História Diário de uma garota nada popular (versão miraculous) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug), O Diário Secreto de um Adolescente
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, Chloé Bourgeois, Lila Rossi (Volpina), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mylène Haprèle, Nino, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain
Tags Adrienette, Aylino, Plakki
Visualizações 80
Palavras 334
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oooie hoje eu estou muito bem disposta e talvez eu disse talvez eu escreva umas duas histórias por dia , e é isso fiquem com a nossa historinha tenham uma ótima leitura 💖🐱🐞

Capítulo 5 - Eu definitivamente não sou assim ( parte 3)


Fanfic / Fanfiction Diário de uma garota nada popular (versão miraculous) - Capítulo 5 - Eu definitivamente não sou assim ( parte 3)

Histórias de uma vida nem um pouco fabulosa

Marinette on:

Seja com for, meus pais disseram que tinham achado estranho eu ainda estar acordada fazendo a lição de casa e queriam saber como andavam as coisas na escola. 

Foi muito bizarro, porque, bem na hora que ia responder, tive um ataque e começei a chorar.  Meus pais ficaram chocados e olharam para mim e depois  para outro. Finalmente, minha mãe me abraçou e disse : tadinho do meu bebê!, o que PIOROU tudo. 

Não me enturmar na escola já era bem ruim. Mas agora eu tinha de passar por uma humilhação a mais: ter 17 anos e ainda ser chamada de (meu bebê)! De repente o rosto do meu pai se iluminou . Ei!, Tenho uma idéia ! Nós sabemos que você está muito estressada ultimamente porque você trocou de escola , aposto que , se espalhassem post-its com frases animadoras pela casa, isso ia ajudá-la a se adaptar. O que você acha?

Eu disse: certo pai, o que eu acho é o SEGUINTE: que idéia IDIOTA! como se post-its com frases cafonas fossem resolver o problema de eu ser uma TREMENDA FRACASSADA na escola. Quer saber o que mais eu acho? Aquele artigo que dizia que venenos contra insetos matam as células do cérebro deve ser verdade!!! 

Mas isso tudo eu disse dentro da minha cabeça,então só eu mesma escutei. Meus pais ficaram me encarando, eu estava começando a ficar arrepiada. Finalmente, depois de séculos, minha mãe sorriu e disse : querida , lembre-se de que nós amamos você! E, quando precisar de nós, estaremos ali no fim do corredor. Eles voltaram para o quarto, e eu ouvi que cochichavam por um tempo, provavelmente estavam discutindo se eu deveria ser mandada para um hospício Naquele exato momento, ou se deveriam esperar até a manhã do dia seguinte. já era muito tarde, resolvi terminar a lição de casa do puck no intervalo antes da aula. Será que você tem que entregar a lição dentro de um manicômio?


Notas Finais


Eu agradeço os comentários e eu volto a repetir se gostaram da história dê um computador coração e que não gostou , paciência 😂❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...