História PERSEGUINDO O AMOR! - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Amor, Ódio, Tristeza
Visualizações 6
Palavras 1.404
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Agora a história começa de verdade.....

Capítulo 3 - Um recomeço? Talvez.......


Fanfic / Fanfiction PERSEGUINDO O AMOR! - Capítulo 3 - Um recomeço? Talvez.......

Para Rachel sair de casa foi meio que um "alívio", agora ela poderia "viver" novamente, ou pelo menos era dessa forma que ela pensava. Sua primeira noite ali foi um tanto desconfortável,pois era sua primeira vez dormindo em um apartamento sozinha, e o pior, em local da cidade no qual não havia muitos moradores. 

No dia seguinte Rachel levantou-se cedo, arrumou coisas básica que estavam desorganizada, fez um café divino e ovos com bacon, em seguida preparou um sanduíche para seu lanche na escola.... Ela desceu e quando ia atravessar a rua para ir até seu carro que lá estava estacionado, ela esbara em um rapaz! Que por mera coincidência era o mesmo que havia ajudado-a a conserta seu armário. 

- Woow, devagar aí moça, quer morrer atravessando desse jeito? 

- Infelizmente eu não terei essa sorte, por mais que eu quisesse! Derrepente ele a observou por alguns segundos e....... 

- Garota ruiva? Sim! É você mesma, a garota que eu consertei o armário e não disse um "obrigada". 

- É, eu não me lembro de você mas... Ham de qualquer forma, obrigada por conserta meu armário, satisfeito? 

- Não, você está sendo fria e calculista, então não vale de nada seu "obrigada", há e outra coisa garota ruiva não deixe as chaves do seu carro penduradas dessa forma, algum espertinho pode acabar as levando!  E dessa vez ele deu as costas a ela e foi embora. 

É, Rachel tava até sem reação, ela entrou em seu carro e pensou na cena que acabará   de acontecer e de  acordo com ela era absurda! Ela balançou a cabeça para se recompor e esquecer tudo aquilo...... Em todo o trajeto até a escola ela não parava de pensar no que havia acontecido, ela só esqueceu quando o professor temporário chegou para se apresentar, ela estava em uma carteira longe e isolada(obviamente), e com a cabeça em cima do caderno com os olhos fechados. 

- Turma, serei seu professor temporário de linguagens meu nome é Victor Froz, a professora Telma teve problemas de saúde mas semana que vem ela estará de volta! Rachel achou aquela voz comum, e resolveu levantar a cabeça, e aí que vem a surpresa! O mesmo cara havia a ajudado com seu armário, e esbarrado nela era seu professor temporário...... Sim, Rachel estava em shok. Faltando 5 minutos para encerrar a aula, todos começam a arrumar seus materiais e no horário marcado todos se retiram, e quando Rachel vai saindo ele a puxa pelo braço... 

- Hey, o que vc pensa que está fazendo? 

- Quero só lhe entregar uma coisa garota ruiva; 

- Eu não quero nada de você, agora me solte! E puxou seu braço, e segui, mas antes que ela passa-se pela porta ele grita: 

- Nem o segredo do seu armário? Ela imediatamente fica imóvel na porta.... 

- Você andou mexendo nas minhas coisas? Você é louco? Isso é crime saiba? Ainda pra um professor! 

- Hey, que revolta é essa garota ruiva? Fui eu quem consertou seu armário lembra? Então, quando se perde o segredo de um armário se põe um novo, como aquele dia você pegou seus livros e foi embora, eu não pude te dizer o segredo novo, e hoje cedo você acordou mau humorada então não pode lhe dar novamente. Ele esticou a mão a ela, e deu-lhe um papel que seria os números do seu segredo novo! 

- Obrigada! 

- Oi? Eu ouvi mesmo isso? Você me agradeceu? Olha ganhei meu dia agora! 

- affe, cala a boca, professor idiota! 

- Você é linda garota ruiva, se você começar a solta o cabelo, usar roupas femininas, você ficará ainda mais! 

-  Aham!                                                            Mas pelo que eu saiba, você é professor de linguagens e não de moda, certo?

- Certo! Ele deu um sorriso tão malicioso, que talvez tenha chamado a atenção de Rachel, mas ela preferiu ignorar a existência de um professor gato, e com dicas de moda! 

Enfim termina todas as aulas, Rachel tem que ir direto para o trabalho, pois haviam acontecido emprevistos com seu pagamento no dia anterior. Ao chegar lá ela se depara com uma situação nada agradável! 

- Oque tá acontecendo? Só pode ser brincadeira! 

- Não Rachel, a família de Simon comprou a lanchonete e demitiram você, eu sinto muito! 

- Não você literalmente não sente! Ela saiu dali completamente indignado com aquela situação, entra no seu carro põe as mãos no volante e pensa de qual forma vai sobreviver, como vai fazer para pagar o restante das parcelas do prédio, então ela começa a bater sua cabeça no volante, pois não sabia oque iria fazer, e ela não queria pedir dinheiro ou muito menos volta para a casa de seus pais. Então ela foi em um cyber e imprimiu várias cópias de um currículo, e passou o restante do seu dia entregando currículos e no final do dia já estava na sua casa, cansada, e com trabalhos escolares acumulados. Ela não comeu, apenas tomou uma ducha e pôs um blusão é uma calcinha, jogo-se no sofá e começou a assitir uma série, e pegou no sono no sofá mesmo. 

No dia seguinte ela acordou completamente atrasada, então ela só tomou banho e vestiu uma roupa qualquer (pior que as que ela usa continuamente), não penteou o cabelo, e nem tomou café, pegou as chaves do seu carro e foi para escola! Chegou super atrasada, e não conseguiu entra na sala no primeiro horário, e ainda era a matéria na qual ela tinha muita dificuldade. Quando finalizou a primeira aula que ela pode entrar, ela guardou suas coisas, e sentou... Assistiu toda aula e na hora do almoço ela foi direto para o refeitório, e dessa vez ela iria compra comida já que ela não havia preparado nada! Pós seus almoço, e na hora de pagar ela teve uma surpresa e tanto, ela também havia esquecido o dinheiro do lanche. 

- Que? Como assim? Onde? Meu deus! 

- Deixa que eu pago! Pode passar o dela senhora! 

- Não, eu vou achar! Fico com fome mas você não pagará nada para eu! 

- Não banque a durona, com certeza aconteceu algo com você ontem! 

- Como sabe? 

- Você ta pior que os outros dias..... 

- Affe! O meu deus!  Depois te tanta insistência da parte de Froz, ela por fim aceitou que ele pagasse seu almoço... Então ela segui para sentar, e ele foi atrás dela! 

- Porque você está vindo atrás de mim?

- Quero conversar, não gosto de ficar na sala dos professores e você é uma garota na qual eu me dei bem. Acho. E ela revirou os olhos para ele, ganhando um sorriso largo por isso. 

- Me diz professor Froz... O que você realmente quer comigo? 

- Era eu quem deveria te fazer essa pergunta garota ruiva 

- Ham? Mas que não quero nada com você, na verdade eu até quero! 

- Você quer?

- Sim, quero que você se afaste, pare de me seguir! 

- Eu não te sigo, eu apenas cuido de você... 

- E porquê? 

- Com o tempo você saberá! 

- Ham? Oque? Você complica cada vez mais! 

- Coma, e depois continuamos. Minutos depois eles terminaram, e ele foi até sua bolsa e de lá tirou uma carta, e a entregou na mão de Rachel! 

- O que é isso?  

- Veja você mesma.....  Rachel não acreditou quando leu o que estava escrito na carta! 

 - Como conseguiu isso? Como sabe que eu tava sem emprego? 

- Já disse que cuido de você! Apresentações serão amanhã às nove, vá e leve isto! Ela não o questionou mas também não estava entendendo o porque de tudo aquilo, o porque de Froz está fazendo tudo aquilo por ela. 




" Froz foi contratado para vigiar Rachel, Simon havia o contratado para saber tudo oque acontecia com ela, com quem estava! Logo que Simon assumiu as empresas de seu pai ele se tornou uma pessoa asquerosa, na qual ninguém queria por perto. Foi então que ele lembrou da pequena Rachel que ele havia feito muito mal há alguns anos, ele realmente achava que ela ainda sentia algo por ele, então começou a persegui-la sem ela saber e contratou Froz para isso". 

- Simon isso já tá indo longe de mais! O que estamos fazendo é crime e você sabe disso! 

- Eu não ligo, ela já foi minha uma vez e será de novo. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...