História Diabolok lovers Prisioneira de Sádicos - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Beatrix, Kanato Sakamaki, Laito Sakamaki, Reiji Sakamaki, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yui Komori
Tags Ayato Sakamaki, Diabolil Lovers, Kanato Sakamaki, Laito Sakamaki, Subaru Sakamaki
Visualizações 87
Palavras 1.446
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Aqui o novo capitulo...
Ele saio muito grande então quis dividi-lo em dois.

Capítulo 18 - Indo a escola parte 1


Fanfic / Fanfiction Diabolok lovers Prisioneira de Sádicos - Capítulo 18 - Indo a escola parte 1

Pov Hana 


Depois de quase ser morta chicoteada por Reiji-san ,eu fui para meu quarto me preparar para a escola.

Confesso que não estava muito afim de colocar meus pés lá. Mas uma hora ou outra isso teria que acontecer.


 Tomei um banho rápido coloquei o meu uniforme ,penteei meus cabelos e desci para limosine.

Cheguei e me sentei ao lado de Shu e kanato, fomos o percurso todo praticamente calados. Eu não estava muito afim de falar, estava muito cansada ,as aulas de etiqueta do Reiji  me esfolaram  viva.Pelo menos eu consegui decorar a utilidade de cada talher.


 Ao pisar meus pés fora da limousine, não pude deixar de notar  os olhares fixados em mim. Todos estavam surpresos pelo fato de eu estar com os Sakamakis.


Laito: O que está achando Onça- chan? Agora você se tornou o assunto de toda a escola.


Hana:  Eu não gosto muito de chama a atenção como você.Mas confesso estou me sentindo uma Pop Star.Só  faltou o óculos em formato de estrela e paparazzis .


Laito: Hahahaha...você é tão ousada Onça-chan.


Reiji:  Silêncio…..Vão para suas  salas e se comportem ,não quero que manche o nome na família Sakamaki com seus modos deploráveis.



 Eu e Reiji fomos  juntos ,uma vez que estudamos na mesma  sala.

No  meio do caminho notei que  Shu havia desaparecido.


Hana: Pelo visto o Shu realmente odeia estudar.( Digo enquanto caminhava pelo corredor).


Reiji:  Não perca seu tempo pensando nele... aquele inútil realmente é um caso perdido é  uma vergonha para nossa família. 


Hana:Sério... Será que eu posso tentar convencê-lo a ir para sala. 


Reiji:  Não perca seu tempo, não há nada que você possa fazer.Aquela  pessoa e um completo inútil. 


Faz pouco tempo que eu convivo com eles mas já deu para notar que o Reiji realmente odeia o Shu. Talvez seja pelo fato de que mesmo o Shu  sendo o mais velho dos irmãos, as responsabilidades da casa cai todas sobre o Reiji. 



Hana: Ainda faltam 10 minutos para o início das aulas... eu poderia procurá-lo e tentar convencê-lo….  não me custa nada... afinal ele me ajudou em um momento de dificuldade ao realizar um desejo meu... meio que estou devendo ele.


Reiji: Por acaso, estamos falando da mesma pessoa... eu não consigo imaginar aquele inútil fazendo qualquer coisa.


Hana:Hahahah...Eu sei e dificil acredita mais foi o que aconteceu...então eu acho que se eu consegui arrastá-lo para aula ficamos quites.Pois  se ele continua faltando assim irá repetir de novo.  


 Reije: Faça o que quiser... depois não diga que eu não te avisei .(ele fala e sai furioso , o ódio que ele sente pelo seu irmão é surpreendente).


Depois disso saio à procura de Shu...Não seria muito difícil encontrá-lo ,afinal eu sabia  o lugar favorito dele dormir .Todos dizem que ele era conhecido como o Dono da Sala de Música.


 Então me dirigir até lá.. ao chegar abrir a porta bem devagar e lá estava ele ,deitado no chão dormindo profundamente.

 Me aproximei dele e o cutuquei  na bochecha.


Hana: Ei?...Shu?.. acorde.


Shu:Hummm... Não quero


Hana: Acorde você tem que ir para sala .


Shu…..zzzzzzzzzz

 

 Hana:  Deixa de ser preguiçoso e levanta homem... reage!!! se você continuar assim você irá repetir de ano novamente(digo o sacudindo de um lado para o outro como um boneco).


 Shu :Eu não me importo apenas saia e me deixe dormir em paz.


Hana:Eu não vou sair dessa sala, enquanto você não for para sala de aula.


 Shu: Então tente me obrigar.


Hana: Beleza pode deixar comigo…


 Eu fui até onde estava uma Bateria Acústica  e comecei a tocar que nem louca.Até porque eu não faço ideia de como tocá-la. 


 Shu: O que pensa que está fazendo? Pare com isso agora?.. esse barulho é irritante... você não tem nenhum talento está ferindo meus ouvidos.


 Hana :Então você levanta daí e vai para sala comigo...se não eu vou continuar fazendo esse barulho até seus ouvidos sangrarem.


Shu: Você realmente acha que pode barganhar comigo.


 Hana:  Eu não acho eu posso... A escolha é sua... Ou você vem comigo ou não irá conseguir dormir.


 Shu: Que saco!!!!... tudo bem irei dessa vez mas não vá se acostumando….


Hana: Ebaaaaaaa…


Shu: Mas antes  me responda o que você ganha me levando para sala de aula... isso não tem absolutamente nada a ver com você?


 Hana :Sim realmente não tenho nada a ver … porém aquela vez em que eu estava na minha tentativa frustrante de suicídio, você fez um favor para mim, então eu meio que  te devo uma.


 Shu: Se essa for a questão, então cai fora... se realmente quer pagar o favor me dê seu sangue em troca ou então me deixa em paz.


Hana:Está me dizendo, que se eu deixar você sugar meu sangue você vai para sala de aula?


 Shu: Sim..


 Hana: Então muito bem... eu deixo você sugar meu sangue, mas apenas com uma condição. Que você vá para a aula todos os dias.


 Shu :Hummmm...não... isso é problemático.


Hana:Então  eu virei vim aqui , todos os dias para fazer o maior barulho ...até você ir para sala.


Shu:Não brinque comigo... lembre-se que  eu sou um Vampiro e posso te matar a qualquer hora.


Hana: Se você não se lembra...eu estava tentando tirar minha vida ontem mesmo…. então não ligo para a morte, pensando bem se eu morrer eu viro um fantasma e venho para puxar seu pé de noite.



Shu: Ok….eu vou pra sala…..Você é muito irritante ...estou me arrependendo de ter salvo sua vida.( diz ele irritado). 


 Hana: Sou mesmo…. não adianta chorar pelo leite derramado... vamos ...levanta daí….anda  logo já estamos atrasados.  


Shu: Chata(fala baixo).


Hana: Não pense que eu não escutei isso.


Shu….


Depois de muita discussão Shu enfim aceitou ir comigo para a sala de aula.


Andamos por um tempo mas chegamos.

Já  na porta da sala todos os alunos inclusive o professor  estavam espantados.

Outro que não acreditava no que estava vendo era Reiji-san.

 Eu apenas fiz um joinha e pisquei para ele.


Hana: Tá vendo eu consegui..( cochichei bem baixo só para ele ouvir).


Reiji não disse nada porém eu consegui ver um pequeno sorriso escapando daqueles lábios magníficos.

 Depois disso eu apenas me sentei em minha carteira.Mas por coincidência ou azar do destino o Shu sentava do meu lado.


A aula foi passando tranquilamente porém aquele miserável do Shu não estava dando a mínima para o que era explicado. Apenas abaixou a cabeça na mesa e  estava dormindo enquanto ouvia a sua música no seu MP3.


 Mas sabe eu não vou falar mais nada, já estou cansada ... Na próxima eu tenho que fazer ele prometer que vai prestar atenção na aula.


Professor:  Senhor Shu Sakamaki... já que está presente na sala preste atenção.


 Shu:Não quero….zzzzz


 Professor: Assim irá reprovar de ano... Por que não segue o exemplo do seu irmão Reiji Sakamaki.


 Shu:Zzzzzz


 Professor :Muito bem já que você está se achando... Me responda em que ano  morreu Napoleão?


Shu:Zzzzzzzzz…


Professor: Então você não sabe?... não é de se surpreender,... sinceramente você é o pior aluno da minha classe.


 Shu se levanta da sua carteira e olha para o professor.


Shu: Muito bem... Após a derrota na Batalha de Waterloo, em 1815, Napoleão foi exilado na pequena Ilha de Santa Helena, no Atlântico Sul, onde morreu seis anos depois.Entre os mistérios que ainda cercam sua pessoa está a causa de sua morte, particularmente a suspeita de que ele foi envenenado.


O professor de história ficou de queixo caído não sabia o que responder. Shu não apenas respondeu a pergunta  ele deu um Show explicando a causa de sua morte . 


Depois disso Shu simplesmente se sentou cruzou seus braços e esticou as pernas e olhou diretamente para o para o professor.


Shu: Da próxima vez.. faça uma pergunta mais difícil.


 Eu fiquei encarando ele  espantada.Para alguém que não vai a aula ele era  bem esperto.  

O professor continuou  sua aula e não ousou mais incomodar Shu. Bom Depois dessa eu acho que ninguém mais ousará né .


Hana: Até que você manda bem …( digo olhando para ele.


Shu :Quando se é um vampiro como eu matérias como essas são insignificantes… Mas isso não é tudo  eu estive bem perto de matar aquele idiota.( Shu fala cochichando com sorrisinho nos lábios).


  Depois disso eu não soube o que responder , realmente ser vampiros tem suas vantagens, os anos de experiência que eles ganham no decorrer do tempo ajudam no dia das provas. Queria eu ter essa habilidade.. Sou péssima no requisito" qualquer matéria".


As aulas  seguiram normalmente depois de tudo.





Notas Finais


Cometem se gostarem ...
Amanha e domigo e eu acho melhor eu tira um dia de folga...
Mas se tiver muitos cometarios de pessoas querendo eu posso pensar no caso ...

Bjs...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...