História Diário de Sarah - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias 1 Litro de Lágrimas (Ichi rittoru no namida)
Personagens Personagens Originais
Visualizações 2
Palavras 538
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Literatura Feminina, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Notas finais...

Capítulo 17 - Suellen parte 7


Cheguemos em uma pequena pizzaria. Tudo simples, Marcus sentou já minha frente, seus olhos são tão lindo, consigo tranquilamente me perde nesse castanho que está claro, ele parece estar melhor do que mais tarde no shopping. Consigo admirá-lo perfeitamente, seu rosto está suave e seus cachos estão bagunçado nada muito exagerado, até porque ele parece perfeito... Só parece.

- Não tenho tempo, fala logo o que quer.- fui ríspida, mas com o coração quebrado em mil pedaços.

- Calma baixinha, só quero conversa. 

- Já estamos conversando. 

- ok, porque tão irritada comigo?- ele me perguntou com a cara mais confusa possível, se eu tivesse algo na mão jogaria na cara dele pra refresca sua memória. 

- Nada.- ele que adivinhe.

- Está brava por causa das coisas que falei? Era só uma brincadeira de nada.- a irritação me tomou. 

- De nada? Você disse que queria comer eu e minha melhor amiga!- eu disse alto, mas abaixei meu tom, não vou me rebaixar au nível dele. 

- Eu não sabia que iria te magoar.- ele disse olhando pra mim, com sua cara de sério, que o deixava muito atraente. 

Concentra! 

- Mas eu não gostei. Deus que sai daquele internato, a única pessoa que pensava era você. Minha querida vó morreu e mesmo assim te beijei, o que você fez? Não falou nada por uma semana! Quando ficamos, você o primeiro que me entreguei, você diz que não quer nada comigo. E mais uma semana me iguinora! E quando me preucura é só pra você poder transa com alguém. Então você foi importante pra mim... Mas já perdeu muitas chances. - desejei em cima dele de uma vez, e claro comecei a chora como uma idiota, me levantei calmante e saí do recinto eu sei que ele está atrás de mim, mas não aguento vê-lo agora.

- Espera, eu vim pra te explica deixa só eu falar. - parei e me virei mas fitei o chão ainda não quero vê-lo. 

- Quando éramos menores sempre te admirei por ser corajosa, quando voltou achei que era só por uns dias e só... Mas quando me beijou achei que estava sensível. Não queria abusar de você. E quando tive a primeira noite com você eu simplesmente amei saber que eu seria seu único. Mas nunca namorei poxa! Eu precisava pensar com calma no que fazer... Eu sou impulsivo sim. Mas eu tentei, e quando te levei numa festa pra mostra pros outros que eu não estava sozinho você se faz da ciumenta. E quando brinquei achei que não aí se chatear tanto.- consegui olha seus olhos ele parecia estar falando a verdade, mas correr o risco de tudo ser uma ilusão me deixa com um pé atrás.

- E o que você quer de mim? - falei calmamente, e a rua estava vazia até porque é noite! E meu tempo está se esgotando. 

- Quero que me dê uma chance. 

O que eu faço?

- Não posso responder agora. Amanhã te respondo. 

Virei novamente para ir embora, mas ele me puxou me trazendo pra perto dele e esbarrando em meus lábios, aquilo era extraordinária... Percebi como senti falta dele, de seu perfume de sua pele. Realmente o amo, mas nunca o direi pois não merece. 




Notas Finais


Eu sei que foi pouco, mas amanha tento mais.
Desculpa ter faltado, mas tenho prioridades.
Mas ainda tento, ainda é só o começo, tem muitas coisas por vir.
Beijo leitores queridos 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...