História Descobrindo novos sentimentos. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias 10 Coisas Que Eu Odeio Em Você, Ally Brooke, Amizade Colorida, Amy Winehouse, Andrew Garfield, Ariana Grande, Austin Mahone, Camila Cabello, Demi Lovato, Dinah Jane, Lauren Jauregui, Normani, Shawn Mendes
Personagens Ally Brooke, Amy Winehouse, Austin Mahone, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Visualizações 11
Palavras 1.785
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, LGBT, Musical (Songfic), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hey guys... Bom é a minha primeira vez aqui, não sei se sou boa nisso, mas estou arriscando porque eu gosto muito disso rsrs
E espero que gostem! - Xoxo

Capítulo 1 - 1. Finally, TODAY! (parte 1)


Fanfic / Fanfiction Descobrindo novos sentimentos. - Capítulo 1 - 1. Finally, TODAY! (parte 1)


P.O.V  of  Lauren Jauregui

- Finalmente, chegou o dia tão esperado por mim e todos meus amigos e familiares, finalmente era o dia que eu iria para NY, fazer minha faculdade depois de tantos anos sonhando com isso, estava mesmo acontecendo? Mas, devo admitir que eu não estou mais com aquele ânimo todo que eu estava à meses atrás quando recebi o resultado da aprovação para a faculdade. Por que estou assim? Por que agora?



-FLASHBACK ON-


-Poxa, eu não estou acreditando que já é amanhã que tu vai pra NY, vou sentir tanta saudade. -disse meu amigo Dixon, muito chapado. -Pois é, eu também vou, mas pô, finalmente está se realizando, tudo o que eu sempre sonhei, e eu estou muito feliz, e muito ansiosa também, aaah. -digo, e todos ali naquela pedra enorme, estavam todos rindo tirando uma panca. Tivemos o que chamamos de uma bela noite de despedida, com tudo que tem direito,  os meus amigos, vinho e uma bela panca.

-Aí, vocês vão mesmo fazer a festa de despedida da Laur, sem mim? -disse Vitoria, uma das irmãs do meu amigo Dixon. -Você nunca vem com a gente pra pedra tirar uma panca, achei normal não vim hoje. -digo, fazendo todos rirem e fazendo ela ficar envergonhada.-desculpe, não falei por mal. -digo mal, por ter feito-a ficar daquele jeito. -Tudo bem! -concluiu ela, sentando ao meu lado. -Aí, tipo eu sempre acreditei na minha amiga, que ela iria conseguir ir pra lá, mesmo também fazendo-a duvidar que não conseguiria. -diz James, rindo da minha cara. -Fato! -afirmo, rindo também. 


-FLASHBACK OFF-



-Puta merda! -digo, acordando com dor de cabeça no chão da sala do Dixon. Aquela noite foi de fato inesquecível, e a melhor despedida. -Acorda!!! -grita Dixon, para a sua outra irmã Mary, porque ela estava apagada em seu colchão. -NÃO GRITA CARAI!!!! -grita o meu irmão Andrew, do outro lado com dor de cabeça também, fazendo os outros acordarem. -Pô, que pt foi esse? -pergunta Peter, com a cara toda riscada, receio que tenha sido eu e Jasmim, uma garota por quem eu era totalmente apaixonada. -Pois é, também quero saber. -digo, rindo da cara dele toda riscada. -O que é isso na tua cara, Peter? -pergunta Shane, bocejando, fazendo todos olharem para ele e rir. -Culpada! -diz uma voz de sono deitada ao meu lado. -na verdade eu e Laur. -Eu? -pergunto, pagando de doida, não lembrava de muitas coisas desse acontecimento, mas já estava óbvio que foi armação minha e dela, não lembrava nem como ela se juntou à nós na festinha. -Pague de doida!! -disse ela, dando um empurrãozinho em meu ombro, me fazendo rir. -Tá bom, culpadas! -afirmo, rindo da cara dele. -Duas idiotas, vocês vão ver! -disse, Peter, com um tom de ameaça, mas rindo. -Gente, odeio estragar o clima, mas eu tenho que ir pra casa arrumar minhas coisas e me arrumar também, né! Meu vôo é às 16hrs, e vocês vão me deixar no aeroporto, né? -digo, olhando todos, que afirmam sem nenhum ânimo, me fazendo gargalhar e questionar -o que será que realmente aconteceu ontem? -Você não lembra o que aconteceu? -pergunta a garota por quem eu sou louca, me fazendo suspirar. -Certas coisas, sim! -afirmo, com uma cara maliciosa. 


-FLASHBACK ON-


-Só faltava ela aqui, né? -pergunta, Peter me olhando com o seu cigarro, bem filmes americanos. -Por parte sim, por parte não. -respondo, deixando-o confuso. -Como assim? -pergunta ele, confuso. -Tecnicamente, se ela vim, sei que não vai ficar por isso, o universo gosta de brincar com a gente, e é disso que eu tenho medo, do que pode acontecer, mas por parte, hoje é meu último dia aqui, e irei passar um bom tempo fora, então, SIM, seria maravigood se ela estivesse aqui. -Ela quem? -pergunta Vitoria, curiosa como sempre. -NINGUÉM! -responde eu e Peter com os olhos arregalados de espanto, pois Vitoria não sabia nada da minha suposta "relação" com Jasmim, e nem podia saber, poderia dar em merda, pois ela poderia contar para alguém, e não eram todos que sabiam da minha "relação" com ela. -Vão me contar não? -pergunta  ela, com uma voz brincalhona, como sempre fazia pra tentar arrancar algo de alguém. -Sinto muito, não posso! -digo, com uma cara de pena, deixando-a sem graça. -Só falta eu!!!! -escuto uma voz feminina dizer atrás de nós, acima da barreira. 


-FLASHBACK OFF-


-Saio dali, para o terraço acender um cigarro, escuto pisadas se aproximando, e era a prima de Dixon, a Annie, ela não era muito sociável com a gente, só quando queria, mas pelo incrível que pareça, ela estava com uma garrafa de café fresquinho para nós, quando ela me ofereceu um copo, eu a olhei incrédula, mas óbvio que eu aceitei, não havia nada melhor, do que um cafezinho acompanhando um cigarro. Começo a saborear os meus amores, quando ouço uma voz familiar atrás de mim. -Você não queria que acontecesse o que aconteceu ontem, não é? -pergunta Dixon, como sempre, sabia das cosias, me viro o olhando, com uma cara de ÓBVIO, ele estava escorado na parede balançando o seu café, ele era um gay fofo, e atraentes, aliás, era o que todos os meus amigos gays demonstravam por fora, mas por dentro, você se surpreende. -Está tão na cara assim? -pergunto, confusa. -Não, mas eu percebo as coisas, lembra? Diz ele, risonho e convencido. -Tipo, foi ótimo, e eu estou fazendo um espanto como se estivéssemos transado, mas não, foi só um beijo... -digo, mas logo sendo interrompida por ele, -UM, não meu bem, VÁRIOS!!!! -diz ele debochando. -Eu sei, eu sei, e foram ÓTIMOS Beijos, para ser exata, e foi bom ter essa lembrança dela agora que eu vou embora, mas ainda sim, estou com o pé atrás com isso, e você sabe disso. -Eu sei, Laur, mas você não deve se martelar desse jeito, só deixe aproveitado seu momento com ela ontem, como despedida...-Ela namora, Dixon!!! E também disse que tinha se arrependido de ter ficado comigo enquanto estava com ele, e isso doeu, tá? -digo frustrada. -Eu sei meu bem, mas veja por outro lado, você está indo realizar os seus sonhos em NY, conhecer pessoas novas estudar, algo como você ama, e simplesmente, a pessoa que você ama, mesmo que tenha magoado você, e mesmo que não tenha sido proposital, lhe deu um beijo de despedida! -diz ele com um certo carinho, enquanto segurava em meus ombros e em seguida me deu um abraço. -Tá bom, você tem razão, mas uma coisa eu digo, eu não irei me relacionar com ninguém até, de fato, terminar meus estudos. -digo, com uma certa insegurança, porque não sabia se seria totalmente possível. Mas a vida que segue, eu estava em rumo à NY, e nada iria me atrapalhar. -Mamãe mandou irmos embora, para arrumar as coisas. -diz meu irmão chegando na hora, estragando o momento. -Certo! Então, vamos. -digo, assentindo pare meu irmão. Estava com uma moto que meu Pai, havia prometido me dar de presente se eu passasse para a faculdade e bem, eu passei. -Lauren? -escuto a voz feminina me chamar se aproximando -posso falar com você? -assenti indo até ela. -Bom, infelizmente eu não vou poder te deixar no aeroporto, seria abuso demais para minha eu pedir isso à ela, já que ela me deixou subir ontem. -disse Jasmim, sem jeito. -Não, tudo bem, ter você aqui ontem, já foi o suficiente. -digo, deixando-a mais sem jeito. -Eu vou sentir sua falta, Laur. -disse, com a voz trêmula, como se fosse chorar. -Eu também Jass! -digo, vendo uma lágrima escorrendo pelo o seu rosto, ela sempre gostou que eu a chamasse assim, eu era única que a chamava assim. -Não chora, por favor. -digo, enxugando suas lágrimas e logo em seguida dando um beijo em sua testa. Mas, fui surpreendida quando ela me puxou e entrelaçou nosso lábios, me dando aquela sensação, oh pelos deuses, aquela sensação, eu acho que nunca vou esquecer. -Temos que ir. -disse meu irmão, mais uma vez estragando o momento. -Tchau! -digo baixinho contra seus lábios, arrancando um sorriso dela, como eu amava aqueles sorriso. -Tchau! -disse me dando um último selinho, afastando nossos corpos. -Quanto clichê! -disse meu irmão revirando os olhos. Eu estava muito pensativa no caminho para casa, de como foi que tudo aquilo aconteceu, foi como se a gente estivesse revivendo as férias quando nos conhecemos, e o pior, ela estava me tirando a vontade de ir pra tão longe dela.



-FLASHBACK ON-



-QUE SUSTO, RAPARIGA!!! -grita Dixon assustado, para Jasmim que descia a barreira. -Eu disse que ele gosta de brincar com a gente. -digo olhando Peter, que me olhava espantado porém com um sorrisinho bobo. -Sua mãe deixou você vim, Mini? -pergunta Mary, preocupada, pois sabemos que a mãe da Jass não deixa ela vim para pedra com nós, e muito menos ficar perto de mim, depois dos boatos que ela ouvia dos outros, sobre nós. -Bem, ela está bebendo, com o meu pai e uns amigos idiotas dele. -diz ela revirando os olhos, porém já acostumada com isso. -Você está bem?-pergunto, olhando aquela garota morena dos cabelos escuros e dos olhos castanhos claros, que ao meu ponto de vista sempre ficavam mais claros à noite. -Estou sim!! -respondeu ela sentando ao meu lado, dando uma piscadinha leve, como uma cara maliciosa. -Genteee, GENTE!!! Vamos fazer um brinde, né? Porque a ocasião merece! -disse Shane, já no brilho, não me surpreendia, já que todos ali estavam, menos Jasmim que tinha acabado de chegar. -Vamos sim!! -disse James concordando logo ficando de pé na pedra enorme onde estávamos. E de repente todos estavam ali em pé naquela enorme pedra com seus copos com vinho erguidos. -À pessoa mais legal que pude conhecer, que sempre acreditou em si mesma, mas sempre, nos seus amigos também, que tem um coração bom e enorme, e que hoje conseguiu tudo o que tem, por merecer, e amanhã estará realizando um de seus sonhos e estamos todos orgulhosos dela, à Lauren! - diz Shane, com suas mais sinceras e bonitas palavras me levando à lágrimas. -À Lauren!!!!! -todos dizem em seguida erguindo os copos para cima e dando uma golada. -Posso falar contigo? -disse Jass, dando um leve toque em meu braço eu assenti. Ficamos um pouco mais distante do pessoal para conversarmos melhor. -Eu queria te dar uma coisa de despedida. -diz a dona daquele sorriso maravigood, com um rostinho sapeca e malicioso. -O que? -pergunto curiosa, e com uma expressão confusa. E de repente à sinto me dando um beijo lento, e afogante, o que me deixou bem surpreendida. E foi com aquele beijo meus pensamentos ficaram confusos, ela me dava uma sensação de querer ficar, por ela.



-FLASHBACK OFF-


Notas Finais


Bom, como ficou muito grande, resolvi fazer duas partes, espero que tenham gostado, se sim, leia o próximo capítulo, please!!
Esses personagens que tem aqui, além da Laur, que vocês já conhecem, né? São uns personagens que eu mesma inventei, tá, como eles são irão aparecer nesses dois capítulos da despedida, eu botei eles já que não são TÃO importantes assim, como deixei na descrição, mas são importantes pra me em si.♥

Obg! ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...