História Diamond Crystal - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Kai, Lay, Suho
Tags Chanbaek, Kaisoo, Shortfic, Sulay
Visualizações 62
Palavras 603
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Uma shortfic com três couples, lindos...

Capítulo 1 - Desconfortável


Diamond Crystal ∆ Chapter One ∆ Desconfortável

Eu era quem todos consideravam o filho perfeito, que todos os pais queriam ter, diferente do meu irmão. Hoje o dia estava ensolarado mas eu não me importava em ficar no quarto estudando, as férias estavam acabando e eu sabia que tirar boas notas também era uma das coisas que meus pais gostavam.

Com 16 anos o meu sonho é poder estudar em Quebec no Canadá, estudava todos os dias para conseguir uma bolsa na universidade de lá.

Fui interrompida quando meu irmão, Byun Baekhyun veio me chamar que o nosso pai queria nos apresentar para o novo investidor da nossa empresa.

Desci as escadas acompanhando ele e encontrei meu pai e um homem, parecia mais novo que meu pai sentados no sofá e conversando animadamente.

-Kyungsoo e Baekhyun, venham cumprimentar Jongin -meu pai nos chamou assim que viu que estávamos descendo as escadas e fomos até eles.

-Sou Do Kyungsoo, prazer em conhece-lo -fiz uma reverência e sorri, me sentei ao lado de meu pai e vi meu irmão abraçar o novo investidor que ficou parado. Ri com a sua falta de senso e meu pai o repreendeu pela sua atitude.

-Seus filhos são muito bonitos -ele comentou.

-São mesmo -meu pai passou o braço pelos meus ombros e sorriu. Ele sempre falava com orgulho de nós, principalmente após a morte de nossa mãe a dois anos.

Eles voltaram a conversar sobre os novos projetos da empresa e eu fiquei já que meu pai gostava quando mostramos interesse pela empresa da família. Mesmo que Baekhyun, meu irmão mais velho, não tenha interesse em seguir com os negócios da família, meu pai acreditava que eu, fosse quem herdasse e cuidasse de tudo que ele criou.

Sentia que por várias vezes o homem direcionava o seu olhar para mim e sorria, em algum momento o celular do meu pai tocou e ele teve que sair para atender, fazendo com que eu ficasse sozinho com o homem na sala.

-Então, Kyungsoo estou certo? -perguntou sorrindo.

-Sim -concordei e percebi que em momento nenhum ele parava de sorrir.

-Seu pai me disse que se interessa pelos negócios da família, isso é muito bom -ele falou e eu concordei- espero que nós nos demos bem.

-Também espero -falei enquanto meu pai voltava para a sala.

-Bom, tenho que ir até a empresa estamos com um problema, Kyungsoo veja se o jantar está pronto e por favor, Jongin fique à vontade -concordei e me levantei para ver com Yixing, nosso "mordomo" se tudo já estava pronto.

-Senhor Kim, a janta já vai ser servida -o chamei e o acompanhei até a sala de jantar onde Baekhyun já estava sentado.

-Pode me chamar de Jongin, não precisa de tanta formalidade -ele falou me olhando e Baekhyun riu quando eu concordei desconfortável. Sempre mantive o respeito a todos os investidores ou sócios do meu pai.

-Certo crianças, agora irei servir o jantar -Yixing avisou brincando já que estava ouvindo tudo.

-Acho que o Yixing está feliz hoje -Baekhyun falou e riu com Yixing, que concordou.

-Quando o Yixing, não está feliz? -comentei e rimos de novo, Yixing saiu e nos deixando aproveitar a refeição. Jongin se manteve quieto e eu não me importei em falar mais com ele.

Baekhyun quem começou um assunto aleatório com ele e falaram tanto que eu pedi licença me retirando para o quarto, precisava terminar os meus estudos e dormir.

Deitei na cama após tomar banho e não consegui dormir, minha mente estava me levando a como Jongin me olhou quando estávamos na sala, ou seria por causa do seu sorriso?

Pare de pensar nisso Kyungsoo, Jongin só é mais um investidor que você provavelmente nunca mais verá.


Notas Finais


Espero que gostem ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...