História Descendants: 2 temporada tempos sombrios - Capítulo 67


Escrita por:

Postado
Categorias A Bela e a Fera, Descendentes, Enrolados
Personagens Bela (Belle), Carlos de Vil, Doug, Dude, Evie, Fera, Gothel, Jane, Jay, Lonnie, Mal, Personagens Originais, Príncipe Ben
Tags Bal, Ben, Carlos, Descendentes, Descendents, Evie, Jay, Mal, Malen, Malévola, Romance
Visualizações 23
Palavras 1.330
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Literatura Feminina, Mistério, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 67 - Zahara


Zahara acostumava com o novo mundo a sua volta. Logo as fadas da luz a mostraram sua casa e a deram roupas adequadas.

     - Pronto Zaha, se quiser outros ajustes é só pedir a costureira.

     -  Obr... obrigada. - Disse com certa dificuldade e iria apertar a mão da recém amiga, porém quando estendeu o braço, uma rajada de luz saiu de sua mão.- Desculpe, desculpe!

     - Uau! Vamos calma aí ! Tudo bem, não me machuquei, mas manhã terá aulas de magia, se soltar um desses lá embaixo pode machucar alguém sério.

Ela podia ainda estar aprendendo como lidar com pessoas e tentando entender o que na verdade ela era, mas sabia que isso não era normal. Fadas não deveriam machucar outras pessoas.

...

     - Babá é muito perigoso

Clarion ainda tentou persuadi-la

     - Me diz algo que fazemos que não seja ?

     - Mas...

     - Clarion pensa bem, por que tanto poder ? Ela provavelmente viverá só aqui dentro do Refúgio

     - Acha que ela é como você ou Malévola?

     - Como assim ?

     - Não apenas fadas.

     - Ela é muito mais especial que nós achamos. Podemos somente crer que ela foi enviada ?

...

    

Mal usou de sua magia para teletransportar todos até o Refúgio. Demorou, mas foi possível fazer esse feitiço.

     -  Bem-vindos de volta meus queridos.

Clarion os recebeu com um sorriso cordial, mesmo que a situação não fosse das melhores.

Mal entrou no lugar junto deles com facilidade, já que, metade de seu sangue era fada.

     - Obrigada  Rainha Clarion. - Evie respondeu em nome dos amigos. - Agora, onde está...

     - Madison!

Mal interrompeu a amiga, assim que viu sua bebê vindo em sua direção no colo da avó correu até lá acompanhada de Ben.

     - Já acharam ela.

Evie brincou. Deixaria os pais matarem a saudade primeiro, depois apertava aquelas bochechas rosadas da sobrinha.

     - Oi Babá. - Entregou o bebê para o pai, afinal também sentia  falta da parente. - Como está ? 

     - Bem, em casa. E sim, sua filha esteve em ótimos cuidados.

     - Eu sei que sim.

Benjamin apertava a menina no peito, enquanto via o sorriso dela aparecer uma e outra vez.

     - Vamos para o pátio ?

Todos saíram com Clarion liderando o caminho.

     - Então o que queria de tão urgente?

Mal perguntou para Babá andando mais afastada do grupo ainda abraçada a ela.

     - Descanse primeiro, teletransportar esse tanto de gente cansa, depois conversamos.

...

     - Oi, grande dragão cuspidor de fogo - Jay falava brincando com a garotinha. - Como você está longe do seu tio favorito ?

     - Não deixa o Carlos te ouvir falar isso

Mal brincou vendo sua garotinha rir. Ela sentiu saudades.

     - Babá, a Rainha está lhe chamando

     - Já vou. Volto agora crianças.

Deu um beijo na cabeça de Mal e saiu ao lado da fada. Algo dentro da roxinha dizia que, esse chamado da monarca  tinha haver com o motivo de sua ida até lá.

     - Mal, pede o Jay para parar  de fazer minha sobrinha agir como uma fera

Evie chamou por ela a tirando dos pensamentos em torno de Babá.

...

Não, aquilo não deveria acontecer. Fadas com certeza não faziam o que ela acabou de fazer. Agora não era só as mãos, seu corpo inteiro brilhou de uma forma forte que fez as outras ao seu redor caírem ao chão com medo. Ela nem ao menos viu quando ou o que causou esse transformação, ao se dar conta todas que estavam perto tinham se afastado e seu corpo inteiro parecia fogo.

     - Meu Deus!

Babá assustou quando viu Zahara daquela maneira.

     - Como paramos isso? Se ela continuar dessa forma irá explodir  o Refúgio.

Clarion perguntou aflita. Não poderia perder outro lar.

     -  Chame a Mal ! - Babá pediu - Ela precisa de uma magia controversa.

...

Mal e Ben estavam a sós com a filha. Não foi nenhuma semana longe um do outro, porém a saudade e preocupacão com ela os consumiu.

     -  O que ela tem comido aqui ?

Ben perguntou vendo o rosto da bebê tomando o leite da mãe como se estivesse morrendo de fome.

     - Um leite feito pelas  fadas. - Mal respondeu passando as mãos nos cabelos da filha. - Como foram esses dias filha ? - Fez o que amava, sentiu o cheiro  da pequena, que agora estava com aroma de flor, se estava certa lírio. - Para mim foi horrível

     - Mal, Babá está te chamando.

     - Ok, assim que eu terminar aqui eu vou até ela.

Disse em relação a bebê, que realmente estava faminta.

     - Acho que é melhor a senhora ir agora.

Mal olhou para a fada mensageira e pelo semblante dela, as coisas não estavam bem

   

...

     - O que é isso ?

Mal arregalou os olhos quando viu aquela imensa luz em seus olhos.

     - Precisa ir lá

Babá pediu a ela agora com mais medo do que Clarion.

     - Eu o que ?

     - Mal, prometo uma explicação melhor depois, mas agora por enquanto, essa é Zaha,  uma fada da luz, e os poderes dela são muito mais do que ela aguenta. - Babá pensou em uma forma de dizer sem necessariamente descumprir  as regras de Clarion. - Suas magias são opostas, precisa ir lá e acalma-la

     - Só isso? - Olhou para a ela, podia confiar em Babá.  - Tá bom

     - Toma cuidado

Mal desceu o pequeno barranco e foi até onde cinco fadas estavam se protegendo. A filha de Malévola lembrou de um dos feitiços do livro de feitiços da mãe permitindo que, as fadinhas abrissem os olhos.

      - Saiam daqui! - As mulheres abriram os olhos e voaram para longe. Usando o mesmo encanto para proteger as vistas, Mal correu até a fonte do problema. A fada tinha o corpo todo brilhando. - Zaha, oi eu sou Mal.

      - Como...como vo... você está aqui?

Perguntou assustada, ela era só uma garota ainda.

      - Olha, eu sei o que está sentindo e que não faz sentido o que está passado, mas não sinta medo, não sinta medo de quem você é.  Eu não entendo e você também não precisa entender, só respira, respira devagar. - Mal não precisava que ela se acalmasse, só precisava tocar nela e assim fez. Assim que pegou nas mãos dela a luz começou a se apagar, era como o que estava em Mal fosse para ela e contrário também acontecia. De pouco em pouco Zahara conseguiu pousar no chão e se estabilizar. - Ok, tudo bem ?

      - Obrigada

Agradeceu. Mal pegou a menina e abraçou.

...

      - Rainha o que há de errado comigo?

A fada da luz perguntou com os olhos enxarcados e abraçando Clarion

      - Nada minha linda, não tem nada de errado. Não há imperfeições em você, tudo que há está certo. Sabe o significado de Zahara? - Ela negou. - Quem irradia luz. Você não é um erro.

      - Para que eu nasci ? Eu não quero machucar ninguém, não quero.

Se aconchegou-se mais perto da rainha que a abraçou com força.

...

Próximo capítulo

Mais tarde

     - Não!

Mal disse firme com Babá

     - Mal nós temos...

A senhora tentou dizer calmamente

  - Não Babá! Minha resposta final é não! 

Provavelmente pela primeira vez gritou com a avó. Babá olhou para Ben pedindo apoio de alguém.

  - Sinto muito Babá, já quase perdemos Mal uma vez...esse tipo de coisa não é certo, já aprendemos nossa lição.

      - E Zahara ? - Mal perguntou com raiva - Vocês perguntaram ao menos o que ela pensa disso tudo? - Mal olhou para a fada e percebeu algo nela. - Você realmente ia fazer isso sem consultar? Qual o problemas de vocês ? 

     - Mal, Zaha é especial

   - Nosso conceito de especial são bem diferentes Rainha. Minha resposta final é não, e não tempos mais nada há discutir. Vamos levar Madi.

     - Mal, ela lá em cima não está segura 

      - E nem perto da senhora.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...