1. Spirit Fanfics >
  2. Director Of My Life (Taekook) >
  3. XVI. Slaps and Kisses

História Director Of My Life (Taekook) - Capítulo 16


Escrita por:


Notas do Autor


oiiee, volteei meninx, espero que gostem!

Atenção as notas finais!!!

Boa leitura <3

Capítulo 16 - XVI. Slaps and Kisses


Fanfic / Fanfiction Director Of My Life (Taekook) - Capítulo 16 - XVI. Slaps and Kisses


•••


— Você está um gostoso nessa roupa, TaeTae... — Sussurrou em seu ouvido. 

O menor largou o que tinha em mãos, se virando para encarar seu hyung. 

— Você não está muito diferente... — Segurou sua gravata. Formando um sorriso sacana no rosto. 

Era estranho para Jeon. Pois Taehyung não se expressava daquele jeito, mas admitia que havia gostado... E muito!

— Me alegro em saber que estou bonito. Me estressei bastante hoje. — Sorriu. 

— Entendo... —  Passou seus dedos finos pelo peitoral grande do moreno. A academia lhe trouxe grandes benefícios. 

— Tá com fome? Vou pedir algo... — Antes que o moreno pudesse dar um passo. Aqueles mesmos dedos finos, o segurou, a mão do loiro pousou firme em seus braços, o prendendo ali. — O que foi?

— Jeon... E-Eu não te esperei assim para você me enrolar!

— Huh? — Encarou o olhar do loiro. 

— Eu não quero esperar mais, Jungkook! Quero você dentro de mim...me fodendo. — Ok, aquilo era surpresa para ele. Seja lá o que deu nele, estava matando a sanidade do moreno. 

— Tae... Não fala assim, voce não sabe meu limite. 

— Eu quero saber. — Pediu, olhando para os lábios gordinhos e avermelhados do diretor. 

— Certeza? 

— Sim. — Enlaçou seus braços em torno deste, atacando seus lábios. Iniciando um beijo intenso e molhado. 

Sua cintura foi rodeada pelas mãos pesadas e cheia de veias do maior. Segurando firme sua região. 

— Por favor... Me foda fundo e gostoso! — Disse quando a maldita falta de ar se fez entre ambos. 

— Espero que você não se arrependa do que pediu. — Virou bruscamente o corpo do menor, colocando sob o balcão, trazendo sua cintura para frente, empinando na altura de seu quadril. 

O membro do maior estava duro o suficiente para se pensar nesses momentos, estava fora de si, e não iria parar até que enchesse a bunda dele de porra. 

Abaixou o short de tecido fino, expondo suas nadegas volumosa e redonda. Parecia a visão dos céus. Levou a boca até lá, dando uma mordida intensa em uma das bandas do menor. Que gemeu em protesto. Se levantou, levando as mãos até os cabelos loiro, puxando para trás. Seu pescoço se inclinou, sendo jogado sua cabeça para trás. A boca semi-aberta, saindo gemidos sonoros para Jeon. Que apenas o incentivava a continuar. 

— Vou foder tanto você agora, que você não faz idéia! — Lhe deu um tapa brusco nas bandas desse. Que choramingou.

— J-Junggukie... — Mordeu os lábios com dificuldade. Ainda tremendo.

Se afastou do corpo do loiro, indo até as gavetas da sala, arrancando uma camisinha. Colocou sob a extensão de seu membro já ereto. Precisava do lubrificante, para ficar fácil a entrada dele. Mas estava no quarto, se saísse dali, Taehyung não iria gostar. 

Levou os dedos até a boca, babando neles. Lubrificando a camisinha, colocou sua glande na entrada rosinha de Tae. Que gemeu sentindo o pau deste ameaçando a entrar. 

Assim que lhe estocou de uma fez só, um gemido quase mudo saiu dos lábios carnudos do loiro. Era gostoso e quente... 

Segurou firme a cintura o menor, ajudando em suas estocadas fortes e fundo. Não conseguia entender o por que, mas Taehyung gemia escandalosamente, — talvez seja a primeira vez — depositou outro tapa em sua bunda, vendo as pernas do menor tremer. Seus dedos marcavam bem a pele Lisa e bronzeada do loiro. Era uma bela visão.

Taehyung aproveitava as poucas vezes que Jeon gemia, era rouca e baixas, mas dava para ser ouvidas. Jungkook sentia a extensão quente engolir seu pau de uma maneira deliciosa, era apertado e sentia ser sugado. Continuando no mesmo ritmo, suas pernas estremeceram, mas voltou logo em seguida. Sentia seu espasmo crescer cada vez mais. 

Taehyung revirou os olhos quando o pau dele acertar diversas vezes sua próstata, uma gota de saliva saia de sua boca, enquanto uma de suor escorria em sua testa. Grudando seus cabelos loiro. 

— P-porra! T-tão ap...apertado a-ah!  — Estava numa velocidade absurda, que apenas se focou em ver aquelas costas charmosa do loiro, que transpiravam em suor. 

— J-Jungkook-ah! — Choramingou. 

O moreno levou uma de suas mãos até o membro do menor, que estava duro, a glande vermelha e inchada, explodindo de tesão. Começou a masturba-lo, conseguindo ter a visão prazerosa de ver seu menor revirar os olhos de tesão. Jorrou porra no chão, caindo ali mesmo, Jeon não se importava. No momento queria chegar ao seu alpice já que o importante era dar prazer ao menor. 

Estocou de uma vez só, sentindo seus músculos retrairem ao ser jogado porra dentro de Taehyung, preenchendo a camisinha. Mordeu os lábios, apenas ele estava com alguma peça de roupa, arrancou sua camisa social, secando o corpo suado do menor. Ele ainda arfava de tesão, tinha sido a melhor foda dele. 

Virou o menor a sua direção, levando as mãos até suas bochechas que via coradas e quentes. Acariando. 

— Você está bem? 

— S-Sim... —  Sorriu, aquele sorriso quadrado que encantou o moreno de primeira. 

— Vem cá... — Abraçou o loiro, o apertando entre os braços calorosos.

Taehyung queria tanto dizer o quanto ama Jungkook, e o quanto amava ainda mais naquele momento. Ele era do cara que fodia selvagem e cuidava depois de uma boa foda. Gostava dos braços dele. Mas o medo não o deixou. O medo de ser rejeitado, ou o medo de não saber como se expressar... Uma hora ou outra teria que dizer aquilo. 

— Vamos tomar um banho... — Girou o cabelo grudado em sua testa. — Ok? — O menor assentiu. — Eu peço uma pizza. 

Sorriu, segurando na mão deste. O levando para o banheiro. — Sentia borboletas toda vez que o moreno segurava sua mão, era...um sentimento bom. 

[...]

Tae havia tomado banho junto à Jeon. Agora, se viam sentados na cama, com lençóis espalhados por todo lado. Entre as pernas do moreno, a cabeça encostada no peitoral deste. Assistindo seu desenho favorito pelo seu celular junto a Jungkook. 

Foi interrompido sua atenção ao vídeo ao receber uma ligação. 

— Ah, Oi, Namjoon. — Tae pousou seus olhinhos carentes na face dele. 

Jeon, não tô te atrapalhando, né?

Está. 

Ah, qual é, perguntei por educação. Já decidiu?

— Decidiu o que? 


O loiro entrou em pânico. Havia esquecido de avisar Jeon. No mesmo instante pegou o celular da mão deste, criando coragem para encara-lo. Colocou no mudo. 

— Eu esqueci de te avisar! Jin perguntou se queria ir acampar junto dele e Namjoon.

— E você disse o que? 

— Nada. Que iria perguntar. Diga que sim! 

— Oi? 

— Ah, por favor... Eu sempre quis acampar, mas minha mama nunca deixava... Hein? — Colocou a mão sob as coxas definidas dele. Que acompanhou com um olhar.

Taehyung estava mais...atrevido com ele. Era impressionante. Mas estava amando. 

— Tae... — Antes que recusasse. O loiro apertou, vendo o moreno suspirar derrotado. — Ok!

Oi? Alguém está ai?! 

— Aqui! Tae respondeu animado. — A gente aceita! 

Opaaa. Já vou preparar tudo! 

Assim que desligou. O moreno o puxou, para ele, Tae apenas era um bebe, claro, fora dos climas mais...quentes...


— Seu pai era bonito. — Comentou, elogiando. Enquanto olhava para o retrato dele encima do criado-mudo de Jeon. — Ele era igual a você! — sorriu. Seu sogro era mesmo uma pessoa perfeita. 

— Sim... — Suspirou. 


NOTAS FINAIS!!!


Notas Finais


Pergunta

Vocês gostam de fanfic apocalipse zumbi????

Fiz uma com os shippes Taekook, Namjin e Yoonmin! O link https://www.spiritfanfiction.com/historia/ferrados--taekook-vkook-18762307

Meu perfil: @amadorakristenx


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...