1. Spirit Fanfics >
  2. Destruidor de Mundos >
  3. O Novo Ataque ao Submundo

História Destruidor de Mundos - Capítulo 18


Escrita por: ReiGilgamesh

Notas do Autor


E ai pessoal, mais um capitulo.

Desculpe pela demora para postar, mas eu estou bastante ocupado ultimamente, mas agora consegui escrever outro capitulo.

E esse capitulo vai ser dividido em duas partes pois ele estava ficando muito grande, a segunda parte eu vou postar quando chegar a 40 comentarios. Acho que da hein.

E a proxima historia que eu vou escrever vai ser a "Hakuryuukou Mais Forte".

E eu me baseei em algumas outras historias para fazer esse capitulo e alguns personagens.

Agora fiquem com o capitulo, e comentem suas opiniões.

Capítulo 18 - O Novo Ataque ao Submundo


Fanfic / Fanfiction Destruidor de Mundos - Capítulo 18 - O Novo Ataque ao Submundo

Algum Tempo Depois.

Já fazia algum tempo desde que o ataque de Ren e de suas servas a Reunião das Três Facções, e após  batalha e de Ren usar seu [Kotoamatsukami] em Azazel, Gabriel e Serafall ele e suas servas decidiram retornar para a casa de Ren pois o mesmo queria mostrar algo a suas companheiras.

Mais uma coisa que Ren tinha decidido fazer foi organizar as habilidades e itens que ele tinha adquirido ao usar o [Rei da Gula Beelzebuth] em sua última batalha.

na verdade Ren tinha descoberto que essa sua Ultimate Skill tinha algumas sub-habilidades.

Uma delas era chamada de [Cadeia Alimentar],ela é uma habilidade que permite a Ren compartilhar suas habilidades e emprestar habilidades a pessoas que são seus subordinados.

No caso, Ren poderia conceder algumas habilidades como a [Fire Devil Slayer Magic] a suas servas, além de pegar algumas habilidades dela, seja habilidades ou até mesmo Fantasmas Nobres.

Aproveitando isso Ren tinha pego algumas habilidades de suas servas, de Joan ele tinha pego a habilidade [Dragon Witch] que permitia a Ren escravizar Dragões e forçar eles a o obedecerem. de Scathach ele tinha pego as habilidades [Runa Primordial] que concedia a Ren um enorme conhecimentos sobre as Runas e também a habilidade [God Slayer] que fazia com que todos os seus golpes fossem mais perigosos contra Deuses.

Ren tinha decidido ficar com somente essas por enquanto devido a serem as mais úteis, além claro das habilidades que ele tinha adquirido em sua última batalha.

[Nome: Zenith Tempest]

-Raridade: Super Rara.

-Descrição: Zenith Tempest, também conhecida como Prisão do Trovão Celestial Brilhante é um Longinus de alto nível, ela é considerada a segunda Longinus mais forte, somente atrás da True Longinus.

Um dos Treze Longinus criado por Deus, a Zenith Tempest é considerada um dos maiores “bugs” do sistema de Sacred Gear, tendo poderes de classe mundial podendo destruir o mundo quando usado por mãos erradas.

-Habilidades: Zenith Tempest permite ao seu usuário manipular o clima e os atributos elementais que existem na natureza, o que lhe concede controle sobre o fogo, vento, água, terra, gelo e relâmpago. Com esse poder o usuário é capaz de controlar o clima no alcance de um país inteiro podendo produzir enormes tempestades, grandes tsunamis, tornados e torrentes de chamas entre outros.

[Balance Breaker - Desbloqueado]

[Nome: Relâmpago Sagrado]

-Raridade: Rara.

-Custo de Mp: Varia.

-Nível: Max.

-Descrição: É uma habilidade que combina o poder do Relâmpago e o poder da Luz para gerar um ataque devastador, além disso ela é extremamente letal contra demônios e seres das trevas devido ao seu poder da Luz.

[Nome: Armas de Luz]

-Raridade: Rara.

-Custo de Mp: Varia.

-Nível: Max.

-Descrição: Essa habilidade permite seu usuário criar e moldar a luz em formas de armas sólidas como lanças e espadas, essas armas são muito perigosas contra seres das trevas devido suas propriedades sagradas, além de que a forma e cor variam para cada pessoa.

[Nome: Punho Sagrado]

-Raridade: Normal.

-Custo de Mp: Varia.

-Nível: Max.

-Descrição: o Punho Sagrado permite que seu usuário cubra seus punhos com Energia Sagrada, permitindo com que eles causem dano a seus inimigos  semelhante a uma espada sagrada, essa habilidade é muito eficaz contra seres das trevas.

Além das habilidades, Ren também adquiriu as espadas demoníacas de Siegfried e a espada Durandal, ambas que ele guardou no [Gate of Babylon].

Atualmente era possível ver Ren sendo seguido por suas servas enquanto eles caminhavam por um longo corredor escuro, as únicas fontes de luz eram as várias tochas espalhadas pelas paredes iluminando o caminho a frente deles.

“Por quanto tempo vamos continuar a caminhar?” perguntou Joan enquanto bocejava.

“Seja paciente, estamos quase lá” disse Ren calmamente.

“Mas sinceramente isso é surpreendente, nós estamos caminhando a mais de cinco minutos e não chegamos ao fim ainda, você deve ter tido muito trabalho para criar tudo isso” disse a Bruxa Imortal visivelmente impressionada.

Ren somente soltou uma risada.

“Bom, na verdade estamos em outra dimensão, eu criei usando o poder da [Dimension Lost], já faz mais de quatro anos que eu criei esse local para ser meu laboratório de pesquisas” informou Ren calmamente.

"Laboratório, hein…” comentou Semiramis com visível interesse.

porém antes que Ren pudesse responder todos pararam quando se viram na frente de um beco sem saída.

Ren somente deu um passo e fez um leve aceno com sua mão e então a parede de terra à frente deles se dividiu em duas lentamente, elas se separaram como se fossem um portão que se abre e dá as boas-vindas ao seu dono, trazendo um pequeno tremor no ambiente.

“Um elevador” meditou Arturia enquanto olhava para o elevador que se abria à sua frente.

“Quão fundo vamos?” perguntou Gilgamesh curiosa enquanto Okita demonstrava a mesma curiosidade.

“Só alguns metros, esse caminho é uma forma de proteção caso alguém consiga entrar” disse Ren calmamente, mesmo ele sabendo que existiam poucos seres capazes de invadir suas dimensões privadas ele não queria arriscar.

Lentamente todas as servas seguiram Ren enquanto eles entravam no elevador, ninguém tinha dito nada enquanto estavam todos em silêncio.

O elevador soltou um som de 'BING', indicando que eles chegaram. Lentamente, a porta do elevador se abriu e quando o fez, os olhos das servas se arregalaram e elas sentiram suas respiração parar por um momento.

Na frente delas ... É tão diferente do caminho que elas tomaram ... Onde o caminho é tão acidentado e quase parece uma caverna quando o homem ainda está na idade da pedra, elas têm que percorrer um longo caminho para chegar ao fim, mas isso? Isso é o oposto

Elas sentiram que acabaram de dar um passo para o futuro ... Aquele que lembra um filme de ficção científica no Mundo Humano, misturado com algum tipo de lugar estranho de filme de terror.

O local era grande, sem dúvidas muito grande, tanto de altura quanto de largura, mesmo elas mal conseguiam ver o fim, mas o que as surpreendeu foi o que estava espalhado por toda a região.

Elas veem ali tantos tubos trancados em cantos das paredes da caverna, ali muitos que no chão, cada um deles contém o que parece ser uma criatura sobrenatural, Anjos, Demônios, Anjos Caídos, Youkais, tinham até mesmo alguns que eram semelhantes a Dragões.

“O que é isso mestre?” perguntou Semiramis sem entender o que estava acontecendo a sua frente.

“Algo além de sua compreensão”

Uma voz forte e firme veio de cima delas, enviando uma sensação arrepiante em suas espinhas no instante. Por um momento, todas as servas sentem que seus corações pararam de bater e, antes que pudessem virar a cabeça para cima, algo bateu não muito longe de sua posição.

Estava claro. Um puro pilar de luz, Santo e até mesmo Divino. Descer do céu como se o próprio céu abrisse o portão para que o ser pudesse descer ao plano mortal. E, no entanto, o que o torna mais bonito é aquele pilar de luz quase como uma água que flui, suave, macia, e sem nenhuma falha nele.

E da coluna de luz sagrada, sai um anjo.

Ele estava vestido com roupas que cobriam sua aparência. Armaduras. Manoplas. Capacete. Prata é a cor deles, prata pura que brilha mesmo na própria escuridão. Um halo dourado pairando sobre sua cabeça, mostrando sua natureza como um anjo. A própria luz sagrada e a energia divina irradiam de sua mera presença, o próprio espaço parecia se distorcer com seu poder.

Mas não foi isso que surpreendeu as servas.

Foram suas asas, as que estavam atrás dele.

Havia doze deles. Eles brotam de suas costas, estendidos elegantemente de maneira majestosa como a Fênix que bate suas asas poderosas. Sua cor é laranja com mistura de branco, como se as asas fossem feitas da própria chama Divina e Sagrada.

Nesse momento as servas entenderam que estava à sua frente.

‘Serafim'

Serafim é considerado o mais forte dos soldados de Deus, o mais poderoso dos filhos do céu. Eles eram criaturas de poder, capazes de enfrentar os próprios Maou do Submundo.

A luz sagrada brilhou do Anjo fazendo com que toda a escuridão do local fosse dizimada por um instante, e nesse instante as servas tiveram um vislumbre de milhares de seres escondidos na escuridão, como se milhões de criaturas estivessem à espreita nas trevas.

No momento em que as servas viram o ser que tinha surgido à sua frente elas rapidamente se prepararam para avançar e o exterminar, mas foram paradas por Ren.

“Não as antagonize Imperius, elas são minhas convidadas” disse Ren com sua voz casual, como se não se importasse com o ser a sua frente.

O Anjo, agora nomeado Imperius, lentamente pousou no chão enquanto a aura sagrada ao seu redor diminuía consideravelmente.

Quando seus pés tocaram no chão o Anjo imediatamente se colocou de joelhos diante de Ren.

"Milord, fico feliz com seu retorno” disse Imperius com sua cabeça abaixada em máximo sinal de respeito.

Ren somente acenou com um pouco de indiferença ao excessivo respeito de Imperius.

“Mestre, se importa de explicar?” perguntou Scathach curiosa.

“Vocês sabem da minha Sacred Gear [Annihilation Maker]...”

“Então ele é uma de suas criações? Ele é diferente das que você tinha mostrado para nós” disse Semiramis calmamente.

“Sim, Imperius é uma das minhas maiores criações, ele possui personalidade e consciência própria" disse Ren calmamente.

A [Annihilation Maker] permite seu usuário criar criaturas baseadas em sua imaginação, basta dizer isso para compreender o quão aterrorizante é essa Sacred Gear.

Mas se ela tem esse poder o que impede seu usuário de criar uma criatura invencível somente a imaginando? Isso era algo simples, pois não importa o quão vasta seja a imaginação ela sempre tem um limite, existe um limite do que se pode alcançar dependendo apenas da imaginação.

Por isso, para continuar a evoluir, Ren precisou criar vários outros métodos para que suas criaturas se tornassem mais fortes.

Por exemplo; as criaturas, ou melhor, os Anjos que Ren tinha criado para atacar o Submundo eram absurdamente fortes, tinham um poder de classe Maou, mas eles eram seres sem consciência.

Eles possuíam um grande poder, e tinham conhecimento de várias técnicas sobre luta, mas não sabiam aplicá-las, eles eram seres que tinham poder mas não sabiam as usar pois se moviam por instinto.

Já Imperius era diferente, ele foi uma das primeiras criações de Ren que teve consciência, Imperius não tinha somente um grande poder como também tinha sua própria personalidade, seus pensamentos e características únicas, ele era realmente como um dos Anjos criados pelo Deus da Bíblia sem nenhuma diferença.

“Interessante, mas para que todos esses seres?” perguntou Arturia se virando para os tubos que estavam espalhados por todo o local.

“Fazer minhas criações não é tão simples quanto imaginar, quanto mais informações eu tiver mais poderosas e conscientes elas serão, então eu capturei diversos seres sobrenaturais para usar como referência e criei minhas próprias versões deles. Anjos, Anjos Caídos, Demônios, Youkais e até Dragões, eu criei minhas próprias versões deles” explicou Ren calmamente.

Os olhos das servas somente se arregalaram enquanto ouviam Ren falar, pensar que o humano na frente delas, que mal chegou a duas décadas, tinha recriado um feito que somente Deus tinha sido capaz de alcançar e realizar.

“Entre essas minhas criações estão algumas especiais como Imperius que possuem personalidade própria assim como imenso poder” explicou Ren calmamente.

"Quão forte ele é?” perguntou Gilgamesh olhando para o Imperius.

“Tenho certeza que ele poderia lutar e vencer em uma batalha contra Sirzechs Lúcifer sem muitos problemas” disse Ren calmamente.

Mesmo Ren tinha que admitir que Imperius era muito poderoso, suas capacidades físicas superavam facilmente qualquer Anjo criado por Deus, a força e velocidade de Imperius permitiam ele lutar até mesmo contra Ren temporariamente, e além disso Imperius tinha a capacidade de usar a [Fire Devil Slayer Magic] em um grau surpreendente, para Imperius seria como se ele tivesse sempre usando a [Devil Force] devido ao poder e controle que ele possuía.

“Deixe-me perguntar Ren; quantas criaturas você já fez?” perguntou Scathach enquanto olhava para seu mestre.

Scathach sabia que Ren já estava usando o poder de sua Longinus a muito tempo, então ela poderia esperar que ele tivesse um exército considerável.

“Sei lá, eu parei de contar depois de um milhão” disse Ren de forma indiferente.

No momento em que Ren terminou de falar, todas as servas repentinamente pararam de choque, mesmo a estóica Okita era incapaz de esconder sua surpresa com o que seu mestre tinha dito.

“Um milhão? Mas se você disse que o exército das Três Facções tem por volta de trezentos mil soldados…” começou Semiramis surpresa.

Não era muita surpresa que o poder militar das Três Facções fosse consideravelmente baixo, os Anjos não podiam ser criados desde a morte de Deus e por isso eram a Facção com menor número, os Anjos Caídos só tinham como seus membros antigos Anjos Puros e também outros mágicos e usuários de Sacred Gear que eles conseguiam recrutar, já os Demônios embora fossem o maior Facção em termos numéricos eles estavam com um número bem reduzido devido a Grande Guerra e a Guerra Civil, dos antigos 72 Pilares atualmente só existiam 32 deles e grande parte dos atuais demônios são civis, então mesmo com a [Evil Pieces] os números deles não eram muito grandes.

“Então seu exército tem um poder maior que os das Três Facções” disse Gilgamesh sorrindo calmamente.

Ignorando o choque de suas servas, Ren se voltou para Imperius que ainda estava ajoelhado.

“Onde está Diablo?” perguntou Ren calmamente

Foi possível ver Imperius se enrijecendo com a pergunta enquanto sua aura aumentava um pouco refletindo seus sentimentos.

“Meu senhor, você realmente tem planos para aquilo” disse Imperius, mas foi possível sentir o veneno na voz quando ele mencionou Diablo.

Ren não se surpreendeu muito com o desgosto de Imperius em relação a Diablo, o próprio Diablo era uma das maiores criações de Ren, criado para representar em essência o que era um demônio, ele era um ser brutal, cruel e sem escrúpulos que mataria qualquer um somente para se divertir, mesmo Ren já teve vários problemas para lidar com ele, afinal como um ser assim era óbvio que Diablo tentaria trair Ren, e ele realmente tentou.

O que tinha resultado na fuga de Diablo e ele lutando com Ren em uma batalha de grandes consequências devido ao poder de ambos.

E esse era o motivo do continente Australiano não existir mais.

Porém depois disso Ren tinha se certificado de impedir que Diablo o traiu usando o poder da [Annihilation Maker] para fazer Diablo ter uma lealdade eterna para com Ren.

“Sim, mesmo ele sendo assim Diablo ainda é útil para mim” disse Ren recebendo um aceno de Imperius.

“Então mestre, qual é o próximo passo?” perguntou Okita calmamente.

Ren colocou sua mão em seu queixo enquanto começou a pensar.

“Bem, Imperius convoque Ilia também, vocês terão uma missão” disse Ren recebendo um aceno do Anjo: “Já Diablo e Satanás vão acompanhar Joan em uma missão, também peça que eles mobilizem seus exércitos para ir junto”

“Que missão mestre?” perguntou Joan curiosa.

Um sorriso surgiu no rosto de Ren.

“Digamos que a Bruxa dos Dragões vai finalmente ter sua vingança contra aqueles que a mataram” disse Ren calmamente.

Ouvindo as palavras de Ren um imenso sorriso surgiu no rosto de Joan.

“Eu irei ao Submundo e deixarei minhas sombras e Gravel vão cuidar da Grigori” disse Ren enquanto olhava para sua própria sombra e parecia com que dezenas de olhos azuis brilharem por ela.

“E nós, mestre?” perguntou Arturia curiosa.

“Você já terão seu momento, mas por enquanto se preparem para a próxima missão, essa agora vai ser só para chamar a atenção para a próxima" disse Ren calmamente enquanto suas servas assentiram: “E Imperius, convoque ‘aquilo’ também"

As servas piscaram sem entender o que seu mestre tinha dito, mas ao se voltarem para Imperius elas piscaram surpresas com o que viram.

O Anjo tinha seus olhos arregalados por trás de seu capacete enquanto era possível ver seu corpo tremendo levemente.

“Você planeja libertar aquilo?” perguntou Imperius pasmo.

“Sim, afinal eu o criei com um propósito" disse Ren calmamente.

“Mas meu senhor, aquilo é um ser de pura destruição” disse Imperius com um leve toque de medo.

“Mas também ele é um dos mais leais a mim, e também…" enquanto falava um imenso sorriso surgiu no rosto de Ren: “Foi com esse propósito que eu o criei”

Mesmo com relutância em libertar tal monstro, Imperius acenou com sua cabeça em concordância com o que seu mestre tinha dito.

“Então qual o próximo passo mestre?” perguntou Semiramis curiosa.

“Um ataque às Três Facções” disse Ren sorrindo.

A felicidade dentro do manejador da Lança Sagrada devido ao fato que seu plano já estava entrando em sua reta final não poderia ser contida.

“Acho que, dessa vez, eu irei pessoalmente” pensou Ren com um sorriso.

Submundo.

Já fazia vários dias desde o ataque dos Anjos ao Submundo onde graves danos tenham sido causados, vários demônios de sangue puro e reencarnados tinham morrido no ataque diante ao poder da luz, o equivalente a milhões de dólares tinham sido perdidos com o ataque.

Mas agora depois de vários dias do incidente o Submundo já estava se recuperando de tudo que tinha acontecido, mas o maior choque foi sem dúvidas a morte de Sirzechs Lucifer.

A morte do Maou Carmesim tinha chocado a todos, o clã Gremory estava em luto, não somente pela morte do filho mais velho, mas também por que depois descobriram que a atual herdeira, Rias Gremory, tinha cometido suicidio devido a tudo que tinha acontecido.

Com a morte do Maou Lúcifer, Ajuka teria sido considerado o líder provisório do Submundo, mas mesmo dias após o incidente ninguém tinha localizado Ajuka que parecia ter sumido completamente da face da terra.

E o pior tinha sido a Reunião das três facções, que segundo Serafall Leviathan era uma armadilha e os Anjos e Anjos Caídos tinham se juntado contra os demônios, e por isso todas as Três Facções estavam em um estado de quase guerra, o que a impedia era uma parte dos demônios que não queriam a guerra, mas sim resolver de uma forma pacífica.

Infelizmente a paz não era uma das opções, pois ela não estava nos planos de Ren Katsuo.

A paz dos demônios não durou muito tempo.

BOOOOOOMMMMMMM.

Uma enorme explosão tirou a atenção de todos os demônios de sua vida normal, imensas chamas atingiram a capital do Submundo, Lilith, queimando tudo que viam pela frente.

O caos se espalhou enquanto uma quantidade de energia sagrada acabava com tudo à sua frente.

Os imensos e belos edifícios da capital do Submundo não existiam mais enquanto todos eram devorados pelas chamas brancas e sagradas.

“O que está acontecendo aqui?” uma voz chamou a atenção de todos.

Quando todos os demônios voltaram para a origem da voz foi possível ver Serafall Leviathan e Falbium Asmodeus caminhando lado a lado.

Vendo as chamas queimando tudo, Serafall balançou sua mão liberando uma imensa torrente de gelo enquanto congelava completamente as chamas que tinham surgido.

"Rápido, resgatem os feridos” gritou Falbium enquanto vários demônios que os acompanhavam rapidamente seguiram suas ordens.

“Por Lúcifer, o que está acontecendo aqui?” indagou Serafall sem entender.

A poucos instantes ela e Falbium estavam em uma reunião com os anciões para decidir o que fazer e de repente o Submundo foi bombardeado com uma quantidade tão maxima de energia sagrada que assustou os Maou e os fez eles rapidamente se mobilizarem.

“Algo além de sua compreensão, ser inferior”

Uma voz forte e firme veio acima de todos os demônios, enviando uma sensação arrepiante em suas espinhas no instante. Por um momento, todos os demônios na região, inclusive os Maous, sentiram que seus corações pararam de bater e, antes que eles pudessem virar a cabeça para cima, algo bateu não muito longe de sua posição.

Estava claro. Um puro pilar de luz, Santo e até mesmo Divino. Descer do céu como se o próprio céu abrisse o portão para que o ser pudesse descer ao plano mortal. E, no entanto, o que o torna mais bonito é aquele pilar de luz quase como uma água que flui, suave, macia, e sem nenhuma falha nele.

E da coluna de luz sagrada, sai um anjo.

Ele estava vestido com roupas que cobriam sua aparência. Armaduras. Manoplas. Capacete. Prata é a cor deles, prata pura que brilha mesmo na própria escuridão. Um halo dourado pairando sobre sua cabeça, mostrando sua natureza como um anjo. A própria luz sagrada e a energia divina irradiam de sua mera presença, o próprio espaço parecia se distorcer com seu poder.

Mas não foi isso que surpreendeu os Maous e os demônios.

Foram suas asas, as que estavam atrás dele.

Havia doze deles. Eles brotam de suas costas, estendidos elegantemente de maneira majestosa como a Fênix que bate suas asas poderosas. Sua cor é laranja com mistura de branco, como se as asas fossem feitas da própria chama Divina e Sagrada.

Nesse momento todos os demônios entenderam que estava à sua frente.

‘Serafim'

Isso foi o que os demônios pensaram no momento em que o viram. Sem dúvidas este Anjo na frente deles era um Serafim. E isso era mais que um motivo para aterrorizar até mesmo suas almas.

Serafim é considerado o mais forte dos soldados de Deus, o mais poderoso dos filhos do céu. Eles eram criaturas de poder, capazes de enfrentar os próprios Maou do Submundo.

E mesmo à distância, Serafall e Falbium sabiam que não seria errado chamar esse Serafim de Guerreiro Mais Poderoso de Deus.

“O próprio Deus decidiu criar um mundo novo, sejam honrados por você terem a chance de testemunhar este acontecimento com seus próprios olhos” o Anjo declarou enquanto demonstrava toda a sua glória diante dos demônios.

Os olhos dos demônios só puderam se arregalar em choque com o que eles ouviram, naturalmente embora chocados Serafall e Falbium não demonstrariam tanto choque, porém o fato deles terem ouvido o que o Anjo disse e saberem da morte de deus só os chocou ainda mais.

Não somente isso como também o poder que eles sentiam irradiando do Anjo, era algo que facilmente superava o poder de Sirzechs e Ajuka em seu auge.

Os olhos ardentes do Anjo percorreram todos os demônios que começaram a tremer diante de seu poder, nenhum deles era capaz de falar nada e nem demonstrar um rosto calmo em sua presença, pois ele irradiava um poder sagrado tão grande que os aterrorizava. Os demônios não se atreveram nem a falar com medo de que o Anjo queimasse eles.

“Imperius, por favor diminua seu poder, você vai mata-los se não tomar cuidado"

Outra voz chamou a atenção de todos, mas ao contrário da de Imperius que era muito séria e poderosa, essa era feminina, suave, gentil e até melódica, como uma canção de ninar que poderia acalmar o coração até do mais ensandecido dos guerreiros.

Outro pilar de luz sagrada desceu do céu, não muito longe de Imperius, e dele saiu outro Anjo.

Se o primeiro fosse considerado o guerreiro mais forte, este seria considerado a mais bonita.

Não, bonito era uma palavra de segunda categoria para descrever a aparência celestial desse Anjo.

Ela não estava vestida com uma armadura como Imperius, em vez disso, ela vestiu um vestido branco sem mangas que revelava alguma parte de seu peito amplo, um syal rosa suave e sedoso enrolado em suas mãos e quadril. Seus olhos são de um azul brilhante como uma gema, na verdade não seria exagero se as pessoas ps chamasse de gema pois realmente parecia com isso. Seu longo, liso, e um pouco indomável cabelo loiro pálido chegava quase até suas pernas. Suas orelhas eram levemente mais pontudas, quase como as de um elfo, mas não fizeram nada mais do que aumentar sua beleza ainda mais. Ela também usa um par de pulseiras em seus pulsos, seguido por algum tipo de orbe de cor carmesim como colar, e assim como seu companheiro Anjo, ela possuía uma halo dourado acima de sua cabeça.

E ela também tem doze asas, mas ao contrário das de Imperius que é ígneo e resplandecente, as dela são feitas de um brilho de puro ouro, como se fossem feitas da própria luz sagrada de Deus.

“Ilia” disse Imperius com sua voz estóica.

“Ahh, é muito bom poder se esticar assim” disse Ilia enquanto flexiona seus braços: “Agora Imperius, abaixe sua energia. Lembre-se de que o pai disse, os dois Reis Demônios não devem ser prejudicados”

“Já está bem baixo Ilia, eu mal produzo minha aura na verdade”

“Eu não me importo, independente do quão baixo seja, a ordem do pai é absoluta de não prejudicá-los. Você vai contra as palavras dele?”

Imperius fez uma careta por debaixo de sua máscara. Isso era blasfêmia! Não há como ele ir contra a palavra de Deus! Ele vive para servi-lo! Para derrubar aqueles que ousam prejudicar ele ou desrespeitá-lo!

Sem palavras, Imperius baixou sua aura permitindo que os demônios inferiores ao seu redor pudessem respirar novamente.

A atenção de Imperius e Ilia tiveram sua atenção voltada aos demônios quando uma grande onda de poder demoníaco explodiu.

Imensas ondas de gelo avançaram por toda a região congelando tudo pela frente, inclusive as chamas que Imperius tinha feito para atacar o Submundo, deixando o Anjo com um leve interesse.

Quando a onda de gelo abaixou foi revelado Serafall na frente deles, agora em sua forma adulta ao ativar sua ‘Verdadeira Forma’, e ao lado dela estava Falbium imerso em uma profunda onda de poder demoníaco alaranjado.

“Parecem que eles sabem alguns truques” comentou Imperius casualmente.

A aura fria de Serafall estava congelando tudo ao seu redor, e o olhar em seu rosto não era nada agradável.

“Como se já não bastasse o que vocês fizeram durante a reunião e com Sierzchers-chan, vocês tem coragem de atacar o Submundo novamente” gritou Serafall em pura ira enquanto seu corpo estava coberto de puro poder demoníaco.

“Quem são vocês? Eu nunca vi Anjos como vocês antes” disse Falbium seriamente.

Ilia encarou os dois demônios enquanto ganhava um sorriso benevolente em seu rosto: “É um prazer conhecer vocês Serafall Leviathan e Falbium Asmodeus. Eu sou Ilia, Arcanjo da Sabedoria. E esse é meu irmão Imperius, o Arcanjo da Bravura”

Os dois demônios encaravam sem entender com perguntas rodeando suas mentes. Arcanjo da Bravura e Sabedoria? Imperium e Ilia? Eles nunca tinham ouvido falar de tais Anjos.

“O que vocês dois vieram fazer aqui? Recomeçar a grande Guerra?” perguntou Falbium seriamente.

“Não, claro que não. Nós só viemos devolver uma coisa” disse Ilia calmamente fazendo com o que os demônios encarassem em dúvida.

O Arcanjo estalou seus dedos enquanto uma leve luz se reuniu ao seu redor e quando desapareceu foi revelado que na mão de Ilia estava alguém que o Submundo pensava estar desaparecido.

Era Ajuka Beelzebub.

O corpo de Ajuka estava sendo segurado por Ilia com indiferença, ele possuía vários machucados por todo seu corpo enquanto sua pele também estava queimada devido a alta exposição a energia sagrada.

Os olhos dos demônios se arregalaram de choque com o que tinham visto.

“Ajuka-chan” gritou Serafall enquanto se preparava para avançar.

“Pare Serafall” gritou Falbium.

Em um instante uma onda de energia sagrada explodiu, englobando totalmente o corpo de Ajuka e o apagando completamente da existência para o choque de todos que estavam vendo.

“Não pense que com a morte do Deus da Bíblia vocês terão paz demônios" disse Imperius seriamente.

Os olhos dos demônios se arregalaram com o que eles tinham ouvido, sem ser capaz de acreditar no que os Anjos tinham falado.

Os olhos de Serafall e Falbium também se arregalaram devido ao fato dos dois Anjos terem revelado tão facilmente o maior segredo das facções Bíblicas.

“Seu maldito” gritou serafall em pura raiva enquanto seu poder e de Falbium explodiam.

“Parece que eles estão preparados para lutar” disse Imperius de forma indiferente.

“Sim, creio que o pai não vai ver problema nisso, só não devemos matá-los" disse Ilia sorrindo calmamente.

Imperius somente apontou sua lança para os dois Maous enquanto ela era banhada em uma grande concentração de chamas sagradas, uma quantidade tão densa que até mesmo um demônio de classe Ultimate morreria e teria sua alma apagada com um só golpe.

“Isso é um problema, afinal é difícil conter sua força para não matar um inseto” disse Imperius zombando.

Com um sorriso em seus rostos, Ilia e Imperius se prepararam para a batalha que iria acontecer.

Com Ren.

Em uma região mais afastada da capital do Submundo, era possível ver uma grande quantidade de corpos espalhados pelo chão, corpos de dezenas de demônios estavam espalhados pelo chão, e de todos eles estavam saindo uma névoa devido ao fato de todos os demônios ali terem sido atingidos por golpes com muita energia sagrada.

E andando no meio desses corpos era possível ver Ren caminhando calmamente enquanto batia sua Lança Sagrada em seu ombro calmamente.

Embora ele tenha dado a ordem a Imperius e Ilia para atacar o Submundo, o verdadeiro objetivo era revelar a morte de Ajuka, e principalmente a de Deus para todos.

Ren sabia que a notícia iria correr bem rápido e que não demoraria muito para as outras facções descobrirem isso, e Ren também tinha mudado a memória de Serafall, Gabriel e de Azazel e apagou as memórias deles sobre os verdadeiros eventos da reunião das Três Facções, e colocou que foi uma armadilha fazendo com que eles estivessem a um passo da guerra.

E por isso Ren decidiu vir ao Submundo pessoalmente para causar um estrago, além disso ajudar ele em seus planos.

"Raphael, como está indo o processo de separação?” perguntou Ren calmamente.

[Resposta: O tempo estimado para com que seja concluído a análise do selo é de 48 horas]

Ren somente olhou surpreso: “Parece que mesmo uma Ultimate Skill está tendo dificuldades, acho que seria de se esperar por um selo criado pelo Deus da Bíblia"

Suspirando Ren olhou calmamente para o céu.

“Parece que vou ter que aumentar o ritmo de meus planos e ir logo atrás do Santo Graal" disse Ren suspirando em voz alta.

Porém antes que Ren pudesse fazer qualquer coisa ele rapidamente saltou para longe bem a tempo de evitar um ataque de poder demoníaco.

Saindo da poeira Ren olhou para cima e viu três demônios flutuando com suas asas estendidas.

O primeiro era um homem alto e com um rosto gracioso, ele possuía olhos cinzas e cabelos grisalhos apesar de aparentar ter vinte e poucos anos.

A segunda era uma linda jovem aparecendo na casa dos vinte anos e com longos cabelos ondulados, de cor rosa e com dois chifres salientes em sua cabeça. ela usa um vestido formal de corte alto com fendas e tem um busto bem dotado e cintura fina.

Já o terceiro era um cavalheiro loiro que usava uma roupa típica de um nobre e aparentava possuir cerca de trinta anos de idade.

O sorriso no rosto de Ren aumentou quando ele reconheceu quem estava na frente dele.

“Então é um mero humano que está causando tanto problema” disse o terceiro homem com nojo em sua voz.

“Mas eu devo admitir que ele é bastante bonito” disse a mulher sorrindo.

“Não sejam precipitados, a arma na mão dele é mais do que uma prova para sabermos quem é” disse o primeiro homem seriamente.

“A lança na mão dele…” começou o terceiro homem.

“Sim, a Lança Sagrada do Destino e a mais forte das Treze Longinus, o [Verdadeiro Longinus]” disse o primeiro homem seriamente.

"Isso significa que ele é o criminoso mais procurado pelas Três Facções” disse o terceiro seriamente.

Ren somente soltou uma risada perante a fala de seus oponentes.

“Pensar que eu seria reconhecido pelos três melhores dos [Rating Game]; Diehauser Belial, Roygun Belphegor e Bedeze Abbadon” disse Ren com um sorriso.

Os seres que estavam na frente dele eram justamente os três melhores nos [Rating Game].

Primeiro Diehauser Belial o atual líder do clã Belial e atual Campeão dos Jogos de Classificação, um demonios com poder da classe Satan e famoso pelo seu uso do [Inútil] a sua linhagem que permite com que ele torne os ataque de seus inimigos inúteis.

Já ao seu lado estava Roygun Belphegor a líder do clã Belphegor e a segunda na classificação dos Jogos de Classificação e um demônio de classe Ultimate sendo considerado a terceira mulher mais forte do Submundo, somente atrás de Serafall Leviathan e Grayfia Lucifuge, sendo famosa pelo uso do [Crack] uma habilidade que permite seu usuário criar rupturas nos ataques de seus inimigos.

E por último Bedeze Abbadon o líder do clã Abbadon e o terceiro classificado nos Jogos de Classificação famoso pelo uso do [Hole] a linhagem do clã Abbadon que permite seu usuário criar portais que se expandem e retraem de acordo com a vontade de seu usuário podendo absorver e redirecionar ataques.

“Parece que ele sabe quem nós somos" comentou Bedeze sorrindo arrogantemente.

“Você foi o responsável por tudo isso?” perguntou Diehauser ao olhar o corpo de dezenas de demônios mortos.

Ren somente sorriu e bateu sua lança em seu ombro.

"Exatamente, espero que não se importe” disse Ren calmamente.

Os olhos de Diehauser escureceram de fúria.

“Vendo quem você é e seus atos nós vamos o eliminar aqui mesmo” disse Diehauser seriamente.

Em resposta às palavras de Diehauser uma forte aura cinza tomou conta de seu corpo enquanto uma aura rosa cercava Roygun e uma profunda aura amarela cercou Bedeze.

“É realmente uma pena que vamos ter que eliminar ele, se não fosse isso eu o chamaria para um encontro” disse Roygun sorrindo para Ren.

O mesmo somente soltou uma risada

Ren disse com diversão: “E eu aceitaria, você faz o meu tipo”

Roygun soltou uma risada: ”É realmente uma pena”

Sem esperar Bedeze rapidamente levantou sua mão liberando uma imensa esfera de seu poder demoníaco contra Ren.

Vendo o ataque, o Sekiryuutei levantou sua lança e a balançou cortando o ataque ao meio.

“Vamos lá então” disse Ren sorrindo imensamente.

Ren levantou sua lança apontando para os três, a ponta da lança sagrada começou a brilhar em uma forte luz sagrada enquanto disparava um feixe de luz sagrada contra os três.

Diehauser rapidamente estendeu sua mão e convocou seu poder: "Inútil"

O que era de se esperar seria que a luz sagrada fosse totalmente anulada pelo poder do líder do clã Belial, porém o que tinha acontecido foi que o feixe de energia nem mesmo diminuiu.

“O que?” disse Diehauser visivelmente perplexo.

“Sua habilidade é realmente poderosa Diehauser, porém para usar o [Inútil] você deve compreender o ataque, e mesmo que você entenda como meus ataques funcionam você não é capaz de anular eles devido a nossa diferença de poder” explicou Ren calmamente.

A habilidade de Diehauser permitia ele inutilizar o ataque e poderes de seu inimigo, porém ele precisava entender como funcionava para dar certo, e mesmo que ele entendesse como funcionam os ataques de Ren ele não poderia os inutilizar por alguns motivos.

Primeiro devido ao fato dele só poder inutilizar um ataque por vez, e isso seria uma desvantagem contra Ren e sua Lança Sagrada, devido aos ataques da [True Longinus] terem tanto energia sagrada quanto poder da luz, além do poder do próprio Ren.

Outro fato era que Diehauser não podia anular o poder de seres muito mais poderosos que ele, por isso ele não conseguia anular com eficiência o poder de Ren.

Mesmo sofrendo os efeitos do [inútil] do líder Belial a rajada de energia sagrada continuou a avançar sem problemas, vendo isso Bedeze rapidamente tomou a frente a se preparou enquanto ativava seu poder.

Usando seu [Hole] ele fez com que uma abertura surgisse no espaço a sua frente e começasse a absorver a energia sagrada, mas mesmo com seu enorme poder Bedeze estava tendo dificuldades devido a quantidade de energia que Ren tinha colocado em seu ataque.

O manejador da Lança Sagrada se preparou para avançar, mas parou quando viu que dezenas de literais rasgos no espaço surgiram ao seu redor o surpreendendo.

Olhando para cima ele viu que a responsável tinha sido Roygun com sua linhagem e no céu um imenso [Hole] se abriu e disparou uma forte rajada de energia sagrada.

Olhando para Bedeze, o portador da Lança Sagrada viu que o [Hole] criado por ele tinha absorvido toda a energia sagrada e agora estava a redirecionando contra Ren novamente.

Ren somente levantou sua lança enquanto cortava o ataque ao meio.

Porém em um instante Diehauser surgiu na sua frente enquanto tinha seu punho banhado de uma forte aura demoníaca e o lançou contra Ren, vendo isso o Sekiryuutei somente puxou sua lança enquanto usava ela para receber o impacto.

Mesmo usando sua lança para se defender, Ren foi enviado voando para longe, mas ele rapidamente recuperou sua posição, porém ao seu redor abriram vários [Holes] e liberaram uma chuva de poder demoníaco contra Ren gerando uma imensa explosão.

“Isso” gritou Bedeze animado pelo seu ataque ter atingido.

“Não baixe a guarda ainda, ele não morrerá com algo como isso” gritou Diehauser alerta.

“Cale a boca Belial, não me dê ordens" retrucou Bedeze friamente.

Voltando sua atenção para a direção do ataque eles viram a nuvem de poeira lentamente desaparecer.

E para a surpresa de todos, Ren estava ileso e ao seu redor estavam várias orbes de energia sagrada.

“Ele é bem resistente” disse Roygun com um tom malicioso.

“Ele provavelmente criou aquelas esferas e as usou para receber o impacto do golpe” disse Diehauser seriamente.

Ren somente sorriu enquanto estalou levemente seu pescoço.

“Isso foi interessante, então me permitam retribuir o favor” disse Ren seriamente enquanto um sorriso se formava em seu rosto.

Ren em um instante balançou sua lança sagrada enquanto avançava.

Antes que todos pudessem reagir, Ren surgiu atrás de Diehauser.

O líder Belial não teve tempo de reagir à velocidade alucinante do humano quando ele surgiu atrás dele, e em um rápido movimento, Diehauser tentou golpear Ren com seu poder demoníaco.

Mas já era tarde demais.

Antes que Diehauser tivesse sucesso, Ren golpeou ele cortando seu corpo com sua lança sagrada.

Os olhos do líder Belial se arregalaram quando uma profunda queimação surgiu sobre seu corpo devido a quantidade de energia sagrada do golpe, mesmo assim ele tentou reagir, mas logo se arrependeu.

Pois a ponta da [True Longinus] estava apontada para sua cabeça.

Antes que ele pudesse reagiar a Lança Sagrada, liberou uma rajada de energia sagrada a queima roupa enquanto enviava Diehauser voando para longe.

Quando a poeira gerada pela onda de choque abaixou o que Bedeze e Roygun viram foi algo que eles jamais imaginaram.

Diehauser Belial o lider do Jogos de Classificação, conhecido como “O Imperador”, um demônio que tinha um poder para colocá-lo em igualdade com os atuais Maous estava com seu corpo completamente queimado devido a quantidade abismal de energia sagrada que tinha entrado em contato com ele.

Diehauser Belial estava morto.

Os olhos de Bedeze e Roygun não eram capazes de compreender o que tinha acontecido, o fato de um monstro como Diehauser ser derrotado tão facilmente.

“Droga, mesmo com todo esse poder foi só isso que você pode fazer Diehauser” gritou Bedeze inconformado.

“Não se preocupe, logo vocês vão se juntar a ele” disse Ren sorrindo calmamente.

Os olhos dos dois demônios se estreitaram enquanto o poder deles aumentava cada vez mais.

Ren rapidamente balançou sua lança enviando outra rajada de puro poder sagrada contra Bedeze.

O demônio rapidamente abriu um [Hole] enquanto começou a absorver a energia sagrada em grande quantidade, porém mesmo com seu imenso poder Bedeze não estava conseguindo absorver toda a energia gerada por Ren.

“Eu vou te ajudar” disse Roygun se preparando para usar seu poder.

Porém antes mesmo que ela pudesse ativar seu poder, já era tarde demais.

"Atrás de você” gritou Bedeze.

Antes que Roygun pudesse reagir, Ren surgiu atrás dela enquanto levantava sua lança.

Roygun até tentou reagir, mas já era tarde demais quando Ren balançou sua lança perfurando o corpo da mulher que cuspir sangue ao ter seu abdômen perfurado.

“Estenda, [True Longinus]”

Sob o comando de Ren a lança sagrada aumentou de tamanho enquanto enviava Roygun a se chocar contra o chão.

Os olhos de Roygun perderam sua vida enquanto ela lentamente sucumbia aos ferimentos causados pela lança Sagrada.

Os olhos de Bedeze se arregalaram novamente em choque pelo que ele tinha acabado de presenciar.

“Maldito” gritou Bedeze enquanto todo seu poder demoniaco explodiu.

Ren somente observou enquanto Bedeze reunia todo seu poder em um único ponto para atirar contra Ren com todo seu poder.

“Morra!!” gritou Bedeze liberando todo seu poder.

Uma enorme esfera de puro poder demoníaco disparou contra Ren que ergueu sua lança.

“Na verdade, acho que você deveria morrer” disse Ren sorrindo enquanto sua lança brilhava em puro poder

Todo o poder da Lança Sagrada do Destino se juntou em sua ponta enquanto se moldava na forma de uma imensa espada feita de pura energia sagrada.

Com um único balançar, Ren cortou o poder de Bedeze para seu choque enquanto disparava uma imensa rajada de energia feita com todo o poder sagrado que estava acumulado na ponta da lança.

Bedeze não teve tempo de reagir quando a rajada de energia sagrada a queima roupa avançou contra ele.

Tudo que Ren viu o corpo carbonizado de Bedeze, devido a grande exposição a energia sagrada, cair no chão.

“Serio, vocês se consideravam demônios fortes? Eu tive que baixar a energia sagrada para o mínimo para que seus corpos não fossem totalmente aniquilados, sinceramente isso é patético" disse Ren suspirando.

Ele nunca tinha esperado que os três melhores classificados dos Jogos de classificação fossem tão fracos a esse ponto.

“O que está acontecendo aqui?”

Se virando Ren viu a origem da voz, a origem era um jovem bonito com cabelo preto bagunçado e olhos violetas, ele também possuía um físico muito musculoso e era consideravelmente alto.

Ren reconheceu ele como sendo Sairaorg bael, o herdeiro do clã Bael e manejador da Longinus [Regulus Nemea], e ele não estava sozinho pois toda sua Nobreza o acompanhava.

A primeira era uma garota bonita com cabelos loiros amarrados em um rabo de cavalo e olhos verdes, ela também usava uma roupa aberta na área do peito revelando seus seios grandes e decote e parte de seu estômago, o traje tem uma seção cortada em seus braços revelando seus ombros.

Era Kuisha Abbadon, a [Rainha] de Sairaorg e também membro do clã Abbadon.

A terceira era uma jovem mulher atraente de cabelos loiros longos e ondulados, além de possuir olhos vermelhos e usar um terno de negócios.

Ela era Coriana Andrealphus, um [Bispo] de Sairaorg além de membro de um dos antigos 72 Pilares do Submundo.

Já o quarto era um menino de cabelos verdes claros e olhos violetas, com enfeites de cabelo idênticos.

Era Misteeta Sabnoock, o [Bispo] de Sairaorg e um membro de um dos antigos 72 Pilares do Submundo.

Já o quinto era um jovem homem loiro de armadura e olhos prateados enquanto usava uma armadura e tinha uma espada em sua cintura.

Ele era Liban Croncell o [Cvaleiro] de Sairaorg e membro do clã Croncell, um dos antigos 72 Pilares do Submundo.

O sexto era um jovem bonito com cabelos castanhos e olhos verdes.

Ele era Beluga Furcas o [Cavaleiro] de Sairaorg e membro do clã Furcas, um dos antigos 72 Pilares do Submundo.

O sétimo era  um cara enorme com cerca de três metros, ele possui seu corpo completamente coberto de pedras, dando a impressão de ser um golem, já seu rosto se assemelha mais a o de um monstro do que o de um humano,  já seus olhos são cinzas azulados.

Ele era Gandoma Balam uma [Torre] de Sairaorg e um membro do clã Balam um dos antigos 72 Pilares do Submundo.

Já o oitavo era um homem alto e magro, de cabelos verdes escuros e olhos vermelhos.

Ele era Ladora Buné uma das [Torre] de Sairaorg e um membro do extinto clã Buné.

Já o último era um garoto de cabelos laranjas espetados e olhos dourados.

Aquele era Regulus, o [Peão] de Sairaorg Bael e também a manifestação da Longinus [Regulus Nemea].

“Ora, se não é o herdeiro do clã Bael; Sairaorg Bael” disse Ren sorrindo enquanto batia sua lança levemente em seu ombro.

Os olhos de Sairaorg e de sua Nobreza rapidamente percorreram toda a região, vendo dezena de corpos de demônios mortos, e de outros que emanava um maior poder, e a única que eles puderam reconhecer foi Roygun Belphegor que estava estirrada no chão com um grande ferimento em sua barriga.

“O que está acontecendo aqui?” perguntou Kuisha sem entender.

“O que você está vendo, eu matei todos eles” disse Ren com indiferença.

Os olhos de todos se arregalaram com o que ouviram e estavam vendo.

“Sairaorg-sama o que devemos fazer” perguntou Kuisha enquanto toda a Nobreza se preparava.

“Sairaoeg-sama, aquela lança na mão dele é a [True Longinus], a mais poderosa Longinus” informou Regulus para o choque de todos.

Vendo a situação que eles estavam, Sairaorg só tinha uma opção.

“Vocês todos recuem, eu vou ganhar tempo” disse Sairaorg seriamente.

“O que está dizendo mestre?" gritou Ladora sem entender o plano de seu mestre.

“Vocês viram todos esses demônios mortos, e aquela é Roygan Belphegor a segunda nos [Rating Game]” disse Sairaorg fazendo com que todos arregalarassem seus olhos de puro choque.

“Mesmo assim nós vamos lutar ao seu lado mestre Sairaorg” gritou Beluga com convicção.

“Ele está certo, nós somos sua Nobreza, nós vamos lutar ao seu lado” disse Kuisha firmemente.

[Sim!] gritaram todos ao mesmo tempo na afirmação de Kuisha.

“Pessoal” disse Sairaorg em um tom e sorriu: “Muito bem, só não morram”

“Certo” disse Kuisha com todos concordando.

A atenção de todos foi tirada quando ouviram uma leve batida e olhando para frente todos viram Ren sentado em cima de uma pilha de corpos enquanto tinha sua Lança apoiada em seu ombro e bocejava.

“Já terminaram de se preparar?” perguntou Ren em um tom entediado.

Sairaorg somente deu um sorriso forçado: “Sim, desculpe por fazer você esperar”

Ren somente soltou uma risada enquanto se levantava.

“Não tem problemas, então, vamos começar?” perguntou Ren sorrindo calmamente.

Sairaorg e sua Nobreza rapidamente se colocaram em suas posições de luta.

Lentamente uma energia surgiu ao redor de Sairaorg enquanto envolvia seu corpo, envolvendo como uma segunda pele e o protegendo como se fosse uma armadura. E o que mais se destacou foi a sensação de vida que a energia liberava.

Era [Touki].

Não era um poder que você poderia receber, era algo que só poderia ser conquistado. Um poder alcançado por qualquer pessoa, independente de sua raça ou herança. É a capacidade de revestir seu corpo com sua própria força vital, uma armadura formada com o próprio espírito. É algo que todos que possuem vida podem alcançar, desde a menor das criaturas até os mais poderosos Titãs.

“Vamos lá” gritou Sairaorg enquanto o [Touki] ao seu redor explodiu e ele avançou contra Ren com toda sua nobreza.

Uma intensa onda de choque se espalhou por todo local devido à explosão da força vital de Sairaorg enquanto ele pisou no chão fazendo o mesmo ser destruído pela pressão.

Em um avanço Sairaorg disparou em direção a Ren enquanto o chão foi destruído.

Com seu punho levantado, Sairaorg avançou contra Ren enquanto toda sua aura foi concentrada em seu punho para seu golpe.

Ren simplesmente levantou sua lança enquanto se preparava para receber o golpe.

Quando o punho de Sairaorg se conectou com a haste da Lança Sagrada uma enorme onda de choque foi enviada enquanto todo o chão ao redor tinha sido destruído e Ren nem mesmo tinha se mexido.

Com um rápido movimento, Ren moveu sua lança enquanto enviava a onda de choque restante para a outra direção.

Mesmo os olhos de Sairaorg se arregalaram ao ver Ren exibir tamanho domínio sobre a arte da lança.

Aproveitando a distração de Sairaorg, o portador da Lança Sagrada moveu sua Lança enquanto a parte de trás dela acertou o estômago de Sairaorg.

O demônio arregalou seus olhos com o golpe, a força que o humano tinha colocado em seu ataque.

Porém Ren não tinha terminado.

“Estenda, [True Longinus]”

Os olhos de Sairaorg se arregalaram quando ele foi enviado voando para longe, tudo pelo simples fato que a Lança Sagrada tinha se estendido e enviado o herdeiro Bael para longe.

O corpo do demônio foi enviado voando enquanto ele se chocava com uma montanha a centenas de metros de distância.

“Sairaorg-sama” gritou Regulus enquanto toda a Nobreza estava em estado de choque pelo que tinha acontecido.

“Não se distraiam no meio de uma batalha” a voz de Ren soou nos ouvidos de todos.

Antes que Regulus pudesse reagir Ren tinha surgido a sua frente com seu punho levantado.

O Rei Leão até tentou se defender, mas no momento em que o punho de Ren se conectou à defesa de Regulus o Leão em forma humana foi enviado voando para longe devido à força do golpe.

“Regulus!” gritou Kuisha enquanto todos estavam pasmos pelo que estava acontecendo.

“Ei, eu disse para não se distraírem"

Todos rapidamente se voltaram para Ren e viram ele andando calmamente enquanto batia sua lança em seu ombro.

“Maldito!” gritou Kuisha rangendo os dentes: “Liban, Beluga, Gandoma”

Ao ouvir os comandos da [Rainha] os três rapidamente avançaram.

“Eu vou detê-lo" gritou Liban enquanto focava sua visão em Ren.

Os olhos de Liban brilharam em dourada enquanto se focavam em Ren.

Os olhos de Ren revelaram mínima surpresa quando a pressão da gravidade ao seu redor foi aumentada várias vezes a ponto de todo o chão ao seu redor se rachar.

“Isso é…” pensou Ren com leve interesse.

[Resposta: O efeito do aumento da gravidade foi produzida pela Sacred Gear “Gravity Jail” que permite aumentar a gravidade em um local no campo de visão do seu usuário]

Ren somente suspirou com a resposta imediata de Raphael.

Ren obviamente sabia sobre essa Sacred Gear, porém ele não se lembrava do inimigo a sua frente possuir ela, afinal da Nobreza de Sairaorg os únicos nováveis eram ele e Regulus.

Porém, desde que Ren adquiriu sua Habilidade Suprema [Rei da Sabedoria Raphael], mesmo que ele tivesse uma dúvida mínima, Raphael iria responder imediatamente.

Isso tirava a graça de se surpreender e descobrir sozinho.

Mas voltando a batalha Ren nem mesmo tinha demonstrado desconforto ou qualquer outra coisa com o efeito da gravidade aumentada.

Em um instante Beluga que estava montado em seu cavalo avançou enquanto apontava sua lança para Ren e ao seu lado estava Gandoma com seu punho feito de rochas levantado.

Os dois avançaram contra em em imensa velocidade com a intenção de golpear ele.

Em um movimento, Ren desviou do ataque de lança de Beluga enquanto avançava contra Gandoma.

Com um rápido golpe, Ren perfurou Gandoma com sua lança, o demônio gritou de dor ao ter seu corpo perfurado pela arma sagrada.

Com um único movimento, Ren expandiu sua aura sagrada enquanto o golpe do gigante de pedras foi completamente obliterado pela quantidade massiva de luz sagrada.

Os olhos de todos se arregalaram de choque pelo que viram.

“Gandoma” gritou Beluga em desespero.

Mas já era tarde demais até mesmo para ele.

Antes que Beluga pudesse reagir Ren já tinha surgido na sua frente enquanto golpeava rapidamente e decapitava o [Cavaleiro] de Sairaorg.

Os olhos de todos estavam totalmente pasmos com o que estava vendo, eles não eram nem capazes de compreender a situação em que estavam.

Sem perder tempo, Ren levantou sua mão esquerda enquanto apontava para Liban.

Uma aura carmesim cercou o corpo de Ren enquanto uma esfera de poder carmesim e negra surgiu sobre sua mão.

Esse era o [Poder da Destruição] que Ren tinha obtido após roubar de Sirzechs.

“Isso é ruim, fujam” gritou Ladora ao sentir o poder esmagador que emanava da pequena esfera.

Porém já era tarde demais.

Com um único movimento a esfera carmesim foi disparada enquanto aniquilou tudo que estava em sua frente.

Liban não pode nem reagir quando seu corpo foi engolido pelo [Poder da Destruição] e foi totalmente aniquilado sem deixar vestígios.

A expressão dos membros da Nobreza de Sairaorg era a de mais puro desespero ao ver a morte de outro de seus companheiros.

E mais ainda ao sentir o poder do humano à sua frente.

A parte direita do corpo de Ren estava coberta por uma intensa e esmagadora aura sagrada, desde a sua lança a seu corpo e mesmo à distância os demônios se sentiam mal somente de sentir tamanho poder santo.

Já o lado esquerdo de Ren estava coberta por uma profunda aura negra demoníaca, um poder maligno sem igual cobria o corpo de Rem, até mesmo os demônios, seres já relacionados ao poder demoníaco estava se sentindo mal devido a aura tão maligna.

Um ser normal somente pode se associar a um dos atributos; Demoníaco ou Santo, sejam humanos ou Deuses, todos só podiam ser associados a um desses atributos, isso era uma regra inegável do mundo.

Por exemplo os Anjos que eram associados ao poder Sagrado enquanto os demônios ao poder Demoníaco, até mesmo os Anjos Caídos, seres que antes usavam o poder Sagrado ao caírem do céu perderam seu poder e ficaram associados ao poder Demoníaco.

Os humanos eram especiais pois eles podiam escolher qual desses poderes iriam possuir, se realizarem bons feitos ganharam o atributo Santo, como Vasco Strada, porém se usassem seu poder para seus próprios propósitos se tornaram seres demoníacos em relação a seu poder.

Mesmo Ren não era uma exceção, ele era um ser que tinha uma aura inegavelmente maligna, devido ao seu poder ele era considerado a “Encarnação do Mal”.

Porém, devido a possuir a arma sagrada mais poderosa, Ren tinha o poder de usar a energia Santa, além de obviamente sua [White God Slayer Magic].

Devido a isso Ren tinha se tornado alguém que tinha um domínio inigualável sobre esses dois poderes primordiais.

E isso levou a uma nova habilidade.

[Devido ao domínio sobre o poder “Santo” e "Demôniaco" uma nova Habilidade Única foi adquirida]

[A Habilidade “Unificação Sagrado-Demoníaca" foi adquirida com sucesso]

Ren somente escutou calmamente enquanto Raphael lhe transmitia todas as informações necessárias sobre essa habilidade.

A Habilidade [Unificação Sagrado-Demoníaca] permitia o usuário usar tanto o poder sagrado quanto demoníaco, podendo unir e manipular eles como quiser.

Além de anular essencialmente todos os ataques físicos ou mágicos, combinando poderes demoníacos e santos.

Sem esperar a aura ao redor do corpo de Ren desapareceu e se juntou em sua mão.

Uma pequena esfera surgiu na mão esquerda de Ren, metade dela era branca pura enquanto a outra metade era totalmente negra.

Era uma esfera que combinava perfeitamente o poder sagrado e demoníaco, algo que deveria ser impossível.

Se algo assim fosse ocorrer, um atributo deveria superar e dominar o outro, mas a combinação de ambos deveria ser impossível.

A união dos dois atributos só foi possível devido à nova habilidade de Ren.

A esfera de puro poder disparou da mão de Ren em direção a Kuisha.

“Kuisha” gritou Ladora perplexo.

Quando a esfera estava a um passo de atingir a [Rainha] de Sairaorg, Coriana, Misteeta e Ladora saltaram na frente dela para a protegerem.

Uma imensa explosão ocorreu quando o impacto ocorreu enquanto uma forte onda de choque se espalhou por toda a região.

E quando a poeira abaixou foi revelado que todos os membros da Nobreza de Sairaorg estava esticados no chão, todos com exceção de Kuisha estavam com ferimentos fatais por seus corpos.

Ren somente observou calmamente o efeito de seu golpe, e ele teve que admitir que essa era uma nova habilidade interessante que ele tinha adquirido.

Porem Ren foi obrigado a saltar para longe quando seus instintos o alertaram de um novo ataque.

Um imenso impacto surgiu exatamente onde Ren estava a alguns segundos atrás.

Quando a nuvem de poeira abaixou foi revelado que quem estava ali era Sairaorg Bael.

O herdeiro Bael não tinha nenhum ferimento visível em seu corpo, porém ele tinha um olhar extremamente irritado em seu rosto.

Na verdade, irritado era pouco, ele estava furioso.

Os olhos de Sairaorg se passaram pelos membros de sua Nobreza e ele viu o estado em que todos estavam.

“Sairaorg-sama” disse Kuisha, a única que estava consciente, fracamente.

“Descanse Kuisha, eu vou cuidar de tudo” disse Sairaorg sorrindo para sua [Rainha] que desmaiou.

Os olhos gentis de Sairaorg se voltaram para Ren com uma fúria que nunca tinha sido vista em seu rosto.

“Eu vou matar você” gritou Sairaorg com tanto ódio que fez Ren rir.

Ver o gentil e calmo herdeiro Bael agir dessa forma trouxe um sorriso para o rosto de Ren.

“Ná diga palavras tão fortes, faz você parecer fraco” disse Ren em debochem

Os olhos de Sairaorg se estreitaram em furia.

“Regulus” rugiu Sairaorg enquanto sua voz reverberou pela região.

A terra tremeu levemente e quando Ren viu Regulus, agora em sua forma de leão, tinha saltado e ficado ao lado de seu mestre.

“Ele tem uma recuperação rápida, acho que seria o esperado de uma Sacred Gear do tipo Avatar Independente” pensou Ren internamente.

“Meu mestre, eu não fui capaz de protegê-los" disse o Rei Leão amargamente.

“Não se incomode com isso, agora vamos acabar com ele” disse Sairaorg seriamente.

“Sim!”

Então o [Touki] de Sairaorg e a aura de Regulus explodiram de seus corpos enquanto aumentavam cada vez mais.

“Balance Breaker!”

Uma intensa explosão de poder dourado cobriu a visão de Ren enquanto ela se juntava totalmente em Sairaorg e Regulus.

E quando desapareceu foi revelado Sairaorg vestindo uma grande armadura com o tema de leão dourada que cobria todo seu corpo.

“Balance Breaker, hein…” disse Ren sorrindo levemente.

O que Ren esperava nesse momento era que Sairaorg avançasse contra ele, porém o que aconteceu não foi isso.

O corpo de Sairaorg começou a acumular cada vez mais aura enquanto seu poder aumentava.

“Ohhh, você espera acumular poder para me derrotar?” perguntou Ren com interesse.

O imenso sorriso no rosto de Sairaorg foi a prova da determinação dele para vencer Ren.

“Sim, eu com o meu avatar, o Leão Regulus!”

[Sim! Se o seu corpo quiser, destrua-os com esse corpo divino!]

Respondendo ao chamado de seu mestre, os olhos do leão em seu peito desencadearam uma luz ofuscante. Seu touki aumentou novamente e encheu todo o espaço.

Sairaorg então recitou o canto do poder.

“Este corpo, esta alma, mesmo que caia em uma ravina sem fim!”

O leão então disse.

[Meu Senhor e eu, vamos esgotar este corpo e esta alma para subir infindavelmente a estrada real!]

“Ruja! Triunfe! Massacre! E, brilhe!”

[Esse corpo é de uma besta Demoníaca!]

“Alojado em cima do meu punho, está a gloriosa autoridade imperial!”

O seu touki fez um ciclone intenso e soprou tudo que estava na região com uma pressão tão grande que até mesmo as árvores foram arrancadas do chão. As flores roxas que foram encontradas por todo o arredor seguiram o vento e dançaram em volta de Sairaorg.

“-Dance!”

[-Dance!]

Enquanto envolto em touki, o corpo de Sairaorg inchou ainda mais.

“[—Breakdown The Beast, Climb Over!!!!!!!!!!!!!!]”

Com aquele último suspiro, ele se abriu! Ali estava - um ser majestoso, a armadura de um leão altamente agressivo. Era uma armadura nova com uma aparência dourada e roxa de dois tons. A armadura de ouro era acompanhada por um touki roxo que envolvia Sairaorg.

Uma quantidade de poder tão densa emanava de seu corpo e até suprimiu a luz sagrada que emanava do corpo de Ren.

Enquanto via tal poder um imenso sorriso surgiu no rosto de Ren.

“Isso… o despertar da supremacia” disse Ren sorrindo.

[Confirmado; o indivíduo Sairaorg acaba de liberar a forma “Breakdown The Beast”]

Mesmo sem a confirmação do [Rei da Sabedoria Raphael], Ren jå sabia o que tinha acontecido.

Breakdown The Beast, a forma final da Sacred Gear [Regulus Nemea] tinha sido revelada ao mundo.

Sairaorg tinha liberado temporariamente todo o poder selado de Regulus que estava presente em sua Sacred Gear. Era uma forma que só uma Sacred Gear com uma lendária besta demoníaca poderia ter… mas também era acompanhada por um grande risco. Como a liberação das Sacred Gears que os Dois Dragões Celestiais foram selados - Juggernaut Drive, a vida do usuário seria consumida após ativá-lo. Além disso, os efeitos já haviam surgido quando Sairaorg cuspiu sangue da boca. Rangendo os dentes com força, Sairaorg grito.

“Regulus Rey Leather Rex Imperial Purpure, Beast of Supremacy. Esta é a encarnação da minha destruição que foi empurrada para os limites. Com a minha força vital como fonte, ela fornece uma explosão temporária de poder… bem, embora seja um punho que não possui o [Poder de Destruição], eu darei a ‘Destruição’ a você" gritou Sairaorg.

“Venha” disse Ren com um imenso sorriso.

Em um instante Sairaorg desapareceu enquanto avançava em uma velocidade que era impossível de ser vista por olhos mortais.

Mas para Ren era como se ele estivesse em câmera lenta, uma das capacidades de Raphael era a [Aceleração de Pensamentos] assim Ren poderia processar coisas em uma velocidade que nunca poderia ser possível, o limite era de um milhão de vezes a velocidade normal.

Porém mesmo sem isso, Ren ainda conseguia perceber Sairaorg com facilidade.

O Rei Leão em um instante surgiu na frente de Ren enquanto tinha seu punho levantado e golpeava Ren.

Assim como da última vez, Ren levantou sua Lança para se defender e o golpe foi interceptado pela Lança Sagrada.

Porém a força do golpe foi tanta que Ren foi enviado voando para longe.

Sairaorg rapidamente se preparou para avançar, devido aos efeitos de sua nova forma Sairaorg sabia que tinha pouco tempo para vencer essa luta.

Porém antes que ele pudesse avançar Sairaorg caiu de joelhos enquanto cuspia sangue.

Olhando para baixo Sairaorg viu um profundo corte em seu abdômen, seu sangue vazava e a queimação devido ao elemento sagrado estava fazendo com que Sairaorg quase desmaiasse.

Se ele fosse um demônio normal ele já estaria morto devido receber um golpe da arma sagrada suprema, porém devido ao poder que ele recebeu na forma [Breakdown of the Beast] ele era capaz de resistir e ficar consciente.

Parecia que Ren teve tempo de atacar Sairaorg e ainda de se defender na pequena fração de segundos do golpe.

Sinceramente Sairaorg duvidava que ele fosse realmente humano.

Os olhos de Sairaorg rapidamente se voltaram para cima enquanto ele viu Ren avançar contra ele.

Balançando sua lança, Ren liberou vários feixes feitos de energia sagrada contra Sairaorg.

Reforçando seus punhos com seu [Touki] e literalmente socou os ataques de Ren os anulando.

Vendo isso, Ren rapidamente manobrou no ar enquanto descia com sua lança para um golpe.

Sairaorg levantou seus braços enquanto defendia o golpe.

Mesmo assim uma imensa pressão foi gerada e o chão ao redor se rachou devido ao poder do golpe.

Sairaorg rapidamente aumentou sua aura e fez Ren ser mandado para trás.

Em um rápido movimento o Rei Leão concentrou sua aura em seu punho enquanto avançava para golpear Ren.

Porém diferente do que Sairaorg esperava, Ren não tentou desviar nem golpear com sua lança.

O humano fechou sem punho esquerdo enquanto se lançava contra Sairaorg enquanto ambos se chocavam.

Ambos os punhos se chocaram enquanto uma imensa onda de choque foi criada pela colisão dos dois golpes.

Porém, para a perplexidade de Sairaorg, ele estava sendo empurrado

O herdeiro Bael não era capaz de descrever sua perplexidade ao ver que ele estava sendo empurrado por um humano.

Nessa sua forma seu poder físico era comparável a classe Deus, porém mesmo assim Ren tinha uma força física superior.

A força de Ren fez Sairaorg ser empurrado para longe.

Aproveitando essa chance, Ren balançou sua Lança Sagrada contra o Rei Leão enquanto a carregava com poder sagrado.

Sairaorg foi atingido pela onda de energia sagrada e foi enviado voando para longe.

O sangue respingou pelo chão enquanto Sairaorg conseguiu se recuperar e caiu de joelhos no campo de batalha.

O sangue vazava em grande quantidade do corpo do herdeiro Bael, Sairaorg tinha um grande corte em seu peito e vários outros ferimentos espalhados por seu corpo.

Os olhos de Sairaorg se voltaram para Ren enquanto viam o humano caminhando calmamente enquanto batia sua lança em seu ombro.

“Parece que você chegou ao seu limite” disse Ren suspirando.

A fala de Ren estava certa, a forma [Breakdown of the Beast] de Sairaorg, embora concedesse a ele um poder esmagador, mas consumia muita resistência do corpo do usuário.

E depois da luta e de todos os ferimentos que ele tinha sofrido, ferimentos causados pela arma sagrada suprema, além de sua resistência estar sendo drenada Sairaorg já tinha atingido seu limite.

Mesmo tentando se levantar os músculos de Sairaorg nem mesmo se mexiam pois não eram capazes de suportar a pressão que estava sendo exercida neles.

“D-droga” disse Sairaorg enquanto cuspia sangue e seu corpo se recusava a se mover.

Uma luz dourada cobriu Sairaorg e quando desapareceu foi revelado o demônio agora sem sua armadura, com seu Balance Breaker desativado.

Regulus estava ao lado dele em forma de leão.

“S-Sairaorg-sama” disse Regulus desesperado.

“E-eu estou bem” disse Sairaorg enquanto tentava manter sua consciência.

“Sua força de vontade é algo admirável" disse Ren calmamente.

Vendo Ren se aproximar, Regulus rapidamente avançou contra ele.

“Espere Regulus” gritou Sairaorg em aviso.

Porém já era tarde demais quando Regulus saltou contra Ren.

Em um instante Ren ativou seu [Sharingan] enquanto seus olhos se fixaram nos de Regulus.

No mesmo instante o Rei Leão caiu desmaiado devido a ter sido preso em uma ilusão.

“Regulus” gritou Sairaorg em desespero.

“Não precisa se preocupar, ele está preso em uma simples ilusão” disse Ren calmamente.

Ren caminhou até ficar a alguns metros de Sairaorg enquanto olhava para o demônio.

“Você é poderoso Sairaorg, eu admito isso, mas ainda não é o suficiente” disse Ren calmamente.

“E-eu não serei derrotado” grunhiu Sairaorg de dor enquanto tentava se levantar.

Ren somente pode suspirar: “Desista, você não pode me vencer-”

A fala de Ren parou quando ele olhou para frente e ficou surpreso com o que viu.

Mesmo com seu corpo coberto de ferimentos, feridas causadas pela arma sagrada suprema, além do sangue que vazava de seu corpo e de sua resistência estar no seu limite.

Mas mesmo assim Sairaorg estava de pé.

“E-enquanto tiver vida em meu corpo eu não vou perdoar você” a voz de Sairaorg saiu de maneira fraca, mas mesmo assim ele tinha uma convicção inabalável.

Vendo isso, Ren não pode evitar de sorrir com o que presenciava.

“Entendo, então em honra a sua coragem eu vou acabar com você com uma das minhas maiores técnicas" disse Ren calmamente.

Recuando alguns metros Ren calmamente levantou sua lança enquanto apontava ela para Sairaorg.

“Normalmente devido ao seu poder eu só posso usar essa técnica quando estiver com o Balance Breaker ativo, mas se eu reduzir seu poder eu acho que deve funcionar mesmo assim, embora isso exija muito de mim” disse Ren casualmente.

A ponta da lança sagrada começou a brilhar cada vez mais, enquanto grandes quantidades de energia sagrada começaram a rodear todo o local.

Mesmo a distância Sairaorg sabia que ele iria morrer se fosse atingido por aquilo, mas o pior era que ele nem mesmo conseguia se mover.

A quantidade massiva de poder sagrada começou a se reunir enquanto formou uma pequena esfera de puro poder sagrado.

Mas independente de seu pequeno tamanho, a energia contida naquela esfera podia matar até mesmo um Deus.

Foi então que Ren desencadeou sua técnica.

“Ain Soph Aur”

A pequena esfera que estava concentrada na ponta da Lança Sagrada lentamente avançou por alguns segundos, e então ela expandiu.

A esfera de pura energia santa se expandiu enquanto se tornou um feixe colossal de energia que avançava em direção a Sairaorg enquanto aniquilava tudo em seu caminho.

[Ain Soph Aur] era uma das Três Técnicas Supremas de Ren com sua [True Longinus].

[Ain Soph Aur] era uma técnica que juntava a quantidade mais pura de energia sagrada possível, seu poder Santo era superior a qualquer coisa que um Anjo pudesse fazer, algo que somente Deus pode fazer antes, poderia muito bem ser considerada a Luz Primordial.

No passado a [Ain Soph Aur] foi uma técnica registrada do Deus Bíblico, com seu poder sobre a Luz Primordial.

Embora o Deus Bíblico fosse um ser de bondade sem igual ele ainda era imensamente poderoso, a ponto de ser considerado um dos “10 Seres Mais Fortes do Mundo”.

O [Ain Soph Aur] do Deus Bíblico aterrorizava seus inimigos, com uma única ativação desse poder ele devastou exércitos inteiros e mesmo Deuses não eram capazes de resistir a sua habilidade que era chamada de “Luz Sagrada do Julgamento”.

E usando seu domínio sobre a [True Longinus] Ren foi capaz de criar sua própria versão do [Ain Soph Aur], embora o domínio dele não fosse tão grande quanto o do Deus Bíblico em termos de poder puro a técnica de Ren supera a de Deus.

A [Ain Soph Aur] de Ren era uma técnica simples, mas quase incomparável em batalha, ela tinha duas formas que Ren poderia usar.

Na primeira ele acumulava uma imensa quantidade de [Ain Soph Aur] na ponta de sua lança e dispararia contra seu inimigo.

Era impossível de se defender dessa técnica, pois ela possuía o poder de perfurar e anular qualquer defesa, física ou mágica, além de sua capacidade de sempre atingir seu inimigo.

Em algumas lendas a [True Longinus] era considerado o lendário Gungnir, uma lança do deus nórdico Odin que nunca erra. A crença de sua conexão entre os dois é que, no entanto, o Longinus Original poderia "nunca errar quando lançado" era forte o suficiente para realmente lhe dar essa habilidade.

E baseado nessa lenda, e por ser uma subespécie, Ren foi capaz de conceder essa capacidade a sua Lança.

Por isso, independente do alvo, quando a [True Longinus] fosse arremessada ela nunca erraria, e essa foi uma das capacidades que Ren deu a sua técnica [Ain Soph Aur].

O poder gerado pela [Ain Soph Aur] de Ren era quase absoluto, mesmo um ser da classe Deus não poderia resistir, na verdade se fosse usado em sua potência máxima os únicos seres que poderiam sobreviver contra esse ataque eram as existências máximas; Great Red e Ophis.

Qualquer outro ser abaixo do poder deles seria morto no momento em que recebesse o ataque, e nem mesmo o “Infinito” e o “Sonho” poderiam sobreviver ilesos, mesmo Ophis e Great Red ficaram bastante feridos.

Esse era o [Ain Soph Aur], uma das Três Técnicas Supremas de Ren, uma habilidade que nunca poderia ser desviada pois ela distorcia as próprias leis do mundo para atingir seu inimigo, um poder que nunca poderia ser defendido, independente da resistência ou defesa do inimigo, e com seu poder absoluto sempre iria o aniquilar.

A esfera de poder sagrado absoluto continuou a avançar em direção a Sairaorg que não podia fazer nada enquanto via o poder o atingindo.

E então, assim, Sairaorg Bael, a Juventude Mais Forte do Submundo, o Rei Leão e futuro líder do clã Bael tinha morrido.

Ren observou calmamente enquanto os resquícios de sua energia sagrada desapareciam.

Tudo que tinha sido pego no alcance do ataque de Ren tinha sido totalmente vaporizado, desde o corpo de Sairaorg, até as montanhas mais ao fundo.

Obviamente tamanho poder sagrado deveria ter alertado qualquer ser no Submundo, porém Ren tinha feito uma barreira para cobrir toda a região impedindo qualquer um de interferir.

Ren somente suspirou enquanto relaxou seus músculos, [Ain Soph Aur] era uma técnica que normalmente ele só podia usar quando tivesse seu Balance Breaker ativado, porém devido ao seu treino ele era capaz de ativar ela em menor poder.

Porém isso desgastou ele um pouco.

Olhando ao redor Ren viu os corpos dos campeões dos [Rating Games] além dos membros da Nobreza de Sairaorg espalhados.

Levantando sua mão uma onda de energia roxa surgiu sobre a mão de Ren.

“Devore tudo, não deixe sobrar nada Beelzebuth” disse Ren enquanto ativou sua Habilidade Suprema [Senhor da Gula Beelzebuth].

A onda de energia roxa se moveu como se tivesse consciência enquanto começou a devorar tudo à sua frente.

A onda de energia consumiu Regulus e toda a nobreza de Sairaorg, além dos corpos de todos os outros Demônios, incluindo os campeões do [Rating Game].

Após devorar tudo pela sua frente a aura de energia lentamente voltou a mão de Ren e desapareceu.

“E então Raphael?” perguntou Ren.

[A análise sobre todos os seres devorados com a Habilidade Final “Senhor da Gula Beelzebuth” foi concluída]

[As seguintes Habilidades foram analisadas e estão disponíveis: “Hole”, “Crack”, "Inútil"]

[A Sacred Gear “Regulus Nemea” também foi adicionada às Sacred Gears do mestre]

Ren acenou enquanto analisava tudo.

[Aviso: A Habilidade “Unificação Sagrada-Demoníaca" evoluiu para a Habilidade Suprema “Senhor da Dominação Melchizedek”]

Piscando com sua nova habilidade, Ren sorriu antes de se virar para o céu.

“Espero que os outros não estejam com problemas na Grigori e no Vaticano” pensou Ren em voz alta.

Sorrindo ele voltou ao seu caminho enquanto voltou ao seu passeio pelo Submundo, embora estivesse a todo momento ciente de quem estava o observando.

A vários quilômetros da localização de Ren era possível ver outra pessoa.

Os longos cabelos dourados da mulher balançavam levemente com o vento enquanto seus olhos carmesins, mesmo a quilômetros de distância, se focavam em Ren.

Aquela mulher era Gilgamesh, o Rei dos Heróis.

Embora ela não estivesse inclusa na missão ela decidiu seguir seu mestre pois sabia que algo interessante sempre acontecia com ele, além dele ser alguém totalmente digno de sua atenção.

E ela não tinha se arrependido enquanto um pensamento se firmava em sua mente.

O Rei de Uruk tinha um sorriso largo no rosto, seu coração batia loucamente e seus olhos estavam fixos no garoto de cabelos negros de longe que se portara muito bem na situação que havia se desenrolado.

Quanta ferocidade! Que convicção clara! Que determinação inabalável! Este era um homem cujo valor ultrapassa mil homens ou mais.

"Hm. Acho que não foi um golpe de sorte afinal. Você realmente é um homem digno de minha atenção" ela meditou: “Só você redimiu esta era aos meus olhos ..." sua risada reverberou no ar frio da noite: "E eu não posso esperar para fazer você meu ..."

Meu. Você é meu. Esse foi o único pensamento que encheu a mente do Rei dos Heróis.

Ela não permitirá que este tesouro seja tirado dela como os deuses fizeram com seu único amigo no passado. Quando chegar a hora, ela o levará, à força, se necessário. E ela não permitirá qualquer competição por seu corpo e coração, exceto por uma, e apenas uma pessoa. Ela.

Se houvesse mais, é melhor que não fossem tolos o suficiente para desafiar o rei pelo que é dela. Mas se eles foram tolos o suficiente, então eles serão bem-vindos como seus consortes, ela não é sem misericórdia, afinal.

Ela estendeu a mão em direção a Ren como se tentasse agarrá-lo, e disse: "Saiba disso, Ren Katsuo. Embora sua tenacidade e determinação possam levá-lo a se rebelar contra minha vontade ... Eu vou lhe mostrar que posso e devo torná-lo meu."

Em meio a solidão da noite o riso do Rei dos Heróis encheu o local enquanto ela finalmente descobriu um tesouro digno dela




Notas Finais


E aqui está mais um capitulo.

Nesse capitulo teve Ren revelando algumas de suas criações com a Annihilation Maker e uma amostra do poder delas. No proximo capitulo terão outras aparecendo.

E um ataque ao Submundo, e também como foi dito um dos objetivos de Ren é o Snto Graal, ou melhor o [Sephiroth Graal].

E também teve Ren mostrando parte de seu poder, e até uma das tecnicas dele, eu espero que gostem.

E também Gilgamesh considerando Ren um tesouro e agora ela vai fazer de tudo para ficar com ele. Logo logo vai ter um Ren x Gilgamesh.

E e isso, espero que gostem. Comentem suas opiniões.

Aparencia do Imperius: https://pin.it/3VaDIgB

Aparência da Ilia: https://pin.it/3hip21U


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...