História Destiny - Bughead - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Riverdale
Personagens Alice Cooper, Antoinette "Toni" Topaz, Archibald "Archie" Andrews, Cheryl Blossom, Elizabeth "Betty" Cooper, Forsythe Pendleton "FP" Jones II, Forsythe Pendleton "Jughead" Jones III, Frederick "Fred" Andrews, Kevin Keller, Polly Cooper, Veronica "Ronnie" Lodge
Tags Bughead, Drama, Riverdale
Visualizações 131
Palavras 943
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


oi..
To amando os comentários de vocês que bom que estão gostando <3

Capítulo 12 - Capitulo 11


Fanfic / Fanfiction Destiny - Bughead - Capítulo 12 - Capitulo 11

Jughead Jones

-Eu não estou transando com ela , e nem quero -- Era mentira eu queria muito transar  com a Betty , mas não podia ..Eu sei que pra ela somos só amigos e nunca passaremos disso . Alem disso não a vejo como m objeto sexual , ela é uma garota muito especial e nunca poderia tratá-la como tava as outras meninas .

-Sé você não quer transar com ela eu quero e você não imagina o tão bom vai ser ver ela nua em minha cama , minhas mãos acariciando cada parte de seu corpo -

Aquela imagem na minha cabeça me trazia ódio .Não pensei duas vezes e parti para cima do mesmo .Eu poderia o matar ali mesmo .Escutava as pessoas gritando  para que parasse  .Mas não conseguia , estava tomado pelo ódio e cada vez ue fechava os olhos e imaginava Betty nua na cama daquele cafajeste meus socos saiam mas descontrolados .Só parei de socar sua cara ensanguentada quando ouvi o sino da porta tocar e Betty sair correndo dela .

-Betty - Gritei diversas vezes em direção a porta mas não me correspondeu .Quando estava prestes a me levantar e correr atras da mesma , senti um soco em minha cara o que me faz cair pra traz .

-Chuck não -Cheryl gritou de um canto e Chuck foi arrastado para um banco -Você está bem ? 

-Não -Me levantei rapidamente dispensando sua mão que estava esticada disposta a me ajudar .Escutei sua bufada quando sai correndo pela porta atras de Betty .

Olhei em direção a todos os lados , achei que ela teria corrido para casa ou outo lugar qualquer , mas não , ela estava lá sentada na calçada enfrente ao Pop´s , jogando algumas pedrinhas em direção a rua .Me aproximei lentamente me sentando ao seu lado .Nos dois ficamos sentados ali , olhando para frente em um completo silencio .

-Porque vocês tratam as meninas dessa maneira ?-Sua voz saiu falha por causo do choro .Não tirou os olhos das pedras que agora usava para desenhar círculos no chão .

-De que maneira ?-Perguntei confuso e ela riu 

-Tratam elas como objetos ...Objetos para obter prazer e depois larga-las por ai sem se importar com o que sentem -Respirei fundo 

-Não trato as meninas assim ... não mais -Fiquei em silencio esperando que falasse algo o que não aconteceu , então completei -Chuck trata as meninas assim 

-e vocês aplaudem como se fosse uma vitoria ?--Riu sarcástica 

-Bee , a algumas semanas atras eu não me importaria com isso .Eu transava com as meninas porque queria me livrar de toda essa merda que esta acontecendo com a minha vida .

-Acho que sua mãe não ficaria feliz em saber que você esta machucando os sentimentos de outras pessoas para melhorar o seu -Olhei para ela com raiva , odeio quando falam da minha mãe .

-Não mete minha mãe nessa historia Betty -Minha voz saiu mais rígida que gostaria 

-Desculpa ...Eu não deveria ..

-Tudo bem você esta certa .Como você diz eu sou um babaca 

-Cheryl gosta de você - Ela disse com um tom indefinido 

-Eu sei ... Mas eu não gosto dela 

-Voces já transaram ?- Perguntou quase em um sussurro 

-Já - Afirmei decepcionado 

-A 

Elizabeth Cooper

O silencio tomou conta do local mais uma vez .Eu estava decepcionada e nem sequer sabia qual exatamente era o motivo .

-Sabe.. O que me deixa mais decepcionada é que você ''me liberou '' para se o objeto do Chuck - Respirei fundo e senti seu olhar sobre mim .Ainda não havia olhado completamente para ele 

-Isso foi antes Bee ... Antes de conhecer você -Tocou meu ombro com sua mão - Mas você sabe que se eu não ''liberasse'' ele estaria dando em cima de você do mesmo jeito não é ? Ele é um babaca

-E porque você não pode ficar com as ''presas '' -Só de falar essa palavra me dava arrepios - Mas ele pode ficar com as suas ?-Ele deu de ombros 

-Depois da surra que levou hoje não mexera com você por um bom tempo - Ri 

-Obrigada ... mesmo você merecendo uma surra também - ri dando uma cotovelada em seu braço 

-Eu já levei um soco por você hoje -Me virei rapidamente apavorado observando seu rosto , sua boca sangrava - Eu acho que esta bom por hoje não é ?

-Ai meu Deus - Coloquei a mão em seu queixo olhando o local onde sangrava -Sinto muito 

-Tudo bem -Disse quase em um sopro .

Pude sentir sua respiração ofegando em meu rosto já que os mesmo estavam quase grudados .Nossos olhos estavam fixados um nos outros .Ele colocou a mão em meu rosto , a qual cobria minha bochecha e um pouco do meu pescoço .Acariciou o locou e se aproximou , fechei meus olhos me preparando para o que iria acontecer .Em menos de segundos nossos lábios se tocaram .Seus lábios eram macios e quentes , tinha gosto de menta mas ainda podia sentir um pouco de gosto de sangue .Abri a boca dando passagem para sua linguá e deixei que toma-se controle de tudo .Sua mão acariciava meu rosto enquanto a outra estava levemente encantado em minha cintura .Uma de minhas mão ainda estavam em seu rosto , enquanto a outra acariciava seus cabelos .

O beijo foi melhor do que imaginei que seria .Jug estava com um sorriso no rosto quando se afastamos e eu que o diga esta com um maior .Deitem em seu ombro e continuamos ali na rua por um tempo .



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...