História Desejo você; park jimin hot - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Personagens Originais
Tags Bts Hot, Park Jimin Hot
Visualizações 76
Palavras 1.278
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


>não achei esse capitulo mt bom prometo melhorar😿🙆

Capítulo 12 - A volta de Selugi


Fanfic / Fanfiction Desejo você; park jimin hot - Capítulo 12 - A volta de Selugi

Acordei cedo hoje, primeiro que Jimin pois não estou conseguindo dormir esses dias por causa dos bebês, minha barriga já estava grande, claro tem dois ai dentro. Sentir minha barriga roncar, me levantei da cama e dei um beijo na bochecha de Jimin. Desci até cozinha e abrir a geladeira, o ar frio bate diretamente no meu rosto, sentir arrepios descendo pelo meu corpo e ainda estava só de sutiã e calçinha.

Não tinha quase nada na geladeira só vegetais e frutas, eu estava desejando um doce e fast food. Subir até o quarto e vestir uma roupa, tento sem fazer barulho pegar a chave do carro que está em cima do criado-mudo. Desci até a garagem e entrei no carro indo até o supermercado.

Desci do carro e peguei um carinho, entrei dentro da loja e já fui caçar doces. Fiquei alguns minutos no mercado colocando comidas no carinho. Sentir os bebês quicar e passei a mão na minha barriga, olhei para o final do corredor e vi que havia uma mulher me encarando; seu cabelo está bagunçado, usando um casaco com alguns buracos, sua calça estava na mesma condição e usava uma chinela estragada, seus olhos estão vermelhos e caídos.

Achei estranho então sai desse corredor e fui andando, olhei para trás e vi essa mulher me perseguindo. Começei a andar mais rápido ainda quase correndo, ela não parava e havia um momento que desaparecia mas voltava.

Não fiquei olhando para frente e esbarei em alguém, quando virei meu rosto vi que era Yoongi.

—S/n, está tudo bem?!— suas mãos se agarra em meus braços me segurando.

—Yoongi? Sim estou é que tinha uma mulher estranha ela parecia um zumbi me perseguindo.

—Quer que eu chame a Segurança? — ele larga suas mãos.

—Não precisa eu acho, ela parecia uma drogada sabe? Estava com os olhos completamente vermelhos.

—S/n isso é meio estranho não acha? Se quiser chamo alguém

—Ela já foi Yoongi. Aliás o que está fazendo aqui? Pensei que estava em miami com Jihyun.

—Voltamos ontem pensei que ela te ligou. Nossa sua barriga está grande! Ouvir falar que são gemêos. — ele passa sua mão levemente na minha barriga.

—É foi uma grande supresa mesmo. Eu tenho que ir, Jimin deve está me esperando e como ele é deve esta preocupado.

—Hm é sei como ele é. Foi bom te vê de novo—

Nos abraçamos e fui até o caixa para pagar. Quando acabei peguei as sacolas e quando olhei lá fora a mulher me encarando de novo.

—Ei você!— gritei, correndo até a saída.

A mulher misteriosa saiu correndo até um beco. Ela era muito rápida ou talvez é porque estou carregando dois ser humanos. Entrei logo no carro e fui embora para o apartamento.

Abri a porta e Jimin preocupado como sempre vem logo correndo.

—Aonde estava s/n?! Não levou o celular e nem deixou um bilhete. — ele me dá um abraço abertado e um beijo longo.

—Eu levantei cedo hoje e não tinha nada para comer aqui, então eu fui no mercado. Eu estou aqui Jimin.—dei vários beijinhos na sua boca.

Ele pega algumas sacolas e levamos até a cozinha.

—Me avisa depois okay?— começa a retirar a comida das sacolas guaradando-as no armário.

—Você estava parecendo um anjinho dormindo, não queria te acordar.

Peguei a lasanha congelada que comprei e coloquei no forno

—Que tal a gente vai para o quarto fazer algo até a lasanha ficar pronta?— Jimin me pega na cintura e me levanta me colocando em cima do balcão, ataco seus lábios começo a tirar minha blusa.

Ele me pega na cintura de novo e anda até o quarto, chegando la ele me joga na cama e tira sua cueca. Fico de quatro para ele e empino a bunda. Antes de algo acontecer ouço um grito de uma mulher no apartamento.

—Jimin??? Querido?

Jimin coloca logo sua cueca e uma calça

—Veste sua roupa agora!— ele grita jogando minha roupa na cama

—Jimin quem é essa mulher que está gritando?— visto logo minha roupa e desço da cama

—É minha mãe, vem. — ele segura na minha mão e fomos até la em baixo

Descemos e sua mãe estava no meio do apartamento com outro cara do lado, acho que era seu motorista

—Jimin meu bebê!— sua mãe vem correndo o abraçando forte.

—Mamãe o que está fazendo aqui?— ele dá um beijo na sua bochecha

—Vim te visitar né! Não te vejo a mêses. E quem é essa moça? — ela me olha com um olhar deconfiado.

—Essa aqui é minha namorada S/n

—Prazer em conhecer você senhora Park— lhe dou um abraço

—O prazer é todo meu, estou feliz que Jimin encontrou alguém.— ela para e olha para minha barriga e olha para Jimin.

—Mãe olha antes de falar alguma coisa— sua mãe o interompe.

—Você vai ter um filho?? Estou tão orgulhosa de você!

—Mamãe você está orgulhosa, de mim?— os olhos de Jimin começa a se lacrimejar

—Claro que estou, você é meu bebê.

Jimin e sua mãe pedem licença e vão para a sala enquanto eu fico na cozinha.

—Você está feliz meu filho?— sua mãe pergunta segurando firme nas mãos de Jimin

—Claro que estou mamãe, ela é a mulher da minha vida eu amo ela, e agora vamos ter dois filhos.

—Ela é uma moça muito bonita e educada. Vai querer se casar com ela?

—Quero muito, mas não sei como pedir, tem que ser especial e maravilhoso no momento certo.

—Você vai saber o momento, confia em mim.

Sua mãe vai embora e se despede.

Jimin e eu estamos lavando as louças acumuladas.

—Você sabia que sua mãe estava na cidade?— falei, enquanto lavo um copo.

—Não ela nem avisou, mas não vejo ela há mêses.

—Sua mãe gostou da ideia de nós temos os filhos.

—Sim, ela sempre queria ser uma avó e que eu seja feliz.

Ficamos lavando as louças sem conversar, estava acabando de secar e pensei em falar sobre o que aconteceu no mercado.

—Jimin hoje de manhã quando eu fui no mercado tinha uma mulher estranha, parecia uma drogada me encarando e começou a me perseguir, achei estranho.

—Uma mulher estranha? Como ela se parecia— ele seca suas mãos e me abraça por trás dando beijos leves no meu pescoço.

—Ela estava usando um casaco rasgado e calça estava do mesmo jeito, seu cabelo estava todo bagunçado parecia um ninho. Tinha algo no pulso dela colorido com um coração e alguma palavra nele.

—Que?! Você fez o que? Falou com ela?— ele fica sério, sua cara ficou palida.

—Não, eu só sair correndo. Está tudo bem Jimin?— fiquei confusa ele parecia assustado com o que falei.

—Está bem sim é que... ai é que essas mulheres estranhas de rua sabe só querem pedir dinheiro. — parecia uma desculpa o que ele disse, ele se retirou da cozinha e foi para o quarto.

Ele ficou muito sério quando eu falei desse assunto, o que será que aconteceu? Será que isso lembrou ele daquela ex esposa dele? Não quero que ele fique triste.

Jimin está no quarto sozinho, sentado na beirada da cama com os cotovelos descançados na coxa.

*jimin on*

Não estou acreditando nisso, Seulgi me achou e sabe da S/n ela pode machuca-la e meus filhos. Ela estava no hospital e acho que fugiu para tentar me conquistar de volta mas ela sabe que eu não a amo mais e não a quero na minha vida para me machucar. Seulgi é uma maluca e pode me ferir e a S/n junto com meus filhos e eu não posso deixar que isso aconteça.



Notas Finais


Espero que gostaram💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...