1. Spirit Fanfics >
  2. Diary of pregnant >
  3. .Feelings touched on.

História Diary of pregnant - Capítulo 8


Escrita por: e _Venus_15_


Notas do Autor


Olaa pessoinhaas, tudu bom com vcs?? Malu aqui novamente ksksks( no próximo prometo que a lud brota aqui). Então, faz tempinho já que nós não aparecemos por aqui mais hj finalmente trouxemos o cap 8, acho que ta bem curto mais no próximo vai ser maior ta bomm?

Acho que e isso, bom leitura!❤

Capítulo 8 - .Feelings touched on.


Fanfic / Fanfiction Diary of pregnant - Capítulo 8 - .Feelings touched on.

Na manhã seguinte, Jimin tinha acordado cedo. Havia preparado o café da manhã e esperou seu irmão, para assim tomarem juntos. Estava bastante ansioso pelo passeio com os novos amigos a tarde.

 

Como Seokjin tinha lhe dito que passaria para lhe buscar na parte da tarde, não precisaria se preocupar em se arrumar naquele horário. 

 

ㅡ Jimin? ㅡ Ao olhar para trás, viu Chanyeol, com o cabelo um pouco bagunçado e com os olhos inchados de sono. ㅡ O que faz acordado a essa hora?

 

ㅡ Só preparando o café, hyung. Está com fome? ㅡ O maior assentiu. ㅡ Sente-se que vou lhe servir. ㅡ pegou um pequeno prato e colocou bacon com ovos ali, entregando o prato junto a um copo de suco de laranja para o alfa que apenas o olhou surpreso. ㅡ 'Bon appétit, monsieur.

 

ㅡ Assim você consegue entrar 'pra ser um participante do master chef! ㅡ Riu.

 

ㅡ Engraçadinho você né!? ㅡApós sentarem para tomar o café da manhã, ambos foram assistir algum programa na TV, até dar a hora de Jimin ir se aprontar para sair.

 

[...]

 

Horas passaram e ambos perderam a noção do tempo. Eram 13:30 e Jimin ainda nem banho havia tomado. Como SeokJin iria o buscar 14:00 em ponto, resolveu se apressar.

 

13:55 e estava se arrumando para sair, sem antes de se despedir de Chanyeol e lhe dar certeza que voltaria são e salvo em casa.

Ao sair do elevador deu de cara com ninguém mais ninguém menos que; Jungkook. Que ao ve-lo, apenas lhe deu um lindo sorriso de coelhinho, mas algo no lúpus o intrigava. 

 

ㅡ K-Kookie, seus olhos ainda estão vermelhos! ㅡ Apontou para as íris escarlates que brilhavam.

 

ㅡ Não se preocupe Mochi, deve ser meu cio que está perto, agora mesmo fui comprar inibidores na farmácia olha! ㅡ disse mostrando uma pequena sacola em mãos.

 

ㅡ Mas isso faz mal kookie. ㅡ Sussurrou e logo se arrependeu ㅡ ou não ㅡ. O lúpus apenas deu passos na direção do rosado e sussurrou minimamente.

 

ㅡ Mas eu não posso deixar que você me ajude mochi, não agora. ㅡ Jeon olhou para os lados, e viu que o porteiro estava distraído olhando algum jornal. Não perdeu tempo, encurralou Jimin sobre a parede, mas não muito forte, e segurou com firmeza a nuca e a cintura larga do ômega, e levou de encontro a boca de ambos, em um beijo gostoso e violento.

 

Quando a falta de ar se fez presente, o lúpus não tardou em avançar no pescoço banquinho do rosado, dando leves mordidas e selares, fazendo Jimin suspirar.

 

ㅡ Vocês não querem ir pra um quarto não gente?! ㅡ Uma voz soou um pouco alta, fazendo ambos se afastarem rapidamente e olharem na direção do indivíduo.

 

ㅡ Jin Hyung, o que faz por aqui? ㅡ Jungkook perguntou estranhando a presença do ômega mais velho ali, vendo Seokjin revirar os olhos.

 

ㅡ Levar o Jimin pro shopping para fazer as comprinhas de roupas do bennie, ue! ㅡ Disse ㅡ Esqueceu?

 

ㅡ Não, eu só... Deixa pra lá. ㅡ Coçou a nuca ㅡ Bom... preciso ir, até mais hyung. ㅡ Acenou com a cabeça ㅡ E até mais, minnie. ㅡ deu um selinho rápido e sorriu cafajeste, logo entrando no elevador e saindo do campo de vista dos dois ômegas. 

 

ㅡ O que aconteceu pra vocês dois estarem se pegando justo na portaria do prédio!? ㅡ Perguntou depois de um tempo em silêncio, caminhando em direção ao carro do ômega mais velho. 

 

ㅡ Eu... Eu não sei. ㅡ Abaixou o olhar envergonhado, atraindo a atenção do ômega mais velho para si. ㅡ O Jungkook 'tá meio estranho desde ontem a noite quando a gente voltou.

 

ㅡ "Estranho" como?

 

ㅡ A cor dos olhos dele mudaram, quando falava comigo era diferente. ㅡ pensou. ㅡ Você acha que isso pode ser algum sintoma de cio, Hyung? ㅡ O loiro ficou em silêncio por alguns minutos e logo respondeu.

 

ㅡ Os alfas não costumam a ter a coloração dos olhos mudada quando estão próximos ao cio, mas o JungKook talvez  por ser um lúpus, seja normal. ㅡ O olhou ㅡ Durante esse tempo, não fique muito perto do Jeon, Jimin. Os lúpus quando entram no cio são um pouco violentos e tomados pelo seu lobo, então tome cuidado. ㅡ O menor assentiu.

 

A viagem até o shopping foi repleta de risadas da parte de Jimin, já que SeokJin contava várias piadas sem graça e sem sentido algum, mais que tinham total graça para o menor.

 

Ao guardarem o carro no estacionamento do shopping, os dois foram em direção a porta principal. Encontrando lá Taehyung e Yoongi, que comprimentaram os dois, menos o esverdeado que apenas fez um acenar com a cabeça. Não ligando muito para presença de ambos.

 

ㅡ O que o yoongi tem? ㅡ SeokJin perguntou e ganhou um olhar de desinteresse da parte do ômega.

 

ㅡ Yoonie disse que não queria vir, mas aí eu conversei com ele e aceitou vir, e ainda esta mau humorado. ㅡ Yoongi apenas cruzou os braços e saiu andando para dentro do estabelecimento, largando os outros 3 para trás.

 

ㅡ É melhor irmos antes que o estressadinho fique com mais raiva ainda. ㅡ Disse Seokjin logo indo os três atrás de Yoongi.

 

 

Os 3 ômegas e o Beta foram em direção a uma pequena loja de roupinhas de bebês, o que fez os olhinhos de Jimin brilharem por ver cada coisinha mais fofa. Entraram e uma ômega de cabelos longos e negros os atenderam.

 

ㅡ Boa tarde, em que posso ajuda-los? ㅡ Perguntou sorrindo.

 

ㅡ Viemos apenas para comprar algumas roupinhas de bebê para meus amigos aqui! ㅡ Apontou para o rosado e o esverdeado.  

 

ㅡ Já sabem a classe e o sexo do bebê?

 

ㅡ Yoonnie por estar de 2 meses ainda não sabe nem o sexo e nem a classe, já do Jiminie é um menininho ômega. ㅡ Disse Taehyung passando a mão sobre a barriguinha de 4 meses do rosado. Yoongi fez um bico enciumado.

 

ㅡ Oh tudo bem. Como você. ㅡ Apontou para Yoongi ㅡ Ainda não sabe a classe e nem o sexo, podemos ir atrás de roupas claras e unissexis, tanto classe quanto gênero, já você. ㅡ Apontou para Jimin ㅡ podemos ir ver algumas roupinhas de meninos ômega.

 

ㅡ Tudo bem! ㅡ Sorriu e logo ele e Seokjin seguiram a ômega até uma parte da loja onde tinha várias roupinhas de meninos em tons delicados, já Yoongi e Taehyung foram junto com outra atendente para a parte unissexi.

 

Depois de algumas horas escolhendo varias roupinhas, sapatinhos e outros acessórios, resolveram pagar e irem comer algo, já que se passava das 15:00 horas e estavam todos com fome. 

 

Depois de comerem, resolveram apenas andar pelo shopping à toa. Os meninos conversavam animadamente, já Jimin estava meio inquieto. Deixando tanto Taehyung, SeokJin e até mesmo Yoongi, preocupados.

 

ㅡ Jiminie está se sentindo bem? Você está meio pálido. ㅡ Perguntou Taehyung.

 

ㅡ Só estou um pouco enjoado, só isso! ㅡ Sorriu forçado, não fazendo os outros acreditarem em si.

 

ㅡ Acho melhor irmos embora, talvez você esteja cansado. ㅡ Yoongi se pronúnciou, Deixando os outros de olhos arregalados com a preocupação de Yoongi com Jimin.

 

ㅡConcordo, vamos! ㅡ Após dito isso, os 4 foram direto para o estacionamento buscar o carro de Jin e Tae. Se despediram e deram melhoras a Jimin, indo embora.

 

Ao chegarem no apartamento de Jimin, Jin pegou as sacolas de compras, e o menor sorriu meio cansado. 

 

ㅡ Você quer que eu te leve lá pra cima, Jiminie? ㅡ O menor negou, e pegou as sacolas. 

 

ㅡ Eu consigo. Eu vou chegar em casa e dormir um pouco, te ligo quando ficar melhor, tá? ㅡ Abraçou Jin e o beijou na bochecha. ㅡ Obrigado pelas compras, eu tô muito feliz! 

 

ㅡ Tudo bem, meu anjinho, liga pra mim quanto tiver bem, e quando quiser mais compras é só me falar! ㅡ O beijou na bochecha. ㅡ Tchau Jiminie. Tchau Bennie, tô animado pra você nascer, em! ㅡ Sorriu, acariciando a barriguinha já bem aparente de Jimin. 

 

ㅡ Tchau Jinnie, obrigado! ㅡ Entrou no elevador, e acenou. As portas se fecharam, e Jimin se encostou na porta, se sentindo quente, e cansado. Mas nem tinha feito nada, porque estava daquele jeito? 

 

As portas se abriram em seu andar e saiu. Foi até a porta do apartamento e colocou as sacolas no chão. Parou quando estava abrindo a porta, ao sentir o cheiro viciante do Jeon. Olhou para a porta do apartamento dele, e o viu. Estava com uma cara cansada, e seus olhos estavam vermelhos. Jimin arregalou os olhos, assustado. E se ele fizesse algo consigo? 

 

ㅡ Jun-Jun-JungKook? ㅡ O Alfa o olhou, e sorriu pequeno. 

 

ㅡ Não fique nervoso, faz mal pro Benjamin. Eu não vou encostar em você, se acalme. ㅡ A voz dele estava rouca e um pouco mais grossa. 

 

ㅡ Vo-Você tá-tá be-bem? ㅡ Mesmo com medo, chegou perto dele e acariciou sua bochecha, que estava quente. O Alfa só sorriu pequeno. 

 

ㅡ Sim. Eu tomei os supressores, mas em compensação, eu fico cansado e com um pouco de febre. ㅡ Suspirou, passando as mãos no cabelo. 

 

ㅡ Eu... eu prometo que eu vou, vou te ajudar na próxima vez... ㅡ Jeon colocou Jimin na parede, o olhou fixamente. O menor corou, muito nervoso e medroso. 

 

ㅡ Não, não vai. Você tem medo de mim quando eu estou com meu lobo, ele está dormindo agora, mas quando ele acorda... Ah Jimin, você é um anjinho... ㅡ Beijou o menor na testa. 

 

ㅡ Não me trate como um bebê que não sabe cuidar do seu Alfa. Eu sei... que você pode ser agressivo. ㅡ O olhou. ㅡ Mas eu quero ajudar, JungKookie! ㅡ Colocou as mãos no rosto do maior, e juntou os lábios num selinho. 

 

ㅡ Jiminie, não vamos longe demais, porque se não meu lobo vai se soltar e eu não quero isso. ㅡ Apertou a bunda farta e empinadinha. 

 

ㅡ Tá bom, tá bom. ㅡ Arranhou a nuca dele, sentindo as mãos quente em sua cintura. Abriu levemente os olhos, que estavam com a Coloração num esverdeado. 

 

ㅡ Você deve estar cansado, hum? Bennie deve querer descansar um pouco, e você também. ㅡ Jimin o deu mais um beijo, sentindo as mãos apertarem mais ainda sua cinturinha frágil. 

 

ㅡ Tá... ㅡ Se encostou na parede, com um sorrisinho descarado. ㅡ Eu te vejo de novo? ㅡ Pegou as sacolas. 

 

ㅡ Com certeza, Jimin. ㅡ O beijou na testa, e Jimin abriu a porta. Sorriu uma última vez para ele, e fechou a porta. Se deitou no sofá, deixou as sacolas no tapete, e tocou em sua barriga, mordendo seu lábio inferior farto. 

 

Havia dito que iria com calma, e iria. Mas os lábios de Jeon eram viciantes, e ele tinha uma pegada tão boa. Era carinhoso e selvagem ao mesmo tempo, sabia o momento de cada movimento. 

 

 

Jeon foi para o terraço. Sentou ali, e ficou olhando para o céu, pensando sobre sua vida. Jimin apareceu, e tudo pareceu mudar. Tinha que ir com calma, pois o menor ainda tinha o coração machucado pelo ex, e tinha que ter certeza dos seus sentimentos. Mas que sentia atração por Jimin, não podia negar. Aquele garoto o fazia ter pensamentos impuros. JungKook achava o dócil perfeitinho, dos pés a cabeça, o jeitinho o conquistou rapidamente. 

 

Jeon resolveu descer e tomar o remédio para controlar seu lobo, seu cheiro ficava forte, e já sentia que ele iria acordar. Não queria isso de jeito algum. 

 

 


Notas Finais


Obrigada por lerem e espero que tenham gostado!!❤🍒


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...