História Deixe-me ir. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Histórias Originais, Personagens Originais, Romance
Visualizações 12
Palavras 350
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Este não é realmente um capítulo. Mas me senti na obrigação de escrever uma explicação.

Capítulo 1 - Explicações.


Olá pessoas incríveis da internet! 

Eu sei. Não digam nada. Eu estou sumida, abandonei vocês. 

Mas o bom filho à casa torna! Eis-me aqui. Primeiramente, peço mil perdões. Tenho ciência do quão chato é quando o autor não prossegue com aquela história que você tanto gostava. Mas tive meus motivos, e ao longo dessa história vocês entenderão melhor. Não foi por preguiça, relaxo ou bloqueio criativo. Red está toda finalizada no papel, apenas não tive emocional o suficiente para redigir os capítulos. 

Vejam bem, pedi demissão do meu emprego por conta de algo bem sério. Terminei meu relacionamento de um ano e meio por um motivo do qual não me orgulho. Minha vida está toda de cabeça para baixo. E isso afetaria a história. Eu ia colocar meus sentimentos na escrita, e no momento atual, eles não condizem com o Kakashi e a Sakura. Coitados, gente. Eles não mereciam que eu estragasse toda a história linda que eles têm. 

Então, por que cargas d’água comecei outra história? Por que bem... 

Essa é a minha história. 

Me meti em um rolo, onde não posso falar sobre o que acontece para ninguém. Mas fiquem calmos! Não estou metida  com drogas, ou algo ilegal. Imoral, talvez. O fato é que eu precisava falar. Desabafar com alguém. Tudo está amarrotado na minha garganta por três longos meses. Cheguei ao ponto de não suportar mais. Então por que não fazer isto da forma que sei melhor? Escrevendo. 

Deixarei claro que não citarei nomes aqui, nem mesmo o meu. Aliás, sei que vocês não têm ideia de qual seja meu verdadeiro nome. Mas creio que seja melhor deixá-lo no sigilo também. Todos os personagens realmente existem e são pessoas do meu cotidiano. Porém, não quero expor ninguém e nem posso. Entretanto, tenham coincidência que, ainda que os nomes sejam falsos, a história é verídica. Tudo o que eu contarei aqui é real e aconteceu. Está acontecendo. Sou a protagonista desse drama, logo eu, que sempre os odiei. 

Fiquem livres para me julgar, ou me xingar. Não tiro a razão de ninguém, caso venham a fazer isto. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...