História Deku- A médica e heroína n 1 - Capítulo 4


Escrita por: e SwwetDeku


Notas do Autor


Bem gente, era pra eu ter reescrito td ontem mas estava muito ocupado com umas fanarts que eu estava fazendo pra essa fic,

Sim eu sei q era pra ter atualizar Pity Party mas eu realmente estou me dedicando pra essa fanfic agora que sou o novo co-autor e espero que vcs não me matem ksks

Obg pelo apoio:3

Capítulo 4 - Onde tudo isso começou - (Reescrito)


Fanfic / Fanfiction Deku- A médica e heroína n 1 - Capítulo 4 - Onde tudo isso começou - (Reescrito)

 

Narrador on: 

-Era de noite, no dormitório da turma 1-A da U.A. Era uma dia comum depois das aulas de herói, estavam apenas se divertindo enquanto alguns viam filmes, jogavam jogos, conversavam e contavam piadas depois de mais aquele cansativo dia de treinos.

Mas o acontecimento mais importante e inesperado não estava acontecendo ali no andar de baixo, o andar de convivência e sim no corredor antes da escada que descia para o térreo do prédio.

Izuku Midoryia, uma garoto comum que avia herdado o incrível poder do One for All passado de geração até ele passeava pelo corredor em direção a escada, mas antes foi parado ao ouvir uma voz um tanto familiar.-

Bakugou: Oe! Nerd! Espera!

Deku: Bakugou? O que foi?

-Bakugou e Izuku estavam se aproximando mais recentemente, depois de tanto tempo brigando parece q algo mudou pra Katsuki, estava tentando seguir em frente, queria mudar e ser um herói melhor e também melhor como pessoa, o que não era muito esperado dele mas isso não vem ao caso, não agora-

Bakugou: Eu.. Deku. E queria saber se.. Se poderíamos parar de brigar, podemos fazer as pasês? *Olha pro lado*

Deku: *Sorri soprado* Você não sabe quanto tempo esperei para ouvir essas palavras Kacchan

-De repente uma voz feminina surgiu ao lado deles e só ai perceberam a presença de uma mulher a qual entrara pela janela e estava parada ao lado deles com um sorriso no rosto como o de uma criança que estava prestes a fazer uma travessura.-

***: Me desculpe por cortar todo esse clima mas.. Eu apenas estou seguindo ordens 

-Uma fumaça rosa de repente surgiu no local como uma explosão centralizada!-

Deku: Kacchan!

-Deku foi mais rápido e jogou Bakugou para o andar debaixo, tinha caído de uma altura não muito alta, bateu a cabeça com uma certa força para o deixar atordoado, mas pelo menos não estaria respirando a fumaça estranha na qual Deku estava imerso.

Deku tentou segurar o folego mas logo sentiu um forte chute na barriga, caiu no chão e logo percebeu que a figura da mulher saía pela janela e fugia. Não notou de primeira mas quando percebeu inalava  a fumaça rosa, estranhamente a fumaça cheirava a rosas e lavanda, o que aquilo significava? Logo começou a sentir a sua cabeça girar, estava tonto, ainda no chão sentiu sua cabeça latejar e em seguida só viu o escuro...-

Quebra de tempo (Na enfermaria)

Parte Recovery Girl

-Eu estava tranquilamente na enfermaria quando do nada alunos chegam trazendo bakugou desacordado e o Deku... Não espera! A Deku! Deku tinha cabelo comprido e um corpo feminino, pela primeira vez em anos de meu trabalho me senti perdida, pedi que deixassem eles nas macas, pedi que saíssem e chamassem os outros pró-heros. Eles foram e rapidamente os pró-heros professores da U.A apareceram.

O caso de Bakugou não era sério, só tinha um corte na cabeça e estava descansando. Mas Izuku me preocupava, os pró heros fizeram de tudo até encontrar o perfil da vilã como Bakugou avia descrito antes de cair no pesado sono que agora estava.

Era uma vilã que era conhecida por ser contratada por outros vilões mas não tinha nenhuma liga ou gangue fixa, seu trabalho funcionava da seguinte forma:

Ela era contratada por um alto valor por.. por exemplo: Um vilão.

Na maioria os casos ou o vilão estava sendo atormentado por um certo pró-hero, ou estava disputando algo a distancia com outro vilão mais forte que ele.

Ai ela dava um jeitinho de chegar até a pessoa a qual foi contratada para atacar e soltava seu gás rosa, isso só funciona se a vitima for do sexo masculino pois o principal efeito era transformar no caso ele em ela.

Mas o principal motivo do por que ela era contratada era por que a individualidade a pessoa é apagada, ela na verdade não é apagada instantaneamente, vai sumindo aos poucos até a pessoa não a possuir mais. E em troca a pessoa ganhava um outra individualidade, geralmente sendo uma bem ruim e inútil para um herói, mas dizem por ai que algumas pessoas que ela transformou acabaram tendo poderes até melhores que os anteriores e até mais de um poder... Mas nada foi confirmado, são apenas boatos.

Sobre suas memórias, as vítimas tinham suas memórias alteradas, para elas sempre foram garotas. Mas se alguém contar para ela que ela era um garoto danos graves seriam causados ao cérebro que não aguentaria tamanho choque de realidade.

Realmente é um poder bem peculiar mas eficiente em vários casos.

Eu conversei com All Might. Se ele, agora ela, não tivesse um poder suficiente para ser uma heroína teria que sair da U.A, e teria que sair da luta do One for All e All for One pois seria muito perigoso.

Agora teria que conversar com alunos, seria bem complicado mas eles tem que saber pra segurança de Izuku.

Quebra de tempo (Com todos os alunos na enfermaria)

Recovery Girl: E é basicamente isso...

Todos: O que?!

Uraraka: O-Oque, O-o, quer dizer, A Deku-chan não pode sair da escola

Recovery Girl: Não é certo que ela vai, isso só vamos saber quando ela acordar e começar a demonstrar seu novo quirk

Lida: Eu vou garantir que ninguém fale sobre o acontecido de ela se transformar Recovery Girl!

Recovery Girl: Obrigada Lida-kun, agora deixem ela descasar, assim que ela se recuperar poderá voltar ao dormitório

Todos: Hai! *Todos saem*

Recovery Girl: Nossa, parece que você levou uma pancada e tanto
*Fala para si mesma já que era a única acordada naquela sala enquanto fitava o grande machucado roxo em sua barriga causado pelo chute*
Eu vou pegar algumas coisas pra cuidar disso
*Foi até sua bancada pegando algumas coisas para tratar o machucado, ia começar a tratar quando de repente um brilho verde emanava no local do machucado de Izuku, segundos depois o brilho desapareceu e no local já não existia mais um machucado, a pele estava perfeita*

Interessante...

...CONTINUA...


Notas Finais


Espero que tenham gostado! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...