História Depois dos Jogos - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Sword Art Online
Personagens Asuna Yuuki, Kazuto "Kirito" Kirigaya, Kirigaya Suguha, Lisbeth, Silica, Yui
Tags Asuna, Kirito
Visualizações 40
Palavras 1.332
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Saga, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oie meus chicletes,tudo bem? Eu espero que sim
Gomen'nasai pela demora 💜

Capítulo 15 - Alguém inesperado


Acordei com o celular tocando o maldito despertador,desliguei rápido para que não acordasse Asuna e Yui que dormiam tranquilas do meu lado.Estavam tão fofas que peguei meu celular e tirei uma foto das duas. 

- O que está fazendo? - perguntou Asuna ainda com os olhos fechados 

- Ah...Ohayo - cumprimentei vendo ela sentar na cama e beijar a minha bochecha.segurei seu rosto e roubei um selinho dela que se assustou mas logo sorrio 

- EU VI!! - gritou Yui nos dando um susto.Ela começa a rir de nós dois que haviamos ficado corados

- Filha!! - falamos juntos pelo susto que nos foi dado 

- Gomen - se desculpou secando as lágrimas que desciam de tanto rir - Ohayo!! - Falou animada com aquele sorriso que nos conquista todos os dias

- Ohayo Yui-chan.

Depois de conversar um pouco mais descemos ate a cozinha e começamos a preparar o café da manhã em quanto a pequena tomava banho.Me aproximei de Asuna que estava distraida preparando o lanche de Yui quando eu segurei sua cintura por trás e dei um beijo em seu pescoço.Senti ela soltar um gemido abafado

- K-Kirito-kun,a Yui...- coloquei seu cabelo pro lado dando mas espaço - Ela pode nos ver...- sinto ela se encostar mas em mim

- Ou...Você quer que eu pare? - provoquei segurando a risada.

- Não, não quero - Ela se vira me encarando - Pervertido - Dei risada 

- É impossível manter a sanidade com você por perto amor - trocamos um selinho

- temos msmo que ir trabalhar hoje? - perguntou parecendo meia tristinha segurando a barra da minha camisa sorrindo - Seria bom ficar em casa

- Seria sim - felei dando outro beijo nela - mas...temos uma filha e temos que trabalhar pra cuidar dela 

- certo,agora vai tomar banho que temos que levar ela na escola 

- ok Srta.Mandona - vi ela bufar de raiva em quanto eu me afastava dela indo em direção ao banheiro.

               ¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥-¥

- Ate mais tarde Yui - me despedi dela lhe dando um beijo na testa e um abraço 

- Tudo bem,só não me esqueça viu papai? - falou seria apontando o dedo pra mim.Tão fofa.

- Sim senhora - falei fazendo ela tirar totalmente seu rosto sério se tornando um sorriso encantador - Eu te amo filha.

- Eu te amo papai - mandou um beijo pra mim na palma da mão antes de entrar correndo pra dentro da escola

- Esse é babão - Ouvi a voz de Sugu e logo a vi com Shu e Asuna me olhando 

- Oi Suguha - cumprimentei vendo Shu se aproximar passando a minha mão sobre a testa e sorrindo pra mim - Iai garoto 

- Ohayo tio Kirito 

- Ele gosta mesmo de crianças né Asuna - cantarolou Sugu perto de Asuna que via os dois conversando de uma maneira fofa

- É...

- Imagina quando tiver outro

- É...- a loira rapidamente se da conta do que disse e cora olhando para a cunhada que segurava a risada - O-Outro oque!?

- bebê ue - e assim comecou a dar risada da loira completamente corada - Não quer ter um outro bebê?

- E-Eu...- ela olha para os dois e seus olhos se encontram com os dele que logo sorri pela troca de olhares - É claro que eu quero..- sorri para ela - Você não?

- Digamos que o meu já esta sendo fabricado - sorri pervertida 

- Sua pervertida!! - logo mas risadas são ouvidas de nos duas por um momento ate ele chegar perto de nos e nos encarra confuso

- Vamos? - perguntou 

- Hai,Bye bye Sugu - me despedi dela com um abraço 

Após alguns minutos da escola de Yui chegamos a empresa,ela era bem grande por ser uma das maiores de toda Tokyo.Com um último beijo nos separamos e cada um foi pra sua sala.Chegando na minha sentei na poltrona e peguei o meu celular vendo a foto que tirei de manhã 

Tão fofas...

Coloquei de capa inicial do meu aparelho e o coloquei sobre a mesa ligando o computador e tirando o terno,estava bastante calor ali dentro.Liguei o ar e voltei a prestar atenção na tela ate ouvir um barulho na porta

- Entre - falei sem tirar os olhos do gráfico de vendas e aparelhos da empresa 

- Tá ocupado? - olhei para ela que me encarava

- Pode falar - vi a loira se virar trancando a porta e vindo ate mim se sentando na minha mesa a minha frente 

Sorri.Ela tirou as sapatilhas pretas e colocou os pes sobre a minha coxa - Tá muito quente não é? 

- Agora eu estou com calor - falei olhando para o decote da sua blusa que estava mostrando por ela ter aberto os botões da camisa social 

- Eu estive pensando...- falava em quanto abria toda a roupa de cima revelando seus seios cobertos pelo sutiã.Levei minhas mãos a peça e a tirei revelando seus seios fartos 

- Hm...- murmurei para que ela continuasse em quanto eu abria o ziper da sua saia vendo ela descer da mesa e sentar em mim(se é que entendem) 

- A Yui já tem 5 anos,e vai fazer seis próxima semana...- ela abre a minha camisa tirando a mesma do meu corpo - Não acha que esta na hora.

Franzi o cenho vendo ela puxar o meu cinto - Hora de que? - ela deu um sorriso bobo antes de me beijar 

- Você sabe...- disse saindo de cima de mim e voltando a sentar na mesa 

- Não sei não - Me levantei da cadeira e senti ela abaixar minha calça com os pés junto com a box - Acho que você vai ter que me explicar melhor...

E assim não aguentamos,comecei a beija-la e passei a mão nas suas costas nuas dando uma apertada de leve arrancando suspiros da loira.Virei seu corpo deixando ela com o rosto apoiado na mesa em quanto eu tirava a ultima peça do seu corpo 

- Se nos pegarem aqui - Falou ela sorrindo 

- E se não? - dei um beijo e um tapa em uma das nadégas vendo ficar super vermelha em sua pele palida

- Ai - gemeu manhosa se deitando por completo na mesa e se enclinando mas 

- Calma...- segurei sua cintura com uma mão em quanto a outra fazia um carinho nas costas - Você aguentou 5 anos sem sexo,porque agora ficou tão assanhada?

- Porque você tá aqui - sinto ela encostar em mim - Só você me faz sentir essas coisas - vejo ela ficar de ponta de pé - agora pare de me judiar e me mostre todo esse amor 

Não deixei a mesma pedir duas vezes,nos uni.uma,duas,varias vezes cada vez mas fundo e forte ate sentir meu líquido a preencher e o seu me apertar ali dentro

Como eu a amava...

Lentamente ela se vira pra mim sorrindo,linda e suada - Eu te amo - sorri me abaixando e lhe dando um beijo

- Eu também te amo - vejo ela sorrir mas ainda e logo trocamos mais um beijo calmo antes de nos vestir 

- temos que fazer isso mais vezes - falou sorridente vestindo a saia e calcando as sapatilhas

- Você é muito louca se acha que eu a gente vai transar no meu escritório de novo - me aproximei dela e lhe dei um beijo quente sentindo sua língua invadir a minha boca - da próxima vez vai ser no seu.

- Pervertido.- dei um sorriso safado antes de ouvir a porta e pedir pra ela atender em quanto eu colocava o terno e a gravata 

- Ohayo - Asuna cumprimenta 

- Kirigaya Kazuto se encontra? - ouvi a voz familiar e logo olhei para ela

- Sachi?

 

 


Notas Finais


Comentem 💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...