História Destino, Coreia! - Bangtan Boys (BTS) - Capítulo 264


Escrita por:

Visualizações 642
Palavras 1.232
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu sempre volto né?!
Boa leitura. <3

Capítulo 264 - Fácil de se apaixonar impossível de namorar.


Fanfic / Fanfiction Destino, Coreia! - Bangtan Boys (BTS) - Capítulo 264 - Fácil de se apaixonar impossível de namorar.

Ponto de vista do Jimin.

Desde ontem eu já não sabia, exatamente, como me comportar perto da S/N, ao mesmo tempo que eu queria ficar perto dela, desde que eu me senti atraído por ela eu tinha receio e até vergonha de ficar ao lado dela.

Felizmente ou infelizmente, a S/N não mudou comigo, o lado bom disso era que tornava as coisas mais fáceis e menos constrangedoras, o lado ruim é que isso me mostrava que muito provavelmente, diferente do que foi para mim, para a S/N nada mudou e ela ainda me via apenas como um amigo.

Outra coisa que me deixou levemente travado foi ver o Sehun, ele ainda era a pessoa que estava com a S/N, mesmo que eles não estivessem bem, tanto que se mantinham um pouco distantes, eles ainda não estavam separados, e isso era realmente algo bem incomodo para mim. Afinal desejar a namorada de um colega era algo, que eu julgava, algo muito errado da minha parte.

Tudo isso me deixava confuso, sem falar que quando eu vi a Jisoo na sala, eu senti uma sensação estranha, eu realmente não conseguia ser indiferente a ela, mas já não sabia o que eu sentia por ela, ou pela S/N, no geral, eu estava bastante perdido. Na hora do intervalo a S/N saiu da sala com a Jisoo, e eu e o Kook saímos depois indo para locais diferentes no pátio.

- Ei Kook...

- Oi? – Ele me olha despreocupado.

- Eu queria te perguntar uma coisa, a realidade não queria perguntar, eu queria contar, ou saber, na realidade eu não sei. – Falo de forma confusa.

- Credo, eu não entendi nada. – Ele me olha perdido.

- É que eu queria saber...como era quando você, você era afim da S/N? – Pergunto receoso.

- Como é? – Ele arregala os olhos e me encara.

- É, eu queria saber como foi gostar da S/N e como você deixou de gostar da S/N ou percebeu que não gostava dela.

- Foi ontem né? – Ele me encara desconfiado.

- Foi. – Admito.

- Eu imaginei que isso poderia acontecer, mas achei que você era mais evoluído que isso. – Ele comenta.

- Como assim mais evoluído? – Encara ele sem entender.

- Sei lá, você sempre se mostrou mais inteligente e também já namorou, enfim foi o que eu achei. – Kook dá de ombros.

- O que isso a ver com o que eu perguntei?

- Jimin, sério não importa o quanto foi bom o dia que você passou com a S/N ontem, você não gosta dela assim, e principalmente, ela não gosta de você assim, então relaxa e esquece.

- Como é que você sabe? – Olho para ele inconformado.

- Porque eu sei, confia em mim.

- Não, olha ontem foi diferente, quer ver eu vou te mostrar. – Pego o meu celular no bolso e mostro para ele as fotos que eu tirei com a S/N e também a foto que o fotografo do parque tirou. – Olha como você pode falar que não existe nada de nenhuma das partes?

- Hum. – Ele olha as fotos e depois me devolve o celular. – Quer ver eu vou te provar, ao menos da parte da S/N. – Ele pega o celular dele e vai no insta do S/N. – Ta vendo essas fotos?

- São as fotos da S/N o que que tem?

- Olhe com atenção para a S/N, ela sempre está sorrindo, ela está sempre com esse olhar simpático e até carinhoso. Agora quer ver uma foto da S/N onde ela realmente está diferente? – Ele começa a procurar uma foto até que encontra uma foto mais antiga da S/N junto com o Jin. – Olha aqui, não é novidade para ninguém que a S/N e o Jin têm uma relação bem mais que amizade, eles se amam como irmãos, olha como é diferente.

Pego o celular do Kook e o meu celular, fico olhando com atenção para as duas fotos, realmente a S/N sempre saia bem nas fotos, sempre estava sorrindo, sempre estava bonita, porém, na foto que ela estava com o Jin, o olhar dela era diferente mesmo, parecia algo bem mais intenso e até sincero. Ao ver isso não escondi meu desapontamento, o Kook estava certo ao menos no que se referia a S/N, ela não gostava de mim dessa forma.

- É. – Devolvo o celular para ele desanimado.

- Cara, se te serve de consolo, nem você gosta dela dessa forma. – Kook pega o celular e fala tranquilamente.

- Como é que você pode ter certeza disso?

- Eu conheço você a anos, eu sei o que você gosta em uma garota, e a S/N não é assim, na realidade eu acho que a S/N não é uma garota fácil de namorar. – Kook fala pensativo.

- O que você quer dizer? – Encaro ele confuso.

- Pensa comigo. – Kook me encara. – Você sempre gostou de garotas meigas, gentis, fofas no geral, certo? – Confirmo com a cabeça. – A S/N pode até ser assim as vezes, mas você não acha que a S/N é muito mais ácida do que fofa?

- É... – Falo pensativo.

- A S/N é a versão feminina do Jin, desde quando o Jin é fofo?! Até eu sou mais fofo que o Jin. – Kook revira os olhos.

- Isso é, mas mesmo que a S/N não seja fofa, ela tem muitas outras qualidades. – Argumento.

- Claro que tem, e é por isso que você acha que gosta dela, mas na realidade não gosta. A S/N é uma garota incrível, e ter ela ao seu lado é tentador, mas não sei explicar, mas digamos que a S/N não seja o tipo de garota que vai te presentear com doces caseiros no dia dos namorados.

- É, realmente.

- A S/N demonstra um carinho de formas diferentes o que não é errado, mas sinceramente, eu não acho que seja o que você gosta. Na realidade... eu acho que você ainda gosta da Jisoo, mas está querendo deixar de gostar dela e viu na S/N uma pessoa fácil de se apaixonar, mas impossível de namorar.

- Quando foi que você ficou inteligente assim? – Encaro o Kook surpreso.

- Vai se ferrar. – Kook resmunga.

- Ei o que eu perdi? – Jin chega acompanhado da Jennie.

- Nada, o Kook teve um momento de esclarecimento profundo. – Explico tentando disfarçar o assunto.

- Essa eu realmente queria ver. – Jin tira sarro. – Amor pode chamar a S/N?

- Uhum, eu já volto. – Jennie sorri e se afasta indo até onde a S/N estava com os outros.

- O que foi? – Kook pergunta.

- Tive uma ideia para o lance de quarta-feira e quero falar com vocês, não podemos perder o foco. – Jin explica.

No meio de toda essa mistura de sentimentos e emoções que eu estava envolvido eu tinha deixado em segundo plano essa situação que o Jin comentou. Porém o Jin estava certo, não podíamos perder o foco, isso era sério, se descobrissem o que a gente tinha feito, todos nós iriamos ter problemas bem sérios.

Outra coisa, o Kook estava certo, a S/N era mesmo uma garota linda e até impressionante, mas ela não era o tipo de garota que eu gostava, e muito provavelmente eu também não era o tipo de garoto que a S/N se interessava, a realidade era que a verdade doía, e a verdade era que eu ainda sentia alguma coisa pela Jisoo.


Notas Finais


O Jimin finalmente pediu conselhos ao melhor amigo, mas esse foi bem mais direto do que ele imaginava.
Kook mostrou convicto de que os sentimentos vividos pelo Jimin no Lotte World não foram reais.
Ele até apresentou provas, e ainda mandou a real para o amigo, dizendo que acha que o mesmo ainda gosta da Jisoo.
E parece que ele acertou.
E agora, como ficam esses adolescentes tão confusos?

É isso gente, amanhã tem mais.
Amo vocês.
<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...