História Desesperada Paixao - Capítulo 30


Escrita por:

Postado
Categorias Jensen Ackles
Personagens Jared Padalecki
Tags Padackles
Visualizações 30
Palavras 2.006
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


MAIS UM CAPITULO PRA VOCES GALERINHA
SORRY PELOS GRANDES ERROS KKK
BOA LEITURA

Capítulo 30 - Ele é um tira!


Roger andava de um lado pro outro enquanto tentava falar com o filho

-ele nao atende.roger falou 

-desculpa á demora.jim entrou acompanhado dos outros agentes.-tudo bem?parece meio 

-nao consigo falar com meu filho.roger respondeu apos tentar pela terceira vez.-eu..porque me chamou?

-tem algo que queria nos falar antes?perguntou jim olhando serio pra roger

-nao porque?

-roger voce é um meus melhores agentes mas..

-o que foi jim?o que ta acontecendo?perguntou ackles,tinha percebido o clima estranho desde que entrou na delegacia

-porque nao disse que seu filho está tendo um caso com o padalecki?jim foi direto ao assunto.

-O QUE? roger mesmo sabendo que era verdade ficou supreso ao saber que os outros agentes descubriram.

-vai dizer que nao sabia que viaje que eles fizeram foram mais como pra lua de mel.felicia falou irritada

-do..do que voces..

-ja sabemos a verdade..nos virmos a verdade

-vir..viram?o que voces viram?do que estao falando?roger tentava manter calmo

-disso.jim entregou as fotos pra roger.

-mas.. o coraçao de roger deu um salto quando viu varias fotos de jensen e jared na praia..fotos comprometedoras

uma mostrava os dois brincando na praia com se fosse duas crianças outra os dois aos beijo deitado na areia da praia outra  tirando a roupa um do outro e outra que nao deixava duvida que eles estavam junto jensen cavalgando em cima de jared que o segurava pela cintura

-isso nao é verdade.roger resgou as fotos,precisava ganhar tempo.

-nao adianta rasga-las.disse megan umas das agentes.-nunca pensei que..ele com aquele assassino.

-de que lado seu filho está afinal?perguntou outro.-ele passou pro outro lado essa é verdade

-MENTIRA!Roger gritou irritado.-voces nao podem..nao tem o direito de desconfia de idole do meu filho..do carater dele.

-concordo com roger.disse cris.-jensen é meu melhor amigo e essas fotos podem ser falsa que nem a outra.

-cris!falou misha.

-que..que outra?roger perguntou.-RESPONDAM QUE OUTRA?!

-essa!jim entregou outra foto

-NÃO! o coraçao de roger falho varias batidas ao ver a foto do filho armarrado numa cadeira com o rosto de sangue.-isso é...é mentira ele..

-isso so pode ser coisa do padalecki.disse misha irritado.-so pode..

-nao...nao..nao..meu filho nao..

-o padalecki deve ter descoberto quem ele é.falou Felicia.-quis se livra do amante e..

-CALA BOCA VADIA!gritou roger fazendo felicia se assustar

-SE CONTROLEM!jim falo no mesmo tom.-NAO ADMITO ESSE TIPO DE..

-Voces nao sabem o que aconteceu.o policia entrou na sala.

-NAO SABE BATER! jim o repreendeu.

-é que..me desculpa mas é que..eu

-fala logo cara!cris falou 

-explodiram a mansão do padalecki.

foi tudo que roger ouviu antes de perder a conciencia.

-filho.. roger despertou e quando de por si estava no hospital.

-como se sente? a voz procupada de fausto o tiro de seus pensamentos.

-fa..fausto. roger deixou as lagrimas cairem.-meu..meu bebê..o meu filho...o meu jen.

-fica calmo amigo.fastou segurou a mao de roger.-nao pode se estressa 

-como nao se..

-serei obrigado a lhe aplicar um calmante.

-nao..por favor nada de calmante

-certo..então se acalme porque..

-ele..o meu filho ele..

-eu sei..o cris me contou.

-o cris ele..

-está la fora.fausto verificou a pressão do amigo.-o jen está bem..tenho certeza

-mas..

-ele forte..vai fazer de tudo pra se manter vivo principalmente agora que está esperando um filho

-o que?cris entrou no quarto nao acreditando no que tinha ouvido.

-cri..cris? roger olhou pra fausto que estava mais branço que ele.

-o..o jen..ele..o jen ta gra..

-voce ouvir errado.fausto falou.-eu disse que..

-roger..ele ta..

-esperando um filho do padalecki.roger deixou as lagrimas cairem.

-en..entao..Deus.

-por favor nao conte pra..

-nao vou contar.cris falou ainda atordoado.-mas entao..eles..os dois..

-ele se apaixonou por aquele...pelo jared.

-Deus..

-o meu filho..preciso saber o que aconteceu com ele..com eles

-e vamos.cris falou convicto.

-me conte tudo que sabe cris..por favor.

-eu..

-tenho certeza que ele..ele nao tava na mansao..eu sinto..ele nao tava la..nao tava.

-roger..se acalme.disse fausto.-teve uma queda de pressão,a nao se que queira ficar aqui por mais tempo sugiro que se acalme.

Enquanto isso..

-quantos feridos?perguntou bobby 

-muitos.respondeu rufus.

-acho que.. nao terminou de falar pois rufus o calou com um beijo quente.

-fiquei com tanto medo.

-rufus..

-eu te amo tanto.

-tambem te amo.bobby o abraçou.-eu tambem fiquei com medo..a bomba..

-ja passou amor..acabou.

-nao.bobby rompeu o abraço.

-bobby..

-temos saber porque fizeram isso

-mais ele..

-ele ta está bem..so desmaiou.

-eu..

-temos que entender porque sequestraram o loirinho e mais importante..

-porque eles terminaram.completou rufus.

-exatamente.

-entao vamos.

os dois foram pro quarto onde jared estava,ja havia despertado,olhando pra nenhum lugar especifico.

-jay? bobby o chamou.-voce tá bem?ta sentindo alguma dor?

-sim. jared respondeu mais continou na mesma posição

-é melhor chamar um medico.disse rufus.

-nenhum medico,por mais estudiosos que seja conseguiria arrançar essa dor.

-filho..

-quantas baixa?

-trinta.respondeu rufus.-e alguns feridos..ferimentos leve.

-sei que nao é momento.bobby se aproximou da cama que jared estava deitado.-mais precisamos de resposta e..o que faz aqui? perguntou quando viu thales entra no quarto.

-vim ver como..se estao bem..ouvir na tv..ta cheio de jornalista la fora.

-como descubriu a passagem?perguntou bobby.

-vir o chad saindo quando estava chegando e..

-vai embora thales!gritou rufus irritado.

-nao vou!thales falou descidido.

-esculta aqui seu merda.. rufus tentou avança no outro mais bobby o impediu o segurando pelo braço.-bobby..

-nao vale á pena amor.

-mas..

-pensei que quisesem resposta.thales falou chamando atençao dos dois ja que o moreno parecia está em outro mundo.

-do ta falando idiota?bobby quis saber

-jared. thales olhou pro moreno.-meu querido..thales tentou se aproximar do moreno,mais foram impedido por rufus e bobby.-eu..

-nem tente.falou rufus se colocando na frente de thales que deu um passo pra tras..assim podia ver melhor o moreno.

-mesmo depois que voce me fez..eu te ajudei.

-do que ta falando?rufus quis saber.

-do que to falando?thales sorriu e tirou algumas fotos do bolso da camisa.-vejam voces mesmo.

-o que isso significa?bobby olhou as fotos sem acreditar.-ele com..com o felipe..mas..

-eles sao tira!thales falou sorrindo.

-o que?perguntaram os mais velhos.

-o loirinho é ou era filho do felipe.

-mas.. bobby olhou pra jared mais o mesmo continuava inquiento

-quando me espulsaram daqui,conseguir seguir o loirinho e adivinha onde ele entrou..exatamente na delegacia.thales começou andar de um lado pro outro.-e depois eles..eles viajaram junto..pra praia..fiquei com tanta raiva que liguei pra la so pra avisa,mais parece eles nao acreditaram.

bobby e rufus estavam chocados nao era possivel que os dois tinha enganados eles..enganaram jared.

jared..agora ele entendiam o porque ta briga,mais muitas perguntas se formaram em suas mentes.

-mais agora eles sabe..todos sabem.thales os tirou des seus pensamento.

-o que voce fez?perguntou rufus 

-enteguei essas fotos pra um dos agentes..disse que era algo do interresses dele e sair correndo praticamente.thales sorriu vitorioso.-agora todos ja sabem..ate o mark..envie as fotos pra ele tambem e..pobre jensen ackles.

-DESGRAÇADO!o grito do moreno ecoou no quarto.

-querido eu so..

numa agilidade desumana o moreno levantou da cama,havia saido do transe quando ouviu o nome de mark e de jensen

-CALA A BOCA!jared desferiu um soco no rosto de thales antes de segura-lo pelo colarin da camisa.

-eu..eu so queria te ajuda..te mostra que ele..

-E QUASE NOS MATOU POR ISSO!

-A CULPA É SUA!retrucou thales.-É TAO IDIOTA QUE SE ENVOLVEU COM AQUELE TIRA..QUE POR SINAL ERA FILHO DE FELIPE.

-SE EU SOU TAO IDIOTA PORQUE CONTINUA ATRAS DE MIM?ME CERCANDO COM UM CACHORRO.

-PORQUE EU SIM TE AMO DE VERDADE.

-SE ACONTECER ALGUMA COISA COM ELE..EU TE MATO THALES..JURO QUE TE AMO!

-COMO PODE O DEFENDE?

-ISSO NÃO É DA SUA CONTA!

-ELE TE ENGANOU JARED!ACORDA!

-CALA BOCA!

-ATE O FELIPE..

-MANDE CALA A BOCA!jared o socou com vontade.

-EU SO QUERIA TE AJUDAR!

-SE ALGUMA COISA ACONTECER COM ELE!SE TOCAREM NELE THALES EU TE MATO!MATO COM MINHAS PROPRIAS MAOS.

-ELE TEM QUE MORRER!E NAO VEJO A HORA DO MARK FAZER ISSO.

-VOU TE MATAR THALES!

Jared continou desferindo um soco atrás do outro em seu rosto e seu estômago, sem dar chances do outro se defender.

-ELE NAO TE MERECE..ELE TE ENGANOU JARED.

-SE MECHUCAREM ELE..

Jared continuava socando seu rosto sem piedade, até que rufus e bobby interveram o segurando o moreno

-CHEGA JAY!bobby o segurou.-VOCE VAI MATA-LO

-É ISSO QUE QUERO!

-VAI EMBORA THALES!rufus falou empurrando thales pra fora do quarto.

-ME SOLTA BOBBY!

-TA.bobby soltou o moreno.-fique calmo

-o mark..o mark pegou ele..pegou ele. jared andava de um lado pro outro.

-filho o que..o que ele disse..bobby começou mais foi interrompido por um chad furioso.

-ELE É UM TIRA!chad gritou assim que ficou de frente pro amigo.

-chad eu..

-RESPONDA PADALECKI! O QUE O THALES GRITOU NA SALA É VERDADE?ELE É UM MALDITO TIRA?

-É. jared deixou as lagrimas cairem.

-COMO VOCE PODE?

-EU NAO SABIA.

-ASSIM COMO NAO SABIA QUE DO FELIPE

-chad..

-VOCE SABIA?bobby perguntou irritado.-SABIA QUE FELIPE ERA POLICIAL?

-sim..eu sabia..ele mesmo havia me contado.

-E MANTEVE O INIMIGO ENTRE NÓS!chad desferiu um soco no moreno que nao revidou

-SE ACALME!rufus ficou no meio dos dois.

-como pode fazer isso com a gente.

-eu..jared sumiu o chao sumir dos pés,so nao caiu porque rufus o segurou.-preci..ele precisa de mim. jared falou antes de desmaiar.

Os corpos moviam-se ao mesmo tempo, ora em movimentos sincronizados e ritmados, e em outros totalmente movidos pelo prazer e ânsia que sentiam.
jensen aumentou o ritmo das estocadas quando jared envolveu sua cintura com as pernas. Possibilitando-o ir cada vez mais fundo. 
-ahh...jensen....jen meu amor...ahh....mais rapido...amor.....ahh...jen...
-jay..jared tao quente...tao macio...jared..ohh...amor...te amo tanto...ahh...jared eu te amo...
Os gemidos se confundiam e nenhum dos dois saberia traduzir as palavras desconexas que ora ou outra eram ditas.
jensen investia com força contra a próstata do moreno, que cavalgava com as duas mãos apoiadas no peito dele.
-eu te amo jared..eu te amo..tao apertado..tao lindo..ahh..assim..jared..jared..
jensen chamava o nome de jared, e jared o de jensen. Ambos já estavam quase lá. Os orgasmos vieram quase simultaneamente. Primeiro jensen. jared logo em seguida.
 Ficaram calados por um bom tempo, o único barulho que ouviam era o das batidas dentro do peito de cada um e da agua da praia
-acho precisamos de um banho.jensen falou apos sair de dentro do moreno.
-so se for no hotel.jared sorriu.
-ta com medo dessa aguinha?jensen riu com vontade.
-nao seu bobo.
-entao..
-é que vai ficar dificil
-o que?
-voce ficar duro nessa agua.
-como é? jensen o encarou.
-vai dizer que nao entendeu.jared olhou maliciosamente pro loiro.
-depois eu que sou o insaciavel.
-mais voce é? retrucou o moreno
-eu nao..
-quem me acordou esses dias de madrugada.
-bo..bom mais eu..eu..
-viu voce é insaciavel.
-nao.jensen acariciou o rosto do moreno.-eu so sou louco por voce..locamente apaixonado.
-jen..
-te amo jared.falou antes de selarem seus labios num beijo quente e apaixonado.
-tambem te amo..te amo muito meu loiro..meu amor..
 jensen saiu de seu pensamentos quando mark entrou segurando uma mini tv.
-pra voce se distrair.disse colocando a tv num cadeira e ligando na tomada.-prontinho..o que voce quer ver?perguntou ao ligar a tv.-esquecir que nao pode falar com essa mordaça.bom que tal um jornal?é vamos ver o jornal..sempre tem noticias fresca..nao disse?
-os bombeiros estao tentando conter o fogo da mansão padalecki.disse a reporte.
O Coraçao do loiro falhou varias batidas seu corpo começou a tremer
"nao..nao..meu jay..nao..ele nao..Deus por favor nao..o meu amor nao."jensen se mexia sem parar tentando tentando se solta
-quer falar alguma coisa?mark tirou a mordaça 
-DESGRAÇADO!EU VOU TE MATAR!JURO QUE ACABO COM VOCE!
-CLARO QUE VAI!mark riu com gosto.-adoraria ver o final dessa novela toda mais tenho uma reuniao importante.
-EU VOU TE MATAR MARK..EU JURO!
-creio que nao tem condiçoes pra isso.mark saiu deixando um jensen atordoado pra tras
-nao jay..voce nao.
-foram encontrado trinta corpos.disse a reporte.-alguns vizinhos diseram que viram jared padalecki entrar,mais ele nao está entre as vitimas,os bombeiros disseram que ele pode está embaixo dos escombro.
-jay.. jensen chorava compulsivamente.-meu amor nao..ele ta bem..seu papai..seu papai ta bem filhinho,nao se preocupe..ele ta bem..quando formos a praia conversamos bastante e ele disse que sempre quis ter um cachorro e..praia..piscina. jensen sorriu aliviado,seu coraçao se acalmou ao lembrar da casa"escondida".-ele ta bem..ele ta.. o loiro perdeu a conciencia antes de terminar a frase.
 

Notas Finais


pobrezinho deles..


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...