1. Spirit Fanfics >
  2. Descansar - Kakasasu >
  3. Único

História Descansar - Kakasasu - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Olá! Minha primeira fanfic e é isso aí:)

Não sei se alguém do universo shippa esses dois, mas eu sim e escrevi uma sobre. Eu estou pensando sobre que casal fazer em uma próxima fanfic ✨

Capítulo 1 - Único


Fanfic / Fanfiction Descansar - Kakasasu - Capítulo 1 - Único


Afrouxou a gravata, logo sentindo um grande alívio ao seu pescoço. Um longo e complicado dia de trabalho castigava qualquer um, era um tremendo alívio finalmente chegar em casa e começar alguns dias de férias.

Sasuke Uchiha trabalhava na empresa de sua família, seu irmão mais velho recentemente tornou-se presidente, e seu novo cargo ocupava quase todo seu tempo, e mal ficava em casa para passar um tempo com seu marido.

Sim, Sasuke é casado com um homem, e que homem, para se dizer a grande verdade. Kakashi Hatake é seu marido a um ano e dois meses, apesar de terem namorado por longos seis anos, sendo dois deles escondido da família Uchiha. Foram muitas brigas para que as famílias aceitassem o relacionamento, mas no final, tudo deu certo, e eles se casaram.

Não entenda aquele casal mais, se amavam mais do que tudo, só que o trabalho acumulado estava causando muito estresse, e este estresse excessivo causava brigas por coisas bobas, e palavras rudes que um dizia ao outro machucava mais do que parecia, viviam isso constantemente. Era chato, mas mesmo assim, não faziam por mal.

— Oh, você já chegou. Bem vindo.

Deparou-se logo de cara com seu marido a sala, apenas com um roupão preto, sem a máscara estranha que sempre usava e com um belo sorriso ao rosto. Sasuke logo se derreteu e a tensão em seu corpo desapareceu. Não importa quantas viu aquele rosto, eram sempre as mesmas sensações. E Kakashi estar daquela forma era o máximo do que iriam fazer aquela noite.

— ...Você... não... tinha que dormir mais cedo hoje para a reunião de amanhã?

Sasuke logo quis bater em si mesmo. Seu marido estava com roupas tão sugestivas e completamente sexy, e ele estava falando de trabalho?

Kakashi revirou os olhos negros, logo vendo Sasuke trancar a porta e retirar os sapatos — Sasuke, será que pode vir aqui um minuto?

A voz de seu marido saiu calma e rouca, quase em um sussurro sexy. Oh, Sasuke conhecia esta voz, e logo os pêlos de seu corpo se arrepiaram por completo. Engoliu seco, antes de se aproximar de vez do Hatake, que praticamente, comia o marido com os olhos.

Próximos o suficiente, Kakashi descruzou as pernas e não demorou para que levasse as mãos em volta da cintura alheia, puxando Sasuke para mais perto de si, em um longo abraço.

— K-Kakashi... — sussurrou com as bochechas avermelhadas, e não se conteu em acariciar os cabelos grisalhos levemente.

— Sasuke, pare de falar um pouco de trabalho, tudo bem? — perguntou, olhando diretamente nos olhos alheios — Você acabou de entrar de férias, vamos aproveitar.

— A-Aproveitar?

— Sim, oras — deu de ombros — Você sabe o que eu quero dizer, amor.

Sim, ele sabia.

Com a guarda baixa, foi puxado de vez para que se sentasse ao colo alheio, e não teve tempo de pensar, sua boca já estava sendo invadida pela língua quente alheia, em um beijo selvagem e sedento. As bocas se movimentavam em ritmo sincronizado, onde Kakashi chupava a língua quentinha e pequena do outro. Sua mãos percorria a pele branca e cheia de pintinhas, brincando com lugares sensíveis que faziam Sasuke arfar.

— K-Kakshi... v-vamos para o quarto... — suplicou Sasuke, que tinha um pingo de saliva escorrendo pelo canto de sua boca, e já sentia seu pênis dentro da calça social pulsar em tesão. — N-Nós... vamos fazer aqui? A-Agora?

— Sim, aqui e agora.

Sem esperar uma resposta, logo se pôs a jogar o Uchiha no sofá macio, o prendendo entre suas pernas. Atacava o pescoço branquinho em beijos e lambidas fortes, deixando marcas de seus dentes e beijos por toda aquela região, enquanto sua mão percorria a camisa do outro, desabotoando os botões um por um, não demorando para que sua camisa social fosse retirada. Sasuke abraçou Kakashi pelo pescoço, quando este mesmo atacou seus mamilos, os mordendo forte. Doía, mas era muito bom.

Você tem belos biquinhos, Sasuke.

Gemeu passivamente quando a frase soou tão pervertida quanto deveria ser. Kakashi falava coisas sujas, e por mais que fossem constrangedoras, só traziam ainda mais tesão.

Kakashi sabia disso. Este, - além do motivo de que seu marido era muito sexy e gostoso - era um dos motivos por qual falava coisas assim a Sasuke.

O Uchiha, mesmo preso no prazer sentido pelos seus botões estarem sendo maltratados, delicadamente, levou a mão ao pênis alheio ereto, coberto pelo roupão que o outro usava. Deu um leve aperto do pau de seu marido, que, com um dos botões rosados nos lábios, soltou um gemido surpeso e grosso, se estremecendo.

— Você é um safado, Sasuke. Não sabe esperar?

— E-Eu..-

— Estou brincando — sorriu abertamente — Pode brincar com ele o quanto quiser. É todo seu.

Continuaram o que faziam um no outro, Sasuke masturbava o pênis grande e grosso abaixo de si, que babava em tesão, e as veias bastante aparentes só lhe causavam mais excitação, além de claro, estar sendo chupado tão deliciosamente.

Mas não durou por muito tempo. Os olhos de Kakashi se encontraram com o seus, e os olhos negros de seu marido pareciam famintos, como de um animal selvagem.

Kakashi se sentou no sofá, retirando o roupão, deixando visível o cacete que escorria pré-gozo em excesso. Timidamente, Sasuke retirou as calças e a roupa íntima, logo indo se sentar no colo do outro, agarrando os ombros de Hatake, se aproximando para beijá-lo, assim o fazendo de bom grado. Gemeu contra a boca do marido quando dois dedos invadiram sua entradinha apertada, indo já fundo de uma vez. Céus, como havia doído, mas ao mesmo tempo foi estranhamente e gostosamente excitante. Os dedos lhe fodiam cada vez mais rápido, apesar da dificuldade que Hatake tinha para fazê-lo.

Três, quatro dedos entraram em si com o tempo, e logo, não conseguia manter um beijo com Kakashi por muito tempo.

— K-Kakashi... c-coloca logo...

A voz manhosa vez Kakashi sorrir e retirar seus dedos do interior alheio, inserindo seu pau logo em seguida. Ambos gemeram em prazer, Sasuke cruvou as costas e abriu a boca para gritar o nome de Kakashi manhoso.

Seu marido era tão lindo!

Sasuke tocou em um de seus mamilos para esquecer-se da dor, e isto funcionou; beijar Kakashi também funcionou, e muito. Uma estocada foi o suficiente para os dois perceberem que aquilo era realmente prazer. Sasuke se movimentou para cima e para baixo, e Kakashi o ajudava, empurrando o quadril lentamente.

As estocadas leves e fravas se tornaram fortes e rápidas com o tempo, tanto que Sasuke não conseguia se conter, gemendo o nome do marido constantemente, masturbando o próprio pau para chegar ao ápice o mais rápido possível.

Definitivamente aquela não era a melhor posição para transar, mas queria tanto gozar que nem se impotava o quão desconfortável eles poderiam estar.

— Argh... Sasuke... ahh... — Kakashi não conseguia conectar uma frase a outra, estava hipnotizado por seu pau estar sendo engolido pelo interior do outro e o rosto tão erótico do marido. Seu coração estava tão rápido que talvez fosse explodir.

— K-Kakashi awnn...

Conhecendo um gemido tão manhoso e dengoso do marido o fez aumentar ainda mais a velocidade de seu quadril e Sasuke sentar mais rápido.

O clímax não demorou, com Kakashi derramando-se no interior alheio e Sasuke sujando as duas barrigas e corpos. Retirou o pênis de si, logo indo abraçar Kakashi, ofegante e constrangido.

Eu te amo.

Por incrível que possa parecer, Kakahi corou. Foi inesperado e Sasuke tinha vergonha de falar aquilo o tempo todo. Céus, que Uchiha fofo!. Nem sabia se a batida do coração que ouvia era seu ou de Sasuke.

— Eu também, meu amor.

Sasuke corou, enfiando o nariz pela curva do pescoço do marido. Foi... tão gostoso e ele fazendo enrolação.

Tudo bem, descansar era uma ótima ideia.


Notas Finais


Yahul :D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...