História Diabolok lovers Prisioneira de Sádicos - Capítulo 49


Escrita por:


Notas do Autor


Aqui mais um capítulo...
Boa leitura 😘

Capítulo 49 - Sua verdadeira face?...


Fanfic / Fanfiction Diabolok lovers Prisioneira de Sádicos - Capítulo 49 - Sua verdadeira face?...

Pov Hana…



Shu: Hana?..(ele fala surpreso ao me ver).



Eu fiquei parada por alguns segundos o olhando confusa, pois eu nunca tinha o visto com uma armadura e uma espada na mão. 

Muito menos coberto de sangue como se estivesse vindo de uma batalha.



Eu nem sabia o que falar direito, minhas  emoções estavam uma completa desordem dentro de  mim.

Mas quando voltei a mim, eu tomei coragem e falei.



Hana: Shu? ...o que significa tudo isso?...por que está coberto de sangue?



Shu:...........

(ele não disse nada, apenas abaixou a cabeça  como se estivesse envergonhado do que tinha feito).




Rei: Isso é  minha culpa…..Eu mandei o Shu cuidar de alguns revoltosos no norte do país.

E como podem ver, ele compriu perfeitamente seu papel.(ele fala se gabando dos feitos de Shu).



Hana: Ele matou humanos?...(digo com medo  de ouvir a resposta).



Rei: Não…dessa vez ele deve uma  batalha com alguns vampiros de baixo escalão.

Eles estavam querendo a minha coroa...

Vocês sabem...ser um Rei não é nada fácil...sempre tem alguém tentando te tirar do poder. 



Shu: Por que a Hana está aqui?(ele fala olhando para o seu pai irritado).



Rei: Eu a convidei para seu noivado, junto com seus irmãos...pensei que ia gosta de ter sua família em uma celebração tão importante.(ele fala de forma cínica).



Ayato: Shu...nos conte a verdade.

Esse desgraçado está de ameacando não é..(ele fala se aproximando do irmão).



Subaru: Pode nos contar...sabemos que você jamais se uniria com um idiota como nosso pai.(ele fala indo até o Shu).



Laito:Com certeza esse velho caduco está te manipulando...você jamais abandonaria a Onça-chan.



Rei: Hahahaha...Ameaçando?

Vocês são realmente engraçados...acham mesmo que o Shu está aqui por que eu estou o obrigando.

Deixe de ser tolos...o meu filho está ao lado do seu pai por livre espontânea vontade...não é  mesmo Shu?



Shu: Sim…

Eu estou ao lado de meu pai agora...é  não tem ameaça ou qualquer outra coisa por de trás disso.



Hana: É mentira não é...você está  mentindo.

Por que você faria algo assim?(digo o olhando já sentindo os olhos encherem de água).



Shu: Não é mentira...eu apenas me cansei de fingir ser algo que não sou.

Na verdade essa é minha verdadeira natureza.



Subaru :Mentira...você não é assim...você é nosso irmão o único de nós que era mais humano.



Ayato: Subaru tem razão...de todos você  sempre foi o mais sensato o que menos cometeu erros na vida.



Shu:Que irritates...

Na verdade vocês sempre foram tão barulhentos...até hoje eu não sei como aturei conviver com inúteis como vocês.



Reiji: E muita arrogância vindo de você.

Mas o que eu não consigo  entender é porque se juntou ao nosso pai ?...De todos você é o que mais o odiava.




Shu: Eu percebi que meu pai está certo.

Não adianta eu fingir ser uma boa pessoa...alguém que se importe com os humanos.

Porque no fim...são  sempre eles que nos trair.

Somos vampiros é de nossa natureza conquistar e destruir tudo que nos convém.



Kanato: Você está nos traindo?...é  o que o Teddy acha.



Shu: Hahaha...o Teddy tem razão eu traí vocês.

Não quero mas bancar o bom vampiro.

Agora sou o herdeiro de um império e estou tomando o meu lugar por direito.



Laito: Como ouça ficar do lado desse velho...ele só trouxe dor a nossa família.

Que tipo de irmão é você que fica do lado de um maldito com esse(ela fala revoltado).



Rei:Hahahah..Estão vendo...meu filho está comigo porque deseja.

Ele percebeu que o seu lugar é  ao meu lado, para que juntos possamos levantar um império ainda mais grandioso.



Hana: Então você desistiu do nosso amor? (Falo encarando os  olhos do Shu).



Shu: Nunca houve amor.. eu apenas queria brincar com você.

Você não passava de uma mera ferramenta para me entreter...mas que perdeu a graça quando descobriu quem eu realmente era.




Hana: Está me dizendo que tudo que vivemos juntos...todos os nossos momentos era tudo mentira?(eu falo com lágrimas escorrendo sobre minha face).



Shu: Admito que você foi de todos o melhor brinquedo que já tive.

Mas no fim não passa disso...um brinquedo quebrado jogando fora.



Eu não conseguia acreditar que o homem na minha frente, era o cara que mais amei em toda minha vida.

Ele estava completamente diferente, tinha um olhar frio e cruel toda vez que falava sobre a gente.

Eu já não conseguia me conter de tanto ódio e raiva ao saber que nosso amor na  verdade não passou de uma brincadeira para ele.

Meu coração estava sangrando a cada palavra cruel  que saia de sua boca. 

Era como se toda a minha vida fosse uma grande mentira. 



Hana: Eu te odeio...eu nunca mais quero estar  com você….seu cretino ….maldito...mentiroso ...(falo enquanto dava socos no seu peito sem para).



Shu não fazia nada, apenas ficava lá parado em quando eu o empurrava sem parar.

Mesmo eu chorando diante dos seus olhos ele não moveu um músculo sequer.

Apenas assistiu em silêncio todo meu  sofrimento.



Hana: Eu te odeio...odeio...eu odeio…(digo parando aos poucos de bater no seu peito e lentamente caindo no chão aos prantos, chorando aos seus pés).




Mas mesmo assim, ele não fez nada.

Continuou parado me vendo chorar.

Ele apenas me olhava com seus olhos azuis sem demonstrar nenhuma emoção.




Laito: Não chore mais Onça-chan...esse idiota não merece suas lagrimas.(ele fala me pegando do chão e me tirando de perto do Shu).



Eu estava destruída, não tinha mais nada dentro de mim.

Me sentia como um recipiente vazio que foi jogado no lixo.

Laito me abraçou forte me dando seu ombro para que eu pudesse  chorar em paz.



Ayato: Seu desgraçado.. como você tem coragem de fazer a Oppai chora.(ele fala dando um soco na cara do Shu).



Shu não reage apenas limpa o sangue que escorria de sua boca.



Subaru: Seu maldito...diga alguma coisa.

Você vai mesmo aceitar tudo isso...não vai reagir?.....Fale que estamos errados.(ele fala segurando Shu pela cola e o encarando furioso).



Shu:Hahaha...eu já disse toda a verdade...não há o que dizer.



Subaru: Maldito…(ele fala socando o Shu sem para).



Reiji: Chega Subaru...esse inútil não vale o seu esforço….Deixe ele e vamos embora daqui.

Não demos mas nada para tratar com esse miserável.



Shu: Hahaha...olha quem fala "o senhor certinho"....já que se acha melhor do que eu pode fica com a Hana para você.

Sei que você sempre quer o que é meu.

Fique com ela e cuide do seu bem estar...já que acha que pode fazer melhor.



Kanato: Eu é  o Teddy te odiamos seu mentiroso…(ele fala olhando para o Shu com muito ódio)




Shu: Sim...eu sou.

Agora saiam daqui e não voltem mais.

Se não querem presenciar a minha verdadeira face voltei o mais rápido possível para mansão. 




Rei: Hahahahaha...

Todo esse espetáculo diante dos meus olhos é muito revigorante.

Mas ainda quero que vocês fiquem para festa.

Não vou deixar vocês irem embora e fazer essa desfeita conosco.



Laito: E você ainda acha que vamos em alguma festa...depois de tudo isso seu desgraçado..

Você só pode estar louco.(ele fala enfrentado o pai).



Hana: Sim.. nós vamos...será uma honra fazer parte desse evento tão marcante.(eu digo limpando minhas lágrima e me recompondo).



Laito: Mas?.. Onça-chan?... você não precisar fazer isso.(ele fala me olhando com ternura)



Hana: Não!!….eu quero ver até onde tudo isso vai.

Não vou abaixar minha cabeça e me encolher em um canto para chorar... como fiz quando achei que o Shu estava desaparecido.

Eu faço questão de parabenizar a mulher que é dona do coração de Shu Sakamaki.(falo determinada).



Rei:Fascinante...você é uma mulher de muita fibra e coragem.

Nunca vi uma humana tão destemida como você... 

Será ótimo dela conosco na festa.Hahahaha.



Hana: Será um prazer...mas com sua licença eu vou me retirar.(falo saindo da sala do trono de cabeça erguida).



Reiji: Nós também iremos...já chega desse encontro família nada agradável.



Ayato: Você tem razão...pra mim já deu.(ele fala saindo também).



Todos os Sakamakis me seguiram para fora da sala.

Ninguém mais queria ficar  naquele ambiente, onde todos não passam de pessoas falsas que só pensam em poder .




Já no quarto de hospedes eu me desabei em lágrimas.

Meu peito ardia de dor e angústia, era como seu eu estivesse presa em uma prisão fria e escura, da qual talvez eu jamais saísse .

Os meus olhos haviam perdido todo seu brilho e algo dentro tinha se quebrado para sempre 




Eu chorei tanto que adormeci sem perceber. Tudo que me lembro era que prometi a mim mesma que eu iria naquela festa de noivado de cabeça erguida.

Pois não ia descansar até  ver com meus próprios olhos, a mulher que o Shu havia escolhido para ser sua esposa.



Naquele dia eu descobri que há duas razões para as pessoas mudarem.

Ou elas nunca foram o que pensamos ou nós mesmo nunca as conhecemos de verdade.








Notas Finais


Cometem se gostou😘🥰
Depois postarei mais..🤩


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...