História Destination, África ( HIATUS) - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Marco Asensio, Mateo Kovacic
Personagens Marco Asensio, Personagens Originais
Tags Futebol!, Romance
Visualizações 76
Palavras 1.176
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 6 - A festa



ARETA BUHARI

ÁFRICA- CONGO

21 DE JANEIRO, 2018




Hoje era o dia da festa tudo estava em perfeito estado unica coisa que faltava era as fantasias. 

De uns dias pra cá o Marcelo nem parecia hóspede e sim um amigo que a vida me deu recentemente, ele como o Ramos e Cristiano, digamos que eu tenha muita facilidade para fazer amigos, nem tanto mas tenho, desde pequena tive mais facilidade para fazer amizades com meninos do que meninas, minha primeira e única amiga foi a Aruna, mais ela se mudou e a amizade mudou junto. 

Não que as mulheres deles sejam chatas mas as únicas que veio realmente conversar comigo foi a Pilar e Clarice, elas são uns amores.

Por mais que meu pai seja dono do hotel eu gosto de tratar os hóspedes como amigos e gostam que eles se sintam parte da família e não que sejam apenas hóspedes. 

Os Meninos, tiram Asensio disseram que vão comigo comprar fantasias para a festa que é hoje a noite. 

Coitadinho do Vásquez e do Kroos, são alvos das trolagens do time, eu me acabo de rir com esses meninos, eles são foda. 

Deus me livre o que pode acontecer nessa festa.


— Tá pronta corazón. - Cr7 diz com sutaque português e pegou na minha mão e me rodou. 

— Uou, calma ai robozão. - apoiei o braço no seu ombro e respirei. 

— Ai ele é cheio da graça né. - Marcelo já chega debochando da situação. 

— Parem, parem garotas, hoje é meu dia de princesa com a Are. - Ramos escandaloso grita. 

— Acho melhor as Princesas deixarem pra disputar depois que voltarmos. - Kroos o pai do time se manifesta. 

— Vamos a onde?. - Vásquez pergunta. 

— O Marcelo não disse?. - Cr7 pergunta e da um tapa na nuca do Marcelo. 

— Ai que vacilo, nem falou para eles. - Abro a boca e fingo estar indignada. — Vamos comprar fantasias para a festa. 

— E vamos ajudar ela com isso, já que vamos usar a festa para o aniversário do Asensio. - Marcelo diz. 

— Ta sem enrolação, vamos logo. - Entrei no carro. 

— Não fala assim comigo se não eu choro. - Marcelo finge se ofender e todos no carro riem. 

E assim seguimos rumo a loja de fantasias. 



(...)


Chegamos na loja e eu já estou encantada, caralho tem cada fantasia sexy aqui que quero comprar todas, porém não tem com quem usar. 

— Lincença aqui mores, a dona da porra toda chegou. - Marcelo apareceu com uma fantasia de enfermeira com a calcinha enfiada no cú e uma espécie de chicote e todos deram risadas. 

— Aaaaaah iludida. - Cr7 apareceu com uma fantasia de oncinha e o bumbum a amostra e que bumbum. 

— Tão querendo roubar meu brilho só pode, mais esqueceram que piranha não brilha em baixo dágua. - Ramos apareceu com uma fantasia de bombeira. 

Agora assim que as risadas não cessaram. 

Nunca ri tanto na minha vida, esses caras são demais. 

— Acho que temos um empate para vê qual ficou mais gostosa. - coloquei minha mão na barriga de tanto rir. 

— começaram essa festa se nós?  - Vásquez e Kroos chegaram fantasiados de empregadas. 


Puta merda, cadê o ar?  Eles são uns palhaços mesmo. 

Depois que paramos com a brincadeira resolvemos comprar fantasias para cada um e sua família, Marcelo escolheu a idade da pedra para ele e sua família, Cr7 escolhei o tema do circo, Ramos escolheu policiais, Kroos escolheu anos 80 e pra fechar eu e o resto dos meninos vamos combinado cisso, o tema das princesas e eu seria a Pocahontas. 

Muito louco isso, até demais.

Eles escolheram uma fantasia para o Marco também, só que não foi das melhores. 

Escolheram a de oncinha sexy. 





MARCO ASENSIO 

ÁFRICA-CONGO

21 DE JANEIRO, 2018




 Hoje é meu aniversário e esses traíras de merda resolveram sumir do nada. 

Aposto que estão com aquela garota, de uns dias ai ela ficou tão íntima deles que parecem amigos de longa data, ela tem mais intimidade com eles do que eu há anos. 

Papai me desejou feliz aniversário mais cedo depois não vi mais ele, maldito poker. 


— ACORDAAAA CARAAALHO. - Mateo, Igor e Isco entraram no meu quarto gritando que nem animais. — Levanta dessa merda. - Mateo tentou puxar a minha coberta. 

— vocês são doentes ou o que. - Os encarei muito puto. — Nem no meu aniversário eu tenho paz para dormir, que porra.- afundei a cara no travesseiro. 

— Por isso mesmo vamos para uma festa hoje e então levanta dessa cama. - Igor diz e isco da uma empurrada de leve como se o estivesse repreendendo , estranho.

— Tá, tá, me dêem licença da merda do quarto vou tomar banho, a não ser se vocês curtam pau e bem grande. - ri. 

— Ainda não tive essa experiência deliciosa, mais se quiser tamo ai. - Isco zuou. 

— Eu gosto de buceta seu estranho. - Lanço um travesseiro na sua direção. 

— Vamos antes que ele saca esse pau minúsculo pra fora. - Igor diz.

— Quer ver. - ameaço a tirar e eles saem correndo do quarto. 

— LAVA BEM ESSE PAU. - Mateo grita lá de fora. 


Vou tomar meu banho que eu realmente ganho mais 

Esse idiotas são foda, não trocaria a amizade dele por nada, é um lançe de irmandade desde que eu cheguei no time. 

O primeiro com quem eu fiz amizade foi o Isco e o Vásquez. 

O Mateo não ia com a minha cara no começo e nem eu com a dele, mas depois isso ficou no passado e hoje nôs tratamos muito bem. 

Depois de banho tomado decido colocar uma regata preta qualquer, uma cueca, uma calça de moletom cinza e um vans e descer para encontrar os caras. 


(...)


 Eu estava indo para o elevador e escuto um cochicho. 


— Vai logo, o Asensio pode aparecer. - só vejo o Ramos e o Marcelo com umas 3 sacolas cada. 

— Porque eu não posso aparecer. - diz alto para perceberem que estou ali. 

Eles viraram e arregalaram os olhos. 

— Então Marcão sabe o que é. - Marcelo começou gaguejar. 

— É que fomos as compras com a Are. - Ramos tentou disfarçar e eu sabia que não era isso.

— Já ta tão íntimo que chama até pelo apelido. - revirei os olhos. 

— Ai meus Deus ele ta com ciúmes, nosso bebê está com ciúmes Marcelo. - Ramos faz uma voz manhosa. 

— Não mudem de assunto, o que vocês tem ai. - ameaçei a chegar perto mais Areta apareceu. 

— Acho que você não vai querer ver minhas lingeries. - Areta diz. 

— Assim na sacola não, mais quem sabe em você. - ri ao piscar para ela 

— Ah claro, vou estar vestida com uma deitada na sua cama a sua espera.- ela ri sarcástica revira os olhos e sai andando. 


 Percebi que Marcelo e Ramk não estavam mais no corredor e Areta foi só uma distração. 


Que merda eles estão aprontando?

 












Notas Finais


Mil desculpas pelo Capítulo pequeno

Até o próximo capítulo amores ♥♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...