1. Spirit Fanfics >
  2. Destruição >
  3. Capítulo único

História Destruição - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Capítulo único


Então  veio a chuva.

Ela já não se importava com as gotas batendo violentamente contra seu corpo, nem com o frio arrebatador que  congelava seus ossos e impossibilitava o movimento. Não tinha para onde ir, de qualquer forma. Somente tinha a contemplar a destruição ao seu redor.

Já havia passado por tempestades antes, mas nunca uma tão avassaladora e destrutiva como essa. Sua mente já não era mais a mesma, bem como seu coração. Sentimentos e pensamentos corriamrapidos como flechas, e eram tão legais quanto uma. Não se incomodava mais com a dor latejante dos pensamentos, ou com o dessespero constante. A parte que se importava fora despedaçada, e jamais voltaria a ser a mesma.

Ora, mas como foi tola! Mergulhou de cabeça sem perceber que a escuridão apenas iria consumi-la. Sem se dar conta de que aquilo que mais amava seria sua perdição. Mas, apesar de saber que aprendera com a experiência, ainda sentia falta da ignorância.

Sentia falta da alegria genuína, aquela que fazia o coração querer sair do peito e o corpo se agitar em resposta. Sentia falta do amor, que podia iluminar até mesmo o mais sombrio dos dias; o mesmo amor que contagiava tudo e todos ao redor com leveza e ingenuidade. Sentia falta do amor sem fronteiras, sem medidas e sem medo. Sentia falta da vida em sua vida.

Olhou atentamente para aquele furacão de destroços. Era a obra de toda a sua vida reduzida a escombros. 

Cada torre que levara anos para construir, supostamente indestrutíveis, reduzidas a nada em apenas segundos. 

Cada momento que levara para construir algo firme não valeu de nada; cada peso que carregou, cada lágrima, cada dor, não valeram de nada. Não adiantou tentar construir um castelo para aqueles que amava, se os mesmos o destruíram por conta própria. 

Não adiantava construir uma acomodação para aqueles que amava se nenhum deles estava disposto a construir uma para ela também. Não haveria reciprocidade, nunca haveria.

Com esse pensamento, ela se levantou. Encarou a tempestade que lentamente se afastava e decidiu: ela jamais mergulharia novamente, jamais daria tudo novamente.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...