 

Chris: Está lendo o que?  

Eu: A cabana, um livro incrível que Helô me deu. 

Eu o abracei. 

Eu: A conversa estava boa? 

Chris: Sim, estavamos conversando sobre o mercado.  Queremos algo diferente. 

Eu peguei a mão dele e fiquei admirando o anel de casamento.

Eu: E o que vocês decidiram? 

Chris: Bom, seu pai seja o gerente. Algo que não precisa de muito esforço.  E algo que chame atenção no mercado, estava pensando em uma lanchonete no mercado. Mas ainda estamos vendo. 

Eu: Bom, eu não sei a mínima sobre essas coisas. 

Nós ficamos em silêncio até ele falar enquanto eu admirava as pedrinhas de diamantes bem pequenas que tinha no anel. 

Chris: Manu

Eu: Sim, amor.

Chris: Se quiser visitar seus amigos pode ir.

Eu: Não tenho amigos aqui. 

Chris: Tem sim, sei que tem. 

Eu: Eu tinha, não sei se eles querem me ver. Não sei. 

Chris: Nunca vai saber deitada aqui. 

Eu: Quero ficar aqui com você. Gosto do seu abraço. 

Chris: Quando você voltar ele vai está aqui te esperando. 

Eu: Tudo bem. Eu vou no DeVill. 

Chris: Ta 

Eu: Vem comigo? 

Chris: Eu vou ficar cuidando de Sam. 

Eu: Ta, vou pedir pra André ir comigo. 

Chris: Ta 

Eu levantei da cama e fui pra sala. Estava André conversando com Helô.  

Eu: Vamos no DeVill? 

André: Olha Olha. 

Helô: Eu não quero ir. 

André: Eu quero, vamos. 

Eu:Chris vai cuidar de Sam. 

Helô: Ela está dormindo no meu quarto. 

André pegou a chave do carro na mesinha. Nós fomos, eu estava um pouco nervosa. Não sei como o pessoal vai reagir, mas espero que seja bem. 

Depois de um tempo ele estacionou o carro, estava quase a mesma coisa, apenas a madeira está mais autêntica e o bom grande DEVILL em cima do bar. 

André: Então, está nervosa? 

Eu: Se acontecer alguma coisa, por favor me ajude

André: Ta, mas. Sabe que tudo o que acontecer aqui é por que merece, então prepara-se para ser bem vinda com braços abertos ou não.  

Eu: Tudo bem. 

Eu respirei fundo

Eu: Eu sou forte. Eu sou Manuela, sou forte. 

André: Eles não sabe o que você passou. E as coisas mudaram, então.  Aceite. 

Eu: Ta. 

Nós entramos, estava tocando Highway to Hell de AC/DC.

Passei por dois seguranças. 

Eu entrei olhando para os motoqueiros de jaqueta, depois fui procurar meus antigos amigos. 

André: Vem. 

Eu ajeitei minha saia, andando em direção a André.  Olhei estava Pedro, Diego, Beto, Larissa e Karla conversando em um canto tomando cerveja e Cleber e Rosa conversando em outro canto. 

Eu: Olá.  

Todos olharam pra mim, com os olhos arregalados parecendo ver um morto.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...