História Descobrindo um sentimento - Sakura e Sasuke (SasuSaku) - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Kakashi Hatake, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shizune, Tsunade Senju
Tags Naruto, Redenção, Sakura, Sasuke, Sasusaku
Visualizações 137
Palavras 723
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Ficção Adolescente, Luta, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Sakura.

Capítulo 10 - Revelando.


Fanfic / Fanfiction Descobrindo um sentimento - Sakura e Sasuke (SasuSaku) - Capítulo 10 - Revelando.

Acordei novamente, no lugar do Sasuke estava a Karin. Não sei porque deixaram ela ali. Hum, entendo eu também não estou onde estava antes. Lá está o Juugo, mas eles não fazem nada, ficam só o olhando, famintos.

Busco o Sasuke, ele está desacordado do meu lado, amarrado em umas correntes de Chakra, bom eu também estou, sinto o chakra sendo sugado minuciosamente, todos estão emagrecidos, devo está assim também.

Ouço uns gritos, é a Karin. Juugo está se transformando.

- Sakura. – Sussurra o Sasuke e ouço seu gemido de dor. – Não consegui te salvar.

- Não se preocupe.

- Temos que sair daqui.

- Como? Não vejo como outra escapatória se não a morte. – Menciono isso triste e deixo lagrimas silenciosas rolarem pelo meu rosto. Queria contê-las, o olhar de desespero por conta disso é desesperador, mas não consigo.

Vejo algo impressionante. A transformação do Juugo atingiu um nível inacreditável.

A Karin está tendo sua perna espremida entre dois madeiros, o Juugo grita e se solta das amarras, ele corre na direção dela, derrota vário e vários Zetsus. O impacto dele faz tudo tremer, de onde ele conseguiu tanta força?!

Ele sobe no tronco onde a Karin está, urra de ódio e dor. A Karin olha fixamente para ele, parece um louco, alguns tentam se aproximar, mas são destruídos. Uma risada aguda ressoa, vejo uma criatura de três rostos, um Zetsu gigante se aproxima e o Juugo vai ao seu encontro.

Uma luta se inicia e a criatura é jogada longe, sinto uma pontada de esperança e ela dura pouco. Ela levanta e praticamente voa em direção do Juugo, o agarra pelo pescoço e comprime ele no chão, Karin grita:

- JUUGO! – Uma mistura de baba e sangue escorre por sua boca ao gritar. – RESISTE POR FAVOR!

Ele desperta e começa a socar a criatura, é inútil. Imobilizado novamente. Sinto cheiro de enxofre. Os corpos estão sendo jogados numa fogueira, tremo com o meu possível fim.

- Calma, não vou morrer antes de atingir meu objetivo. – Apesar de saber que o Sasuke não tem nenhuma certeza isso me reconforta um pouco.

Juugo ainda tenta se mover sem sucesso, seu esforço faz com que vários Zetsu se aproximem do centro. Queria poder fazer algo, mas ativar o Byakugou agora seria burrice, nem chakra para isso tenho.

Outro ninja é trazido, pelos trajes deve ser da pedra. Ele é levado ao centro, preso por correntes e é iniciado outra tortura. O Jugo é finalmente contido, desacordado é amarrado de costas para Karin que ainda grita incansavelmente. Ele é fraco e logo apaga. As criaturas parecem se irritar com isso e jogam agua nele, retornando aos maus tratos.

É tudo escuro, não sei quanto tempo estamos aqui, mas o céu não mudou de cor, sombrio.

- Não deveria ter trazido você aqui, me perdoe.

- Vim aqui porque quis Sasuke... obrigada por esses dias.

- Não diz isso, me doe ouvir.

Meus ferimentos parecem cicatrizar, droga eles virão novamente.

Morto! O ninja está morto! Seu corpo é lançado junto de outros e é levado para a fogueira recém acesa.

O desespero me consome, tento me mover e consigo me girar e me aproximo mais do Sasuke.

Não adianta, estou tremendo de medo e sinto uma vontade imensa de vomitar. Viro novamente para ver o que está se passando e mais pessoas são trazidas, desacordadas. No total 4. Eles são amarrados em outros troncos e acordados com socos e água. Fecho os olhos ao ver um deles sendo rasgado ao meio. Os demais gritam e as criaturas não perdem tempo, sugam o máximo de chakra possível.

Poderia ser um de nós! Isso não sai da minha cabeça. Poderia não. Ainda pode. Isso me faz vomitar algo azedo, verde, seria algum liquido da bile? Não sei. Mas minha boca está queimando agora.

Todos, exceto um ninja mais velho, é torturado e depois morte de forma horrível que não sei nem descrever. O mais velho é colocado no centro, onde eu estava algumas horas, minutos ou dias, não sei dizer parece um genjutsu.

Começam a fazer uma sangria nele, então era isso que estavam fazendo comigo.

Seu sangue escorre e ele desmaia.

Nesse tempo os Zetsus começam a gritar, chegaram mais pessoas, agora eram pessoas comuns.

Sinto algumas amarras se soltarem.

- Corram para p barranco – livre estou? 


Notas Finais


Mais uma galera, fiquem bem!
Pessoal, para vocs que gostam de ficção, um amigo meu tem um história muito boa... se poderem deem uma lida lá, vlw
https://www.spiritfanfiction.com/historia/the-last-of-them-17529528


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...