História Depressão - Capítulo 39


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Depressão
Visualizações 31
Palavras 415
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lírica, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Canibalismo, Drogas, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 39 - Dinheiro


Eu estou me sentindo, sei lá, quebrado, e, ma verdade, muito quebrado, é meio difícil falar, na verdade, talvez seja fácil e eu apenas não queira, sabe, eu tenho vergonha de mim mesmo, apesar deu gostar muito de algumas coisas hoje, como meu estilo, meu jeito, a forma na qual eu penso, trabalho, o que eu faço e, de certa forma, o que eu sou, são coisas boas, eu acho, mas ainda não estou contente com algumas coisas, tipo, meu corpo, apesar de muitos falarem que sou magro ou que tenho um física normal eu ainda não estou contente, eu não quero ele assim, e tentar mudar está sendo algo bem difícil, muito mesmo, por isso estou comendo menos, e, posteriormente, passando fome boa parte do tempo, mas eu, mesmo fazendo o máximo para isso, é difícil mesmo assim.

Eu também tenho algumas coisas que não uso mais e algumas que preciso, então, sei lá, decidi vender elas e publiquei em "uma rede social de vendas para pessoas que precisam se DESAPEGAREM de algumas coisas", e publiquei coisas como um arco que tinha, livros, skite, óculos, relógios, e, sei lá, tudo que possa valer alguma coisa, e no mesmo dia alguém me mandou mensagem falando sobre um desses produtos e quase fechamos um acordo, eu fiquei bem feliz, já ia conseguir dinheiro para algumas coisas que eu queria, comprar um pedestal para microfone e, sei lá, alguns narcóticos, e isso me deixou feliz, tipo, muito feliz, porém hoje o mesmo sujeito me mandou mensagem e disse que já arranjou algo parecido e tudo mais, então toda minha pequena esperança de quebrou, e todo meu curto plano financeiro sumiu, foi algo bem horrível, pode parecer simples mas foi bem devastador.

Isso nem tem haver com drogas, foda-se elas, mas, eu, sei lá, havia o pedestal do microfone e algumas outras coisas, sabe, eu, mesmo falando que estou gostando muitas coisas em mim, ainda tenho vários problemas, alguns físicos, e eu poderia corrigir eles, só que não posso mais por causa disso, é difícil, além que estou tendo que gastar dinheiro com a escola, tipo, minha mãe não tem mais emprego, então não posso pedir dinheiro para ela, e tenho alguma coisa guardada mas vou gastar com a escola, então, de novo, eu preciso de algo porém não me resta nada.

Eu não sei explicar as coisas, mas nunca me senti tão devastado por causa de dinheiro, está tudo tão horrível, e eu sei que não vai ficar tudo bem.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...