História Diabolic - YoonSeok - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Jhope, Sope, Suga, Yoonseok
Visualizações 661
Palavras 392
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Lemon, Mistério, Policial, Romance e Novela, Slash, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 22 - Boa companhia


Fanfic / Fanfiction Diabolic - YoonSeok - Capítulo 22 - Boa companhia

- Jung Hoseok? Tem visita pra você. – O ruivo levantou da cama e viu a porta se abrir. A quanto tempo não recebia visitas. Olhou para a porta e Jungkook e Jimin estavam lá. Eles entraram e o funcionário fechou a porta.

- Hoseok, está tudo bem? – Jimin perguntou.

- O que você acha? – Aquilo soou rude. Hoseok não estava mais com a mesma aparência. Seus cabelos ruivos estavam sem vida, seus olhos estavam sem brilho e seus lábios estavam ressecados. Ele estava sério, provavelmente com raiva do casal à sua frente, por ter lhe abandonado naquele lugar que tanto odiava.

- Desculpe-nos, Hoseok, mas achamos melhor te colocar aqui. Você estava delirando, não parava de dizer que…

- Você acha que eu vou melhorar? Pelo menos uma certa pessoa não me deixou sozinho. – Interrompeu o Jeon.

- O Yoongi? Hoseok, pensei que fosse melhorar. – Jimin estava pasmo com aquilo.

- Aigoo, me deixem em paz.

- Senhores, a visita acabou. – O funcionário disse.

- Yoongi voltou a matar. – Jungkook sussurrou.

- O que? – Hoseok perguntou mas eles saíram. Agora ele estava sozinho novamente.

                            [...]

A noite era a melhor parte do dia de Hoseok. Ele tinha companhia, e era uma boa companhia.

- Então, quer dizer que você matou alguém hoje? Amor, eu pensei que não fosse mais fazer isso. – Hoseok estava de pé, perto de sua cama. Yoongi estava a sua frente, de costas para si.

- Eu disse que ia dar um tempo. Mas, você sabe que isso não para. – O Min disse e abaixou as alças do seu vestido deixando-o descer pelo seu corpo. Uma cena sensual para Hoseok, sem dúvidas. O maior se aproximou e passou seus braços pela cintura fina que tinha marcas de seus dedos por conta da noite passada. O corpo branquinho estava todo marcado.

- Eu te amo. – Sussurrou com uma voz rouca, mordendo o ombro desnudo de Yoongi. Yoongi apenas fechou os olhos, deixando um sorriso gengival estampado em seu rosto. Hoseok o pegou no colo e o colocou na cama delicadamente. Ficou por cima dele e começou a morder o pescoço deste.

- Hobi, hoje não… – Disse baixinho.

- Por que?

- Eu… você vai saber depois. Vamos dormir, huh? – Hoseok assentiu apesar de estar com vontade, iria fazer tudo o que Yoongi quisesse.













 

Porque o amava muito para dizer não.


Notas Finais


Por que será que o Yoongi não quis transar com o Hoseok?

Não fiquem com raiva do Yoonie, ele machuca sem querer e também porque quer vingança



Comentem bolinhos <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...