1. Spirit Fanfics >
  2. Desculpinha >
  3. ;; capítulo único

História Desculpinha - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


BOA NOITE GALERA COMO VÃO
A MAIOR PARTE DO PESSOAL Q TÁ LENDO ESSA FIC PROVAVELMENTE TÁ ACOMPANHANDO ESSA TRETA NO FB, E EU DIGO QUE TO BOIANDO PRA CARALHO, MAS COMO O BOM FUDANSHI QUE EU SOU JÁ FUI LOGO VENDO A FAÍSCA DE SHIPPKKKKK
APROVEITEM ESSA CRACKFIC

Capítulo 1 - ;; capítulo único


Desculpinha.

;; capítulo único

 

 

   A chuva não dava trégua nas ruas daquela pequena cidade, e mesmo sob o tempo ruim, Sasuke se esqueceu completamente de ao menos pegar um guarda-chuva, focado demais em ir tirar satisfações com um certo loiro no qual estava em pé de guerra naquele dia. A treta era o assunto mais falado nos fakes de facebook, e mesmo que muitos estivessem desinformados da situação – como o pobre autor que está escrevendo essa fanfic -, a quantidade de memes só aumentava. A treta havia ido parar até no youtube! Já era hora de por um fim nessa história toda.

Sasuke HW corria pelas ruas, sem se importar se molharia ou não seus tênis surrados, apenas focando em chegar na porta daquela desgraça de garoto. Quando finalmente chegou no local desejado, bateu fortemente na porta até que ele lhe atendesse.

— Porra, eu já disse que eu to ocupado... – a frase foi deixada no ar quando ele finalmente abriu a porta, dando de cara com o moreno. – Mas que caralhos você ‘tá fazendo aqui, cobrinha? – perguntou, irritado, quase fechando a porta na cara do outro garoto, e certamente o faria se não tivesse tido o ato interrompido pelo pé deste.

— Vim resolver essa merda toda. – bufou, forçando passagem na casa do outro, entrando a força.

— Ei, porra, isso é invasão domiciliar. – resmungou, cruzando os braços.

— É mesmo? – perguntou, o encarando. – Foda-se. – sorriu, cínico, se atirando no sofá. Deidara o encarou, com um ódio queimando em seus olhos. Ah, meus amigos, se encarada matasse...

— Fala logo o que você quer, atrapalhou meu hentai.- continuou parado no mesmo lugar, de pé.

— Sabe, eu não me importo com nada que falem de mim, mas... – teve sua fala interrompida.

— Não mesmo? Porque se fosse, não teria vindo aqui. – sorriu de canto, provocando Sasuke, que ficou vermelho de raiva.

— O que você disse? – perguntou, com a voz carregada de ódio. Levantou-se do sofá, se aproximando do outro em passos duros. – Repete, filho da pu-- - e novamente, sua fala fora interrompida. E para a surpresa do moreno, dessa vez havia sido pelos lábios do outro garoto. Tentou afastá-lo, mas ele grudou-se mais ainda em si. Quando finalmente se separaram do contato vergonhoso – pelo menos, para Sasuke -, o HW nem teve tempo de ao menos formular uma nova frase, tendo seu pescoço atacado na mesma hora por mordidas e chupões fracos, que foram subindo até seu ouvido. Ele gemeu baixinho, sentindo suas bochechas esquentarem.

— Cala a boca e me beija, porra.

Ah, e pode apostar que ele fez.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...