1. Spirit Fanfics >
  2. Depois do Baile (Drarry e Oneshot) >
  3. Capítulo Único

História Depois do Baile (Drarry e Oneshot) - Capítulo 1


Escrita por: Mikke1

Notas do Autor


Me desculpem por qualquer erro ortográfico e boa leitura ♥️

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Depois do Baile (Drarry e Oneshot) - Capítulo 1 - Capítulo Único


Harry estava do lado de fora,a brisa fresca acariciava seu pálido rosto,os olhos esmeraldas brilhavam sob o luar.


— Potter? — perguntou alguém,sabia de quem se tratava.


— Malfoy —respondeu ao Sonserino olhando os seus olhos,que brilhavam mais que diamante.


— Sem par não é? — Harry assentiu e Draco veio ao seu encontro e sentou-se ao seu lado,dessa vez olhando para lua.


— Ninguém quis dançar com você? — Harry disse o olhando se cima a baixo,Malfoy estava de fato bonito,os cabelos penteados para trás, revelando a beleza de seus olhos.


— Não,talvez por não confiarem em alguém como eu. — respondeu ainda olhando para os corpos celestes no denso mar de escuridão.


Harry ficou um tempo olhando-o,depois dirigiu sua atenção as estrelas assim como Malfoy.


— Sabe,até que você não está mal,como não o chamaram. — disse Potter.


— Você acabou de dizer que estou bonito Potter?—


Harry congelou por algum tempo,de fato achava que o mesmo estava deslumbrante,mas não ia entregar isso de mão beijada,não mesmo,mas agora havia reparado que sua resposta estava dizendo exatamente isso,com outras palavras é claro.


— N-não,q-quer dizer… —Harry abaixou a cabeça escondendo a vergonha e o fato de seu rosto estar completamente vermelho.


—Quer saber? — começou. — Você também não está nada mal Potter. —disse agora olhando o mesmo de cima a baixo. —olhe para nós. —disse rindo. —dois encalhados, por Merlin. —disse balançando a cabeça rindo.


— Eu nem ao menos sei por que fui para esse baile idiota. — disse rindo ainda olhando para o céu.


— Talvez para que Snape e Minerva não tirem pontos da Grifinória? 


— Talvez… — Disse sorrindo ladino fazendo Draco rir também já que veio pelo mesmo motivo.


Ficaram um tempo,um longo tempo olhando para a lua e os corpos brilhantes no céu sem dizer uma palavra um ao outro, até o silêncio ser quebrado por Malfoy.


Draco se levantou,saindo de onde estava sentado ao lado de Potter e lhe estendendo a mão.


— Vamos. — disse.


— O que? — Harry o encarou desacreditado na atitude do loiro.


— Ah vamos Potter,você não tem ninguém para dançar e eu muito menos,o que acha?


Potter pensou por um tempo, realmente,o que teria de tão mal se dançassem? Afinal ambos estavam sem par.


Harry pegou a mão de Malfoy,que a puxou forte o levando para onde todos estavam dançando,colocou a mão de Harry em sua cintura e jogou a sua atrás de suas costas.


— Malfoy?! — olhou o loiro entrelaçando seus dedos e unindo suas mãos,"Por Merlin",pensou.seu rosto estava completamente vermelho e tinha certeza de que todos estavam os olhando.


— Fica calmo. — disse puxando Harry para mais perto um pouco brusco demais,colando seus peitorais ao outro. — eu não mordo,Potterzinho. — disse com um sorriso ladino e malicioso nos lábios pálidos,Harry estremeceu ao ouvir o loiro dizer isso.


Malfoy começou a dança,os dois alunos dançavam para lá e para cá,por todo o salão,com o tempo Harry que estava envergonhado e corado agora estava sorrindo e rindo,se divertindo junto ao loiro,"Que se dane o que irão pensar", pensou.


Após um longo tempo dançando pararam,estavam cansados demais para continuar,Harry olhou para Malfoy,o peitoral subindo e descendo com certa força e rapidez,Malfoy começou a desabotoar os primeiros botões de sua camisa social branca deixando seu pescoço totalmente amostra e um pouco do peitoral.


Harry sentiu as bochechas queimarem ao ver a cena, provavelmente tudo o que queria era um buraco para enfiar a sua cara completamente vermelha, certamente daria para fritar um ovo em seu rosto de tão quente que estava.


Draco olhou para Harry,que estava com uma taça em mãos,julgou ser apenas água ou suco já que não conseguia ver o seu interior,não dariam bebidas alcoólicas para bruxos menores de idade,pelo menos acha que não.


— Potter… — deu uma breve pausa. — está bem? Quer algo para beber? —disse notando claramente o rosto do outro completamente vermelho.


Harry tirou os óculos e jogou os fios castanho escuros para trás,olhando para Draco com aqueles olhos que brilhavam mais que qualquer pedra preciosa,agora quem estava corado era Draco.


— E-Estou bem,por que? —mentira,não estava,na verdade estava imaginando algo indecente e cheio de luxúria com o loiro,mas não falaria, obviamente.


— P-Por nada. — Draco apenas riu sem jeito e olhou para qualquer outra coisa, evitando o olhar de Potter.


Um tempo depois…


O Baile já havia acabado,Malfoy havia sussurrado para Harry o encontrar,"Me encontre na torre de astronomia" disse saindo logo em seguida deixando Harry confuso.


— Malfoy? — disse tirando a capa de invisibilidade,estava de pijama.— Malfoy? —olhou para os lados procurando a figura do loiro alto e charmoso.


Ouviu a porta atrás de si ser fechada,o que lhe assustou,mas em seguida a voz do loiro pôde ser ouvida nas extremidades da torre,mesmo que baixa,atrás de si.


— Potterzinho —sentiu Fraco lamber o lóbulo de sua orelha e a mordendo. —meu Potterzinho. —disse, poderia ver o sorriso malicioso do idiota de cabelos loiros sem nem ao menos vê-lo.


— D-draco? O que está fazendo? — perguntou.


— O que queria Potterzinho. —respondeu manhoso.


O coração de Harry começou a acelerar conforme Draco dava chupões em seu pescoço.


— E-eu não sei do que está falando


— Por Merlin Potter, você acha mesmo que não vi seus olhares cheios de malícia direcionados a mim? Acha que estava sendo discreto quanto a isso? —respondeu. 


— O que?! —o coração de Harry estava mais rápido,parecia que poderia explodir a qualquer momento — não estava olhando para você Malfoy —tentou desconversar,em vão.


Harry estava prestes a sair quando sentiu um toque suave das mãos pálidas de Malfoy em suas mãos acariciando as mesmas.


— Tem certeza Potter?—disse chegando mais perto— você sabe que quer isso tanto quanto eu...


— Como pode ter tanta certeza disso? —disse o garoto encarando o puro oceano que eram os olhos de Draco


— Eu não sei,mas sei que sente o mesmo. — agora estavam colados um no outro,Malfoy pôde sentir a respiração de Harry,estava pesada,o mesmo estava quente também e suas maçãs do rosto estavam no mais puro tom avermelhado.


— M-Malfoy. —disse Harry e em um momento rápido seus lábios se tocaram,a boca de Draco tinha um gosto curioso,doce mas ao mesmo tempo apimentado,gosto esse que logo o garoto de óculos acabou viciado


— Hmm. —Harry tentava dizer algo com as línguas entrelaçadas uma a outra—e se nos verem aqui? —dizia o garoto ofegante devido a falta de ar que se estabeleceu pelo beijo.


—Eu não ligo. —Draco puxa Harry para mais perto iniciando beijos e longos chupões no pescoço do mesmo e em seguida o puxando contra a parede


— M-Malf —Harry mal teve tempo de respirar e os lábios pálidos de Malfoy o dominaram novamente, Draco começou a tirar sua camisa de manga longa deixando Harry totalmente despido da cintura para cima.


Malfoy iniciou mais chupões mas dessa vez desferindo os mesmos para a barriga de Potter e em seguida seu mamilo fazendo o garoto gemer baixo,Harry cria forças e empurra Malfoy para longe de si


— Agora é minha vez de brincar. —disse indo em direção ao loiro que estava surpreso com tal reação do mesmo,queriq aquilo tanto quanto ele.


Potter tira seus óculos o jogando no chão sem importância alguma com o objeto,agora Malfoy pôde ver,seus olhos,olhos que agora o loiro estava hipnotizado, Harry por sua vez estava com um olhar malicioso atrás de mais e mais


— P-Potter… —Harry estava mais perto de Malfoy despindo o mesmo deixando amostra seu corpo pálido e magro com leves músculos se formando,Harry murmurou um feitiço que Draco não conseguiu ouvir, fazendo com que o mesmo estivesse imobilizado pelas mãos  a levando para cima,era como se estivesse algemado mas sem algema alguma.


Harry começa a lamber Malfoy  da barriga para cima chegando em seus mamilos e o tomando para si, Draco por sua vez estava alucinado,seus pensamentos não diziam nada com nada devido ao prazer que estava sentindo com a língua quente de Potter em seu corpo que estava sendo tomado pelo mesmo que agora estava indo em direção ao pescoço redirecionando vários chupões indo em direção aos seus lábios mordendo o inferior e tirando o cinto de Malfoy quase o deixando apenas de cueca se não estivesse segurando sua calça.


— Você quer ver para onde isso vai parar Malfoy...? — Malfoy assente e dá um sorriso malicioso como resposta.


— Pelo visto sim. —


Harry abaixou suas calsas o deixando apenas de cueca na sala beijando seu peitoral,em seguida sua barriga até chegar na barra de sua cueca,olhou para o mesmo e seu rosto estava totalmente vermelho,seus olhos brilhando e mantendo um sorriso malicioso nos lábios pálidos.


— o que está esperando? — disse o loiro. 


Harry sorri em resposta e começa a puxar a barra da cueca de Draco com os dentes fazendo o mesmos estremecer.


O membro pálido de Draco saltou para fora,sua glande era bastante avermelhada.Harry começou a chupar seus testículos seguindo pela extensão de seu pênis.


— Ha-Harry. —Malfoy mal conseguiu dizer o nome do outro,estava delirando de prazer para dizer ou pensar sobre qualquer coisa.


Harry então olhou para o mesmo pegando sua varinha e murmurando um feitiço silenciador pegando,logo em seguida os testículos de Malfoy e engolindo seu pênis que já estava com pré gozo em sua glande.


Draco gemeu alto com o toque inesperado da boca quente e macia de Harry,sabia que isso aconteceria,por isso usou do feitiço para ninguém mais escutar o que estava acontecendo ali.


Harry começou movimentos mais frenéticos dando algumas mordidas no membro do loiro fazendo o mesmo gemer mais alto.


Olhava para Draco enquanto o fazia,estava com uma das mãos no rosto,soando e ofegante com os olhos fechados.


Após um tempo daquela maneira Harry livrou-o do feitiço que o mantinha preso,Malfoy então pegou seu rosto com as duas mãos começando a foder a boca de Harry freneticamente, fazendo-o quase se engasgar com seu pênis,Harry estava lacrimejando,uma lágrima escorreu pelo seu rosto.


— P-P-Potter,e-eu vou… —antes que pudesse completar Harry sentiu algo quente descer por sua garganta,Malfoy enfiou seu pênis na boca de Harry até a base,o mesmo pulsava nervoso na garganta de Harry,Malfoy gemeu alto,muito alto por ter atingido o clímax.


Removeu o Pênis da boca de Harry deixando-o respirar.abaixou-se e o beijou,um beijo doce e apaixonante.


— Potter eu… —a frase saiu com certa dificuldade. — eu te amo,Harry Potter. —terminou por fim,os olhos de Harry brilharam.


—Também te am — Harry não pôde completar a frase,ouviram a porta ser aberta,Harry por instinto pegou a capa de invisibilidade e as roupas de Malfoy e as suas jogando a capa por cima dos dois.


Era Argus Filch, conforme entrava,os garotos envolvidos pela capa lentamente andavam até a porta.foram para qualquer canto onde podiam se trocar,após terminarem Malfoy e Harry seguiram lados opostos,indo em direção ao salão comunal de suas casas,mas sem antes darem um último selinho.


No dia seguinte…


Harry acordou na cama,ao lado Ron,tudo normal, aparentemente não foram descobertos e ninguém suspeitou de nada,ou ao menos sentil a falta de sua presença ali.


Edwiges Entrou pela janela carregando um pergaminho,nele o nome de Draco, abriu-o com pressa para ver a mensagem do loiro.


"Hoje a noite na torre quando todos estiverem dormindo,dessa vez eu que lhe darei prazer,meu Potterzinho."


Ps:venha sem cueca.       

    

Ass: "Draco Malfoy"


Harry sentiu as bochechas queimarem mais que ontem,mordeu o lábio inferior pensando no que o loiro estaria tramando...







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...