História Dino one shot ( seventeen) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Boo Seungkwan, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Jeon Wonwoo, Junghan "Jeonghan", Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Seungcheol "S.Coups", Soonyoung "Hoshi", Wen Junhui "JUN", Xu Ming Hao "THE8"
Visualizações 497
Palavras 899
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


gente povo desculpa tinha prometido que iria postar ontem mas onde eu moro ta chovendo muito então a interne não pegava nem com reza braba mas ta ai espero que gostem e boa leitura

Capítulo 1 - Capitulo 1


Fanfic / Fanfiction Dino one shot ( seventeen) - Capítulo 1 - Capitulo 1

DINO POV´S ON

Meu nome e Lee Chan mas meus amigos me chamam de Dino, e agora mais uma vez estou eu nesse colégio que e um saco fingindo ser um garoto fofo, engraçado e principalmente inocente acho ate que eles pensam que eu sou virgem, mas se eles soubessem como eu realmente sou eles ficariam surpresos.

Bom vou contar um pouco da minha vida pra vocês, ela e um caos minha mãe vive viajando por causa do trabalho e também pra evitar a mim e ao meu pai, já o meu pai bebe todo dia e quando ela esta completamente bêbado ele desconta suas frustrações e raiva em mim, já que quando eu era mais novo eu sofri um acidente e acabamos descobrindo que ele não e meu pai de sangue e sim filho do seu irmão que morreu assim que eu nasci e cada vez mais me pareço com ele não vou dizer que apoio o que meu pai faz mas não o julgo por isso já que muitas vezes depois que ele me bate pego ele chorando em algum canto da casa, ai pra mim não sufocar dentro daquela casa eu  saio a noite pra beber e transar com alguma garota. E hoje resolvi sair um pouco antes dele chegar, os meninos já estavam me esperando na casa do Coups, tava descendo a rua da minha casa quando avisto a S/n carregando varias sacolas e corro ate ela

- me da aqui deixa que eu levo. Disse pegando as sacolas de sua mão

S/n- obrigada Dino. Ele me olhou de cima a baixo e rolou os olhos – você vai continuar fazendo isso ate quando Lee Chan

- S/n não começa, mas hoje eu marquei de sair com os garotos então não se preocupe não vou  causar confusão

S/n- ok não ta mas aqui quem falou bem se você vai com os meninos eu fico mas tranquila, bom obrigada. Ela pega as sacolas da minha mão e entra na sua casa que e ao lado da  minha volto a seguir meu caminho pra casa do Coups

QT

A boate estava cheia a musica alta as luzes pessoas bebendo e dançando, já estava acostumado com esse ambiente, deixei os meninos e fui ate o bar pegar uma bebida estava olhando a pista ate que uma garota muito bonita por sinal se sentou ao meu lado

???- primeira vez aqui . ela me pergunta me olhando com malicia

- não, mas eu gosto de diversificar pois um lugar só enjoa

 

Hyuna- prazer me chamo Hyuna e você.diz se aproximando ainda mais de mim

- bom meu nome não importa agora. A puxo pela nunca selando nossos lábios peço passagem e ela cede é em meio ao beijo sinto ela alisar meu membro e acabamos nos separando por falta de ar

Hyuna- que tal irmos pra um lugar um pouco mais reservado. Assenti com a cabeça e ela foi me guiando ate o fundo da boate, subimos um escada e entramos em uma sala ela trancou a porta e veio em minha direção – agora vamos terminar o  nosso assunto baby . ela sela nossos lábio enquanto tira minha blusa – WOW quem diria que você teria esse corpão todo. Voltamos ao beijo enquanto ela aranhava meu abdômen

- vamos logo ao que interessa. Retirei seu vestido a deixando só de calcinha e comecei a brincar com seus seios desci uma de minhas mãos e comecei a brincar com sua intimidade sem aviso penetrei dois dedos o que a fez da um gemido alto comecei devagar a torturando então comecei um vai e vem em um ritmo frenético que a fez gozar em meus dedos e dei pra ela que chupou tudo

Hyuna- agora e a minha vez. Ela se abaixou tirando minha calça junto com a cueca fazendo meu membro saltar ela começou a massagea-lo e o abocanho seguro seus cabelos ditando um ritmo e logo desfiz em sua boca e ela bebeu tudo, ela se levantou e pegou uma camisinha na gaveta e colocou em mim a sentei sobre a mesa e a penetrei, ela me aranhava mordia meu pescoço – m-mais ra-rapido . ela pedia seus gemidos eram tão altos que se não fosse a musica alta já teriam nos ouvido mudamos de posição ela ficou de quatro 10, 15 estocadas e nos desfizemos muito mi livrei da camisinha e comecei a vestir minha roupa – você já vai

- tenho gente me esperando lá em baixo. Dou um  selar rápido  e desço pra boate novamente ando em meio as pessoas ate encontrar um dos meninos

Jun- onde você tava

- resolvendo um assunto mais e os outros

Jun- acho que devem ta resolvendo o mesmo tipo de assunto. Começamos a rir

- e você hyung não pegou ninguém

Jun- eu não gosto de transar com uma garota que eu acabei de conhecer pra mim fazer isso eu tenho que ta ou muito afim ou muito bêbado

- então vamos beber por que você tem que pegar alguém hoje. Fomos pro bar rindo

Jun- então como foi com aquele assunto. E pro Jun ta me perguntando isso ele ta começando a ficar bêbado

- você sabe que e só desejo de momento e eu já gosto de alguém, mas eu sei que não vou tela

Jun- pera eu já to muito doido ou aquela garota entrando acompanhada ali e a S/n 


Notas Finais


vixi Hyuna e S/n no mesmo lugar isso vai da merda


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...