História Después de la gira - Capítulo 26


Escrita por: e mbmc20

Postado
Categorias Agustín Bernasconi, Carolina Kopelioff, Karol Sevilla, Michael Ronda, Ruggero Pasquarelli, Sou Luna, Valentina Zenere
Personagens Luna Valente, Matteo
Tags Ruggarol
Visualizações 404
Palavras 1.329
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


VIM AQUI PEDIR DESCULPA PELA DEMORA PARA POSTAR O CAPÍTULO, MAS ACONTECE QUE EU VIAJEI PARA O RIO DE JANEIRO PARA O SHOW DE SOY LUNA, AGORA TEM CAPÍTULO NOVOOOOOO

DESDE JÁ, AGRADEÇO A COMPRESSÃO DE TODOS! 

Capítulo 26 - Miss you


Fanfic / Fanfiction Después de la gira - Capítulo 26 - Miss you

Duas semanas depois

Karol Sevilla

Depois de dizer a Ruggero tudo que eu sentia, conversamos por mais uns dias e depois ele resolveu sumir das redes sociais, não responde mais minhas mensagens, ligo para ele cai direto na caixa postal, comecei a me preocupar e me perguntar onde ele deve ter se metido, passou mais uns dois dias assim e ele resolveu aparecer postou uma foto no Instagram com sua família, fico aliviada e corro para o Whatsapp para ver se ele respondeu minhas mensagens, vejo que ele visualizou e não respondeu, começo a pensar que ele deve estar me evitando ou então desistiu de mim, acho que eu devo ter me precipitado ao me declarar para ele e ter resolvido dá outra chance, me perco em meus pensamentos e de repente o celular toca e vejo que é minha mãe, atendo a ligação.
Ligação on

- Alô mãe?
- Oi filha, como está?
- Estou bem, e você ?
- Estou bem Karol, mas você eu sei que não te conheço perfeitamente, o que aconteceu?
- Bom, eu não sei como falar isso.
- Fala logo Karol, está me escondendo algo ?
- Não é isso mãe, só não sei como falar.
- Por acaso tem algo ver com o Pasquarelli?
- Como sabe mãe?
- Sou sua mãe, te conheço, sabia que dessa amizade iria sair alguma coisa, podia até está enganada, mas eu creio que estou certa.
- Acontece eu e ele estamos, eu não sei dizer, na verdade e que não estamos namorando, pois não teve pedido de namoro, não sei dizer quando é nossa situação, alguns dias atrás ele pediu uma chance, e eu demorei para responder ele, mas aí depois que dei a resposta, ficamos uns dias bem, conversando e depois ele sumiu, estou com medo mãe, vai que ele não queira mais, posso ter me precipitado em ter dado a chance à ele e agora vai que ele queira voltar com a Candelaria, ai mãe estou com medo.
- Calma Karol, ele foi para Itália para passar um tempo e colocar as coisas no lugar, com certeza para ele não foi fácil tudo que passou, ele preciso de tempo para assimilar tudo isso, e vejo que ambos se precipitaram com relação a ter um relacionamento agora, não creio que ele não seria capaz de voltar com a ex dele, vamos dá tempo ao tempo, logo vocês estarão juntos, tudo com calma é melhor.
- Obrigada mãe pelas palavras, estavam precisando da ajuda de alguém.
- Tudo é com calma minha filha, não vão com muita sede ao pote vocês não pode se engasgar, sabe que qualquer coisa estarei aqui para te ouvir falar e te aconselhar, afinal sou sua mãe.
- Sim mãe eu sei, obrigada por tanto. Te amo tanto ❤
- Também te amo muito fala, estou com saudades.
- Eu também e como vai as coisas aí no México ?
- Está tudo bem graças à Deus.
- Ótimo mãe, logo logo estarei aí com vocês.
- Tá bom filha, vou indo. Se cuida!
- Está bem, vou me cuidar.
- Tchau.
- Tchau.

Ligação off.

Depois da conversa com minha mãe fiquei mais calma e pensando em tudo que ela me disse, mas ainda com um pouco de receio, talvez ela tenha razão quando ela disse que nos precipitamos, preciso conversar com o Ruggero sobre isso para irmos com calma, quero que tudo certo dessa vez e tudo certo com ele.
Resolvi então mandar uma mensagem para ele, não por insistência mais para dizer que quero conversar com ele.

Whatsapp On.

Oi, desculpa incomodar.
Como você está?
Quando tive um tempo quero conversar com você, não precisa ser agora.
Beijos, espero que esteja bem! 😚
Sinto sua falta .

Whatsapp Off.

Mandei a mensagem e foi dormir um pouco, quando acordei já estava bastante tarde então resolve pedir ao para comer,estava sem vontade alguma de fazer algo, já não sei cozinha muito bem e pelo jeito que eu tô se eu fizesse algo sairia horrível. Pego meu celular e evito o máximo olhar o meu Whatsapp, não quero saber se levei outro vácuo tão cedo, entro no aplicativo e peço uma pizza para mim, hoje quero atualizar minhas séries então já preparo o coberto e a Netflix para essa noite tão chata. Decido tomar um banho e vestir um pijama mais confortável, calçei minhas pantufas e fui para a sala, não demorou muito toca a campainha e vou até lá pegar a pizza. Depois que organizo tudo vou pegar meu celular e vê as redes, logo vejo uma notificação que faz meu coração quase saltar pela boca.

Whatsapp On

Rugge 💕: Também quero conversar contigo princesa, mas é pessoalmente. Também sinto sua falta. Te adoro ❤

Whatsapp Off

Okay, agora literalmente eu estou morrendo, o que tanto Ruggero quer conversar comigo ?

Ruggero Pasquarelli

Passar os dias que passei na Itália foi maravilho para mim, curti bastante minha família e meus amigos de lá, pensei bem o que fazer com minha vida e minha carreira e sobre a Karol conversei bastante com meu pai ele sempre me dar os melhores conselhos e minha mãe falou bastante sobre o quanto ela avisou que Candelaria não prestava e que ainda bem que não estávamos casados. Bom, foi uma viagem maravilhosa ainda quando estava lá, procurei um apartamento mobiliado para mim e encontrei um perfeito não muito grande mas com tudo que um homem precise, contratei uma design de interiores para organizar o apartamento pra mim, e pedi para o Agustín e Gastón ficar supervisionando o serviço. Enfim agora cá estou eu, em meu novo apartamento na Argentina, pronto para começar uma vida nova e para isso só está faltando uma coisa, resolver as coisas com minha princesa.
Sei que pisei na bola com ela sumindo de tudo, mas eu tinha que resolver tudo por aqui antes de voltar para Buenos Aires espero que ela me entenda quando eu explicar tudo direitinho que não esteja com raiva de mim. Bom como eu estou cansado da viagem vou para meu novo quarto e resolvo tomar um bom banho e dormir um pouco, acordo umas 14 horas com meu celular apitando e vejo o era, apenas várias mensagens no Whatsapp uma que me interessava bastante, era de Karol pedindo para conversar comigo, sim passou mil coisas pela minha cabeça, espero que não tenha se arrependido de ter me dado uma nova chance, então para não perder essa oportunidade que a vida me deu vou fazer uma pequena surpresa para ela, me levanto e troco de roupa, pego as chaves de casa e do carro e vou para a garagem, não demora muito já estou na rua em busca de floricultura para comprar girrassóis, sei que são as flores preferida da Karol, depois de dois séculos procurando esse buquê, não é fácil achar girrassóis como eu esperava que era, vou ao Mcdonalds e compro algumas guloseimas para nós dois, volto para casa o mais rápido possível. Tomo um banho e vou me arrumar pego o presente que trouxe para ela da Itália e as coisas que comprei e logo sigo para sua casa, chego rápido ao meu destino, pego o elevador e subo para meu apartamento, quando chego a porta de sua casa estou bastante nervoso, com as mãos suadas e com aquelas famosas borboletas no estômago com medo dela fecha a porta em minha cara ou pior não está aí. Sem pensar duas vezes toco a campainha e escuto sua voz logo em seguida " Já vai", logo ouvi o barulho da chave, quando a porta se abre logo digo com meu jeito sedutor e meu sotaque italiano perfeito:
- Buona notte, mia principessa, ti sei mancato? - Digo é vejo Karol completamente paralisada com o que vê, sorrio para ela que logo choca seu corpo ao meu em um abraço nem apertado, ela não sabe o quanto eu sentir a falta disso.





Notas Finais


Gostaram ?
Deixem seus comentários.
Tadinha da nossa Karol, já tava pensando que ele tinha desistido dela E Ruggero tão maravilhoso que pensou em uma surpresa perfeita para nossa pequena. Lindos né?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...