1. Spirit Fanfics >
  2. Destiny 1 Luz e Trevas >
  3. O Inicio (Prólogo).

História Destiny 1 Luz e Trevas - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 1 - O Inicio (Prólogo).


Fanfic / Fanfiction Destiny 1 Luz e Trevas - Capítulo 1 - O Inicio (Prólogo).

(Narrador: Porta-Voz)

O chamamos de o Viajante. A sua chegada nos mudou para sempre. Grandes cidades foram construídas em Marte e Vênus. 

Mercúrio tornou-se um planeta verde. A expectativa de vida foi triplicada. Foi uma era de milagres. 

Olhamos para a galáxia e soubemos que o nosso destino era andar sob a Luz de outras estrelas. Mas o Viajando tinha um inimigo: 

A Treva, que o caçara por milhares de anos, atravessando os golfos negros do espaço. Séculos após o começo da nossa Era dourada, essa Treva nos encontrou. 

...e esse foi o fim de tudo. Porém, também foi um começo. 

(Narrador:Black)

(Torre)

Eu estava sentado na beirada do "abismo" do Pátio, até que.. Alguém me empurra para fora da torre, me matando no processo. 

????- Hahahahaha olha o cara mano.. Caiu e nem gritou, ja perdeu o medo. 

Meu fantasma me revive.

Black- De novo.. (Soco a cara do sujeito). 

????- Hey! Era só uma brincadeira..

Black- De mal gosto, igual as outras 7 vezes? Há! Ta bom. Só tu mesmo Arthur.

Arthur- Bom! Eu falei com a Vanguarda eh.. Temos uma nova missão.

Black- Diga

Arthur- Depois de tanto tempo, temos uma missão que não seja.. "Patrulha aquele local, Destrua aquela caverna de Decaídos, Mate os Capitães decaídos". 

Black- Sério!? Finalmente! E qual é a missão? Matar um Deus Maquina? 

Arthur- O que é um Deus maquina? 

Black- Porrammm! A gente renasceu a pouco tempo.. Mais já era pra saber o básico né? Somos arcanos! Conhecimento é o nosso poder!... É um Mechanoide Gigante. 

Arthur- Ahhh entendi.. Bom nossa missão é Escoltar aquele fantasma ali (aponta para um fantasma conversando com o Criptoarque).. Até o seu guardião. 

Black- Missão de escolte/Resgate? Vai ser legal.. Eu espero. 

Arthur- O fantasma disse que acha que seu Guardião está morto antes das muralhas do cosmódromo. 

Black- Ahh, aquela área é cheia de Decaídos.. Pega suas melhores armas e vamos.

Arthur- Beleza! 

Chamamos o Fantasma e fomos com uma nave até perto da saída do cosmódromo e dali fomos para fora das muralhas.

(Antiga Rússia Terra).

O Fantasma foi voando entre os carros destruídos.. Escaneando os mortos até achar seu Guardião. 

Black- Tem mais corpos por aqui Fantasma. 

Fantasma- Onde?! Espera.. Onde?

Ele escaneou os corpos 

Fantasma- Não.. Claro que não.

Arthur- Pra lá deve ter mais..

Fantasma- Sim..

Black- Desanima não, você vai achar seu guardião.

Algo estava nos observando de longe, era Decaídos óbvio. 

(De longe)

Capitão Decaido- (Lingua Decaída). Vão! Amassem eles! (Rugido!)

(Personagens).

O Fantasma sobe uma pequena elevação e escaneia mais um corpo.. E era ele! 

Fantasma- Será possível? Ai está você! 

O Fantasma ressuscita seu Guardião, que na verdade era uma Guardiã. 

Ela se levanta aos poucos com os olhos fechados (eu suponho pois ela estava de capacete). Sua armadura estava toda ferrada.

Arthur- Você ta bem? 

Black- Idiota e claro que a senhorita esta bem.. (Olho para a guardiã). Você se acostuma. 

Fantasma- Guardiã... Guardiã. Olha para cima, Guardiã! 

Ela começa a levantar a cabeça e veja a pequena maquina que girava em torno de si mesmo. 

Fantasma- Funcionou... Você tá viva! 

Deixamos os dois conversarem, pois nossa missão era ajudar o Fantasma a achar seu Guardião, E agora a parte mais difícil leva-la até a Torre/Ultima Cidade.

Fantasma- Você não sabe por quanto tempo te procurei. 

????- O que é você? 

Fantasma- Sou um Fantasma. Na verdade, agora eu sou o seu Fantasma. E você... Bem, você esteve morta por muito tempo, então vai ver muitas coisas que não vai entender. 

????- Quem eu sou? 

Dava pra ver que a guardiã estava se acostumando novamente a falar,Ficar em pé, Mexer seu corpo sem cair.

Fantasma- Seu nome é Júlia! E você foi escolhida para lutar ao lado do Viajante. 

Júlia- Viajante?... 

Quando o Fantasma ia explicar o que era o Viajante.. Mais um Rugido ecoa pelo local.

Black- Se prepara Arthur..

Arthur- Nem precisa falar.

Preparamos nossas armas e ficamos atentos a qualquer movimento inimigo.

Fantasma- (se vira novamente para sua Guardiã). Não estamos a salvo aqui. Eles vão nos despedaçar. (Se afasta). Tenho que te levar a cidade. 

Black- Eh.. Nós temos que levar vocês pra cidade. 

Arthur- Vamos adentrar a muralha! Vamos! (Fala indo na frente). 

Fantasma- Não se mexa! (Fala indo para cima de sua guardiã e sumindo). Calma, ainda estou com você. Temos que ir, rápido!

Ela foi logo atrás de Arthur e eu fiquei cobrindo nossas costas. 

Fantasma- Este território é dos Decaídos. Não vamos durar expostos assim. Vamos para trás da muralha.

Black- Temos que arrumar uma arma para Você.. Júlia. 

Júlia- S-sim.. E vocês são? 

Arthur- Sou Arthur! Somos os caras que matam Decaídos até dizer chega, não por que queremos.. Se fosse por nós já estaríamos levando a humanidade além do Sistema solar.. Mais fazer oque né? Ordens são Ordens. 

Black- Sou Black.. Parceiro de esquadrão do Arthur. 

Fantasma- Gente.. Eu não trouxe ela de volta para que morra novamente. Temos que ir andando. Conversar fica pra depois lá na Torre.

Arthur- Relaxa Robozinho. Toma cuidado pra não queimar um fusível. 

Fantasma- ....

Entramos na muralha, estávamos refazendo o caminho que fizemos antes mas.. Dessa vez com inimigos no caminho.

Black- Mais pra frente.. Devemos achar uma arma pra você Júlia. 

Júlia- Arma? Mais eu não sei usar isso.

Fantasma- Claro que sabe, você é uma Caçadora! Siga seus instintos e nos sairemos bem. 

Júlia- O-Ok..

Continuamos a subir mais escadas e ouvimos barulhos vindo da tubulação. 

Fantasma- Silêncio. Eles estão logo acima. 

Os Decaídos haviam cortado a Luz de dentro da muralha.. Mais o Fantasma resolveu liga-la novamente, Já que precisávamos de energia para o portão.

Fantasma- Ótimo... Aguente firme. Os Decaídos crescem na escuridão. Nós não. Vamos precisar de mais luz. Vou ver o que posso fazer.

O Fantasma saía de perto de Júlia e voava para os cabos, seguindo eles para achar o painel de controle.

Black- Hey! (Sussurro para Arthur). Toma cuidado em cima. (Aponto para pontinhos azuis bem em cima de nós).

Arthur- Decaídos.. Nem parece que são eles.

Fantasma- Vou encontrar uns gravetos pra esfregar... Mais um desses sistemas militares durões... E alguns Séculos de Entropia contra mim.

Quando o Fantasma liga novamente a energia, todos os Decaídos ficam putos e correm atrás da gente.

Fantasma- Estão vindo atrás de nós! 

O Fantasma voava para perto do portão que já havia aberto.

Arthur- Haa não brinca! 

Corremos para o portão que por segundos após de nós atravessarmos ele fechou novamente. 

Black- Bom.. pelo menos eles não vem atrás de nós. 

Arthur- É.. Mais ainda podem vir pela frente. 

Na nossa frente, escorado em uma caixa tinha um Fuzil. 

Fantasma- Aqui! Achei um Fuzil! Pega. Espero que saiba usar isso.

Júlia- Hum?.. Parece..... Mais fácil do que parece. 

Black- Ufa! Achei que ia dizer que parecia complicado. Eh seus instintos de caçadora selvagem estão despertando. 

Júlia- Selvagem? (Perguntava enquanto recarregava a sua arma).

Arthur- Hey! Liga pra ele não.. E que os Titans e os arcanos e também os caçadores meio que tem um.. Rivalismo entre si sabe?

Júlia- Entendo. 

Seguimos o caminho e nos nossos radares que apareciam nos nossos capacetes, estavam brilhando vermelho próximo de nós ou seja... Decaídos! 

Fantasma- Fique de olho no radar.

Júlia- Certo.

Dois Decaídos aparecem na nossa frente, Júlia mata os dois rapidamente com seu Fuzil.

Arthur- Wow! 

Arthur estava impressionado e eu decepcionado. 

Black- (Passo na frente de Júlia). Primeira regra do grupo.. Nunca... Nunca! Nunca! Nunquinha mesmo, seja mão de vaca. 

Júlia- O que quer dizer?

Arthur- Hey.. Ela é uma dama.

Júlia- (Risos).

Black- E daí!? Isso morreu a séculos atrás Arthur. Somos maquinas de matar ou seja.. Deixe inimigos para nós também.

Arthur- Há! Fala o cara que mata todos os inimigos. 

Black- E que as regras não se aplicam a mim entendeu? 

Júlia observava enquanto discutiamos e seu Fantasma também.

Fantasma- Deve ser por isso que o comandante Zavala nunca escolhe eles para missões mais importantes. 

Depois disso seguimos pela muralha e matamos mais Decaídos.. Júlia havia matado o seu primeiro Decaído no corpo a corpo e ela gostou. Óbvio! Quem não gostaria de esfaquear Aliens malvados? 

Atravessamos uma ponte de metal e vimos uma arca fechada. 

Fantasma- Tem mais adiante, mas temos que passar. Continuem assim! 

Fantasma- Uma arca. Vamos ver o que tem dentro.

Black- Arcaaaaaa! É meu! É meu! 

Arthur me joga da ponte me matando novamente.

Arthur- Idiota! Essa arca é de Júlia. 

Black- Porrammmmmm! Tem que parar de me matar assim! E por que é dela? Cadê o nome dela!? Hein!

Arthur- Só cala a boca! Júlia abra a arca e pegue tudo que tiver dentro.

Black- Hummmmmm! 

Júlia- Tudo bem..

Júlia abre a arca e pega uma Pregadora Mk. 20. Uma escopeta velha.. Mais que pra ela seria bem útil no inicio.

Arthur- Use com sabedoria.. Lady Júlia. 

Júlia- (Risos).. Tudo bem então.

Quando viramos a esquina da área, ja quase explodimos nas malditas armadilhas de Decaídos. 

Fantasma- Minas! Não toque nelas. 

Black- Hum? (Ideia brilhante).

Corri tocando em todos os lasers possíveis explodindos todos. 

Arthur- Você é maluco? Podia ter..

Black- Morrido? É eu sei. 

Júlia- Ah obrigada.. Pelo menos não preciso me agachar para passar dos laser.

Black- Humpf! De nada.

Arthur- (Pensamentos: Maldito! Ganhou um obrigado da Lady Júlia por explodir minas? Vou fazer melhor). 

Apareceram mais Decaídos e até um capitão.. Os capitães usam Armas pesadas ou Espadas nos seus quatro braços. Matamos eles e Júlia já estreou a sua escopeta.

Arthur- Aquele capitão foi fichinha pra mim..

Black- Ue? Mais você nem matou ele, foi a Júlia que matou ele lembra? Hahahaha

Arthur- Ahhh hahaha (nervoso). Claro que lembro só tava brincando. 

Júlia- Vocês são engraçados hehe.. 

Arthur estava saltitando para vários lados por ter recebido esse "elogio" de Júlia. 

Júlia- O Arthur está com algum problema? 

Black- Ah? Não.. Físico não, agora na cabeça provavelmente. 

Fantasma- Os Decaídos tem mais controle sobre este lugar do que eu pensava. Só um pouco mais adiante. Vamos torcer pra que tenha sobrado algo por lá... 

Seguimos uma espécie de túnel e chegamos no cosmódromo. 

Júlia- Uau.. É tão lindo.

Arthur- Né? É por isso que eu amo a natureza. 

Black- Sério? Não sei por que vocês gostam de cenários destruídos.. Tipo eles estão destruídos! Então são feios pra caralho, assim sem ofender.

Fantasma- Este era um velho cosmódromo. Ele mandava naves para cada planeta e lua. Vai ter alguma coisa que possamos pilotar para sair daqui. 

Um sinalizador se lançou aos céus e uma super nave Decaída estava chegando!.. Um Ketch.

Fantasma- Ah, não. Algo está vindo aí!

Júlia- O que é aquilo!?

Arthur- Nossa! Um Ketch! 

Fantasma- Naves Decaídas! Tão perto da superfície?! 

Black- É melhor irmos andando ou vamos ficar cercados por esses merdinhas imprestáveis. 

Fantasma- Precisamos passar por eles! 

Júlia- Ok! 

Fomos por um caminho que levava até uma antiga garagem, talvez tivesse alguma nave sobrando por lá.. Claro matamos Decaídos no caminho e vários, conhecemos.. Quer dizer a Júlia conheceu as Sentinelas que são Torretas voadora chatas pra burro, mais bem Easy de matar.

Atravessamos a parte mais agitada do cosmódromo, e fomos pelo caminho da garagem. 

Fantasma- Estou detectando sinais de uma velha nave de salto. Pode ser a nossa saída daqui. 

Black- Assim espero.

Arthur- Nem parece você, você que curti matar uns bichos.

Black- Eh.. Mais meio que estamos escoltando alguém... Assim não da pra abrir mão do trabalho pelo prazer. 

Arthur- Pois é né? (Pensamentos obscuros: Até da vai hahaha). (Pensava enquanto olhava para a guardiã que estava mais preocupada com sua segurança do que com qualquer outra coisa). 

E depois de um tempo andando, achamos uma nave! Ela seria de Júlia que não tinha ainda sua nave.. Bom aquela tava caindo aos pedaços mais já dava pro gasto pra ir embora.

Fantasma- Tem uma nave! Vai precisar dar um jeito neles! 

Matamos o Capitão que estava guardando a nave, o mesmo que estava nos observando.. E seus aliados. 

Arthur- Foi! Missão bem sucedida! 

Black- Eu não cantaria vitória ainda..

Júlia deixa seu Fantasma ir para próximo da Nave de salto.

Fantasma- Tudo bem. Deixa eu ver se consigo nos tirar daqui.

Black- Bom!.. Essa é a nossa deixa Arthur. 

Arthur- O que!? 

Black- Só cala a boca e vem! Temos que voltar pras nossas naves lembra? Vamos nos encontrar no Pátio novamente, tudo bem Júlia?

Júlia- Ah.. Tudo bem. Até logo, eu acho. 

Arthur- Foi bom trabalhar com Você Lady Júlia! Adeus! 

Voltamos correndo para nossas naves e vazamos do Cosmódromo. 

Fantasma- Já esta aqui faz um tempo. Ela não faz um salto há séculos. Temos sorte dos Decaídos não a terem destruído (fala enquanto Escaneia a nave). 

Júlia- Será que voa?

Fantasma- (Para de Escanear). Eu posso fazer funcionar. (Entra na nave novamente sumindo).

Júlia- Hum.. (Olha em volta). 

Fantasma- Ok. Não vai sair de órbita, mas pode ser que nos leve à Cidade.

Enquanto ele ligava a nave, Decaídos saiam de dentro dos tubos e um.. Arconte!?

Fantasma- Agora, quanto ao transmaterializador... Trazendo você a bordo!

Os inimigos ficaram e tentaram atirar em nós, mais conseguimos fugir a tempo.

Fantasma- Podemos voltar pra enfrentá-los depois. Agora, vamos pra casa. 

(Torre).

Júlia- O que é aquilo no meio? 

Fantasma- Aquele é o Viajante! Aquele que me criou para trazer você de volta. Bom.. Bem-vinda à Última Cidade segura da Terra, o único lugar que o Viajante ainda consegue proteger. Levou séculos pra ser construída. Agora, contamos cada dia que aguenta. (Se vira para os guardiões do pátio). E essa torre, é onde vivem os guardiões. 

Júlia- Entendi.. Espero que todos aqui me recebam bem... (Fica nervosa enquanto olha para vários guardiões no pátio). 

Fantasma- Bom nem todos são como Arthur e Black.. Mais com devido tempo você e eles irão se acostumar. 

Júlia- Bom assim espero. 

Fim do capitulo. 









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...