História Destinados - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Tags Drama, Harry Potter, Hermione Granger, Romance, Severus Snape
Visualizações 26
Palavras 369
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpem a demora, desde capitulo em diante já se passa no tempo que conhecemos dos nossos aventureiros.
Espero que gostem :).

Capítulo 3 - Meu Eu Sem Você!


Fanfic / Fanfiction Destinados - Capítulo 3 - Meu Eu Sem Você!

~~~~~~~~~~~~~~~~0 ~~~~JULHO 1996 ~~~ 0~~~~~~~~~~~~~~~~

Um homem de cabelos negros e de comprimento até a altura dos ombros estava em frente a uma lapide, onde jazia o nome Lilian Potter olhando para uma foto sorridente da mesma. Sem nenhum puder o homem chorava copiosamente a morte de sua amada, a qual nutriu esse amor desde a primeira vez que a viu no parque e tornaram-se grandes amigos.

- Me perdoe meu Lirio, sei que estou sem fraco mais uma vez. Lamento tanto pelo que fiz, que a dor no meu peito é ainda maior do que posso suportar. Principalmente por ver seu filho todos os dias naquela maldita escola onde tiraram você de mim. Sabes que só ainda permaneço naquele lugar ele, jurei protegê-lo com todo amor que ainda sinto por você. Ah... como sou tão tolo em acreditar nas palavras daquele velho, Albus sabe muito bem que seu filho não está totalmente preparado para enfrentar o que ainda vem pela frente, acreditas que ele me incumbiu a tarefa de ensinar oclumência, desculpe-me em ser sincero, mas algo me diz que vou ter uma certa dificuldade com isso, já que todas as vezes que nos encontramos vejo nos olhos dele os seus próprios e isso me trás grande tormenta, apenas em pensar que eu poderia deixa-los a salvo. Mesmo que isso significasse que Potter ainda estaria vivo e você junto com ele.

Severus Snape nesse momento chora ainda mais reprimido e grande quantidade de lágrimas saem de seus negros olhos ao lembra-se o exato momento os olhos vidrados e sem vida de sua amada Lily, aquelas lembranças eram dolorosas demais até para ele um bruxo conhecido pela sua frieza e que jamais demostra nenhum tipo de preocupação ou sentimento, principalmente perante Lorde Voldemort.

- Lilian meu amor me perdoe, amo você e prometo que vou fazer de tudo para que seu filho possa derrotar aquele que tirou você de mim.

Ele apenas laçou um feitiço nas flores para não murcha, cujo havia comprado na Londres trouxa. Secou suas lágrimas olhando uma última vez para lapide e em menos de um segundo desapareceu em um vulto negro.

 

"Nós nunca somos tão desamparadamente infelizes como quando perdemos um amor." (Sigmund Freud)



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...