História Taylor Diaries (BTS) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Visualizações 170
Palavras 688
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem 🤗

Capítulo 7 - Você que é meu tio!?


Acordei com um salto.

-Eu: Ixi, acho que estou ficando paranóica - respirei fundo.

Olhei as horas, já estava na hora do almoço.

-Eu: Meu pai não me acordou? Eu acabei dormindo muito.

Como eu já estava de pé, fui tomar banho e fazer o ritual matinal. 

Coloquei após sair do banheiro um short azul médio e uma blusa branca com manga média. Por fim um tênis preto. 

Sentei na penteadeira e penteie meu cabelo, fazendo uma trança embutida.

Saí do quarto e fui para a cozinha.

-Eu: Pai porque não me acordou? - falei dando um abraço nele.

Ele estava na cozinha. Hoje ele ia mais tarde pro trabalho e chegar mais cedo, pois amanhã ele ia voltar pra o Brasil.

-Pai: Você estava dormindo profundamente, não queria lhe acordar - ele respirou fundo e perguntou - aconteceu alguma coisa ontem?

-Eu: Não, só estava estressada com a faculdade.

-Pai: hummm, pelo menos você não reclamou do lugar e nem da faculdade. Vou embora sabendo que irá ficar bem.

-Eu: Obrigado pai.

-Pai: Senta e vá almoçar. Fiz espaguete.

-Eu: Que bom! - falei feliz e me sentando.

Ele colocou o meu prato com a comida e as talheres. E um copo de suco. Começei a comer. Ele encheu o seu copo com o líquido vermelho e sentou do meu lado. Ficamos conversando até eu terminar de comer.

-Eu: Pai, vou sair agora.

-Pai: Ok, mas vai pra onde?

-Eu: Vou no mercado comprar umas coisinhas.

-Pai: Ok. Provavelmente quando você volta, eu estarei no trabalho, mas não voltarei tarde.

-Eu: Ok. Tchau - lhe abraçei e saí do apartamento. Pegando minha bolsa com o dinheiro.

*tinha um cabideiro perto da porta.


*

Chegando lá, fui comprar besteiras para comer, a maioria foi doces.

Aproveite que estava perto de uma loja de roupa e fui comprar roupas novas para levar amanhã pra casa que eu ia morar agora.

Depois fui para casa.

*

Passei o dia vendo séries, doramas e comendo besteiras. Até que...o meu celular começa a tocar.

-Eu: Quem será? - peguei eo olhei para ver quem estava ligando.

-Eu: É o Hoseok - respirei fundo - acho que não vou atender.

Iguinorei a ligação e voltei ao que eu estava fazendo. Ele tentou e tentou, mas não vatendi.

 "Não quero saber o que ele quer, provavelmente se tocou e quer me insultar pelo o que eu sou."

~~~Quebra de Tempo~~~

-Pai: Oi filha, cheguei - era ele, meu querido pai.

Me levantei do sofá e fui o abraçar.

-Eu: Hoje é o seu último dia comigo, vamos virar a noite jogando, assistindo TV e tal? - fiz uma cara fofa.

-Pai: Claro, mas amanhã cedo vou te levar para o tio da sua mãe - me disse - e antes de nós divertimos, tenho que tomar um banho, ok?

-Eu: Eu sei pai - fiz uma cara triste por ter ir para casa de um tio que com certeza era velho é chato - vai logo tomar o seu banho.

Ele sorriu e foi para o seu quarto e eu voltei para o sofá.

Não demorou muito e ele voltou. Aí começou a diversão entre pai e filha.

~~~Quebra de Tempo~~~

Tive que acordar cedo, ontem eu e meu pai ficamos até tarde fazendo "bagunça".

Me levantei, fui tomar banho e outras coisas. Coloquei uma blusa branca, sem muito frufru, calça preta de cintura alta, jaqueta e bota de cano médio.

-Eu: Essa roupa realçou a cor do meu cabelo - disse olhando pro espelho - estou com cara de poucos amigos. Gostei.

Fiz uma maquiagem básica, acessórios.

Eu: Falta algo...- disse pensativa - droga, eu não arrumei as coisas para levar.

Começei a correr para arrumar as malas.

"Ainda bem que tenho poderes, assim vou mais rápido, se não eu estava lascada."

~~~Quebra de Tempo~~~

Estávamos chegando na casa desse tal tio. Ele é um semideus, provavelmente de Zeus pra ser meu "tio", e segundo meu pai ter quase a mesma idade que a minha.

-Pai: Chegamos - disse saindo do carro. O acompanhei.

Pegamos minhas coisas e fomos pra porta. Meu pai tocou a campainha. Não demorou muito e a porta foi aberta.

-Pai: Oi, obrigado por ficar com minha filha. Tenho que ir, tchau pra vocês.

Meu pai disse isso, entrou no táxi e partiu.

-Eu: Você é o meu tio!? - disse com cara de espanto e ele também estava surpreso.

~Continua...




Notas Finais


Desculpem qualquer erro.
Até o próximo capítulo 😄
Beijos 😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...