História Discoveries - Capítulo 1


Escrita por: e Cabulesck

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Luka Couffaine, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nino, Plagg, Tikki
Tags Adrinette, Lukanette, Romance
Visualizações 26
Palavras 1.720
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Luta, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa Noite..
E assim nós começa a nossa parceria.
Eu gostaria de agradecer a Isa por ter me ajudado com essa ideia, porque a muito tempo queria postar uma fic com este gênero.
Espero que gostem porque fizemos com muito carinho..
Esta fic não é movida a comentários mas adoraríamos receber.
Qualquer erro ortográfico peço que avisem nós para corrigirmos o mais rápido possível..
Tenham uma boa Leitura..

Capítulo 1 - Confissão


Fanfic / Fanfiction Discoveries - Capítulo 1 - Confissão

Marinette Dupain-Cheng Pov’s

Por causa de um guarda-chuva perdi meu coração.

Tudo começou naquele dia, jamais esquecerei o que aconteceu. Não porque Paris sofreu a pior tempestade da história, mas por que um simples descuido conheci o garoto mais lindo que já vi. Era uma manhã chuvosa eu como sempre acordei atrasada e com a pressa esquece meu guarda-chuva.

As gotas que caíram sobre a minha pele estavam bastante gelada. Comecei a correr o mais rápido que conseguia no desespero eu me esbarrei com um rapaz de olhos verdes que tinha um sorriso angelical. Ele sem hesitar estendeu seu braço entregando o guarda-chuva, naquele momento que vi seus olhos algo surpreendente aconteceu não sei explicar, foi coisa de filmes.

Fiquei sem reação e a única coisa que fiz foi agradecer pela sua bondade.

Logo depois do ocorrido descobri que seu nome era Adrien Agreste.

Assim começou minha triste história, ela é triste, pois ao conhecê-lo melhor ficamos amigos, sim em seus olhos eu era só sua “amiga” sei que a vida não é um mar de rosas, mas honestamente não era isso que eu queria.

Confesso que no começo antes de conhecê-lo pensei que ele seria como Chloé Bourgeois mais um daqueles filhinhos de papai que só porque é rico se sente no direito de humilhar as pessoas. No entanto, estava equivocada. Adrien não era assim ele era legal um garoto que se importa com todos a sua volta e por mais que seu pai o proíbe-se de fazer algo, Adrien arrumava um jeito de fugir das proibições que seu pai dava.

Já faz dois anos que vivo essa trágica história, tem dois anos que estou apaixonada pelo meu amigo que nem imagina o que sinto realmente, o pior é esse cansaço que está me matando, guardar esse sentimento está ficando difícil. O medo da rejeição é maior que o peso que sinto.

Hoje acordei decidida.

Darei a cara á tapa serei corajosa, já chega de fingir que estou bem com essa coisa de ser só “amigos” tenho que lutar pelo o que quero. Minha mãe me disse uma vez que os garotos gostam de meninas com atitudes e confiantes, deve ser essa a explicação de todos os rapazes terem interesse na Ladybug. Por mais que sejamos a mesma pessoa, nesses dois anos sinto que tenho duas personalidades com se houvesse dois seres distintos dentro de mim.

Nessa manhã começa a tão temida volta às aulas. É cedo, está frio, e ainda por cima terei que me levantar da minha macia e gostosa cama e não estou muito afim.

Abro meu olho direito com dificuldades e vou em direção ao despertador que me fez levar um susto, como sempre atrasada é sempre assim. Em um pulo saio da cama e vou direto para meu guarda-roupa pegando a primeira roupa que vejo. Pego um tênis de corrida porque teremos educação física e ao sentar na cama tento calçar as meias com rapidez porem estava difícil de ser rápida talvez seja porque meu cérebro ainda não acordou.

Vou até o banheiro e com uma mão penteio o cabelo enquanto a outra põem a pasta de dente. Segundos depois lavo meu rosto enxugo na minha própria blusa, pego a minha bolsa saio correndo indo até à cozinha pegando alguns macarrones que minha mãe avia preparado ontem. Saio correndo abrindo a porta e quando estava prestes a sair eu me lembro da Tikki, volto ao meu quarto, às presas e quando chego, lá estava ela dormindo profundamente que me deu dó de acordá-la.

— Ei, Tikki! Vamos está na hora — Ela não responde.

Ao perceber o quão profundo ela estava dormindo minha única saída foi sacudi-la.

— Vamos, está na hora — Falo a sacudindo.

Gradualmente ela vai abrindo os olhos, sonolenta ela me olhou e começou a coçar seus olhos.

— Bom dia Marinette — Disse ela se bocejando.

— Bom dia, temos que ir, estamos atrasadas. — Informo preocupada

— Mais já? — Diz ela surpresa.

— Sim.

— Estou com um pouco de fome — Confessa Tikki, pondo a mão sobre sua barriga sendo fofa como sempre.

— Não se preocupe, já cuidei disso dentro da minha bolsa tem alguns Macarrones só não come tudo.

— Tudo bem.

— Nunca se sabe quando Hawk Moth vai akumatizar alguém. — Falo preocupada

— Tem razão — Concorda Tikki entrando na minha bolça.

 

[…]

 

Quando estava quase chegando ao colégio me encontro com Alya que não me vê, pois, estava concentrada conversando com seu namorado Nino, que formam um belo casal, ao reparar esse detalhe começo a imagina eu e Adrien, será que formaríamos um casal tão fofo e bonito assim como Alya e Nino. Ao me aproximar olho para eles que em seguida notam a minha presença.

— Bom dia — Digo dando um sorriso.

— Bom dia — Respondem juntos.

Rapidamente dou uma olhada a minha volta fazendo chamar a atenção do Nino.

— Procurando alguém? — Indaga Nino dando um sorriso sarcástico.

— Nem precisa falar quem é — Diz Alya dando uma piscada.

— Não sei o que vocês estão falando — Ajeito meu cabelo em forma de nervosismo.

— Ah, não mesmo? Sei que você sabe — Ironiza Nino

Olho para Nino só essa que me faltava até o ele no meu pé.

— Ah! — Olho para eles — É… talvez eu esteja procurando o Adrien.

Digo já me sentindo derrotada fazendo arrancar sorrisos dos dois.

— Ele não chegou — Responde Alya.

— Falando nisso ele está demorando demais isso está estranho — Fala Nino coçando o queixo.

— Então vamos entrar? — Pergunto me sentindo envergonhada pela situação.

— Sim… Você vem Nino? — Chama Alya.

— Não vou esperar o Adrien. — Responde ele olhando pela a direção que Adrien sempre vem.

— Bom, já que é assim agente está indo. — Confirmou Alya e logo nos despedimos de Nino indo para dentro do Colégio. Quando estávamos dentro do colégio vejo o grupinho da Chloé que sempre perturba uma pessoa inocente, quando será que ela cairá em si e irá perceber que por sua culpa as pessoas criam sentimentos negativos provocando uma akumatização.

Penso que ela só ira mudar quando algo de ruim acontecer...

Chegamos á sala e não estava tão vazia quanto pensei. Eu e Alya sentamos na segunda fileira uma do lado da outra como sempre fazíamos.

— Mari quando você vai tomar coragem para dizer ao Adrien sobre seus sentimentos?

Olho para Alya respirando fundo e respondo.

— Hum... Não sei.

— Qual é o seu problema? — Questiona Alya

— Meu problema? — Repito sem entender.

— Fala sério! — Diz ela — Se você não decidir logo acabará perdendo o Adrien. — Alerta ela

— Talvez meu medo de ser rejeitada seja maior que a minha coragem. — Confesso

— Não quero ser rude, mas enquanto você fica só no “si”, pode aparecer uma garota corajosa que conseguirá o coração dele e ai já será tarde de mais.

— Você acha que ele gosta de mim? — Pergunto indecisa

— Você só saberá se perguntar — Fala ela pegando seu caderno de matemática.

— Tenho medo, porém vou tomar coragem e vou dizer a ele sobre os meus sentimentos — Digo confiante fazendo ela se virar e dar um sorriso amigável.

— Estarei torcendo por você — Ela pisca para mim me fazendo rir.

Logo o Mrs. Bustier apareceu na sala colocando suas coisas em cima da sua mesa.

— Classe matérias sobre a mesa à aula de matemática já vai começar.

— E lá vamos nós... É pedir muito para que a aula passe rápido? — Ironizou Alya.

— Confesso que quero isso também. — Comentei fazendo Alya rir.

Ao virar para frente meu coração esqueceu como se batia, e do nada ele se lembra, só que desta vez ele bate rápido demais. Ele estava mais lindo do que nunca, seus olhos estão hipnotizantes como sempre, seu cabelo platinado incrivelmente lindo, como eu queria passar a mão naqueles fios macios, ele sorri e com isso fez declarar game over. Ao passar do nosso lado meus olhos acompanhavam seus movimentos que foi perdendo da minha vista.

— Para de Babar — Zombou Alya me deixando desconfortável.

Será que Adrien percebeu? Tomara que não.

 

[...]

 

O sinal encerrando a aula toca e como avia combinado com a Alya, ela arrumaria um jeito para as pessoas ir embora deixando só eu e Adrien a sós para poderemos conversar melhor. E assim foi às pessoas estava indo embora quando percebi só restávamos nós dois.

— Espere A-Adrien... — Gaguejei como de costume será que não vou aprender nunca.

— Fale Marinette — A sua voz é música para os meus ouvidos.

— Preciso te dizer uma coisa... — Falo quase perdendo as forças das pernas que estavam bambas.

— Diga qual é o problema? — Pergunta ele como semblante de preocupação

Olho para ele respirando fundo. Era agora ou nunca, tenho que ser corajosa e enfrentar os meus medos. Minhas mãos estão frias e tremulas meus batimentos cardíacos estão a mil por segundo.

— Uma vez eu li em uma revista científica que todos são tolos de pensar que o coração e quem manda nos sentimos. Sendo que na verdade é o cérebro. Eu concordo com eles, pois eu não tenho mais controle dos meus pensamentos. Penso em você a cada segundo. Penso se vou te encontrar por ai depois do colégio e também no que você está fazendo, meus pensamentos escolheram você para sonhar, porque eu sonho com você? — Digo dando um sorriso fraco. — Ele escolheu você para pensar porque eu imagino você junto a mim. E mesmo sem querer lá estou eu pensando em você. Por esses dois anos tive medo de admitir que Te Amo não sei qual o motivo desses medos mais eu tenho. Medo de que você vai embora e que tudo que eu sonhei nunca acontecerá. Mas a minha coragem hoje falou mais alto. Você entrou em minha vida entregando um guarda chuva e eu sem perceber entreguei meu coração, você Adrien é o sol que apareceu para iluminar a minha vida, você é meu sol que não quero ficar sem pois já me acostumei com seu brilho, em te admirar de longe. Por isso hoje eu pergunto que eu entreguei meu coração e agora você entregará o seu também? — Pergunto respirando fundo sentindo minha garganta seca. Eu não acredito que disse isso.

O silêncio toma conta da sala ao olhar para ele sua expressão era de espanto ele abaixou seu olhar e segundos depois ele levanta o rosto. Ao olhar em seus olhos percebi que ele estava pensativo e logo ele da um sorriso. Espera ai ele sorriu? Será que ele também gosta de mim?

 

 

Continua..


Notas Finais


E ai o que acharam me digam..
Queria convidar vocês para estar dando uma olhada nas nossas historias:
Cabulesck; Antes de Partir
Sinopse:
Geralmente nas histórias clichês o popular faz uma aposta com seus amigos sendo a nerd o alvo perfeito, ou até medo as populares, porém na realidade não e assim.
Uma aposta pode ser a solução de um problema?
Esse era o caso de Giulia Greco precisando de dinheiro vê a oportunidade ideal para a solução dos seus problemas, sem saber o que fazer ela descobre uma, gangue chamada Blackbur que dava dinheiro em troca de desafios e apostas.
Mia Berdinazzi é uma garota sem memórias que sofreu um aneurisma cerebral. Danificado seu hipocampo, local onde fica as memórias, três anos depois esse ocorrido. Mia descobriu que seu aneurisma voltou, só que desta vez está com seus dias contados.
Querendo que seus últimos dias sejam úteis.
Mia resolver ajudar sua amiga.
Será que Mia conseguirá ajudar Giulia? Será que Giulia cinsegiurá vencer a aposta antes da Mia partir?
Link: https://www.spiritfanfiction.com/historia/antes-de-partir-15159099

EmilyLotte; For Love
Sinopse:
“E as coisas foram acontecendo das formas mais inusitadas possíveis”.
Emily sempre sonhou em ser uma grande modelo e faria tudo para ter seu sonho realizado, mas a vida é uma caixinha de surpresas, vários encontros e desencontros testarão toda sua força e colocará sua essência a prova. Ser noiva de Zayn não era sinônimo de felicidade, conhecer Justin não foi sinônimo de acerto... Talvez o problema fosse confiar demais em quem não merecia? Ou será que os acontecimentos foram pré-destinados para uma verdadeira felicidade?
Sonhos, ilusões, erros, sofrimentos, desencontros e o verdadeiro amor?
Emily descobrirá que nem sempre o que queremos é o melhor, o verdadeiro amor existe e aparecerá na hora certa.
Link: https://www.spiritfanfiction.com/historia/for-love-1305524

Bom gostaria de agradecer a Cold_ por ter feito a nossa sinopse. Ela também faz fics maravilhosas e gostaria de estar indicando umas delas para vocês se chama Last Kings;
Sinopse:
"Se você encontrar um faraó de metal em seu caminho, é melhor tomar cuidado, isso é um sinal que eles estão por perto"
Los Angeles tem donos! Todos sabem disso!
Frios, calculistas e impiedosos, assim eram conhecidos os integrantes da maior gangue de Los Angeles, a Last Kings, que era controlada pelos primos Chris e Tyga, dois jovens ambiciosos que sempre conseguiam o que queriam.
Em uma certa noite, Tyga e sua esposa Kylie, dão de cara com uma mulher aparentemente em apuros e resolvem ajuda-la, mas este ato de bondade trará muitas consequências para seu primo Chris, raiva, proteção, desejo e amor? O rei da Last Kings estaria com um problema ou simplesmente com um joguinho novo?
Link: https://www.spiritfanfiction.com/historia/last-kings-16760165

Gostaria de indicar esta fic também de uma colega minha Kataka_07, quem puder estar dando uma olhada para dar uma força agradeceria.

Sinopse:
Ele estuda em uma escola pra garotos e acaba se apaixonando por um novato ( ͡° ͜ʖ ͡°)
Link: https://www.spiritfanfiction.com/historia/koko-no-hentai-wa-arimasen-17427709


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...