História Depois do Anoitecer - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Tags Got7 Jackson Romance
Visualizações 1
Palavras 1.102
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Luta, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um cap, tarde mas saiu kkkkk
Boa leitura amores

Capítulo 9 - Encontro?



                 Ainda bem que essa aula tá pra acabar pq eu não aguento mais, hoje foi aula da pior professora do mundo, nunca pensei que diria isso, mas odeio a matéria dela, só que tiro nota boa, estranho. Eu não parava nem um segundo de pensar no que Jackson me falou, é muito estranho ver meu melhor amigo saindo com uma garota, espero que seja uma garota decente, e que o faça feliz

                  - Acabamos por aqui, estudem em casa, as provas irão começar próxima semana, então estudem bem, bom recreio - Disse a professora ratinha, grr nojo 

                   Todos saem pra ir pro recreio, eu mesma não tenho muita motivação pra sair da sala, e o que eu não prestei atenção na aula, achei melhor revisar um pouco. Vejo o Suga passando no corredor, decido dar um oi, mas ele passou direto nem olhou, pensei por um momento que ele tinha esquecido que tinha me salvado naquele dia desagradável, então eu volto a estudar, aparece a inútil da Stefany, estranho ela tava sozinha

                 - Hellooo, como tá nerdzinha? 

                  - Bem, as coisas estariam melhor sem você aqui 

                  - Olha aqui, eu só não chamo a Louise agora, porque no momento ela tá com o Suga 

                  - Pera aí, o que você disse, ela tá com o... Suga?

                  - Sim, por que, gosta dele?

                 - Não, não é o que tá pensando 

                 - Claro, uma garotinha nerd que nem você, nunca teria chance com o garoto mais popular da escola

                  - Eh... você tem razão

                 No fundo, por mais que doesse em mim, eu sabia que o Suga nunca em toda vida iria gostar de mim, por um momento tive o pressentimento que ia dar certo, mas agora tudo acabou pra mim mesmo. Quando menos espero, a Stefany começa a me bater, sem mais nem menos, talvez eu merecia esses tapas, pra cair na real que nunca teria chance com o Suga. 

                   -  Caso, ousar tocar no namorado da minha melhor amiga, fique sabendo, ele é só dela ok? 

                   - Por que continua fazendo isso? AA - Grito de dor - Por que continua na sombra da Louise?

                   - Que? 
        
                  - É, por que continua na sombra dela? 

                  - Olha, garota, não preciso te dar satisfações de nada da minha vida - Me bate cada vez mais forte, e depois sai correndo, eu logo me levanto e saio pro banheiro, eu tinha que lavar esse sangue, e chorar por tudo que tá acontecendo comigo


                ~ LORNY POV'S OFF ~ 

                ~ JACKSON POV'S ON ~ 

                 Nossa, eu não consigo mesmo parar de pensar na garota dos meus sonhos, eu quero muito que nosso encontro dê certo, quem sabe pode resultar em algo mais. Que estranho, a Lorny costuma comer essa hora depois da resumida que ela da na aula, acho melhor ir na sala dela. Entro na sala dela e não a vejo, procuro por todas as salas, fui na minha sala e vi o Suga e a Louise se beijando, começo a pensar se a Lorny viu e saiu da sala e foi pra um lugar bem escondido, então decido procura fora da escola 

               ~ JACKSON POV'S OFF ~

              ~ LORNY POV'S ON ~ 

              Nesse momento, eu tô quase alagando o banheiro, tô chorando muito, não sei se caí na depressão, ou se tô com problema, mas tá de mais. Escuto um barulho na porta, eu tava no cantinho do último banheiro chorando, ouço uma voz de garoto 

                - Oi, quem tá aí? 

                - Ninguém - Falo soluçando e limpando as lágrimas

                 - Eu sei que tem alguém aí, pode sair

                 - Não vou... sair - Choro ainda mais 

                 - Olha, se você não sair, eu vou ter que entrar 


                É o jeito eu abrir a porta, seja lá quem for, não devia ter entrado no banheiro das meninas, eu estava de cabeça baixa, limpando as lágrimas, e quando levanto a cabeça...

                 - Su-ga?

                 - Lorny? O que tá fazendo aqui chorando? Escutei uns choros e vim olhar quem era, por que tá aqui? 

                 - Ah... bem, você não deveria tá aqui, deveria estar com sua namorada e não se importando com os outros, além do mais aqui é o banheiro das meninas, se sua namorada te ver aqui, vai achar que você tá traindo ela, agora sai, sai já 

                  - Calma, Lorny, enfim, do que tá falando, que namorada? 

                  - Como assim? A Louise

                  - A, ela, não gosto dela, a gente só ficou mesmo, por que tá assim? Outra, por que tá chorando? 

                 - Assim eu sou sempre, sempre venho chorar aqui, e eu tô chorando por um problema de...família, isso família 

                  - Por que chora aqui sempre? Entendo seu problema de família

                   - Choro aqui, porque não tem ninguém que me aceite do jeito que sou

                   - Ué, e seu melhor amigo, o Jackson, não acredito que ele te trocou por outra

                   - É me trocou sim - Sussurro baixo, pra ele não escutar - Bem ele tá saindo com uma garota, não queria atrapalhar a vida dele, e achei melhor ficar sozinha mesmo

                  - Lorny, não faz assim, ele só tá saindo, não tá feliz com isso? 

                  - Bem, claro que to, ele é meu melhor amigo e tenho que o apoiar em tudo, por que você acha que tô chorando? 

                 - Por que tá com ciúme? 

                 - Que? Que ciúme? puff

                 - Lorny, tá na cara

                 - É mesmo? 

                 - Sim rs 

                 - Aishhhh, que burra que eu sou caralho 


                 - É mesmo ein kkkkkkk, mas em vez de chorar, por que você não quer tomar um sorvete amanhã comigo?

                 - An? Pera, é real o que eu tô ouvindo mesmo, o Suga, o garoto mais popular da escola me chamando pra sair? Pera que eu não tô acreditando

                 - Iai, o que acha? 

                 - Claro que topo - Começo a sentir um frio na barriga e dou umas risadas meio loucas - KKKKKK TÁ BOM, amanhã que horas? 

                  - Te pego em casa 15:00, dai a gente pode dar uma volta no shopping na praça, vamos em todo canto rsrsrs 

                   - Tá bom, se você diz - Socorro, que frio na barriga é esse, tô com medo aa

                    - Beleza então, até o nosso encontro amanhã, descabelada - Fala bagunçando meu cabelo 

                   - Nossa que idiota você é ein, sai daqui, a gente se vê amanhã 


                   O que é isso, Lorny, você vai em um encontro pela primeira vez na sua vida, socorro, eu não sei lidar, alguém me ajuda, será mesmo um encontro? Aaaa só indo pra saber mesmo, Lorny prepare-se, você vai em um encontro aaaaa....
 


Notas Finais


Obrigado por lerem, se os caps estão saindo tarde não reclamem por favor, de tarde eu tenho coisas da escola e tals, desculpem qualquer erro, até o próximo cap


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...