1. Spirit Fanfics >
  2. Devil May Cry: Trajetória da Lady >
  3. Conexões

História Devil May Cry: Trajetória da Lady - Capítulo 4


Escrita por: CarolVilhena999

Capítulo 4 - Conexões





Passaram-se seis meses. Red Grave não era a mesma cidade de antes, agora estava repleta de demônios carrancudos carregando foices e matando os inocentes e se alimentando pelo sangue. A lombada enorme criou um buraco extenso, parecia um vulcão que estava prestes a entrar em erupção. 

Os locais foram evacuados, menos o boteco aonde Mary estava hospedada. Passando algumas horas, Dante entrou totalmente feliz e um pouco irritado porque não achava o seu parceiro de cobrança em lugar nenhum. " Cadê o Enzo? Ele disse que iria me pagar. Você viu ele, velhaco? " Half ficou surpreso com a presença do caçador enquanto Ann se escondeu pelo banheiro. " Hã? Enzo, é você se escondendo?" O filho de Sparda foi na seca na direção do banheiro até ser impedido pelo dono do lugar. " Dante, ele passou por aqui de manhã. Não está aqui nesse momento e deixou o dinheiro nessa mesa. " Apontava para o balcão. 

Mary ficou paralisada e seu coração estava palpitando pela boca enquanto escutava às conversas. " Dante..? " Sussurrou. " Ele estava apagado em um dos livros no qual tinha lido, ele...ele existe?" Ela tentava manter calma mas a tensão do caçador estar existindo como dizia pelos livros proibidos, era desafiador. " Tem mais alguém com você e não me fala nada? Aquele bêbado está escondendo de algo." Seu olhar frio para o velhote era assustador.  " Minha filha está comigo, esqueceu? " Half respirava fundo até receber resposta de tanto faz após ele pegar o pagamento e deixado-o só. 

Bianca desceu pelas escadas com uma cara desdém. " Está tudo bem? Você parece tenso. " Ele olha para sua filha com crise de riso por nervoso. " Aquele caçador de diabo veio pegar seu salário em meu balcão e queria acessar o banheiro feminino aquele pervertido. " Ambos cairam na gargalhada. 

Ann saiu do banheiro, foi até a família. " Você parece tensa. " Dizia a garota de cabelo ondulado. " Parece que já ouvi o nome dele em outro lugar, há conexões pelos livros aonde andei lendo." Mary suspira. Tal pai e tal filha ficaram curiosos sobre esse discurso. " O que você andou lendo?" Perguntava o velho grisalho com curiosidade crescendo. A garota dos olhos heterocromáticos não exitou em confessar de ter lido os livros proibidos.

" Espera, existe um segundo Dante? " Half coçou sua nuca por preocupação.  " Sim, irmãos gêmeos segundo o livro. Isso me deixou intrigada por existirem porque não era uma lenda como dizem. " Mary ajustava às bolsas de munição aonde estavam cravados na fivela em seu quadril. Em um certo momento, a brisa do ar mudou drasticamente e uma suposta presença era mais aterrorizante. O trio sentiu frio na espinha e decidiram dormir mais cedo apagando às luzes.

" Então ele está aqui? Hum.." soava um tom da arrogância de Vergil. " Entendo o por quê dele estar em Redgrave, irei convidá-lo para a festa. " Sua petulância escondia pela pele branca com cabelo esbranquiçado voltado para trás com seus olhos azuis sombrios combinando pelo sobretudo azul. Um vento diferente guiava o irmão mais velho de Dante naquele bar e isso não era um bom sinal. " Sobreviventes ou demônios para atrapalhar a reunião" Ele franzia sua sobrancelha com excitação e foi sem comprometimento.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...